Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Juliana Champi

RELATO: ARGENTINA (Buenos Aires) e URUGUAI (Colônia, Montevidéu, Piriápolis e Punta del Este) - PREPARE O BOLSO!

Posts Recomendados

Ahhh, sério que o Uruguai tá caro assim? :cry:

Esses dias me surgiu a ideia de seguir pela costa uruguaia até Buenos Aires, via Chuy. Pensei, nesse ponto, na economia de passagens. :D E agora estou dando uma olhada nos preços, bem desanimador por sinal. Vai que até outubro melhora.

 

Bem legal seu relato, acompanhando!

 

Pois é, meio desanimador mesmo né? Eu sabia que era caro mas não achei que ia ser mais que a europa, hahahauaha! Acho que vc não precisa desistir da viagem se quiser muito fazê-la, é só juntar mais grana, tentar baratear o máximo as refeições e ir sabendo que vai comer mal, hahahauaha! Ah, e tb torcer pra coisa melhorar pro nosso lado! ;)

:*

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Affff :cry: já to preparando o bolso

Inicio de março to indo pro Uruguai, 2 dias em Punta, 3 em Montevideo e bate volta em Colonia

ja to preparando o bolso pras facadas ::lol3::

acompanhando....

 

Ai verdade, preparar o bolso é melhor negócio, haha! Vc vai no fim da alta temporada, tomara que os preços estejam melhores!

Obrigada por acompanhar, amanhã já posto o restante do Uruguai. :)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

BATE E VOLTA PUNTA DEL ESTE

 

15 de janeiro

Pegamos o ônibus perto de casa pra Três Cruces e de lá, pra Punta. Como já dito antes, a empresa COT, assim como a TURIL e a COPSA tem ônibus confortáveis com WIFI a bordo. Chegamos em Punta perto da 11 da manha!

 

O terminal rodoviário de Punta Del Este é bem pequeno e não tinha nem banheiro funcionando, tinha aqueles químicos. Logo se nota que a cidade não está ali pra acolher os pobres que chegam de busão, kkkk! Mas tinha uma moça de atendimento ao turista e pegamos um mapa!

 

A famosa escultura “La Mano”, na Praia Brava, está bem na frente da rodoviária, então já aproveitamos pra conhecê-la. De lá seguimos a pé pela avenida Gorlero, a principal, em direção ao Porto. Chegamos no porto e fomos andando e andando até achar os lobos marinhos... oooouuuun fofura total, ficamos um tempão lá olhando eles comendo as sobras de peixe que os vendedores jogavam na água! Existem passeios de barcos que levam pra uma ilha de lobos, custavam de 25 a 50 dólares por pessoa, mas a gente não foi.

 

598dd3617bcda_1lamano.jpg.e5802d517a1fff127bd9d4a7756c5d90.jpg

 

598dd361aa1a5_2lobos.jpg.83d20deae413f0f3bd52f6c661364989.jpg

 

598dd361bdadb_3lobo.jpg.01c9ed72d162984b437ccec7ef20b267.jpg

 

Do porto fomos andar por perto e achar lugar pra comer! E aqui registro o ápice do meu assombro com o preços do Uruguai! Lá, como muitos sabem, além das taxas de serviços (os 10% do garçom), algumas vezes opcional, tem os tais dos cubiertos, que é o aluguel do garfo, da faca e do prato. Este cubierto varia de poucos pesos até muitos, tipo 35-40, o que dá cerca de 5 reais por pessoa. Já é ruim!

