Ir para conteúdo

Cuba


robertachain

Posts Recomendados

  • Colaboradores

Olá, Mike.

Estamos para ajudar. Sou apaixonada por Cuba e depois de 3 longos anos vivendo nessa ilha encantadora quero colaborar com os viajantes.

Cartão/Dinheiro: Seu cartão Visa USD provavelmente não funcionará em Cuba, mas dá uma conferida, nas letrinhas pequenas na parte do verso do seu cartão, onde indica os países... Se aí estiver USA, esquece. Do contrário, poder provar. O do Banco do Brasil Visa vai funcionar tranquilo. O limite dos caixas eletrônicos, não sei te dizer com segurança, mas já saquei 500 CUC (em torno de 500 dolares) de uma só vez. É bom confirmar o limite da sua conta para saques diarios e mensais, porque isso sim pode te dar uma dor de cabeça e além disso, liberar seu cartão para Cuba, porque se te bloqueiam lá, vai ser um inferno conseguir ligar para desbloquear. Você pode sacar nos caixas eletronicos que existem aos montes em Havana e, na maioria das Cadecas é possivel sacar direto pelo cartão tambem. Lembro a você, que sempre deves levar uma grana contigo em caso de viagens a outras cidades mais pequenas, corre o risco de voce não encontrar caixas eletronicos ou cadecas abertas.

 

17 dias: 5 dias em Havana (cultura popular, arquitetura, beleza), 2 Viñales (paisagens naturais), 2 Cienfuegos (cultura popular, usina nuclear desativada), 2 Trinidad (cultura popular, mergulhos, musica, arquitetura), e os outros 6 dias dividiria com a região da Serra Maestra (Bayamo - cultura popular e região do Pico Turquino com paisagens naturais exuberantes, Baracoa - paisagens naturais incriveis e Santiago - cultura popular, arquitetura, musica).

 

Adoro Jorge Drexler e essa música em especifico me fascina. Aproveito e deixo a dica do www.revolico.com para você encontrar casas particulares mais baratas para ficar hospedado e ainda viver um pouco mais o contato com a realidade cubana.

 

Boa viagem e desbrave a ilha com tudo!!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros de Honra

Oi Etiene,

 

Legal! Ótimo saber que o cartão do Banco do Brasil funciona tranquilo por lá. Vou deixar o meu gerente do BB avisado... rs

Eu sei a dor de cabeça que é ligar de/para Cuba. Comprei o meu bilhete pelo site da Cubana e eles cobraram o meu cartão em duplicidade, imagina você o trabalho e o quanto eu gastei em créditos Skype ligando para lá para conseguir a restituição (que depois de muito tempo veio). rs

 

Vi que as Cadecas cobram 3% de taxa sobre o CUC para saques com cartão de débito, confere? Imagino que seja mais viável então sacar em caixas eletrônicos... ou não?

 

Obrigado também pelas dicas de roteiro. Vou dar uma olhada no Revolico... você acha que para Janeiro tenho que reservar tudo com antecedência ou posso reservar somente os primeiros dias em Havana deixando o restante flexível, fazendo reserva só um dia antes de chegar?

 

Abração de San Cristóbal de las Casas, México

Mike

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Boa noite, meu nome é Oscar e estou planejando uma viagem a Cuba em fevereiro de 2015. Já li todo o tópico e comecei a montar meu roteiro.

Gostaria de saber se alguem tem indicação sobre pacotes para Cayo Largo, partindo de Havana, as agências que realizam, se há indicação de alguma em específico, se há algum hotel para recomendar e se tem idéia aproximada dos valores atuais. Muito obrigado pela atenção!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Outra coisa, dentre as opções descritas para Viñales, estão Cayo Jutias, com descriçao de restaurante e transporte ida/volta no mesmo dia e maria la gorda. Pelo mapa, maria la gorda fica extamente no extremo oeste da ilha, dentro de um parque nacional. Gostaria de saber sobre o transporte até essa região, se existe a possibilidade de ir e voltar no mesmo dia, já que as opções de estadia são o hotel ou acampar na praia. Desde já, muito obrigado pela atenção.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

oi!

vou para cuba em janeiro, tenho 7 dias para fazer um roteiro legal antes de ir para san antonio de los baños. chego no dia 18 à tarde em havana e no dia 25 preciso estar lá de volta para seguir para san antonio.

