Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

robertachain

Cuba

Posts Recomendados

Bom, acabei de voltar de Cuba e escreverei sobre algumas dicas.

CASAS PARTICULARES

1. HAVANA VIEJA: Casa La Ventilada, de Carmen e Ariel - Calle Amargura, 360 entre Aguacate e Villegas. Tel.: (+53) 7863-5566 ou 5334-8286. e-mail: [email protected] - http://www.laventilada.com/inicio.html - Preço do quarto: CUC 30,00. Serve café-da-manhã (CUC 4,00) e janta (pagos à parte - a janta foi a mais barata dentre as casas que conhecemos). Casa muito bonita e confortável. Quanto a casa não tenho muito o que dizer, mas passei por duas situações que fizeram eu não voltar a ficar na casa e a princípio com uma má impressão das pessoas. Meu próximo destino depois de Havana, era Viñales, conversei com a Carmen sobre isso e ela disse que tinha contato com um tgaxi que levava para lá por CUC 25,00, como eu já sabia do valor do ônibus (CUC 12,00, sendo que a Carmen disse que não acreditava que era esse valor), disse que tinha achado muito caro, afinal era o dobro e que gostaria de ir comprar a passagem na VIAZUL. Ela e o marido começaram a falar que era difícil, que teria que ir um dia antes de taxi, gastar CUC 10,00 ida e volta, além de gastar mais CUC5,00 no outro dia para ir, isso se eu encontrasse um taxi por CUC 5,00, pois a maioria estava cobrando CUC10,00. Bom, então questionei sobre a possibilidade de uma linha de ônibus, novamente eles começaram a dizer que era difícil, que eu teria que pegar dois ônibus etc... Enfim, olhei no lonely planet e tinha que pegar um ônibus ao lado do Capitólio, andar três quadras e pronto. Acordei cedo no outro dia, fiz isso dentro de 1:30, sem grandes dificuldades, sendo o preço do ônibus de 0,40 centavos de pesos cubanos (1 CUC = 25 pesos cubanos). OK. Outra coisa, logo que cheguei ela disse que se eu fosse querer o café-da-manhã, eu tinha que avisá-la. Nos três primeiros dias, avisei sobre o café-da-manhã, no outro dia como fui resolver a passagem, NÃO DISSE NADA SOBRE QUERER O CAFÉ-DA-MANHÃ. Quando terminei de resolver e voltei para casa, eles perguntaram se eu não ia tomar o café-da-manhã, eu disse que não. Ela ficou super nervosa, disse que eu tinha que avisá-la se não fosse tomar o café-da-manha (ela tinha me dito que era para eu avisar se fosse tomar), que ela perdeu dinheiro e o tempo dela, que ficou esperando a gente, etc... Enfim, achei duas situações chatas e me senti como um CUC ambulante, cujo único fim era ser explorado ao máximo e quando pedi uma informação, deixando claro que eu queria economizar, criaram complicações para tentar me convencer a ir no taxi que eles conheciam (e obviamente devem ganhar alguma propina). Eu sei que é o trabalho deles, que eles ganham dinheiro assim, mas a partir do momento que eu disse que não queria, ou eles diziam que não sabiam outra maneira de ir a Viñales, que não podiam me ajudar e pronto, não ficar criando empecilhos. Enfim, não gostei, não recomendo e não voltaria. Um taxi de Viñales a Havana sai por CUC 15,00 para pegar você na porta de casa e deixar na porta da outra casa.

2. VINÃLES: Villa El Pirry. Calle A #33. Tel: 01-52449903 e 01-52281750. A casa fica um pouco mais afastado da rua principal, mas de qualquer maneira é perto, porque em Viñales tudo é perto e o fato de ser afastado compensa, porque o fundo faz divisa com um sítio e tem uma vista super bonita da parte rural. Tem uma habitação para até 3 pessoas. Custo de CUC 15,00 a diária (igual a maioria das casas em Viñales), café-da-manhã por CUC 3,00 e jantar por CUC 6,00. Sem dúvidas a melhor casa que eu fiquei em toda a viagem. O casal é super simpático, ela é costureira e ele trabalha como vigia. EU AMEI ELES, TIRARAM TODA A IMPRESSÃO RUIM QUE EU TIVE EM HAVANA. Eles são super prestativos, explicam tudo sobre os passeios. Nos indicaram um passeio de cavalo que foi ótimo, com o vizinho deles (Fran), também super gente boa. O e-mail deles é da nora: [email protected] um dia eles nos levaram para dançar, sendo que eles dançam muito bem!!!!! Foi realmente ótimo conhece-los. RECOMENDO SUPER!!!

