Ir para conteúdo

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''viajar''.

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Fazer perguntas
    • Perguntas Rápidas
    • Perguntas e Respostas & Roteiros
  • Encontrar Companhia para Viajar
    • Companhia para Viajar
  • Enviar e ler Relatos de Viagem
    • Relatos de Viagem
  • Planejar e relatar experiências em Trilhas e Travessias
    • Trilhas e Travessias
  • Tirar dúvidas e avaliar Equipamentos
    • Equipamentos
  • Outros Fóruns
    • Demais Fóruns
    • Saúde do Viajante
    • Notícias e Eventos

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que contenham...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


Sobre mim


Ocupação


Próximo Destino

  1. Escrever dissertações ao viajar é uma das maneiras mais legais de realizar várias tarefas ao mesmo tempo. Você não apenas experimenta novos alimentos e fala novos idiomas, mas também aprimora seu prestígio acadêmico e conclui trabalhos sofisticados. Além disso, se você optar por trabalhar e viajar ao mesmo tempo, poderá saborear seu coquetel favorito enquanto escreve o melhor ensaio de sua vida - é claro, na Espanha, Flórida ou no Caribe, onde quer que seu desejo tropical o leve a você. Aqui está um pequeno guia que pode ensiná-lo a escrever uma dissertação enquanto você está na estrada. Por que devo escrever minha dissertação ao viajar? Primeiro porque é mais legal. E em segundo lugar, porque você experimenta o mundo enquanto trabalha em sua tarefa. Viajar não só o inspirará, mas também abrirá novas portas de percepção para você. Dependendo da sua área de estudo, isso pode ajudá-lo a obter uma nota melhor! Quando você está constantemente exposto a novos desafios e embarca em inúmeras aventuras, seus olhos começam a se abrir. Agora você está vivendo cada momento como se fosse o último. Isso o transformará em um escritor profissional e o ajudará a ter sucesso mais rápido em sua carreira. Enquanto outras pessoas da sua idade podem ficar para trás, você terá a experiência de ter conquistado tantas coisas diferentes. Conforme você viaja, sua escrita muda. Você está atualizando para uma versão melhor de si mesmo a cada dia. Quanto mais você experimenta, mais você se desenvolve. E quanto mais você se desenvolve, melhor você se tornará em qualquer coisa que estiver fazendo. Coisas que você talvez nunca tenha conhecido antes começarão a aparecer em seu caminho. Conhecer novas pessoas pode lhe dar novas idéias relacionadas ao seu trabalho ou pesquisa. Viajar para novos lugares pode ajudá-lo a relaxar apenas para que possa terminar sua tarefa mais tarde. Continue lendo em: 5 Dicas para Viajar ao Mesmo Tempo que Escreve sua Dissertação
  2. Gosto muito de viajar de moto e procuro garupa feminina que tem a mesma afinidade, ou que tenha moto propria para curtir um final de semana em cidades proximas a SP ou mais distantes, caso feriados prolongados. Viajo praticamente todos os finais de semana Bora combinar!!!!!
