Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Peça ajuda, compartilhe informações, ajude outros viajantes e encontre companheiros de viagem!
    Faça parte da nossa comunidade! 

luizh91

CHILE em 10 dias bem aproveitados (Santiago, arredores e Deserto de Atacama) - ABRIL/2019

Posts Recomendados

18 horas atrás, Juliana Champi disse:

Obrigada! Eu vou de carro assim como o @Elder Walker (que de fato escreveu um relato inspirador) mas infelizmente não vou passar por Santiago. No entanto, sou muito fã de airbnb e pretendo em breve conhecer a capital do Chile, depois você pode informar o link da hospedagem escolhida por lá? :)

Juliana, segue o link. O apartamento é bem confortável, wi-fi bom, banheira, chuveiro beeem quente, toalhas.

https://www.airbnb.com.br/rooms/24732633?s=51

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, luizh91 disse:

Oi Mirna, já sabe quais passeios vai fazer? Se for em Santiago, recomendo muito a 321 Chile. Os preços são justos e o serviço é bom. Qualquer dúvida avisa.

Eu ainda não sei... Querendo fazer tudo que puder!! Rs estou indo sozinha, então estou buscando dicas para ficar fácil o período que vou ficar. Sigo uma empresa no Instagram que pelos comentários e pesquisas são bem falados lá. Já mandei uma msg para essa que vc indicou e vou avaliando os preços. Vou continuar acompanhando seus relatos para assim ter mais dicas tb! Agradeço! 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

21/04/2019 - VINÍCOLA UNDURRAGA

Dia de conhecer uma vinícola e também o dia que acredito ter sido o mais "relax" da viagem. Acordamos por volta das 08:30, tomamos café da manhã, preparamos nossos lanches e partimos em direção a vinícola. Desde o Brasil, eu já havia pesquisado sobre as vinícolas chilenas e fiquei em grande dúvida sobre qual delas visitar. A Concha Y Toro é muito comentada, mas vários relatos apontam para um tour extremamente comercial e voltado para o turismo, sem foco aprofundado nos vinhos. Não conheci, apenas o que ouvi falar. Cogitei também a Viña Santa Rita, bem elogiada pela qualidade dos seus vinhos e tour detalhada, porém ficava um pouco distante para chegar de transporte público. Então, acabamos optando pela Viña Undurraga por uma série de fatos: preço justo, relativa proximidade de Santiago e boas avaliações no Tripadvisor. E não nos arrependemos! 

Agendamos a tour Sibaris por 14.000 pesos por pessoa para o horário das 11:30 da manhã em espanhol, com duração de 1:30. Li muito sobre a dificuldade para se chegar às vinícolas, mas eu garanto gente: não tem erro para chegar a Undurraga, é muito fácil e rápido! Saímos do apartamento e pegamos o metrô até a Estação Central. Chegando lá, deve-se sair da estação, entrar no Shopping Arauco a esquerda e seguir as placas até o Terminal San Borja. No terminal, basta pegar o ônibus da linha "TALAGANTE AUTOPISTA" na plataforma 79 e perguntar ao motorista se ele passa em frente a Viña Undurraga. Depois, em cerca de 35 minutos chegamos à vinícola. 

Ao chegar na vinícola, demos nossos nomes e ficamos esperando a tour começar. Também há horários em inglês. 

20190421112804_IMG_0277.thumb.JPG.f02e89f8aed07b1b768de7f8edd6c965.JPG

20190421114143_IMG_0285.thumb.JPG.c3af951de655dd72547e76d92b3ac24b.JPG

20190421114525_IMG_0286.thumb.JPG.c81cbb26f0dc07682a58981f2aa4d049.JPG

Pontualmente às 11:30 teve inicio a nossa tour, com um guia ao qual não me recordo o nome agora, mas ele falava devagar para que o espanhol fosse compreendido por todos que estivessem no tour, já que havia brasileiros, argentinos, mexicanos e chilenos. O passeio começa pelo parque da vinícola em que é contado um pouco da história da mesma, como surgiu e sobre a quantidade de vinho produzida pelo Chile. Também nos é mostrado alguns exemplos da vegetação local. Depois, seguimos junto a plantação de uvas (enorme!) que já estavam secando devido a mudança de estação, porém ainda assim lindas. O guia explicou sobre a colheita e como funciona o controle contra pragas na região. 