3. TRINIDAD: Uma amiga indicou a casa “Hostal Luisa Maria”. Calle Juan Manuel Marquez (Amargura) #134-A. CUC25,00. Café-da-manha deixou por CUC3,00. Bem localizada, quarto normal com duas camas de solteiro e banheiro. Ela mandou um Senhor nos buscar na rodoviária, trouxe nossas malas por CUC 2,00. Achei normal. Um dia solicitamos para ela fazer uma reserva em um restaurante que um casal Francês tinha nos indicado, mas ela veio com uma conversa de um tal restaurante “La Ceiba”, que era ótimo etc... É um restaurante mais caro que a maioria, cheio de pessoas trazendo os gringos para lá (propina deve ser boa), lugar normal e comida sem nada demais. Não faço uma recomendação segura para essa casa, mas é uma opção.

4. MORON: Ficamos na casa de um senhor que não nos deu um cartão. Se não me engano era Calle Patria, número 30. Foi a melhor casa, em matéria de acomodação. Trata-se de uma sobrado, sendo que em cima me uma outra casa com 2 quartos, tudo enorme, sacada no fundo, piscina pequena. CUC25,00. Nos ajudou com o taxi para Cayo Guillermo. Não conversamos muito com ele, mas fui com a cara dele. Parece super gente boa. RECOMENDO.

5. SANTA CLARA: Casa “Hostal Terraza Los Helechos”. Omar e Liuba. Cespedes 201. Tel: (42) 283366. 58332708. [email protected] Gostei da casa deles. A habitação fica no último andar, tem terraço, um negocio para colocar musica no celular. 2 camas de solteiro e banheiro dentro do quarto. A mulher é super simpática, sem forçar nada. Eles tem dois filhos pequenos super educados também.

6. REMÉDIOS: Casa “Paraiso Colonial”. Sra Magalys. Calle Independencia #53. Tel: 0142395482. [email protected] Casa grande, com dois apartamentos. Ela vive com a mãe e um filho. Gostei do pessoal, simpáticos, me ajudaram com telefonemas para Havana. CUC20,00. Gostei bastante de toda a família. Ela é enfermeira, mas abandonou a carreira de professora universitária e só de dedica a casa. Pela janta me cobrou CUC 8,00. Como não tinha muitas opções, eu comi lá mesmo, apesar de ser caro.

7. HAVANA VIEJA: No a Havana fiquei na casa da Sra Rauderina Rodriguez. Ela vive sozinha na casa e um Senhor mora no andar de cima. É um apartamento enorme com três quartos para alugar, super bem localizado na Calle Amistad 302, esquina com o Boulevard San Raphael, fica três quadras atrás do Hotel Inglaterra e do Gran teatro Havana. CUC25,00, mas ela cobra mais barato. Tel 78626181. A mulher que trabalha com ela é muito carinhosa e simpática. RECOMENDO

 

DICAS TRANSPORTE

TAXI EM HAVANA: Ariel. Cobra CUC 15,00 do aeroporto até centro de Havana. Maioria cobra 20 a 25. Tel 76830661. 52762681.

BICITAXI EM STA CLARA: Adalberto Escamilla. Tel (42) 293446. 58216900. [email protected] Ele cobra CUC2,00 pelo transporte da rodoviária até a casa onde esta hospedado. Além disso faz passeios pela cidade. Encontrei ele mostrando os pontos turísticos e explicando para um casal de Canadenses. Ele é super gente b ao, só trabalha com isso.