  3. A pandemia do COVID-19 impactou negativamente a indústria hoteleira e de viagens, incluindo resorts de classe mundial e grandes companhias aéreas. A maioria dos entusiastas de viagens considera as viagens recreativas usuais fora de questão para o momento da atual pandemia. Uma opção muito popular atualmente são as viagens de RV (veículos recreativos, trailers ou motorhome). O negócio de viagens em RV está crescendo à medida que os viajantes podem manter distância social e aderir a outros protocolos de segurança. Algumas das maiores vantagens em viajar em RV’s são: Continue lendo em: 7 Razões Pelas Quais a Viagem em Trailers Vieram para Ficar
  4. Ao planejar uma viagem ao exterior, há muitas coisas em que pensar. Desde a obtenção de um visto, a reserva de acomodação, a obtenção da moeda local e assim por diante. Essas coisas podem ser estressantes e ao mesmo tempo empolgantes quando você faz um planejamento adequado. Quer você esteja viajando a lazer, para se conectar com a família ou para estudar, um planejamento adequado é importante porque pode lhe garantir tranquilidade e diversão. Este post detalha os primeiros passos que você precisa realizar ao planejar qualquer viagem ao exterior. 1. Garanta o seu seguro saúde antes de viajar O seguro saúde ajuda a pagar todas as despesas médicas que podem ocorrer durante a sua viagem, como visitas a salas de emergência, exames médicos e medicamentos prescritos. Se você é um nômade digital que prefere trabalhar em diferentes países, você precisa garantir um seguro para nômades digitais para cobrir quaisquer lesões ou doenças inesperadas enquanto estiver no exterior. Como cidadão estrangeiro, você pode enfrentar desafios adicionais, como evacuação de emergência ou aumento dos custos de saúde. Dependendo do seu seguro local, pode haver cobertura para viagens de curto prazo em países específicos. Se quiser saber mais, confira esse artigo Como Escolher Seguro Viagem – 7 Melhores e Mais Baratos + 3 Grátis. Continue lendo em: 6 Primeiros Passos para Planejar a Sua Viagem para o Exterior
  5. Viajar pode ser uma das aventuras mais maravilhosas que você pode ter com seus filhos. Quer seja apenas uma rápida visita ao parque local ou uma viagem de uma semana ao exterior, algumas das melhores lembranças da sua vida acontecem quando você viaja. Mas todo pai que já viajou com seus filhos entende que isso também pode ser desafiador ao mesmo tempo. Ter filhos pequenos significa mais bagagem, idas frequentes ao banheiro e comida a cada duas horas. Adicione as pequenas birras do tédio e você terá uma das viagens mais cansativas de todas! O desafio não termina aí. A pandemia do Coronavírus tornou as viagens familiares muito mais difíceis atualmente. Agora você tem que se certificar constantemente de que seus filhos usam máscaras e não toquem em tudo! A ansiedade com a possibilidade de pegar o vírus é real e só torna a viagem menos divertida para muitos pais. Mas o problema é o seguinte: você pode explorar o mundo exterior e criar memórias maravilhosas com seus filhos, mesmo durante a pandemia. Veja como manter os seus filhos seguros e saudáveis durante as viagens em família: Continue lendo em: Covid-19: 6 Dicas para Viajar com Crianças em Segurança nesse Período
  6. Oi! Me chamo Murilo, tenho 19 anos e estou procurando companhia para viajar o Brasil no estilo roots, com pouca grana, fazendo dinheiro no caminho e pegando carona, sem data de volta. Não me importo com o Gênero, Homem ou Mulher tanto faz o que importa é se divertir e ter boas aventuras. Quero fazer de tudo nessa viagem, quero aprender novas línguas e novas culturas, quero explorar, fazer trilhas, nadar em diversos mares, quero passar por todas as estações do ano, conhecer muitas pessoas novas e etc... No momento estou em São Paulo/SP eu pretendo descer para a praia e começar por lá, estou saindo para a viagem no fim de março, quem quiser se aventurar me acompanhando me chama no whatsapp : 11981036169 ou chamem aqui no site mesmo eu vou ficar de olho, valeu até mais.
  7. Vou para Porto de galinhas no dia 09 ao dia 19 de fevereiro vamos nessa comigo viver uma aventura linda naquele lugar entrem em contato Wats 16988127147
  8. Olá gente ! Bom dia !! Eu vendo brigadeiros no semáforo e já faturei em 1 dia R$: 740,00 e decidi fazer um video no youtube ensinando. https://youtu.be/HlGBeC2PmvU
  9. Estou programando minha primeira viajem para São Thomé das Letras (sou louca para conhecer a cidade) e como iria sozinha bateu um pouco de bad rs. Procuro pessoas que queiram embarcar nessa comigo. Nas lendas de lá dizem que tem duendes, gnomos e fadas, bora ver umas fadas comigo rs ?. Sou da cidade do RJ e pretendo ir em Julho que é meu aniversario (vou me presentear hahaha). Se você não for do RJ sem problemas no encontramos lá, vamos? vamos? vamos? hahahaha
