Ir para conteúdo
Mochileiros.com
Aletucs

Problemas na fronteira Corumbá/MS/BR com a Bolívia

Posts Recomendados

Aletucs    0

Segundo informações extraídas do relato do zibuia (casal-bolivia-peru-e-2-dias-no-chile-setembro-outubro-2013-t88178.html#p894166) os trâmites migratórios na fronteira da Bolívia seriam os seguintes:

 

"Tramites na fronteira - docs. exigidos:

- Visto de saída do Brasil.

- Passagem ida e volta (original e cópia). Como não tinha passagem de volta comprada, falei que voltaria de avião do Peru, assim ela não poderia me exigir a passagem visto que eu ia sair pela fronteira de San Matias.

- Cópia do roteiro de viagem.

- Caso eu estivesse visitando alguém, apresentar a carta de visita com todos os dados pessoais e endereço da pessoa que ia me receber em sua casa. Como fui a turismo não apresentei.

- Uma declaração onde continha os meus dados pessoais descrevendo os países pelo qual passaria conforme descrito no roteiro de viagem.

- Dólares (eles contam para ver se o valor é suficiente para a quantidade de dias que está no roteiro). Caso vá utilizar cartão tem que apresentar o cartão e uma cópia do mesmo.

- Reserva de hotel.

- Identidade ou passaporte.

- Certificado de vacinação de febre amarela não me cobraram, mas é bom levar, pois eles podem barrar caso e pessoa não tenha".

 

 

Quem tiver novas informações poste aqui pra gente.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
RicardoRM    0

Vou deixar aqui minha experiência.

Chegando por Sta Cruz de avião dia 29/09, não me pediram para confirmar nada, só perguntaram quanto tempo ficaria na Bolívia, quais cidades iria, se eu tinha dinheiro ou cartão.

 

Chegando na Bolívia por Kasani dia 17/10, me perguntaram porque estava voltando para Bolívia, se tinha dinheiro ou cartão ( mas não pediram para ver ), me falaram um monte que aquilo não era normal ( voltar a Bolívia ), perguntaram qual hotel que ficaria em La Paz, pediram para ver a passagem de volta ao Brasil ( no final não mostrei ). Respondi tudo com naturalidade e olhando nos olhos do agente da imigração.

Gostaria de acrescentar que quando saia da Bolívia para o Peru, tinha um rapaz a minha frente que era da Venezuela, ele ficou detido lá para algumas averiguações, não sei o porque, foi a única parte que ouvi. Eles o levaram para um canto da sala com a maior brutalidade. Então, toda cautela é pouca.

 

Creio que o problema maior esteja em Puerto Quijarro.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Marcella:)    0
Segundo informações extraídas do relato do zibuia (casal-bolivia-peru-e-2-dias-no-chile-setembro-outubro-2013-t88178.html#p894166) os trâmites migratórios na fronteira da Bolívia seriam os seguintes:

 

"Tramites na fronteira - docs. exigidos:

- Visto de saída do Brasil.

- Passagem ida e volta (original e cópia). Como não tinha passagem de volta comprada, falei que voltaria de avião do Peru, assim ela não poderia me exigir a passagem visto que eu ia sair pela fronteira de San Matias.

- Cópia do roteiro de viagem.

- Caso eu estivesse visitando alguém, apresentar a carta de visita com todos os dados pessoais e endereço da pessoa que ia me receber em sua casa. Como fui a turismo não apresentei.

- Uma declaração onde continha os meus dados pessoais descrevendo os países pelo qual passaria conforme descrito no roteiro de viagem.

- Dólares (eles contam para ver se o valor é suficiente para a quantidade de dias que está no roteiro). Caso vá utilizar cartão tem que apresentar o cartão e uma cópia do mesmo.

- Reserva de hotel.

- Identidade ou passaporte.

- Certificado de vacinação de febre amarela não me cobraram, mas é bom levar, pois eles podem barrar caso e pessoa não tenha".

 

 

Quem tiver novas informações poste aqui pra gente.

 

Hola chicos!

Estou em Sta Cruz, passei ontem pela fronteira... e fiquei pensando "será que estou no lugar certo?" rs

Cheguei a Corumbá de bus, com o sol nascendo, e fui para a fronteira. Só tinha eu e uns bolivianos na fila (uns 3) e mais ninguém. Mega rápido. Fui pra entrada da Bolívia, mesma coisa. Só me pediram RG e o papelzinho de saída do Brasil, nada mais. Nada mesmo rs

Fui até a estacao (vazia) e comprei o ticket pro trem super pullman as 14h50. Fiquei moscando por Quijarro até a hora do trem sair (quase vazio).

Cheguei a Sta Cruz hoje as 8h, creio.