TAXI EM MORON (PARA IR A CAYO GUILLERMO): Combinamos com um taxista a ida por CUC40,00 e a volta até Ciego de Ávila (onde se pega o ônibus para Havana) por CUC 50,00. Ele nos levou, deu tudo certo. Na volta, descobriu que apenas taxistas com licença para operar dentro de Cayo Guillermo podem transportar turistas, logo não deu para voltar com ele, tivemos que pagar CUC 70,00 para um desses taxis com autorização nos levar até Ciego de Avila. Tem um posto de fiscalização na entrada de Cayo Coco/ Cayo Guillermo que pede essa autorização.

 

DICAS HAVANA

INTERNET: Nos pontos da ETECSA e no hotel Iberostar da Plaza Central tem wifi que dá para utilizar do celular com um cartão comprado nessa ETECSA (empresa de telecomunicações de Cuba).

BAR: ART PUB, Calle Brasil #306, em Havana Vieja. SEM DÚVIDAS OS MELHORES DRINKS DE TODOS OS LUGARES QUE FUI EM CUBA. A maioria dos drinks custam CUC 3,00 e tem happy hour pela metade do preço entre as 18:00 e 19:00. Os garçons são todos jovens, simpáticos e prestativos. Fui lá quase todas as noites em Havana. A comida também é boa. RECOMENDO SUPER!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cara... Então não fui só eu que tive essa impressão da "Casa la Ventilada", em Havana (estive lá em março do ano passado).

 

Evitei comentar aqui, pois essa casa foi recomendada por algumas pessoas dos Mochileiros. Então imaginei que podia ter sido uma experiência ruim isolada a minha.

 

Mas agora lendo o seu relato concordo 100%. Infelizmente, a Carmen e o Ariel são muito dinheiristas.

 

Acho excelente a pessoa ser empreendedora e querer crescer na vida, inclusive financeiramente. Mas existem formas e formas de se fazer isso. E é nítido que eles ficam putos da vida (Carmen e Ariel) quando vc não contrata um dos "parceiros" deles para os passeios.

 

Ao contrário do que falam aqui, não são tão solícitos assim para ajudar nos passeios. Só ajudam quando vc concorda em pegar uns serviços aqui e ali dos "parceiros" deles. Quando viram que eu não era tongo e sabia que na rua praticavam a metade do preço que eles me ofereciam, começaram a me tratar com uma certa indiferença (nas outras casas em Cuba não teve nada disso... todos me trataram mto bem!).

 

Minha namorada e eu queríamos ver um jogo de beisebol e sabíamos que ia acontecer um clássico do time de Havana contra o de Santiago. Falei isso para eles desde antes de ir para Cuba. Repeti no primeiro dia que cheguei... E falava todos os dias, pedindo ajuda (isso pq na internet, ainda no Brasil, davam uma informação... mas eu sabia que na prática podia tudo mudar). Para um nativo de lá isso era mto simples de descobrir (pois é o esporte favorito deles e era um clássico). Mas para um turista nem tanto. Mas se ela me dissesse que não ia ajudar, beleza, eu ia atrás de outra forma. Mas ela me garantiu que ia cuidar disso, pois a vizinha dela é viciada em beisebol e sabia tudo de horários e tudo mais. Só que me enrolou, enrolou... e passou o dia do jogo! Qd eu cheguei em casa ela disse: "ah, onde vc estava? Eu queria te dizer que o jogo era hoje, mas vc não estava em casa..." PORRA! CLaro que eu não estava em casa! Não fui pra Cuba pra passar o dia na casa dela!!! Mas ela teve muito tempo (mtos dias antes) para me avisar... Fiquei puto com isso. E, para minha sorte, teria um jogo na sequência (o que eu descobri na rua e não graças a ela, pois segundo ela não teria mais). A impressão que deu é que ela só quis me mostrar q eu perdi o jogo hehe

 

Além disso, também pisaram na bola comigo com café da manhã. Em um dos dias eu pedi para que fosse no horário X (que nem era tão cedo... era 9 da manhã) e não depois disso, pois teríamos que ir não sei onde com horário marcado (nos outros dias atrasou, mas estávamos tranquilos). Enfim, fiquei rondando o quarto dela esperando-a acordar até umas 9:20, quando começou a preparar o café... Achei sacanagem isso conosco que tínhamos horário marcado.