como é pouco tempo, dei uma olhada nas dicas e pensei em fazer só havana, santa clara e mais alguma cidade (pensei em viñales ou cienfuegos). alguém sabe se dá pra viajar 3 cidades em tão pouco tempo? quando retornar de san antonio vou ter alguns dias ainda para conhecer havana, então na primeira semana havana não é totalmente minha prioridade. tenho mais interesse em conhecer as pessoas, a cultura, história do que fazer os roteiros de praias.

santa clara me disseram que dá pra fazer em 1 dia e viñales ou cienfuegos 1 ou 2 dias. mas também como se locomover entre as cidades leva algum tempo e não sei muito bem as distâncias.

qualquer sugestão e dicas de transporte é bem-vinda! :)

super obrigada!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...
  • Membros

Etiene, chego em Cuba na próxima daqui uma semana e meia e ainda nao tenho um lugar para ficar. Como vi que voce mora ai, talvez voce tenha alguma dica boa. Gostaria de ficar em uma casa, em boa localização em Havana, mas nao queria escolher alguma no site, queria uma por indicação, que as pessoas conhecem e que tiveram boa estadia. Queria ficar em casas de Cubanos. Voce teria alguma indicação??

 

Obrigada

 

 

Olá, Mike.

Estamos para ajudar. Sou apaixonada por Cuba e depois de 3 longos anos vivendo nessa ilha encantadora quero colaborar com os viajantes.

Cartão/Dinheiro: Seu cartão Visa USD provavelmente não funcionará em Cuba, mas dá uma conferida, nas letrinhas pequenas na parte do verso do seu cartão, onde indica os países... Se aí estiver USA, esquece. Do contrário, poder provar. O do Banco do Brasil Visa vai funcionar tranquilo. O limite dos caixas eletrônicos, não sei te dizer com segurança, mas já saquei 500 CUC (em torno de 500 dolares) de uma só vez. É bom confirmar o limite da sua conta para saques diarios e mensais, porque isso sim pode te dar uma dor de cabeça e além disso, liberar seu cartão para Cuba, porque se te bloqueiam lá, vai ser um inferno conseguir ligar para desbloquear. Você pode sacar nos caixas eletronicos que existem aos montes em Havana e, na maioria das Cadecas é possivel sacar direto pelo cartão tambem. Lembro a você, que sempre deves levar uma grana contigo em caso de viagens a outras cidades mais pequenas, corre o risco de voce não encontrar caixas eletronicos ou cadecas abertas.

 

17 dias: 5 dias em Havana (cultura popular, arquitetura, beleza), 2 Viñales (paisagens naturais), 2 Cienfuegos (cultura popular, usina nuclear desativada), 2 Trinidad (cultura popular, mergulhos, musica, arquitetura), e os outros 6 dias dividiria com a região da Serra Maestra (Bayamo - cultura popular e região do Pico Turquino com paisagens naturais exuberantes, Baracoa - paisagens naturais incriveis e Santiago - cultura popular, arquitetura, musica).

 

Adoro Jorge Drexler e essa música em especifico me fascina. Aproveito e deixo a dica do http://www.revolico.com para você encontrar casas particulares mais baratas para ficar hospedado e ainda viver um pouco mais o contato com a realidade cubana.

 

Boa viagem e desbrave a ilha com tudo!!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...
  • Membros

Acabei de retornar da melhor trip da minha vida, eu e minha namorada estivemos em Cuba entre os dias 11/12/2014 e 07/01/2015 (28 dias), as dicas disponíveis neste fórum tiveram muita importância para a minha viagem. Como não organizei um relato completo para disponibilizar aos colegas, vou elencar brevemente o meu roteiro e algumas dicas relevantes que tive que aprender na vida real.

 

Dia 11/12/14 - Chegada em Havana.

Dia 12/12/14 - Havana

Dia 13/12/14 - Trinidad

Dia 14/12/14 - Trinidad

Dia 15/12/14 - Trinidad

Dia 16/12/14 - Trinidad

Dia 17/12/14 - Camagüey

Dia 18/12/14 - Santiago de Cuba

Dia 19/12/14 - Santiago de Cuba

Dia 20/12/14 - Santiago de Cuba

Dia 21/12/14 - Santiago de Cuba

Dia 22/12/14 - Santa Clara

Dia 23/12/14 - Remédios

Dia 24/12/14 - Remédios

Dia 25/12/14 - Santa Clara

Dia 26/12/14 - Varadero

Dia 27/12/14 - Varadero

Dia 28/12/14 - Varadero

Dia 29/12/14 - Havana

Dia 30/12/14 - Havana

Dia 31/12/14 - Havana

Dia 01/01/15 - Havana

Dia 02/01/15 - Havana

Dia 03/01/15 - Havana

Dia 04/01/15 - Havana

Dia 05/01/15 - Havana

Dia 06/01/15 - Havana

Dia 07/01/15 - Retorno para o Brasil

 

De maneira bem resumida esse foi o nosso itinerário, priorizamos os pontos históricos da revolução e um pouco dos aspectos naturais da ilha.