20190421123621_IMG_0291.thumb.JPG.c012d8e8fd98e8d07eaeb27ffad7b150.JPG

20190421124114_IMG_0298.thumb.JPG.58f5eb8659dd979c4b731b004e625103.JPG

Seguindo, fomos efetivamente conhecer como funciona o processo de produção do vinho, com o guia apresentando os tonéis que armazenam os vinhos, como era a produção em tempos mais primitivos, onde ficam guardadas as uvas, enfim, uma explicação bem detalhada sobre o mundo dos vinhos. Ao fim, pudemos conhecer o Museu Mapuche que existe na vínicola, com itens pertencentes a esse povo que habitava a região. 

20190421130358_IMG_0315.thumb.JPG.83d35d0ae73879b018613c912e224302.JPG

20190421131207_IMG_0317.thumb.JPG.fbd8757492fb8a2b8913e533a622e2bc.JPG

20190421132536_IMG_0330.thumb.JPG.8600a230eb2c94aa815708c721a8b85e.JPG

E para finalizar a tour, pudemos degustar quatro vinhos de diferentes tipos produzidos pela Undurraga, todos de excelente qualidade. Também há alguns petiscos par acompanhar. Na vinícola há uma loja com venda de souvenirs e vinhos para quem desejar comprar. RECOMENDO a Viña Undurraga. Tour completo, vinhos bons, explicação clara, fácil acesso.

20190421133905_IMG_0333.thumb.JPG.16f788e4ee70a1405ac223920d46881a.JPG

Saímos da vinícola perto das 14hrs e voltamos para Santiago, onde descemos na estação Baquedano do metrô e paramos no restaurante AMAPOLA para almoçar. Comida boa, preço justo, bom atendimento. Fica na rua Pio Nono, próximo ao Pátio Bellavista. Aliás, falando do Pátio Bellavista, também há uma infinidade de restaurantes por lá, mas todos caros. Vale pesquisar nas ruas próximas. 

Voltamos para o apartamento perto das 18hrs já, passamos no mercado e ficamos nos preparando para o próximo dia, em que acordaríamos bem cedo para finalmente colocar os pés na CORDILHEIRA DOS ANDES e conhecer o CAJON DEL MAIPO/EMBALSE EL YESO, a cereja do bolo da região de Santiago.

 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
17 horas atrás, Mirna10 disse:

Eu ainda não sei... Querendo fazer tudo que puder!! Rs estou indo sozinha, então estou buscando dicas para ficar fácil o período que vou ficar. Sigo uma empresa no Instagram que pelos comentários e pesquisas são bem falados lá. Já mandei uma msg para essa que vc indicou e vou avaliando os preços. Vou continuar acompanhando seus relatos para assim ter mais dicas tb! Agradeço! 

Ok, se tiver alguma dúvida só falar. Continua lendo o relato que ainda tem muita coisa para contar :)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
16 horas atrás, vania austen disse:

mas o total dos passeios foi bem caro tambem com as agencias ,,parabéns bom relato

Oi Vânia! No Atacama paguei 90.000 pesos por todos os passeios. Em Santiago foi 32.000 pesos por pessoa para ir ao Cajon Del Maipo. Falarei dos valores mais a frente

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

22/04/2019 - CORDILHEIRA DOS ANDES - CAJON DEL MAIPO/EMBALSE EL YESO - Melhor passeio na região de Santiago 😍

Antes de começar a relatar o dia propriamente dito, gostaria de falar sobre a escolha da agência para fazer o passeio a Cordilheira. Ainda no Brasil, comecei a pesquisar sobre diversas agências que faziam o passeio e contata-las para saber sobre preços, o que ofereciam e afins. Falei com a Destino Chile, Sousas Tour (todas com preços bem acima do normal), e então li em vários blogs de viagem elogios para a 321 CHILE. Entrei em contato com a agência através de whatsapp, que me enviou os roteiros e fui muito bem atendido. Prontamente fechei. Vou comentando mais durante o relato deste dia.