 

Eu já estava achando o preço da alimentação, tanto em restaurantes como em mercados, impraticável, além da qualidade não ser boa, mas neste restaurante eu fiquei... brava! ::toma::

 

Chama-se Kitty’s e fica beira a mar. Não é chique nem nada, e não tínhamos visto opções mais em conta por ali. Pode ser que lá na av. Gorleiro tivesse algo mais barato, mas estávamos com muita fome e voltar tudo ia ser ruim. Nossa refeição foram 3 PFs: o meu, milanesa com batata frita – o do Gui, um filé de peixe grelhado com uma batata cozida e do João, um hambúrguer (sem o pão, só a carne mesmo) com batata frita. Pra beber, uma coca e uma garrafa de vinho (que via de regra era barato mas aqui estava meio caro). Preço total na fatura do cartão: 275 reais! Retorno do IVA: 40 reais. Ou seja, esta porcaria de refeição, pq estava tudo muito ruim, custou 235 reais! Que merda, com o perdão da palavra!

 

598dd361d0f1c_4kittys.jpg.52bfa236b0a041e86d9b48fd925c239f.jpg

 

Se eu tivesse gastado isso e comido muito bem eu só ia achar foda de caro, mas a comida era péssima, sem gosto... e ainda custou o preço de restaurante chique da minha cidade!

 

Eu sou adepta do ta no inferno abraça o capeta e do quem converte não se diverte, mas tem hora que não dá! ::quilpish::

 

Engolida a raiva de sobremesa, voltamos para a rodoviária pq eu queria ir a CASAPUEBLO. O jeito de ir se vc não está de carro, não quer ir de taxi e não quer pagar uma grana pra uma agência te levar, é ir de ônibus. Vc chega na rodoviária e compra o primeiro bus que parar no ponto chamado Portozuelo (ou algo bem parecido, rs). A passagem custa cerca de 60 pesos por pessoa, só ida. Não há poltrona marcada pra este percurso, portanto se o ônibus estiver cheio de pessoas que estão indo mais longe e com lugar marcado, vc vai de pé. Mas fomos sentados mesmo. O ponto de Portozuelo fica na rodovia... vc caminha alguns metros como se estivesse voltando pra Punta e pega a estradinha em direção à Casapueblo. Se ficar em dúvida pergunte, os uruguaios são muito solícitos e não se importam em dar estas informações. A estradinha que leva a casapueblo tem cerca de 1,5km ou 2km, mas a caminhada foi bem agradável, pois embora o sol estivesse a pino, ventava frio. E fomos conversando com outro casal de brasileiros que tb xingava os preços uruguaios, kkkk!

 

A entrada custou 150 pesos uruguaios por pessoa, João não pagou, e de fato, o local é muito muito bonito! É a antiga casa, ateliê e hoje hotel e museu do artista plástico Vilaró... não vou ficar me estendendo aqui, mas é muito bacana! A vista é de tirar o fôlego e dá pra comprar alguma comidinha na cafeteria e ficar lá, apreciando a vista. As comidinhas são caras, claro, porém boas. Dizem que o por do sol de lá é surreal, e eu acredito, mas não pudemos ficar pra esperar.

 

598dd361ec6d3_5pertodoporto.jpg.4032e6fbf2921e2105152408ded4e8fd.jpg

 

598dd3620e614_6casapueblo.jpg.76f7a01bc0eea7e109cbbe5050524d7f.jpg

 

598dd3624023d_7casapueblo.JPG.cc6c51def9f66ba142070f32eda9a930.JPG

 

598dd36288fa8_8casapueblo.JPG.6fdcfea48da546d7e7c0a2d28565bde0.JPG

 

598dd362bafeb_9casapueblovaranda.JPG.2b817c24d00244ed897f3711255c6c08.JPG

 

Ficamos lá cerca de uma hora e depois saímos, fomos andar até a ponta da estrada onde se via a casapueblo ao fundo, a vista vale a pena. Depois voltamos pela mesma estrada (muita gente estava descendo em direção a casapueblo neste horário) e esperamos o ônibus no ponto que fica mais ou menos em frente ao da chegada, mas do outro lado da via. Mas atenção, o ponto é só uma madeira fincada no chão, fica próximo a um mirante na estrada... achamos fácil pq já tinha uma senhora esperando. Os ônibus podem ser pagos na hora.