Ah, e um lembretezinho que pode cair bem: se preparem para o frio de Uyuni e tal, mas se preparem para o CALOR de Quijarro e Sta Cruz. To aqui cozinhando o dia todo...

Boa trip procêis!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Aletucs    0

Marcella, legal que vc não teve problema, mas será que não foi por ter pouca gente neste dia que eles aliviaram?

 

Se alguém mais passar pela fronteira, deixa aqui a informação para nós irmos acompanhando.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Gostaria de deixar meu relato em recente viagem a La Paz,optei pelo trajeto terrestre via Corumba Ms (trem da morte) de Quijarro a Santa Cruz,no que se diz a respeito de documentos na fronteira, primeiro tem que dar a saida do Brasil para depois dar entrada na imigração Boliviana, até ai tudo bem mas na migração Boliviana( sempre li a respeito em varios relatos no site bastava o RG e a carteira de vacinação internacional contra a febre amarela), mas não foi assim que me deparei, os agentes da migração boliviana me exigiram uma carta relatando qual seria meu roteiro de viagem,quantidade de dias em que permaneceria no pais e o mais absurdo as passagens tanto de ida como a de volta.

Como faria a viagem pelo trem da morte e ainda não havia comprado a passagem,os agentes da fronteira me orientaram a comprar as passagens(ida e volta) junto com a declaração e copias de rg e das passagens para assim me liberarem o visto.

A passagem de ida via trem tudo bem, teria mesmo que comprar pois fazia parte da minha rota, agora a de volta, como eles exigiam , eu não tinha nem idéia de que forma voltaria, mais precisava desta passagem de volta para apresentar na fronteira, para conseguir meu visto, indo até a estação de Quijarro, comprei minha passagem ( Bs 100 super Pulman) relatei ao bilheteiro que de uma passagem de volta, mais seria ficticia , pois não era a minha intenção , somente para apresentar na fronteira, mais ele queria me cobrar os mesmos Bs 100, não concordando me diri gi até a rodoviaria de Quijarro, aonde com a ajuda de um taxita consegui comprar uma passagem ficticia por Bs 30 ( mais depois de chorar ) pois queriam me cobrar Bs 90, juntei toda esta documentação, parei numa lan House tirei copias de tudo ( Rg, Roteiro de viagem, As passagens ida e volta ) me desloquei novamente a fronteira e assim consegui o tal sonhado visto. A carteira internacional contra a febre amarela, só foi passear no meu bolso, pois em nenhum momento me pediram tal documento.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Luana Porto    0

Oiii gente!! ::otemo:: Estou indo p Bolivia esse mês(DIA 18).. Vou levar RG, Certificado Internacional de Vacinação da Febre Amarela, Comprovante que ainda estou estudando no BR, extrato e dolares(vou mostrar dólares só em último caso mesmo!), roteiro, passagem de Campo Grande p SP(DIA 5) e cópia de td!

Na opnião de vcs, eu faço alguma reserva de hostel(correndo o risco de perde-la já que podem ocorrer imprevistos no roteiro) ou compro passagem de bus ou trem de SCLS para Puerto Quijarro(coorendo o mesmo risco)para evitar perder tempo na fronteira?? ::sos::

Se tiverem interesse, olhem o fb desse cara que passou pela fronteira hoje.. Ele teve de fazer uma reserva em hostel..

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá!

 

Tô com os mesmo receios da Luana, viajo no final de janeiro. Queria saber dias e horários de funcionamento da fronteira, pelas minhas contas, chego em Corumbá no final da tarde de uma terça feira.

 

Obrigada!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Estou indo para a Bolivia dia 04/01, tbm partindo de Corumbá.

Fiquei sabendo que realmente está tenso para entrar la. Um tio foi de carro e demorou 7 horas para conseguir.

Será que tem perigo de não conseguir entrar no país? Estou levando apenas o RG e a certidão internacional de vacinação.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Aletucs    0

Passei na fronteira hoje, 19/12/13 em puerto quijarro, nao me pediram nada. Entreguei o passaporte, bateram o carimbo e pronto. Levou 2 horas no Brasil na PF. O ônibus sai as 19:30 e custa 140 bol o buscama. Por hora é isso.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Agora fiquei meio tenso.

Tipo, eu pretendo ir em julho via Corumbá x P. Quijarro x Sta Cruz de La Sierra e voltando por Cusco-Rio Branco de ônibus... Como eu faço na imigração boliviana, será que eles aceitarão se eu explicar isso? Eu terei a passagem do bus Cusco-Rio Branco e a passagem da Tam R.B.-São Paulo caso eles quiserem conferir... Me sinto como se estivesse indo para a Europa :lol:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Aletucs    0

william, acredito que já acabou as exigências. passei na fronteira com corumbá em dezembro e em Copacabana e não tive problema nenhum. ao longo da viagem encontrei muitos brasileiros e ninguém teve problema na imigração. pode ficar tranquilo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ah bom saber disso!