Acordamos às 05:00 da manhã, pois no dia anterior a agência havia informado que passaria na hospedagem por volta das 06:20. Nos arrumamos, preparamos alguns lanches e ficamos na recepção esperando. Pontualmente às 06:20, a van da agência chegou. Bingo! Carro novo, confortável, com aquecedor (estava bem frio esse dia) e com grupo pequeno, o que melhora a interação. Passamos em mais alguns hotéis para pegar outros passageiros e logo após o guia Bastyan se apresentou, explicando como seria o passeio e que a primeira parada seria em cerca de uma hora e meia. Como eu já havia dito no início, geografia é uma área fascinante para mim e ter a oportunidade de conhecer as formações da Cordilheira dos Andes foi muito especial particularmente falando, um misto de felicidade e realização pessoal. Poder ver aquelas montanhas enormes, neve, glaciares estava sendo algo mágico. 

Assim que saímos de Santiago, já observamos a grandiosidade da Cordilheira, com seus vales imensos e rios cortando. Por volta das 08:30 ocorreu a primeira parada na cidade de San Jose del Maipo, para quem quisesse tomar café ou ir ao banheiro. Estava MUITO frio, arrisco dizer que a temperatura negativou. Tão frio que tive que ir ao banheiro colocar uma segunda calça por baixo do jeans. Ficamos por meia hora no local e começamos a subir em direção ao Embalse el Yeso. 

20190422132551_IMG_0469.thumb.JPG.f8a972ceb396e3347291bac972d1f3a9.JPG

A segunda parada foi no Túnel Tinoco, lugar que guarda a lenda de que ali um garoto se suicidou em 1998 após o fim de um relacionamento e desde então diversas pessoas param no local para deixar homenagens a ele. Há um pequeno altar, fotos, velas, enfim, um lugar meio sinistro. Batemos algumas fotos e seguimos para a terceira parada, que era um mirante geral do Cajon Del Maipo. 

20190422140655_IMG_0472.thumb.JPG.3252c09e816e84044e7efd35510534d3.JPG

20190422103733_IMG_0357.thumb.JPG.375c41ae7ae274cf5d3183f5f80375ba.JPG

Daqui era possível ver toda a formação da Cordilheira dos Andes, o rio cortando o vale, alguns glaciares ao alto, tudo muito maravilhoso! Fiquei sem palavras e até emocionado em estar ali. Ótimo ponto para tirar fotos. Seguimos subindo e por volta das 09:40 chegamos ao Embalse el Yeso, a grande represa artificial que abastece parte de Santiago. O lugar é lindo demais! Vale muito a pena conhecer e é sem dúvidas o melhor passeio em Santiago, RECOMENDO. Aqui já estamos a cerca de 2.600 metros de altitude, o vento é forte e a estrada é de rípio, então só vale conhecer por conta se o carro for preparado. No inverno fica cheio de neve. 

A van estacionou e o guia nos deixou livres por cerca de uma hora para explorar o local. Aproveitamos para tirar algumas fotos e ficar alguns minutos apenas contemplando o lugar. Sentados, apenas observando o som do vento nas montanhas. Existe coisa melhor?

20190422112232_IMG_0406.thumb.JPG.d6bc318dedb7b77b5a0d1b8415d74934.JPG

20190422125016_IMG_0467.thumb.JPG.5f1d1afd51121544e05e30877a220c56.JPG

20190422120511_IMG_0450.thumb.JPG.6e273c1c8dfc60b8497b02fbb7d9c95c.JPG

20190422124812_IMG_0462.thumb.JPG.aef573eff5889872132bcbdbed95ef93.JPG

Por volta das 11/11:30, o guia nos chamou para o picnic oferecido pela agência, com queijos, salames, biscoitos, vinhos e sucos. Uma delicia! Poder tomar uma taça de vinho com aquela vista é algo único e gratificante. A temperatura subiu um pouco quando o sol apareceu, mas mesmo assim o vento estava bem gelado, então vá bem agasalhado.