  10. Gostaria de saber quanto vou gastar de combustível para ir até buenos aires de moto uma xt 660.
  11. Seria fantástico tentar chegar cedo na frente de uma montanha de turistas nos destinos mais procurados da Europa quando estão todos vazios! Mas com essa pandemia, como saberemos que está tudo bem para viajar novamente? Podemos ou devemos viajar agora? Não!! Ou provavelmente não. Mas como ter certeza que podemos viajar? Bom, talvez somente quando os especialistas nos aconselharem. Porém, se os especialistas não conseguem nem concordar se todos devemos usar máscaras ou ficar em casa, fica difícil de responder a essa pergunta. Então, quais são os itens que precisam ser clarificados antes que seja seguro voar, ir para o mar ou simplesmente entrar em seu carro e partir dirigindo sem destino? Segue aqui está lista de alguns potenciais “marcos” que podem nos informam se é hora de viajar novamente. Continue lendo: Coronavírus e Viagens: Quando Poderemos Viajar Novamente? (COVID-19)
  12. Boa noite! Estou procurando alguém para dividir acomodação, alguém que comprou ou irá comprar apenas um voucher.
  13. Oi pessoal, como vai? Eu amo viajar, mas sempre tive o enorme problema chamado: Sem dinheiro para isso. Contudo, observando tanta gente que viajava sem nunca colocar a mão no bolso, ouvindo aquelas supostas lendas sobre passagens aéreas gratuitas que só pareciam ser reais na teoria e etc, decidi ir atrás de alguém que ensinasse um passo-a-passo sobre como conseguir isso também. Encontrei, então, essa playlist (clica no sublinhado) no youtube que ensina bem direitinho como fazer para viajar sem abrir a carteira. No início, fiquei meio duvidosa, pois jamais havia testado na prática esses truques, até que fiz a primeira tentativa. Desde então, nunca mais parei. Então, resolvi ajudar mais pessoas a fazerem o mesmo. Já fui para Inglaterra, Irlanda, Itália, Argentina, Uruguay, França, só com esses truques. Super recomendo. Espero que essa playlist ajude vocês tanto quanto me ajudou.
  14. Boa tarde. Quero sugestões de cidades em todo o estado de São Paulo, que são tranquilas, românticas e com bastante vegetação e área verde!?
  15. Boa tarde. Quero sugestões de cidades em todo o estado de São Paulo, que são tranquilas, românticas e com bastante vegetação e área verde!?
  16. EXPERIÊNCIA EM JERICOACOARA Vou fazer aqui um resumão da viagem😉. Começando pelo transfer. Existem duas formas de chegar até Jeri, uma é saindo de Fortaleza e a outra é saindo de Cruz, uma cidade que fica bem mais próxima de Jeri. Saindo de Fortaleza o translado dura em torno de 6 horas, são 5 horas de Fortaleza até Jijoca e mais uma hora de Jijoca até a Vila de Jeri. Saindo de Cruz o translado até a Vila de Jeri dura em torno de uma hora e meia. Só lembrando que Jericoacoara não tem aeroporto, é em Cruz o aeroporto mais próximo de Jeri. Chegando em Jijoca é cobrada uma taxa de turismo, o valor é de 5 reais por cada dia que você vai ficar na cidade. Bom, tem 3 opções de Passeios em Jeri, são os seguintes: Passeio do Lado Leste, Passeio do Lado Oeste e o Passeio de Barrinha. Esses passeios são feitos de buggy ou de Jardineira(Hilux). O Passeio do Lado Oeste inclui: Mangue Seco, Cavalo Marinho, Tirolesa, Tobogã e Lagoa da Tatajuba. O passeio do Lado Leste inclui: Pedra Furada, Árvore da Preguiça, Praia do Preá, Lagoa Azul e Lagoa do Paraíso. Vou agora um falar um pouco de cada um dos passeio👇👇👇. O Mangue Seco tem um cenário incrível, bem diferente, você não encontra um cenário