Algumas dicas:

-Todos já sabem que Cuba possui duas moedas, mas elas são chamadas de maneira diferente pelo país. O peso conversível pode ser chamado de: CUC, peso, "moeda quente" ou comparada ao dólar. Já o peso cubano pode ser chamado de: moeda nacional, peso, "moeda fria". Para não cometer gafe ou ser passado para trás fique esperto...sempre pergunte se os preço são em CUC ou moeda nacional, esse linguajar todos os cubanos compreendem.

- Sempre, sempre, sempre negocie os preços, alguns cubanos reconhecem os brasileiros por sermos muito negociadores (rs). Com exceção dos instituições estatais, que não permitem negociação, os preço podem cair até 60% dos preços iniciais.

- Para quem gosta de beber rum puro e não tem muito dinheiro, não perca tempo experimentando todos os tipo de Havana Club, Santiago de Cuba, Mulata...compre o Legendário 7 anos (custa 6,50 CUC) nas lojas (Panamericana, Caracol, entre outras) de Havana.

- Para quem quer ter assunto com os cubanos, pesquise sobre as novelas Paraíso Tropical e Chocolate com Pimenta, são as novelas que estão passando para eles.

- Sempre compre sua passagem pela Viazul com 1 ou 2 dois dias de antecedência, pois eles não costumam colocar ônibus extras.

- Caso não tenha passagem para o destino pretendido e não deseja mudar o itinerário da viagem, encontrei mais pessoas que vão ao mesmo destino e comece a caçada por algum taxista que esteja disposto a fazer o frete e negocie muito. O único lugar que tal façanha se torna mais difícil é Varadero, pois poucos taxistas tem a licença para sair com turistas do balneário.

- Nunca aceite intermediadores para conseguir algum serviço (casa particular, taxi, restaurante...), pois os gatunos costumam cobrar valores altos dos prestadores do serviço dificultando a sua barganha.

- Os preço das casa variam de 30 a 15 CUC, com o preço também varia a qualidade da habitação e sua localização...sempre fique em casas com a ancora azul (arrendador de divisas) que solicite seu passaporte e a assinatura no livro de registro. Lembrando que existem muitas casas que arrendam em moeda nacional, mas não são permitidas para estrangeiros....além das casas clandestinas que possibilitam menores preços, mas sem maiores garantias.

- Em todas as cidades turísticas possuem lojas da Havanatur e/ou Cubatur e/ou Cubanacan e/ou EcoTour e/ou Islazul, e postos de informação (Infotur) que disponibilizam panfletos gratuitos com informações locais. Pegue a cartilha de passeios das empresas de turismo, se o preço estiver muito salgado para o seu orçamento sempre na saída dessas empresas tem um exército de taxistas que podem fazer o mesmo passeio por preços negociáveis...sempre coloco seu portunhol em prática....diga que é brasileiro e que não tem muito dinheiro...me ajudou muito isso.

- Façam um tour pelas lojas de copéllia que existem pelo país...nem sempre elas carregam esse nome, e mesmo que tiverem a mesma marca o sorvete é sempre diferente e os preços são sempre em Moeda Nacional, ou seja, não custam quase nada.

- Em todas as cidades existem opções de alimentação em Moeda Nacional, mas estes espaços nem sempre estão no perímetro turístico. Se desejar gastar pouco, pouco mesmo, com alimentação terá que gastar um pouco de sola de sapato...e fique esperto, pois as vezes os preços em Moeda Nacional são tão caros quanto se fossem em CUC.

- Em geral os estabelecimentos (restaurante, lojas e máquinas) fazem o câmbio de 1 CUC = 25 MN, mas as livrarias do estado fazem o câmbio em 1 CUC = 23 MN, mesmo assim os livros ficam bem baratos. Indico a livraria pequena no inicio na Calle Obispo (próximo do bar floridita) e a Alma Matter, próxima à Universidade de Havana (vale muita a pena conhecer).

- Por fim....tenha paciência...muita paciência, pois sempre encontrará uma fila onde você for....rs

Enquanto organizo as informações da viagem e sistematizo um relato...estou disponível para outras perguntas ([email protected])

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...
  • Membros

As dicas do Fábio Boscaglia estão ótimas! Era isso mesmo o que eu ia postar!