PS: Cuidado ao escolher sua agência neste passeio. A 321 Chile nos deixou exatamente no Embalse el Yeso, numa espécie de "praia". Mas tem algumas agências maiores (como a Turistik) que te deixa na estrada e tem que caminhar mais de 2km para chegar onde estavámos. Achei sacanagem!

Por volta das 13:00 iniciamos o nosso retorno a Santiago e a essa altura todo mundo na van já estava exausto e capotaram 🤣 Eu não consegui dormir e fiquei observando as montanhas durante o retorno. Por volta das 15:30/16:00 descemos da van direto no centro de Santiago e fomos ao Cerro Santa Lucía experimentar a granizada, que nada mais é do que a nossa raspadinha. Muito bom! O clima ficou mais agradável em Santiago e estava dando para ficar com uma camiseta. Assistimos a mais um belo pôr do sol, passamos ao mercado para comprar uma macarrão para fazer de janta e esperar pelo próximo dia, que seria de conhecer o Oceano Pacífico (o dia mais frustrante da viagem 🤨). 

 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

23/04/2019 - VALPARAÍSO E VIÑA DEL MAR (seria melhor ter adiantado minha ida ao Atacama... 🤣)

Chegou o dia que foi o "menos legal" da viagem. E vou explicar o porquê.

Antes da viagem e durante o meu planejamento de roteiro, Valparaíso e Viña del Mar sempre estiveram em meus planos mesmo sabendo que as duas cidades eram 8 ou 80, ame ou odeie. Pois bem, havíamos marcado de acordar cedo para chegar em Valparaíso até as 10 da manhã a tempo de pegar o Free Walking Tour que partia da praça principal da cidade e rodar os principais pontos turísticos. Acordamos às 06:30, saímos do apartamento às 07:00 e pegamos o metrô em direção a estação Universidade de Santiago, que é onde está localizado o "Terminal Alameda" e de lá partem os ônibus de 15 em 15 minutos para o litoral. Fomos ao guichê da TURBUS e compramos as passagens de ida por Valparaíso e volta por Viña del Mar por 12.000 pesos, com partida as 07:45. Até aí tudo certo. Fomos para a plataforma e ficamos esperando. 07:40. 07:45. 07:50. 07:55 e nada do ônibus chegar. Daí que de repente chega o ônibus das 08 e nada do nosso! Fui no guichê falar com a moça e ela disse que não sabia o que havia ocorrido, mas se quisesse poderia trocar para o horário das 08:15. Respirei, ok, troquei. Resumo da ópera: o bus chegou as 08:25, chegamos em Valparaíso depois das 10:00hrs e perdemos o Free Walking Tour 😂😂

20190423112653_IMG_0473.thumb.JPG.c6fae82d882a589e572167d9d2c14261.JPG

Desembarcamos em Valparaíso bem perdidos e fomos ao centro de informações para saber como chegar aos cerros mais famosos. Um moço muito simpático nos explicou com muita paciência que deveríamos pegar um ônibus circular até a praça Sotomayor e lá pegar um ascensor ou subir os cerros Alegre e Concepción a pé. Pois bem, saímos da rodoviária, pegamos um circular e em 10 minutos desembarcamos na praça. Valparaíso é bagunçada. Nada lembra a limpeza de Santiago. É confusa. Conhecem a região do porto em Santos, SP? Lembra um pouco em sua parte plana. Andamos, andamos, começamos e finalmente começamos a achar os famosos grafites nas casas, escadas 👏🙌 Realmente é tudo bem bonito, mas aqui em Valparaíso eu senti a falta de um guia que contasse a história por trás daqueles grafites ou até mesmo da cidade. Ficou tudo meio avulso para mim. Acho que criei tanta expectativa em pegar a Free Walking Tour e tudo deu errado, que acabei achando tudo aquilo apenas interessante, bonito e só. Enfim, tiramos algumas fotos clássicas, descemos o cerro e pegamos um circular para Viña del Mar na avenida da praia.