como esse em nenhum outro lugar, dá pra colocar a criatividade pra funcionar e tirar várias fotos perfeitas📸. Pena que a parada é rápida de apenas 20 minutos, por isso tem que correr pra poder aproveitar bem. O passeio do cavalo marinho optamos por não fazer, pra fazer o passeio você tem que pagar R$ 15, além disso não é certeza encontrar os cavalos marinhos, tem a possibilidade de fazer o percurso sem encontrar nada. Pra quem gosta de aventura tem a tirolesa e o tobogã, os dois fazem parte do passeio do Lado Oeste. Pra você participar dessa brincadeira tem que pagar R$ 15. Pagando esse valor você tem direito a descer duas vezes na tirolesa ou duas descidas no tobogã. A última parada do passeio do Lado Oeste é na Lagoa da Tatajuba, lá você pode tirar aquela tradicional foto na rede📸. Além disso, em Tatajuba também tem passeio de canoa e de standup, quem optar por fazer esses passeios tem que pagar R$ 30 por 30 minutos. Na Tatajuba é o ponto de parada para o almoço. Sinceramente, não gostamos da comida, além de muito cara não tem qualidade nenhuma. O peixe mais barato lá é R$ 120, tem porções minúsculas de camarão ou de lagostas por R$ 100, tudo um absurdo. A dica é levar alguma coisa pra comer por lá e deixar pra almoçar quando voltar para Vila, é bem melhor. A Pedra Furada é o cartão postal de Jeri, o passeio até a Pedra pode ser feito de duas formas, uma delas é caminhando da Vila até o local que fica a Pedra, normalmente essa caminhada está inclusa no transfer das agências de turismo. A outra forma de ir até a Pedra Furada é no passeio do Lado Leste, onde o bugueiro deixa você em um ponto mais próximo da Pedra, o restante do trajeto tem que fazer caminhando, são mais ou menos uns 20 minutos de caminhada pra ir e mais 20 pra voltar, todo esse trajeto é feito pela praia. No trajeto da Pedra Furada que sai caminhando da Vila, o percurso é bem mais longo, são mais ou menos uns 40 minutos pra ir e mais 40 pra voltar. A caminha até a Pedra Furada é bem longa e cansativa, por isso é bom ir preparado e bem hidratado. Lá na Pedra você vai poder usar a criatividade para tirar fotos nas mais diversas poses📸, dá pra fazer muitas fotos legais. Na Árvore da Preguiça é feita uma paradinha rápida para poder tirar fotos. A árvore fica no meio do nada, é bem interessante. Dá pra tirar muitas fotos bacanas também📸. Outro ponto do passeio é a praia do Preá, nessa praia também a parada é rápida, apenas para algumas fotos📸. O Preá tem uma estrutura muito boa de restaurantes, por isso optamos por almoçar lá, pois os preços são bem mais em conta que na Lagoa do Paraíso. No período que fomos (no final de maio agora), as lagoas estavam muito cheias, devido as fortes chuvas do primeiro semestre, por isso não deu pra aproveitar muito, principalmente a Lagoa Azul, pois a água estava muito turva, não estava legal nem pra tomar banho e nem pra tirar fotos. Na Lagoa do Paraíso fomos no Alchymist. O Alchymist é o local mais badalado e mais procurado de Jeri, as pessoas costumam ir lá pra tirar aquela foto que vai arrasar no insta📸. A barraca tem uma estrutura extraordinária, coisa de outro mundo, é tudo muito lindo lá, parece coisa de cinema. Pena que dessa vez a Lagoa estava muito cheia, por causa das fortes chuvas que aconteceram no primeiro semestre, isso acabou comprometendo um pouco a beleza do lugar. Mas a vibe da Alchymist é surreal, é um ambiente muito agradável, com um dj tocando músicas bem animadas. A barraca fica na Lagoa do Paraíso, além dessa barraca