 

E sobre os quartos, sinceramente, não são tão bacanas. Ao menos, sei que não se comparam de forma alguma com nenhum outro que fiquei (Playa Girón, Trinidad, Cienfuegos, Remédios...). Fiquei em um quarto na chegada (por 4 dias) e um na saída (por uma noite) na Ventilada. O primeiro era mais confortável a cama, mas uma janela dele abria na sala da casa (hehe) a porta abria na mesa do café/almoço/jantar e a última janela, pequena, dá para o interior do edifício. Então, resumindo, desde cedo vc ouvia o povo lavando roupa, conversando, gritando (dos andares abaixo), sentia cheiro de gordura fritando (dos andares abaixo) e ouvia todas as conversas dos hóspedes da casa (assim como eles ouviam qq coisa que fizéssemos no quarto hehe). Chato... E no outro quarto que ficamos na volta, na Ventilada tb, a cama era horrível, o quarto minúsculo, sem janela...

 

Por fim, não sei como está agora, mas quando fomos estavam com obras nas ruas. Então o táxi não conseguia chegar. Era uma confusão... E nada disso nos foi falado (talvez para não nos fazer procurar outro lugar).

 

Enfim, não recomendo a Casa Ventilada. E agora que vi que não fui o único a perceber o quanto a Carmen é meio falsa e interesseira, sinto-me mais à vontade para compartilhar minha impressão.

 

Bom, acabei de voltar de Cuba e escreverei sobre algumas dicas.

CASAS PARTICULARES

1. HAVANA VIEJA: Casa La Ventilada, de Carmen e Ariel - Calle Amargura, 360 entre Aguacate e Villegas. Tel.: (+53) 7863-5566 ou 5334-8286. e-mail: [email protected] - http://www.laventilada.com/inicio.html - Preço do quarto: CUC 30,00. Serve café-da-manhã (CUC 4,00) e janta (pagos à parte - a janta foi a mais barata dentre as casas que conhecemos). Casa muito bonita e confortável. Quanto a casa não tenho muito o que dizer, mas passei por duas situações que fizeram eu não voltar a ficar na casa e a princípio com uma má impressão das pessoas. Meu próximo destino depois de Havana, era Viñales, conversei com a Carmen sobre isso e ela disse que tinha contato com um tgaxi que levava para lá por CUC 25,00, como eu já sabia do valor do ônibus (CUC 12,00, sendo que a Carmen disse que não acreditava que era esse valor), disse que tinha achado muito caro, afinal era o dobro e que gostaria de ir comprar a passagem na VIAZUL. Ela e o marido começaram a falar que era difícil, que teria que ir um dia antes de taxi, gastar CUC 10,00 ida e volta, além de gastar mais CUC5,00 no outro dia para ir, isso se eu encontrasse um taxi por CUC 5,00, pois a maioria estava cobrando CUC10,00. Bom, então questionei sobre a possibilidade de uma linha de ônibus, novamente eles começaram a dizer que era difícil, que eu teria que pegar dois ônibus etc... Enfim, olhei no lonely planet e tinha que pegar um ônibus ao lado do Capitólio, andar três quadras e pronto. Acordei cedo no outro dia, fiz isso dentro de 1:30, sem grandes dificuldades, sendo o preço do ônibus de 0,40 centavos de pesos cubanos (1 CUC = 25 pesos cubanos). OK. Outra coisa, logo que cheguei ela disse que se eu fosse querer o café-da-manhã, eu tinha que avisá-la. Nos três primeiros dias, avisei sobre o café-da-manhã, no outro dia como fui resolver a passagem, NÃO DISSE NADA SOBRE QUERER O CAFÉ-DA-MANHÃ. Quando terminei de resolver e voltei para casa, eles perguntaram se eu não ia tomar o café-da-manhã, eu disse que não. Ela ficou super nervosa, disse que eu tinha que avisá-la se não fosse tomar o café-da-manha (ela tinha me dito que era para eu avisar se fosse tomar), que ela perdeu dinheiro e o tempo dela, que ficou esperando a gente, etc... Enfim, achei duas situações chatas e me senti como um CUC ambulante, cujo único fim era ser explorado ao máximo e quando pedi uma informação, deixando claro que eu queria economizar, criaram complicações para tentar me convencer a ir no taxi que eles conheciam (e obviamente devem ganhar alguma propina). Eu sei que é o trabalho deles, que eles ganham dinheiro assim, mas a partir do momento que eu disse que não queria, ou eles diziam que não sabiam outra maneira de ir a Viñales, que não podiam me ajudar e pronto, não ficar criando empecilhos. Enfim, não gostei, não recomendo e não voltaria. Um taxi de Viñales a Havana sai por CUC 15,00 para pegar você na porta de casa e deixar na porta da outra casa.