 

598dd362d2a7e_10vistadelonge.jpg.45bc7fb0980bc1781cae657a22cf7f00.jpg

 

598dd362ebebf_11vistadomar.jpg.2abb661d563e337797a5127cc8e72f76.jpg

 

Tinha a previsão de passar um COPSA ali às 17:45, mas ele não passou. Nem o COT que deveria passar as 18:00. Como o vento estava muito frio pegamos um outro de linha normal que passou 18:05 e fizemos baldeação em Maldonado. A volta durou no total uns 50 minutos (ao contrário da direta que é só meia hora), mas foi mais barata, 40 pesos!

 

598dd3630cf4d_12esperandooonibuspertomirante.jpg.cf36f3842c0da74e81142aa87ff6d862.jpg

 

Chegamos de volta em Punta por volta das sete da noite e teríamos que esperar até 21:15 para o nosso retorno a Montevidéu. Não tinha mais nada que eu quisesse fazer por lá. Felizmente conseguimos trocar nossas passagens pela saída das 19:30, e dez da noite eu estava em casa! Maravilha!

 

Na chegada em Três Cruces compramos nossa idade e volta no dia seguinte para Piriápolis, pela COT, por 360 pesos idade e volta por pessoa.

 

Punta Del Este é um lugar bonito, de rico, cheio de mansões, carrões, cassinos e lugares chiques. Dizem que a noite é bem badalada, mas não é minha praia, então fiquei feliz de ter feito apensas um bate-e-volta pra conhecer a cidade!

 

16 de janeiro

BATE E VOLTA PIRIÁPOLIS

 

Mesmo esquema, partimos de Três Cruces e a ida para Piriápolis é mais rápida (cerca de 1h30), pois ela fica antes de Punta, mas a estrada é a mesma, a transbalneário. A paisagem é monótona, assim como a de Colônia a Montevidéu.

 

Chegamos em Piriápolis perto do meio dia, pois saímos mais tarde e lá tinha menos coisa que eu queria/podia fazer. Chegamos e fomos andar pela cidade, pela Rambla dos Argentinos e logo de cara já admiramos o hotel Argentino, muito famoso, e de fato, muito bonito. Li que se pode tomar o chá da tarde em um de seus salões aberto ao público, mas não ficamos afim.

 

598dd363216e2_13rambladosargentinos.jpg.575996b42f6db6dfa36b065e4e853a4c.jpg

 

Na Rambla mesmo almoçamos em um restaurante de esquina, vermelho, esqueci o nome e não consegui localizar no street view, pq o Ruguai não tem!!!!!! O rango por lá tb ficou caro (180 reais, retorno IVA de 20 e poucos), mas pelo menos era bom. Pedimos 2 PFs pra dividir em 3, com uma garrafa de vinho, uma cerveja e um refri. Os pratos foram um bifão nervoso com salada e um camarão com um molho de algo que eu não sei o que é nem reconheci o gosto, mas tinha algo crocante e batatas cozidas. Ambos estavam bons.

 

598dd36357fdf_14almoo.jpg.c6940ad1dc59b308c434cf8de499e443.jpg

 

598dd3636a8cf_15almoo.jpg.7bf4a790052a15ce5337e891a11262a5.jpg

 

Depois fomos subir pelas aerosillas rumo ao topo do Cerro San Antonio. Não me lembro bem quanto custou, acho que cerca de 70 pesos por pessoa. É meio emocionante, rs, pela falta de cabine. Mas é bem sussa. Mas tb dá pra subir a pé (boa sorte, calor infernal) ou de carro. Lá em cima tem-se a vista, um restaurante bacaninha (Mariskeria) que é de onde se compra o ticket, tb tem dele na parte de baixo do cerro, umas outras barraquinhas e uma capela! Andamos lá, e do outro lado da estrada dá pra ver todo o balneário e até Punta Del Este! Fomos comer uma sobremesa (bonita, mas o gosto era mais ou menos, pois o flan estava meio queimado), uma coca e uma cerveja no Mariskeria, vendo a vista da varanda!