tem várias outras opções, por isso, se você não quiser ir na Alchymist, é só pedir ao bugueiro para lhe levar em outra barraca. Os preços da barraca são bem elevados, por isso vá com seu bolso preparado💸💸💸. A Lagoa do Amâncio é um dos pontos em Jeri onde você pode encontrar água bemmmmm cristalina. Por incrível que pareça, essa Lagoa é formada por água das chuvas, e com o passar do tempo, conforme o período de chuvas vai passando a Lagoa vai sumindo. Atualmente a Lagoa do Amâncio é um dos poucos locais onde você pode encontrar água cristalina. Devido às chuvas intensas do primeiro semestre, as demais Lagoas estão muito cheias e com a água turva, por isso, na hora do passeio vale a pena priorizar e reservar mais tempo para Lagoa do Amâncio. Nós fomos na Lagoa do Amâncio quando fizemos o passeio do Lado Leste. Essa Lagoa não está inclusa no passeio do Lado Leste, mas pedimos o bugueiro para nos levar até lá, pois é caminho dos demais passeios. O guia gentilmente nos levou sem cobrar nenhum custo adicional. Tomem cuidado pois alguns bugueiros querem cobrar para fazer apenas o passeio da Lagoa do Amâncio. Em Jeri também a duna do pôr do sol, que é onde as pessoas se reúnem no final da tarde para apreciar um belo pôr do sol. Como tudo que é bom dura pouco😁😁😁, é bom chegar cedo na duna, por volta das 17 horas, pois o sol se põe muito rápido. Você não vai querer perder uma belezura dessas né?! Apesar da duna ficar lotada, não se preocupe, tem espaço pra todo mundo tirar aquela fotinha especia 📸. Esse é um cenário que vale a pena apreciar todos os dias que você estiver por lá, cada dia é um espetáculo diferente da natureza😉 Um ponto de destaque de Jeri é a segurança, você pode andar a qualquer hora do dia ou da noite, é tudo muito seguro por lá. A Vila é bem pequena, os hotéis e pousadas que ficam dentro da Vila são todos bem localizados, não precisa se preocupar. A gastronomia de Jeri também é maravilhosa, tem opções para todos os gostos e bolsos, desde os tradicionais frutos do mar até massas, pizzas e tudo mais que você imaginar. Os restaurantes que mais gostamos foram o Na Casa Dela e o Dona Amélia, nos dois a experiência foi incrível. Resumindo, Jeri é uma cidade incrível, tem uma energia muito boa, vale muita a pena conhecer😍😍😍. Quem tiver alguma dúvida é só deixar aqui nos comentários.😉 No meu instagram tem dicas, fotos, vídeos e os preços dos principais passeios e restaurantes de Jeri. Quem quiser pode conferir minha viagem completa lá: www.instagram.com/turistainiciante
  17. E aí pesoal! Beleza? Então,eu tô indo agora dia 11/07 para o Ceará prestar um concurso público, e como a grana é curta tive que comprar passagem pra ficar uma semana em Fortaleza porque era a passagem mais barata(mesmo a prova sendo apenas um dia), gostaria de saber se alguém aqui conhece algum local que eu possa fazer CouchSurfing ou um Trabalho Voluntátio em troca de acomodação e, quiçá, alimentação? Qualquer informaçãoserá válida, valeu galera!!!
  18. Estou viajando e vendendo brigadeiros numa caixa de ferramentas que paguei 19€, são 04 anos na estrada , 28 países e muita criatividade e cara de pau. Quer viver seu sonho de viver viajando ? Eu te ensino como e o melhor de graça, sou grato por estar VIVENDO O MEU SONHO, e compartilho tudo em meus Stories no Instagram: @instacaionomundo Lá eu posto várias soluções criativas para você viver viajando de um jeito simples e grato. Criatividade & Cara de Pau, chega de desculpas em sua vida e vai viver seu sonho HOJE !!!