2. VINÃLES: Villa El Pirry. Calle A #33. Tel: 01-52449903 e 01-52281750. A casa fica um pouco mais afastado da rua principal, mas de qualquer maneira é perto, porque em Viñales tudo é perto e o fato de ser afastado compensa, porque o fundo faz divisa com um sítio e tem uma vista super bonita da parte rural. Tem uma habitação para até 3 pessoas. Custo de CUC 15,00 a diária (igual a maioria das casas em Viñales), café-da-manhã por CUC 3,00 e jantar por CUC 6,00. Sem dúvidas a melhor casa que eu fiquei em toda a viagem. O casal é super simpático, ela é costureira e ele trabalha como vigia. EU AMEI ELES, TIRARAM TODA A IMPRESSÃO RUIM QUE EU TIVE EM HAVANA. Eles são super prestativos, explicam tudo sobre os passeios. Nos indicaram um passeio de cavalo que foi ótimo, com o vizinho deles (Fran), também super gente boa. O e-mail deles é da nora: [email protected] um dia eles nos levaram para dançar, sendo que eles dançam muito bem!!!!! Foi realmente ótimo conhece-los. RECOMENDO SUPER!!!

3. TRINIDAD: Uma amiga indicou a casa “Hostal Luisa Maria”. Calle Juan Manuel Marquez (Amargura) #134-A. CUC25,00. Café-da-manha deixou por CUC3,00. Bem localizada, quarto normal com duas camas de solteiro e banheiro. Ela mandou um Senhor nos buscar na rodoviária, trouxe nossas malas por CUC 2,00. Achei normal. Um dia solicitamos para ela fazer uma reserva em um restaurante que um casal Francês tinha nos indicado, mas ela veio com uma conversa de um tal restaurante “La Ceiba”, que era ótimo etc... É um restaurante mais caro que a maioria, cheio de pessoas trazendo os gringos para lá (propina deve ser boa), lugar normal e comida sem nada demais. Não faço uma recomendação segura para essa casa, mas é uma opção.

4. MORON: Ficamos na casa de um senhor que não nos deu um cartão. Se não me engano era Calle Patria, número 30. Foi a melhor casa, em matéria de acomodação. Trata-se de uma sobrado, sendo que em cima me uma outra casa com 2 quartos, tudo enorme, sacada no fundo, piscina pequena. CUC25,00. Nos ajudou com o taxi para Cayo Guillermo. Não conversamos muito com ele, mas fui com a cara dele. Parece super gente boa. RECOMENDO.

5. SANTA CLARA: Casa “Hostal Terraza Los Helechos”. Omar e Liuba. Cespedes 201. Tel: (42) 283366. 58332708. [email protected] Gostei da casa deles. A habitação fica no último andar, tem terraço, um negocio para colocar musica no celular. 2 camas de solteiro e banheiro dentro do quarto. A mulher é super simpática, sem forçar nada. Eles tem dois filhos pequenos super educados também.

6. REMÉDIOS: Casa “Paraiso Colonial”. Sra Magalys. Calle Independencia #53. Tel: 0142395482. [email protected] Casa grande, com dois apartamentos. Ela vive com a mãe e um filho. Gostei do pessoal, simpáticos, me ajudaram com telefonemas para Havana. CUC20,00. Gostei bastante de toda a família. Ela é enfermeira, mas abandonou a carreira de professora universitária e só de dedica a casa. Pela janta me cobrou CUC 8,00. Como não tinha muitas opções, eu comi lá mesmo, apesar de ser caro.