Fui em janeiro/2015.

 

Acrescentaria algumas coisas como:

 

- Passaportes já estão sendo carimbados!

 

- Cotação do Euro nas Cadecas = 1,13 a 1,17 CUC.

- Não faça câmbio em Varadero! A lotação de europeus e canadenses naquele lugar faz com que a moeda seja mais cara!

 

- HOSPEDAGEM: Uma boa dica para encontrar hospedagem nas cidades é pedir pro dono da casa indicar. Eles adoram ficar se telefonando e nessas inúmeras ligações sempre te indicam para um amigo. Se a indicação não agradar, não se preocupem, SEMPRE HAVERÁ HOSPEDAGEM. Existem milhares de casas com a âncora oficial, e nem precisa caminhar muito. Exceto Varadero, onde eu aconselho pedir indicação pro dono da casa que você se hospedar assim que botar o pé em Cuba. É um destino muito disputado e costuma lotar muito rápido.

 

- HOSPEDAGEM EM HAVANA: Fiquei na casa da Marbelis, um amor de pessoa. O marido dela é restaurador e está trabalhando na restauração dos móveis do Capitólio. Esse casal vai ficar no meu coração pra sempre como uma das lembranças mais especiais de Cuba. Quase chorei na hora de arrumar as coisas pra voltar pro Brasil e ainda aperta o coração de saudade <3. Carinho, atenção, simpatia, simplicidade. A casa não tem luxos, mas o quarto e banheiro eram limpos, os lençóis eram trocados e os donos muito prestativos e abertos para conversar. A casa fica super perto de tudo, no centro de Havana, duas ruas atrás do Capitólio. Quem quiser o contato manda um email [email protected]

 

- Se você "se perder" nas ruas das cidades, saindo do circuito turístico, encontrará ótimas opções de restaurantes em moeda nacional. Tivemos gratas surpresas em Santiago, Holguín e Havana.

 

- COMO PEGAR TAXIS NO AEROPORTO DE HAVANA- Eles se aproveitam do cansaço da viagem e da fila de imigração pra pegar turistas com preço mais alto e sem energia para negociar. Não paguem mais de 20 CUCs pra ir do aeroporto pra cidade. Não tenham medo de não ter taxi, SEMPRE VAI TER. Não levem a sério crachás de identificação. Nós fomos abordados por funcionários da Cubatur na porta do aero e já nos fincaram 30 CUCs. Demos a desculpa de que íamos comprar um mapa e na volta achamos um senhor que fazia a corrida por 20. NÃO ACEITEM O PREÇO INICIAL!

 

- COMO PEGAR TAXIS EM HAVANA - Quanto mais novo e lindo o carro, mais caro sai. Fujam dos taxis amarelos (cubatur). Os carros mais antigos são mais baratos e você pode dizer o seu destino e negociar uns 2 ou 3 CUCs a menos do preço inicial que o taxista der.

 

- COMO PEGAR TAXIS EM HAVANA - PARTE 2 : o segredo é aprender a pegar o que eles chamam de "máquina", que são taxis coletivos que cobram em moeda nacional (yey!). Esses táxis são identificados com um adesivo no vidro, ou papel escrito a mão, nunca com plaquinhas. Você estende a mão dizendo quantos passageiros pretendem ingressar ou cuida a mão do motorista pra fora da janela avisando quantos lugares têm. Você ataca o taxi e diz pra onde quer ir, se ele estiver indo pro mesmo lado negocia o preço que pode ser de 10 pesos nacionais a no máximo 1 CUC se for atravessar a cidade. Demora um pouco pra pegar o jeito, mas é uma opção ótima pra gastar menos e conversar com cubanos sobre os mais diversos assuntos.

 

- ÔNIBUS TURISTICO - Em Havana, vale muito a pena. Dá pra pegar na Plaza Central, custa 5 CUCs e você pode descer onde quiser e pegar ele de novo no mesmo dia sem pagar, bastando apresentar o ticket. Em Varadero, evite. O ônibus faz um tour pelos grandes resorts e é um marasmo sem fim ficar 1 hora olhando as fachadas dos hotéis.

 

- ÔNIBUS NORMAL: Em Havana tem um micro-ônibus lotação amarelo que custa 0,50 peso nacional. Dá pra pegar tranquilamente.

 

- HAVANA - não indico a cerimônia do cañonazo na Fortaleza de San Carlos de la Cabaña: 20 minutos de apresentação e um tirinho de canhão. Ao final, ficaram todos se olhando com cara de "era isso???". Sem contar que as salas não tem muito material histórico interessante, se resumem a armas e espadas usadas através dos séculos, história natural e outros itens que você provavelmente você ja viu em alguma excursão escolar. A comandância do Che no Castillo estava sendo restaurada.