  19. Olá Pessoal, tudo bem? Gostaríamos de sugerir a vocês o aplicativo WikiRota para auxiliar no planejamento da viagem. O que oferecemos: - Pedágios que estão no seu percurso, com a posição real no mapa - Distância a ser percorrida - Tempo da sua viagem - Possibilidade de calcular a viagem de ida e volta - Valor total da sua rota - Calcular a rota com até 21 destinos- Calcular a rota com até 21 destinos - Alterar a rota no próprio mapa - Incluir Custo Adicional no total calculado. O WikiRota está disponível para iOS e Android. Ah, temos também o nosso site que faz os mesmos cálculos que o app: https://www.wikirota.com Abs, Equipe WikiRota
  20. Ola pessoal, estive lendo sobre e o que tenho entendido é que, as melhores formas de encontrar onde dormir pode ser nos postos, restuarantes e preferencia em lugares onde caminhoneiros fica. Estou certo?? Farei um mochilão para Recife e la estarei com um couchsurfing. Mas estarei por alguns dias na cidade conhecendo e re-vendendo bagatelas pra ter algum dinheiro pra comida. Então como acredito enquanto saia da cidade procurarei formas de achar como dormir. Ja peguei varias dicas de como pegar carona (Esteja em lugares onde os carros não passem a mto velocidade, perto de postos, restaurante e pontos policias e tenha um sorriso. Tambem não especificar no cartaz apenas a cidade de destino, sse não tambem cidades perto), se tiverem alguma outra dica, gostaria. Mas principalmente sobre lugares para dormir
  21. PAI, um vilarejo hippie na Tailândia 🇹🇭. Não sei bem quando foi que descobrimos a existência de Pai, bem ao norte da Tailândia, a caminho de Myanmar. Mas a promessa de uma cidedezinha com uma vibe hippie nas montanhas chamou nossa atenção. Talvez por ter sido um importante polo na rota do ópio no passado, Pai tenha se tornado esse destino alternativo, que atrai os viajantes em busca de algo diferente do turismo de massa tão comum nas ilhas do sul, por exemplo. Apesar de não ser nenhuma reencarnação de Woodstock, ao chegar na cidade de 3 mil habitantes realmente a gente percebe o tal clima hippie: vários mochileiros de dread locks pelas ruas, cafés e restaurantes vegetarianos e veganos, estúdios de ioga, barzinhos de jazz, oficina de circo e uma penca de hostels e guesthouses pra acomodar os turistas, que vão aparecendo cada vez em maior número. Chegamos pra ficar 2 dias e ficamos 6, porque sim, nos contagiamos pela energia do lugar. Além de todo o apelo “paz e amor” da cidade em si, os arredores estão repletos de atividades em meio à natureza, com cachoeiras pra se refrescar do calor (e que calor!), águas termais pra passar uma tarde de puro relaxamento, uma caverna gigantesca com um rio subterrâneo, um cânion que oferece vistas estupendas do vale de montanhas e uma das maiores pontes de bambu do mundo sobre os verdejantes campos de arroz. Mesmo que nossa visita tenha sido numa das piores épocas do ano por causa das queimadas e do calor implacável, passamos dias sem compromisso ou mil atividades, fazendo o que dava na telha no momento. O mercado noturno é um capítulo à parte; são dezenas de banquinhas de artesanato colorido, arte local, roupas e bolsas estilosas e a maior gama de comidas de rua que vimos até então nessa viagem. As opções iam desde os pratos tradicionais como pad thai e arroz “grudento” com manga até outros bem ocidentais como lasanha, brusquetas, tacos e brownies. Há quem critique essa ocidentalização exacerbada, mas eu já acho que existe espaço pra todo mundo e quanto mais, melhor! Você não precisa ter dreads e vestir camiseta do Bob Marley pra aproveitar tudo o que Pai tem a oferecer; pode se aventurar de moto pela belíssima região, fazer trekking na natureza ou uma aula experimental de ioga ou Muay Thai, provar um café orgânico plantado no local ou uma kombucha e ajudar o planeta um pouquinho comendo as delícias veganas dos inúmeros restaurantes. Mas se você for carnívoro de alma, também não tem problema, porque se encontra facilmente ambas as versões, inclusive de frango (um dos nossos restaurantes favoritos fazia um “frango vegano” a base de cogumelos e vegetais que juro que tinha gosto de nuggets!). Aqueles em busca de uma experiência mais intensa, ainda podem tomar o shake de cogumelos que crescem no cocô de elefante que alguns bares alternativos oferecem. Enfim, foi uma semana pra relaxar e recarregar as energias. Pai não vai te decepcionar (geralmente pais nunca decepcionam né??).