7. HAVANA VIEJA: No a Havana fiquei na casa da Sra Rauderina Rodriguez. Ela vive sozinha na casa e um Senhor mora no andar de cima. É um apartamento enorme com três quartos para alugar, super bem localizado na Calle Amistad 302, esquina com o Boulevard San Raphael, fica três quadras atrás do Hotel Inglaterra e do Gran teatro Havana. CUC25,00, mas ela cobra mais barato. Tel 78626181. A mulher que trabalha com ela é muito carinhosa e simpática. RECOMENDO

 

DICAS TRANSPORTE

TAXI EM HAVANA: Ariel. Cobra CUC 15,00 do aeroporto até centro de Havana. Maioria cobra 20 a 25. Tel 76830661. 52762681.

BICITAXI EM STA CLARA: Adalberto Escamilla. Tel (42) 293446. 58216900. [email protected] Ele cobra CUC2,00 pelo transporte da rodoviária até a casa onde esta hospedado. Além disso faz passeios pela cidade. Encontrei ele mostrando os pontos turísticos e explicando para um casal de Canadenses. Ele é super gente b ao, só trabalha com isso.

TAXI EM MORON (PARA IR A CAYO GUILLERMO): Combinamos com um taxista a ida por CUC40,00 e a volta até Ciego de Ávila (onde se pega o ônibus para Havana) por CUC 50,00. Ele nos levou, deu tudo certo. Na volta, descobriu que apenas taxistas com licença para operar dentro de Cayo Guillermo podem transportar turistas, logo não deu para voltar com ele, tivemos que pagar CUC 70,00 para um desses taxis com autorização nos levar até Ciego de Avila. Tem um posto de fiscalização na entrada de Cayo Coco/ Cayo Guillermo que pede essa autorização.

 

DICAS HAVANA

INTERNET: Nos pontos da ETECSA e no hotel Iberostar da Plaza Central tem wifi que dá para utilizar do celular com um cartão comprado nessa ETECSA (empresa de telecomunicações de Cuba).

BAR: ART PUB, Calle Brasil #306, em Havana Vieja. SEM DÚVIDAS OS MELHORES DRINKS DE TODOS OS LUGARES QUE FUI EM CUBA. A maioria dos drinks custam CUC 3,00 e tem happy hour pela metade do preço entre as 18:00 e 19:00. Os garçons são todos jovens, simpáticos e prestativos. Fui lá quase todas as noites em Havana. A comida também é boa. RECOMENDO SUPER!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Olá, pessoal! Estou montando meu roteiro para abril, iremos eu e meu marido de 2 a 24. A ideia é correr a ilha toda, passando por Cayo Guillermo na volta de Santiago. (niver de casamento! ::love:: )

 

Estava pensando em fazer um roteiro fechadinho, mas agora estou mega na dúvida... Será que nesse período é tranquilo ir sem reservar as casas particulares? Pensei também em alugar carro em alguns poucos lugares, para facilitar os passeios (em Trinidad - playa Ancón, por exemplo). É fácil alugar no hora ou falta carro econômico? E de Cienfuegos pra Trinidad, passando pela cascata el nicho, qual é o esquema pra ir sem carro alugado?

 

Sobre Sierra Maestra, ainda vou ler as páginas mais pra trás (só li a partir da 60), mas onde consigo boas informações sobre o trekking? Até então de tudo que li de Cuba não tinha visto nada sobre isso, mas super me interessei com as dicas da Etiene! Acho que teria que encaixar entre Trinidad e Santiago, certo?

 

E Santa Clara, vale a pena? Está difícil encaixar no meu roteiro... Por enquanto ele está assim: Havana - Viñales - Cienfuegos - Trinidad - Camaguey (trocar pela Sierra Maestra) - Santiago - Cayo Guillermo - Havana. O ideal seria encaixar Santa Clara entre o Cayo e Havana, mas o horário da Via Azul não está ajudando, então só se houvesse outro jeito... Dia 22 é o niver de casamento, então podemos sair do Cayo dia 23 e temos que estar no aeroporto de Havana dia 24 às 15h30! Alguma sugestão? Ou é melhor deixar pra lá, considerando que já teremos visto uma pancada de museus ao longo da viagem? O que Santa Clara tem de diferente? (além do mausoléu, que não ligo a mínima)

 

Obrigada!