 

598dd3637ed25_16subidaaerosillas.jpg.c8f22e0b3205a3ee68d9d8360b31d84b.jpg

 

598dd3639951f_17subidaaerosillas.jpg.55f23afbfb513dc5e3b2820f2de0ab8b.jpg

 

598dd363af182_18vista.jpg.3865bf33ae9ec789e8ef3ee0f490bb1e.jpg

 

598dd363c3b7a_19sobremesa.jpg.6774e6e15e460f184f189123db2345b0.jpg

 

Descemos cerca de cinco e meia e estávamos sem nada pra fazer, rs. Pois tem vários outros cerros para se subir a pé, mas o calor tava de rachar e nossa volta era às 19:15. Tentamos trocar para às 18:15 mas não tinha mais lugar disponível... então fica a dica, se for fazer bate-e-volta já compra sua volta junto com a ida, pois corre-se o risco de ficar sem. E se precisar, dá pra tentar trocar o horário depois. Mas dessa vez não deu. Fomos andar pela praia ver se achávamos um guarda-sol pra alugar, mas não achamos, e o sol estava insalubre! Acabamos ficando de bobeira pela rambla e depois voltamos pra rodoviária esperar nosso busão! Nove da noite estávamos em casa, sapecados de sol (mesmo tendo passado bloqueador de 2 em 2hs) e bem cansados! Comemos qualquer coisa em casa mesmo, e dormimos, o dia seguinte era o último em Montevidéu!

 

Piriápolis já foi o balneário mais badalado do Uruguai, perdeu espaço para Punta! Ele é mais acessível, mais farofa, mas continua bem caro. Um bate-e-volta é o suficiente pra conhecer o básico, mas se quiser desfrutar da praia, tem que ficar mais, claro! E aí não sei se vale a pena, pois dizem ter outros balneários mais rústicos e mais bonitos pelo Uruguai!

 

17 de janeiro

Último dia em Montevidéu!

Domingão, dia de feira! Fomos pra tal Tristan Navarja de busão. Andamos por algumas ruas desertas, dava um pouco de medo, mas foi tudo tranqüilo. A feira é grande, cheia daquelas coisas de feiras desse tipo pelo mundo a fora... antiguidades, kilos de coisas inúteis, tipo roupa de mergulho velha, kkkkk, tranqueirada, roupa, meia, e nesta tb tinha muitas barracas de frutas e enlatados. Passamos a manhã perambulando por ela. Como fomos comendo tranqueiras pelo caminho (tipo torta frita, que é só a massa do pastel nosso, sem recheio), estávamos sem fome, e de lá partimos para o Parque Rodó. Passeamos por lá, andamos de pedalinho por insistência do filhote (pedalar naquele sol foi de matar, kkkk) e desencanamos de demais atrações... fomos pra casa cerca de duas da tarde, comemos o resto da janta, botamos roupinhas de banho, pegamos as cadeiras de praia e fomos curtir nossa última tarde na praia! Delícia.

 

598dd363da03f_20tristan.jpg.ec71c7d8d0e7c365359646843baf4fba.jpg

 

598dd363e4c18_21tristanpastel.jpg.e84a926bf69824419e33b2cdfdf4e252.jpg

 

598dd3640766f_22pedalinhonorodo.jpg.97e5caeee3b3a70bf5ea6d606ac08220.jpg

 

No mar ficamos conversando com duas garotas (9 e 10 anos) muito curiosas sobre a gente, super queridas as duas! Elas tb contaram bastante sobre a vida delas em Montevidéu, foi legal!

 

No dia seguinte iríamos para a rodoviária para de lá pegar um ônibus da BUQUEBUS até Colônia, e de Colônia um Ferry até Buenos Aires! Nosso anfitrião super gente boa nos levou até a rodoviária e assim nos despedimos de Montevidéu!