  22. Percebo que a nacionalidade é um mero acaso e minha idade é só um número. Desapego daquilo que não faz mais sentido. Experiências em vez de subserviência. O desconhecido como força motriz. Os prazos e obrigações dão lugar ao compromisso com a estrada que leva cada dia a um novo destino. Coração que pulsa com a verdadeira emoção de viver, e não sobreviver aos dias que se acumulam na redoma cinza da rotina. Aprendi a ressignificar o conceito de casa, que perdeu as paredes e os tijolos, para virar o lugar onde eu estiver. Liberdade em sua plena existência assusta, porque ainda preciso aprender a me comportar sem relógio, roupas sociais e intervalos de 45 minutos. A essência mais pura da curiosidade e do espírito desbravador vem à tona, antes aprisionada na gaiola da tríplice carreira-status-dinheiro. Ah sim, ainda preciso de dinheiro, mas como meio e não como fim. A barriga passa a doer pela adrenalina e não porque o chefe exigiu o relatório pra amanhã. O padrão, a produção em série e o sentimento de mais um na boiada estendem o tapete pra passar o novo, o inesperado e uma existência com mais significado. E não é pra provar nada pra ninguém, não, é pela urgência em viver essa minha única vida da maneira mais avassaladora e intensa que eu conseguir. Agora vocês me dão licença, porque o mundo está a minha espera. . Texto Rafaela Velhinho Mais textos e fotos no https://www.instagram.com/pandoraontheroad/ https://www.facebook.com/pandoraontheroad/ Viagem ao mundo a bordo de uma Land rover Defender adaptada. ´´ Pandora on the road´´
  23. Fala pessoal, tudo certo? Estou em busca de parceiro ou parceira para fazer um michilão "sem rumo", porém planejado. Sou do Rio de Janeiro, estou no Piauí faz 20 dias, estou muito animado para dar um pulo no Uruguai e dar uma volta pelo nosso Brasil a dentro. Vamos trocar uma ideia, sem pré-julgamentos. Vou deixar meus contatos aqui, Whatsapp: 22 99789-2318 LinkedIn: John Honorato Couchsurfing: John Honorato Instagram: Johnhonorato0 Email: [email protected] Espero por ti! Data e demais informações, a gente decide juntos!
  24. Olá pessoal!!! Fiz uma viagem maravilhosa para os alpes suiços e compartilhei algumas informaçoes sobre preços e tudo mais. veja no link abaixo: qualquer duvida estarei a disposiçao pra ajudar sobre valores etc!!! forte abrço
  25. Bom dia meus amigos, vocês já me ajudaram demais nesse grupo e, indiretamente, são parte da minha decisão/conquista em realizar esta viagem. Vou para Buenos Aires por 45 dias, mas estou com uma dúvida filha da p*** quanto ao meu deslocamento. Eu moro em Chapecó, fica em santa catarina divisa com o RS. Eu teria que estar lá dia 27 (mas creio que posso estender a ida até 28 ou 29, no máximo) e estou em dúvida de como fazê-lo. Meu plano atual consiste em pegar uma carona até Porto Alegre (temos um grupo de caronas no whats que tem praticamente todo dia/semana) e de lá pegar um ônibus pela empresa JBL Turismo (fui informado de que é a ÚNICA que faz esse trajeto até Buenos Aires, 20h de viagem a um preço de 336 reais). Avião está fora de cogitação porque nada baixa de uns 1200 reais ida e volta e eu não tenho (e nem quero) pagar isso, prefiro ficar 20h no ônibus e ter mais dinheiro pra gastar lá. Vocês teriam alguma dica? Pegar ônibus até alguma cidade pra esquerda do mapa até a fronteira com algum país, e de lá atravessar e comprar passagem de ônibus ou avião, eu não sei, toda ajuda é bem vinda.
×
×
  • Criar Novo...