 

Olá Tati,

 

Esse período é de baixa temporada, é muito tranquilo reservar casas ou mesmo chegar na cidade e arranjar uma, basta ir atrás do símbolo AZUL de casas particulares (o vermelho é só pra nacionais). Em geral eles já tem uma rede de contatos, uma casa indica a de alguém na outra cidade. As casas melhores, com gente mais atenciosa dificilmente irá te indicar uma furada na outra cidade. Eu prefiro muito ir assim pq dá bem mais liberdade.

 

Em Trinidad/Playa Ancón não precisa de carro, dá pra ir pedalando (cerca de uma hora ida e uma de volta) ou pagar um taxi, acredito que saia bem mais barato do que alugar carro, são apenas 15 km de distância. Sobre o caminho Cienfuegos-Trinidad, eu arrumei esse esquema na própria casa onde fiquei, quando chegar em casa tento dar uma procurada se ainda tenho o cartão da pessoa, mas imagino que não seja difícil, paguei 70 CUCs num grupo de 3 pessoas. Saímos de Cienfuegos, ficamos umas duas horas no parque (o motorista esperando), almoçamos e o cara nos deixou em Trinidad.

 

Sobre Sierra Maestra, eu tentei ir pelo lado de Santiago, dizem que é mais paulera. De todas as formas não consegui, a agência (eco alguma coisa) só saía com no mínimo 2 pessoas, como estava sozinho e ninguém mais apareceu não rolou. Fui para o outro lado, Bayamo, de lá consegui um esquema de ir até antes da subida para Villa Santo Domingo com um carro particular (peguei na rodoviária nacional, sem ser Via Azul, os preços saem bem mais em conta). De lá, o atendente do hotel me arrumou o telefone de um motorista que faz da base até Villa Santo Domingo (precisa de um 4x4), esse saiu caro, 20 CUCs. Em villa santo domingo fechei a ida para o dia seguinte e acabei ficando numa casa particular da atendente da tal villa, onde pude deixar minhas coisas para não subir com tudo. Enfim, e eu trocaria a Sierra por Camaguey com certeza.

 

Santa Clara tem o mausoléu, que achei bem legal, o trem blindado e umas outras paradas da historia da revolução. É uma cidade que dizem ter bastante jovens, acabei curtindo a noite lá, mas estava só, pra vcs talvez não seja tanto a pegada.

 

Estou aí pra qualquer coisa,

Leandro

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Estou indo, meu marido e eu, para Cuba no dia 6 de abril para ficarmos 10 dias... Estamos atrás do contato da Pátria, para reserva de quarto, mas não conseguimos localizar... alguém pode nos passar?

Outra dúvida, onde é melhor ficar, nos Cayos ou Varadeuro?

 

Obrigada,

 

 

O telefone da Patria é +53 7 8333064! Às vezes é meio difícil de ligar porque ela vive no telefone, mas alguma hora rola.

E também não precisa estressar muito pra reservar lugar, principalmente pra abril... Eu reservaria só bem perto de chegar, porque as pessoas não costumam reservar e pode acontecer dela se esquecer.

 

 

Olha, eu fui pra Cayo Guillermo e Varadero, aí vai depender do que quer quanto quer pagar, mas em termos de beleza eu achei o Cayo muito mais massa.

 

Varadero tem mais infra, muitos restaurantes, bares, lojas de souvenirs, e outras coisas pra gringos, mas também tem a opção de ficar em casa particular (há poucas, mas há), coisa que nos cayos não rola. Nos cayos vc ficará mais restrita ao que o resort te oferecer. Em geral vc ganha uma pulseira e pode entrar e consumir nos resorts da mesma rede hoteleira no mesmo cayo e rolam uns ônibus que ficam o dia inteiro circulando entre eles. Vale a pena, se for em período de baixa temporada, reservar lá mesmo em Cuba nas agências de turismo, islaazul, cubanatur, etc... eles vendem o pacote de alguns dias e noites e sai muuuuito mais em conta do que aparecer na porta do hotel e pagar a diária. Comprando nas agências, em baixa temporada em Cayo guillermo, 4 dias e 3 noites no meliá all-inclusive, para duas pessoas vc chega a pagar 60/70 dolares por dia por pessoa.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Recomenda chegar lá sem nenhuma reserva?