 

RESUMO MONTEVIDÉU

 

Muitas coisas já foram ditas pelo meio do relato, e eu até agora não me conformo com os preços! Os noticiários de lá estão bem parecidos com os nossos... preços altos, inflação, desemprego, alta de energia e etc! Os uruguaios tb tão se ferrando com os preços! Eu fico em airbnb justamente pra baratear custos com alimentação quando necessário, pois dá pra tomar café da manhã e jantar em casa, mas aqui em Montevidéu os mercados não colaboravam! Vejam: Coca-Cola 2L – 11 reais, pão de forma – 12 a 15 reais, e por aí vai!

 

598dd364398d4_23refri.jpg.94a33cf788d25e2f008bf8e84eccd06f.jpg

 

598dd3644ec0c_24po.jpg.a0fd780a9e4ca56b1fb614e310622119.jpg

 

598dd36464ea1_25po.jpg.b5bbc502c4ddb4a41129aa6a04c172ad.jpg

 

Me espantou tb saber que o Mujica é muito mais querido fora do que dentro do Uruguai, até me entristeceu um pouco saber de algumas coisas, pois eu era fã do cara, rs!

 

Sobre a legalização da Marijuana, haha, vimos várias lojas com o tema, mas não sei se vendiam ou eram só souvenirs. Não tinha interesse nisso... Vimos algumas pessoas fumando pelas ruas e praias, mas nada que não se veja aqui!

 

Ouvi dizer muito bem do povo uruguaio antes de ir, e de fato eles são gente boa, dão dicas e sempre querem ajudar quando vc pergunta algo a eles! São muito solícitos e se fazem entender no espanhol, assim como compreendem o seu esforço em falar português misturado com as palavras parcas que se aprende em espanhol, kkkk. O atendimento em restaurantes variou de ok a muito bom, nada a reclamar!

 

Enfim, parti do Uruguai feliz por estar indo à Argentina, quem diria, kkkkkk!!! O país tem suas belezas e é fato que conhecemos muito pouco delas, mas o meu orçamento totalmente estourado ofuscou um pouco meu sentimento pelo país!

 

Pra Montevidéu, dois dias são suficientes na minha opinião. Pra ver o básico. Acrescente dias a gosto para interesses específicos e bate-e-voltas!

 

E agora... Vem ni mim, Argentina!

***Continua.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Olá.. Excelente o seu relato, Juliana. Parabéns!!

Eu e minha esposa faremos quase o mesmo roteiro entre os dias 12 e 23 de abril. As passagens já estão compradas.

Acompanhar o relato da tua viagem está me fazendo economizar um tempo danado de planejamento :D Por isso eu te peço para colocar, caso tu te lembres, o preço médio gasto em restaurantes (eu sou viciado em planilhas de viagem rsrs).

Eu até alterei o meu roteiro por causa do teu post. Anteriormente pensei em dormir em Colonia já no primeiro dia, uma vez que chegaremos em BSAS às 14h. Mas seguirei o teu conselho e ficarei primeiramente 2 dias em BSAS para depois seguir seguir viagem.

Sobre o IVA, os restaurantes aceitam o cartão American Express? Este é o meu cartão para viagem internacional...

Desde já agradeço.

 

Oi Isaac. Obrigada, que bom que está gostando e está lhe sendo útil! Infelizmente, com algumas exceções, eu não lembro certinho os locais onde comi, e tb comi muito burguer king e estas coisas que aqui eu nunca como, pois nem sou fã. Outras vezes cozinhei em casa pra baratear, mesmo com os preços absurdos de mercado, ainda ficava mais barato que comer fora, rs. Mas tudo que eu lembrar eu coloco sim. To até caçando na internet os nomes de alguns restaurantes, rs!

 

Sobre cartões, não prestei muita atenção no American, pois não tenho esta bandeira... com certeza eles devolvem IVA onde ele é aceito, só não sei se é estornado na fatura como no Master ou na hora como no VISA. Uma coisa que achei bizarra sobre cartões e até esqueci de mencionar:

 

No Uruguai: nem todos os lugares aceitam, mas os restaurantes maiores sempre aceitam. A "propina", que é os 10% do garçom, é digitado a parte, e além de vc digitar a senha (meu cartão é de chip), vc tem que assinar o canhoto e colocar, algumas vezes, o RG!