20190423113741_IMG_0493.thumb.JPG.bd886f542e68ce45ee15a1fa80d741c3.JPG

20190423115258_IMG_0502.thumb.JPG.c3aa9c8b667f43ac780fc93c0e67f0d8.JPG

O ônibus vai pela beira do Oceano Pacifico em todo seu trajeto e em 15 minutos chegamos a Viña del Mar. Descemos no famoso relógio de flores e ficamos por ali um tempo pensando para onde ir. Seguimos a avenida da praia e passamos em frente ao Castillo Wulff, de onde se tem um mirante geral do pacífico e várias aves nas pedras ao lado. Muito bonito. Seguimos adiante e logo chegamos ao centro de Viña del Mar. A cidade nada lembra Valparaíso, é mais moderna, bonita, bem estruturada e limpa. No centro, paramos em um lugar para comer e para finalizar o passeio que estava "razoável", fomos em um restaurante com a comida nada boa. Daí que ficou tudo ruim mesmo 🤣 Foram os 15.000 pesos mais doloridos que paguei em toda a viagem.

20190423124658_IMG_0517.thumb.JPG.d413161ab8997babdada9da6f2b5c99e.JPG

20190423130410_IMG_0521.thumb.JPG.98d20c62a621c80ecce1e17403d5cc53.JPG

20190423131251_IMG_0528.thumb.JPG.1c8d4ca48b2454859d309d6acdba3caa.JPG

Saímos do restaurante por volta das 14:30 e o ranço do lugar já estava crescendo, que resolvemos antecipar a volta para Santiago e pegamos o ônibus por volta das 15:00 (A passagem original era 16:30). 

Valparaíso e Viña del Mar não me conquistaram como achei que seria, não sei se pelas circunstâncias ou por não ter visto as coisas certas. Acho que se fosse em um tour organizado diretamente nos pontos certos, com um guia explicando um pouco da história, eu gostaria mais. Porém também acho legal explorar com as próprias pernas. Mas creio que isso seja muito pessoal e já vi muita gente aqui no fórum que gostou de lá, assim como gente que detestou. Particularmente falando, valeu por conhecer o Oceano Pacífico e suas águas gélidas.

Se eu já conhecesse os dois locais e fosse fazer o roteiro novamente hoje, certamente cortaria o litoral e incluiria mais um dia para o deserto.

Chegamos em Santiago por volta das 17:00 EXAUSTOS e fomos arrumar nossas malas para o próximo dia, em que finalmente chegaria a cereja do bolo na viagem: O Deserto de Atacama. 😍

 

  • Gostei! 1
  • kkkkkkk 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

24/04/2019 - CHEGADA NO DESERTO DE ATACAMA 😍

Finalmente! Um dos dias mais esperados de toda a viagem chegou (e querendo esquecer o dia anterior...)

Acordamos às 05:00 e pegamos nossas coisas para esperar o German, o motorista. Já haviamos combinado previamente e marcado de partir para o aeroporto de Santiago às 06:00. Ele chegou pontualmente no horário e nos levou diretamente para o setor de embarques domésticos, onde chegamos por volta das 06:40. Imprimimos os cartões de embarque e ficamos esperando o horário de embarque do voo iniciar.