Mas vou levar alguma coisa, vai que eles não vão muito com a minha cara rsrs

william, acredito que já acabou as exigências. passei na fronteira com corumbá em dezembro e em Copacabana e não tive problema nenhum. ao longo da viagem encontrei muitos brasileiros e ninguém teve problema na imigração. pode ficar tranquilo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal, aproveitando a conversa aqui de vcs que está tão recente... estou em busca de informações respeito da situação das estradas (ruta 4) de Corumbá até Sta. Cruz. Pretendo viajar com um carro 4x4 em Julho e não acho nenhuma informação de quem já tenha feito esse percuso de carro. Quem souber, pleaseeee me fale aqui!! mesmo que tenham ido de bus. Ah, e outra coisa, existe posto de gasolina nesse percurso e alguma cidade que da pra pernoitar???

Galera desde já agradeço!!! abrass

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fui e não fui para a Bolívia em 2012.

Peguei um pau de arara desde Bonito até Corumbá e cheguei hiper cansada. Me informei sobre os horários da fronteira e fui caçar um hotel para dormir. No dia seguinte, não consegui acordar tão cedo quanto deveria e cheguei tarde para fazer a imigração, tipo 11hs. Tinha uma mega fila, porque na época, não sei se ainda é, era uma mesma fila para entrar e para sair, e a quantidade de bolivianos que estavam na fila para entrar no Brasil era imensa… Calor insuportável, mochila pesada, só nós de brasucas, estávamos nos sentindo uns ETs.

Enchi o saco e resolvi que não ia mais. Pegamos nossas coisas e fomos para Punta Del Este rsrs

Férias mais porra loca da minha vida…

Mas não me arrependo. Imigração na Bolívia só dentro de Aeroporto, por terra nunca mais…

Sobre o horário de funcionamento, não sei exatamente, mas parece que eles fecham para o almoço, por isso o pessoal recomenda chegar cedo. Quanto a carro, na época o pessoal comentava que era encrenca entrar lá com placa do Brasil porque arranham os carros…

Das coisas boas que eu lembro foi a carne que comi em Corumbá.

Espero retornar a Bolívia em condições melhores.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
skywalker    0
Segundo informações extraídas do relato do zibuia (casal-bolivia-peru-e-2-dias-no-chile-setembro-outubro-2013-t88178.html#p894166) os trâmites migratórios na fronteira da Bolívia seriam os seguintes:

 

"Tramites na fronteira - docs. exigidos:

- Visto de saída do Brasil.

- Passagem ida e volta (original e cópia). Como não tinha passagem de volta comprada, falei que voltaria de avião do Peru, assim ela não poderia me exigir a passagem visto que eu ia sair pela fronteira de San Matias.

- Cópia do roteiro de viagem.

- Caso eu estivesse visitando alguém, apresentar a carta de visita com todos os dados pessoais e endereço da pessoa que ia me receber em sua casa. Como fui a turismo não apresentei.

- Uma declaração onde continha os meus dados pessoais descrevendo os países pelo qual passaria conforme descrito no roteiro de viagem.

- Dólares (eles contam para ver se o valor é suficiente para a quantidade de dias que está no roteiro). Caso vá utilizar cartão tem que apresentar o cartão e uma cópia do mesmo.

- Reserva de hotel.

- Identidade ou passaporte.

- Certificado de vacinação de febre amarela não me cobraram, mas é bom levar, pois eles podem barrar caso e pessoa não tenha".

 

 

Quem tiver novas informações poste aqui pra gente.

 

Hola chicos!

Estou em Sta Cruz, passei ontem pela fronteira... e fiquei pensando "será que estou no lugar certo?" rs

Cheguei a Corumbá de bus, com o sol nascendo, e fui para a fronteira. Só tinha eu e uns bolivianos na fila (uns 3) e mais ninguém. Mega rápido. Fui pra entrada da Bolívia, mesma coisa. Só me pediram RG e o papelzinho de saída do Brasil, nada mais. Nada mesmo rs

Fui até a estacao (vazia) e comprei o ticket pro trem super pullman as 14h50. Fiquei moscando por Quijarro até a hora do trem sair (quase vazio).

Cheguei a Sta Cruz hoje as 8h, creio.

Ah, e um lembretezinho que pode cair bem: se preparem para o frio de Uyuni e tal, mas se preparem para o CALOR de Quijarro e Sta Cruz. To aqui cozinhando o dia todo...

Boa trip procêis!

 

 

Olá Marcella!!!

Que "papelzinho de saída do Brasil" é esse? Onde se consegue?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


×