 

Na Argentina: segue a mesma coisa... teve lugar que só aceitava VISA, e tinha mercado que não aceitava cartão! Tudo bem que lá usei muito pouco, só no fim da viagem que fiquei sem grana, pois os impostos não compensam o uso e não há devolução de IVA alto como no Uruguai.De qualquer forma, lá não tem o sistema do CHIP, eles passam a tarjeta magnética na maquininha e vc assina o canhoto e põe o RG. Num mercado e numa farmácia pediram pra ver meu documento e eu mostrei o RG, pois não andava com o passaporte... o cara do mercado fez cara de "o que que é isso" e disse que aquilo não era documento! kkkkkkk... eu disse "moço... soy brasileña, non resido acá" no melhor portunhol, kkkkkkk e ok, deu certo.

 

Abraços

 

Novamente, muito obrigado.

Diante das tuas considerações e ds minhas pesquisas, defini algumas coisa:

Embora eu goste muito de vivenciar a experiência em hostel, essa viagem eu farei, praticamente toda, pelo AIRBNB para economizar alguns trocados e assim ficarei mais confortável em gastar com os trasportes ARG/URU. Na verdade eu nem estou achando a hospedagem cara. Tá saindo mais barato do que eu estou pagando no Rio. Em abril do ano passado eu fui ao Chile e Bolívia. San Pedro de Atacama foi a cidade mais cara que eu já visitei na vida (e sobrevivi aos gastos rsrs) . Pela minha pesquisa, Buenos Aires e Montevidéu tem um custo total mais baixo do que Santiago.

De qualquer forma, usarei as cozinhas dos aptos e abusarei dos restaurantes que servem o famoso PRATO FEITO.

Agora estou só no aguardo das próximas postagens para definir meu roteiro ::otemo:: .

abraço.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

::ahhhh::::ahhhh:: Juliana!!

 

Que é isso?? Absurdo esses valores, vou ficar uma semana em Montevideu e vou fazer esses bate e volta que vc relatou, mas o bolso já tá doendo, já tô até pensando em levar comida daqui ou vou voltar mais magro de lá!! ::lol4::::lol4::

Ainda bem que não ligo para bebida durante a refeição, então minha economia vai vir daí, comer sem beber!! ::otemo::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ju, que perrengue hein essa historia da insulina... que susto mulher!! putz! Quanto aos preços eu tb estou chocada.. tá ficando dificil viajar pela America do Sul. Algumas cidades os preços estao mais caros q na Europa, mesmo com o euro caro. Acompanhando..

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Isaac, eu tb já tinha ouvido falar que os preços do Chile, especialmente do deserto, são terríveis, depois que voltar desta da Argentina e Uruguai faça um comparativo pra eu me preparar bem pro Atacama, hahahahauaha!

 

Abs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

mad, pois é, se voltasse mais magra ia ser ótimo, mas acaba acontecendo o contrário, pq a gente se enche de porcaria, hahahauaha!!! eu vou ficar um ano sem querer ver burguer king na frente, rsrsrssss

 

polly, emoção a mais esse lance da insulina né... mas acontece, kk, depois dá até pra rir mas na hora é tenso. e isso que eu pensava quando tava lá comendo mal... comi infinitamente melhor e mais barato na europa, essa viagem pra america do sul, proporcional ao numero de dias que fiquei, foi bem mais cara do que a do ano passado pra portugal e espanha. :(

 

Amanhã continuo o relato. :* Obrigada a todos que estão acompanhando.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Comecei a ler seu relato aqui e já favoritei, Juliana. Depois continuo lendo com mais calma. Tá muito bacana, informações precisas e atualizadas. Esse roteiro é destino certo na vida de um mochileiro rs. Valeu!!! ::otemo::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...