Às 07:30 da manhã começou o embarque e esse voo fizemos com a LAN CHILE. Não despachei bagagem nessa viagem e minha mochila não foi barrada em nenhum dos voos. O avião partiu pontualmente às 08:15 e até Calama são aproximadamente duas horas de trajeto. Tudo foi tranquilo e pousamos em Calama por volta das 10:20. No Brasil, eu já havia entrado em contato com o TRANSFER PAMPA e reservado para que fizesse o percurso até San Pedro de Atacama. A funcionária do transfer estava nos aguardando com uma plaquinha com meu nome e nos dirigiu ao balcão da empresa para efetuar o pagamento, que foi de 20.000 pesos por pessoa. Após isso, nos levou até a van e seguimos mais uma hora de viagem até San Pedro de Atacama, havia mais umas 8 pessoas na van. Saindo do aeroporto de Calama já é possível notar uma diferença no clima, olhos secos, boca seca, paisagem totalmente desértica.

A van nos deixou no Hostal Mamatierra em San Pedro de Atacama por volta das 12:00. Entramos, fizemos o check-in, mas as chaves do quarto ainda não estavam liberadas para utilização (só às 14:00). O staff do hostal é muito bom, acomodou nossas malas na recepção e disse que o banheiro e a cozinha estavam livres para utilização, caso necessário. Aproveitamos o tempo que faltava para ir ao centrinho de San Pedro reservar os passeios e almoçar. Fomos em direção a rua Caracoles e visitamos algumas agências por ali, entre elas a Whipala Expedition e a 123 Andes. A Whipala me atraiu pelos preços, mas não tinha os passeios que queríamos nos dias que estávamos disponíveis porque não havia grupo fechado. Fomos até a 123 Andes e o Felipe, funcionário da agência, nos explicou que tinha os passeios disponíveis e que eles saiam independente da quantidade de pessoas. Sentimos confiança na agência + as boas recomendações que haviam e fechamos o pacote para 4 passeios por 90.000 pesos.

O Felipe ainda nos deu dicas para comer barato em San Pedro de Atacama. Atrás da feira de artesanato existe alguns quiosques chamado "LOS CARRITOS", que são vários restaurantes com comida boa e barata em San Pedro. Comemos um menu del dia por 3.500 pesos no "El Regalon" e RECOMENDO! Comida boa, farta, barata e local limpos. Voltamos ao hostal por volta das 15:00, finalmente pegamos as chaves e nos acomodamos 👏 Acabamos dormindo um pouco 🤣🤣

San Pedro é uma cidade encantadora, tranquila, voltada para o turismo, com gente de todo mundo e muitos cachorros nas suas ruas. Todos os cães são muito bem cuidados e tratados com muito carinho pelos moradores locais, além de dóceis. O vulcão Licancabur é visível de qualquer lugar da cidade, é tido como "guardião". Ele é muito lindo! Eu que amo vulcões estava em êxtase ao poder ver um tão de perto.

20190424153518_IMG_0537.thumb.JPG.d2f15622f5d155445892e853b95da0e3.JPG

20190424154757_IMG_0540.thumb.JPG.843379acc14c42d16e1cf5bdec23c632.JPG

Acordamos por volta das 18:00, tomamos um banho e fomos em direção a Caracoles novamente procurar algo para jantar. Paramos na Pizzaria El Charrua e RECOMENDO fortemente. Pizza excelente, massa fina, crocante, bem recheado e saboroso. Pagamos 9.500 pesos em uma pizza que eles chamam de "familiar" (achei o tamanho um pouco maior que a nossa). 

Cheios e satisfeitos, rodamos algumas lojas para comprar artesanatos e lembrancinhas (em San Pedro tem muitas) e tomamos um sorvete na Heladeria Babalu, recomendo também. Sabores locais e deliciosos. Experimentamos uma bola de algarrobo e uma de rica-rica, muito bom! Depois seguimos para o hostal e descansamos para o dia seguinte, que seria de Lagunas Antiplânicas, o melhor passeio do Atacama. 🙌