A aduana não exige documento de onde vai ficar?

 

 

 

pra mim soh perguntaram sobre havana, que eu tinha reserva.

acabei reservando soh em tres lugares (e em dois deles com dias em aberto). no restante fui sem reserva msm. eh bem tranquilo e possibilita um roteiro mais dinamico

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Galera,

 

vou chegar em Havana às 22h30. Queria logo ir pra Cienfuegos pra já amanhecer lá. (explico: estou indo para um congresso em Havana, e tenho 1 semana antes pra viajar. Por isso Havana vai ficar por último)

 

Alguém sabe se nessa hora rola pegar um táxi do aeroporto pra fazer o trajeto? Estou com mais 4 amigos pra rachar.

Cotei com uma agência e tiveram a audácia de cobrar 225 CUC !!! ::vapapu::

 

Valeu ::mmm:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Galera,

 

vou chegar em Havana às 22h30. Queria logo ir pra Cienfuegos pra já amanhecer lá. (explico: estou indo para um congresso em Havana, e tenho 1 semana antes pra viajar. Por isso Havana vai ficar por último)

 

Alguém sabe se nessa hora rola pegar um táxi do aeroporto pra fazer o trajeto? Estou com mais 4 amigos pra rachar.

Cotei com uma agência e tiveram a audácia de cobrar 225 CUC !!! ::vapapu::

 

Valeu ::mmm:

 

 

Mas eles falaram que iriam do aeroporto para Cienfuegos às 22:30 da noite? Se sim, talvez não seja tão absurdo o valor... Não vai ser fácil achar um transporte confiável até lá. As estradas em Cuba não são todas em perfeitas condições. A maioria não é bem sinalizada (nem com olhos de gato) e acabam sendo perigosas por muitos animais atravessarem a pista. Além disso, mtos carros cubanos que fazem "mais barato" não estão com a manutenção tão em dia hehe Então, a chance de ficar quebrado no meio da estrada, de madrugada, é considerável.

 

Se vc for durante o dia com certeza consegue por um valor bem menor, negociando direto com os motoristas (menos de 100CUC).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Recomenda chegar lá sem nenhuma reserva?

A aduana não exige documento de onde vai ficar?

 

Pra chegar em Havana eu recomendo. Reservei dois dias só lá. Aparentemente é o que eles pedem, ter onde chegar. Tem alguns sites que juntam um monte de anúncios de casas particulares, vc escolhe umas 5 da preferida a menos preferida e eles fazem o contato com a casa dado que a internet lá é meio tosca. Funciona

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom Dia Pessoal,

 

Sempre tive facilidade em montar meus roteiros, porém este pra Cuba está super difícil, pois não tenho noção sobre as condições de estradas, duração de viagem e distâncias.

 

Até o momento, só consegui definir que ficarei por 13 dias em Cuba e visitarei as seguintes cidades.

 

Chegada: 17/07/2015

Havana (4 dias)

Varadero (1)

Santa Clara (2)

Trinidad (2)

 

Já li neste grupo, e fiquei com dúvida de mais um lugar pra conhecer. Kkkkkkkkkkk. Holgin. ::hahaha::

 

Nestes 4 dias que me restam, gostaria de conhecer Santiago de Cuba (carnaval) e talvez Guantánamo (não sei se é possível conhecer a base). E justo neste trajeto eu tô com receio de fazer, pois de Santiago pra Santa Clara, é muito longe.

 

O que vocês me recomendam? Faz mesmo assim o roteiro com Santiago de Cuba ou coloco Cienfuegos e passo alguns dias em algum dos “Cayos”?

 

Obrigado desde já.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...