 

- HAVANA -PLAYAS DEL ESTE: O ônibus turístico leva pra praia Santa Maria Del Mar, que é bem legal. Fomos no domingo e tinha muita gente. Valeu passar o dia lá tomando umas cervejas Bucanero, uns mojitos e uma água de coco com rum :). No final da tarde saímos de la pra conhecer os castillos que ficam fora da cidade (Fortaleza de San Carlos de la Cabaña e Castillo de los Tres Reyes Magos del Morro).

 

- HAVANA: conheçam o bairro Miramar e tomem um choque. Parece outro país, não tem nada a ver com a região central. Parece que rolam umas festas boas por lá também.

 

- HAVANA: bons lugares para comprar regalos e quinquilharias são as feirinhas que existem na volta dos castillos, nas ruas paralelas no centro e na Feria San Jose, uma feira enorme perto do porto onde se gasta uma tarde inteira caminhando. A dona da casa indicou também uma feria pequena mas muito boa, acho que na calle San Miguel, pouco visitada por turistas e onde os preços são bem bons.

 

- HAVANA: segunda -feira fecham os museus. Programe-se.

 

- Santiago de Cuba - não deixem de ir ao Museu 26 de Julio. Forte e impactante. Nos falaram também de um parque com reserva natural onde se tem uma visão de toda a região. Com um pouco de exagero, disseram que dava pra ver a Jamaica de lá rsrsrsrs

 

- Holguín - Playa Guardalavaca <3

 

- Trinidad ficou no meu coração para sempre. Cidade pequena, mas muuuito acolhedora. E um ponto muito bom pra quem curte vida noturna: é lá que fica a melhor Casa de La Musica de Cuba, e tem também a Disco Ayala, uma balada dentro de uma caverna !

 

- Vida noturna: As melhores festas que eu fui em Havana eram de salsa, uma em um hotel da Calle Obispo no centrão e outra que ficava beeeeem longe, no bairro Miramar. Povo educado, bem vestido e que te aborda de forma sutil. Normalmente onde toca reggaton as danças são mais sexuais, maior quantidade de jineteros e as abordagens mais agressivas, mas nada que possa ser violento, não se preocupem. Em Havana, a maior parte dessas baladas fica no Vedado. Não indico a Casa de La Musica de Havana, lotada de jineteros (as) e europeus querendo 'game'.

 

- Guardem os trocados e moedas menores para poder usar o banheiro. SEMPRE haverá uma senhora e um pires com moedas na porta do banheiro de absolutamente todos os estabelecimentos, restaurantes, fortalezas, baladas..... No início achei que era espontâneo e acabei passando vergonha com o escândalo que fizeram quando passava sem pagar. Também carregue lenço umedecido porque a quantidade de papel higiênico que te dão pra usar é ínfima.

 

- Quando alguém te abordar na rua querendo vender tabaco mais barato, não acredite. E se falar a palavra 'cooperativa', não vá atrás! Peça ajuda pro dono da casa, que ele te dá opções mais seguras e contatos quentes. Durante a nossa estadia, amigos da nossa anfitriã ligavam pra perguntar se os contatos dela não tinham tabaco pra vender porque seus hóspedes tinham caído no golpe da 'cooperativa' e comprado charutos com palha na parte interna. Pra quem não conhece o produto e não está acostumado, parece ser original. As caixas de tabaco de qualidade tem selos de garantia do governo.

 

- A MAIOR DICA DE TODAS: Pergunte, pergunte, pergunte. Caminhe, caminhe, caminhe. Você vai se irritar algumas vezes com a falta de organização de alguns lugares, mas no final vai sair completamente apaixonado por esse país. Acredite! Foi a viagem da minha vida, sem sombra de dúvidas!

 

Qualquer coisa, estou disponível para ajudar no email [email protected] e no facebook.com/myrian.pla

 

Saludos!

 

 

-

Editado por Visitante
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Olá!

Vou pra Cuba em abril. Ficarei 10 dias e estava pensando em fazer 7 dia em Havana e 3 em Trinidad, voltando pra Havana só para pegar o voo de volta para o brasil

Como funciona o transporte entre essas duas cidades? Será que encontro táxis ou ônibus que me levem de Trinidad diretamente pro aeroporto de Havana?

 

Obrigada!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Silnei changed the title to Cuba

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

×
×
  • Criar Novo...