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

25/04/2019 - LAGUNAS ANTIPLÂNICAS, MIRADOR PIEDRAS ROJAS, LAGUNA TUYAJTO, SOCAIRE, SALAR DE ATACAMA, TOCONAO

Primeiro dia de passeios no Atacama e a euforia era enorme 😍 Acordamos às 05:30 da manhã  e começamos a nos arrumar para o passeio, mas já adianto desde já: vá muito bem agasalhado para este passeio. Alguns pontos passam dos 4.200 m de altitude, a temperatura é baixa e o vento forte é constante, com vezes que chega a te desequilibrar. Fomos até a cozinha do hostal para pegar nosso lanche (o Mamatierra pergunta no dia anterior se você vai sair antes das 07 para algum passeio. Caso positivo, eles preparam um kit lanche para você levar) e ficamos do lado de fora esperando a van da 123 Andes chegar. Por volta das 06:40 ela chegou e embarcamos em direção as Lagunas Antiplânicas.

O nosso guia nesse dia foi o Victor, excelente pessoa e muito conhecedor do Atacama. Explicou com detalhes vários tópicos importantes sobre história, clima, fauna, flora do deserto e parou em alguns lugares que pedimos para tirar fotos ou simplesmente contemplar a paisagem. A van passou em mais um hotel para pegar mais um casal e o passeio foi feito em um grupo de seis pessoas, todos brasileiros e muito gente boa. Todo mundo se entrosou muito rápido e foi fundamental para o passeio ser excelente. Seguindo, o Victor explicou que nossa primeira parada seria nas Lagunas Miscanti e Meniques, que ficam aos pés dos vulcões de mesmo nome. Cerca de uma hora e meia de estrada, chegamos a portaria do parque, onde pagamos 2.500 pesos por pessoa na entrada. Seguimos por cinco minutos na van e chegamos a uma parada onde há banheiros e já é possível visualizar as duas lagunas. MARAVILHOSAS. O guia disse que poderíamos usar os banheiros e logo após encontra-lo em um mirador a 100 metros dali, onde estaria sendo preparado o café da manhã. Uma senhora explicou que a água da descarga dos banheiros estava congelada devido a temperatura (marcava -2 no dia), então após usar o banheiro, deveríamos jogar a água que tinha em uma bacia para dar a "descarga" 🤣 Após o uso do banheiro, fomos todos para o mirador. Aqui é importante beber bastante água por causa da altitude, eu não senti nenhum mal-estar.

Digo sem medo: melhor café da manhã que já tomei. A paisagem era de tirar o fôlego e eu me sentia realizado por estar ao pé e tão próximo de um vulcão, em um lugar tão único e tão belo. Tomamos café da manhã (muito farto, diga-se de passagem, tinha um doce de leite MARAVILHOSO) em frente a Laguna Miscanti, com um vento cortante e gelado, mas felizes pela realização de um sonho. Depois do café, seguimos para a Laguna Miscanti, tão linda quanto a anterior. 

20190425094922_IMG_0595.thumb.JPG.39bc369eedd28a14b839ebf6e7fb5925.JPG

20190425102138_IMG_0631.thumb.JPG.99cb04503760e0434d2353fced62d331.JPG

Saindo das Lagunas, seguimos pela estrada e paramos em um mirador para avistar a beleza e imponência do vulcão Meniques, todo nevado. A próxima parada foi no Mirador Piedras Rojas (como todos sabem, está fechado para visitação pela população local pois estava sendo depredado) e na Laguna Tuyajto, que é o ponto mais distante de San Pedro de Atacama deste passeio. Ambos lugares maravilhosos e com características únicas. As montanhas ao redor parecem ter sido pintadas a mão. Perfeição define. Foi durante este percurso que vimos animais da fauna local, como vicuñas e emus (parentes do avestruz). É importante destacar que a natureza na região do Atacama é muito bem preservada e em todas os passeios há trilhas bem demarcadas e que devem ser respeitadas.

20190425112832_IMG_0670.thumb.JPG.e6d81573182bb30bac9e725b65827487.JPG

20190425114449_IMG_0705.thumb.JPG.a3cfc0179ca22237ed0f7dbb6304f6b5.JPG

20190425114212_IMG_0698.thumb.JPG.033ef79c72295b1f8aba9bda15480f39.JPG

20190425115719_IMG_0711.thumb.JPG.d6c260562247a991fec1ff2728b1f845.JPG

20190425121312_IMG_0718.thumb.JPG.2cbde05c081ec020dae3f035ae55e2c2.JPG

Por volta das 13:00, paramos no vilarejo de Socaire, um povoado muito antigo que ainda guarda a cultura de seu povo. As agências param por lá para mostrar a igreja local, muito antiga, e para m apresentar o artesanato feito pelas mulheres que moram no povoado. Peças muito lindas. Por aqui também foi onde almoçamos, em um restaurante local. Comida boa e já incluso no pacote do passeio. 

Devidamente almoçados e após mais uma parada para o banheiro, seguimos o passeio. Pedimos para o guia que parasse na estrada para tirarmos aquelas famosas fotos no meio do nada e também no trópico de capricórnio. Ele parou e ficamos cerca de 20 minutos em cada local livres para aproveitar. As montanhas nevadas e vulcões ao redor são completamente cenário de filme. 😍

20190425134437_IMG_0757.thumb.JPG.a042dc9dbf729e31fce5d89a6685a161.JPG

20190425134412_IMG_0756.thumb.JPG.f5f0f81819cbda894a59b7b89fa645a7.JPG

20190425144737_IMG_0764.thumb.JPG.5cf7b6202966eed4937bd29ab0a8d3ed.JPG

O sol não favoreceu muito as fotos abaixo 😑

20190425130138_IMG_0746.thumb.JPG.e65be4aebb759a0cdb29bf5b1076cca2.JPG

20190425150420_IMG_0769.thumb.JPG.0682ca7b6ced951500c0765b8ccc0cc0.JPG

Nossa penúltima parada, já por volta das 15:00 foi no Salar de Atacama, onde descemos e pagamos mais uma taxa de 2.000 pesos por pessoa. Aqui o sol já estava bem forte e foi necessário passar protetor solar, pois queimava e o vento já não era tão forte (praticamente tirei todos os agasalhos). Seguimos a trilha demarcada e o salar é algo totalmente incrível. Você olha para o horizonte e só vê branco! Só sal! Surreal! Pudemos observar também os flamingos na Laguna Chaxa (não é permitido fazer sons altos para não incomodar os flamingos), além de lagartos menores entre as pedras de sal. Natureza pura! 

20190425155646_IMG_0777.thumb.JPG.c32d7beea96984cb37a6f34739720895.JPG

20190425160138_IMG_0779.thumb.JPG.4af3a87ece2f61727ef09a2b740e02e3.JPG

20190425160720_IMG_0784.thumb.JPG.c795aa49c24b014c45161e23f54dbd6f.JPG

A nossa última parada foi no povoado de Toconao, muito sossegado e que possui também algumas lojas com artesanato local e roupas como luvas, meias. Comprei um chaveiro com o nome da cidade, como faço em todos os lugares que passo. Em Toconao também existe a torre de uma igreja secular, que foi a única coisa que sobrou dela com os terremotos que assolam a região.

20190425171746_IMG_0812.thumb.JPG.0ce4f03e8c5579d3af60b592343cb631.JPG

Por volta das 17:30 estávamos de volta a San Pedro de Atacama. Sentimento de realização e felicidade. Tomamos banho, descansamos um pouco e fomos para o centro procurar algum lugar para jantar. Foi aí que encontramos o lugar que viraria o nosso templo até o dia da partida: O restaurante "La Pica'da Del Indio", na rua Tocopilla. EXCELENTE. Preço justo, comida ótima, atendimento de primeira. O salmão deles é um dos melhores que já comi. Fica a dica: Se for a San Pedro, comam o salmão da Pica'da Del Indio. 

Depois, voltamos ao hostal e fomos dormir, pois o próximo dia seria o mais intenso da viagem: madrugar para ver os Gêiseres.

  • Gostei! 2
  • Vou acompanhar! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...