Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

carolvmk

Manaus - fui... e não gostei!! (com fotos)

Posts Recomendados


Estive em janeiro/12 em Manaus, aproveitei bastante, a grosso modo é uma metrópole, com seus problemas, normal para uma cidade de 2 milhões habitantes, mas nada assustador, tomando as devidas cautelas.

 

Ratificando o que o Rafael informou:

 

Os pontos altos de Manaus e sua região:

.O Inpa, onde vc conhecerá os aquários com peixes-bois, muito legal. Pode chegar tranquilamente de busão;

.O mercado do porto, vc conhecerá a rica produção de peixe da região amazônica, podendo saborear lá mesmo.....assado na hora;

.Ir até o ceasa, de busão, e contratar um barco prá conhecer o encontro das águas......

.O teatro amazonas....imperdível!

.O porto.....interessante conhecer, prá sentir como os ribeirinhos se locomovem e sofrem dentro duns barcos......

 

Mais distante, vc poderá ir até novo airão, conhecer os botos cor=de=rosa, imperdível... o melhor!

 

Tem figueiredo e suas cachoeiras, se tiver tempo sobrando, aproveita e vá conhecer Balbina, onde tem uma reserva de preservação do peixe-boi, ali verá muitas araras vermelhas, azuis......criadas ao ar livre......recomendo! pegá-se um busão em figueiredo e em balbina contrata um carro prá conhecer, também o lago da represa(tem restaurante).....balbina tem hotel simples.

Compartilhar este post


Link para o post

Oi gente, agradeço demais por todas as dicas.

Hoje que estou recolhendo e cruzando as informações para selecionar o que pretendo conhecer.

Feriadão to embarcando. Valeu demais pelo help :)

Super bjo

Compartilhar este post


Link para o post

oi pessoal !

 

eu pretendo ir ao amazonas em fevereiro e fiz algumas pesquisas aqui , mas estou tendo dificuldade de encontrar hoteis e informações a respeito de alguns lugares , eu vi aqui muitas dicas , eu penso que alguem possa me ajudar.

 

as cidades que pretendo visitar são ;

 

- iranduba ,essa é a primeira cidade apos atravessar a ponte do rio negro , duvida ;

1 - posso chegar diretamente na cidade de barco ou preciso pegar um onibus ?

2- é possivel fazer um passeio de barco para parana do ariau , se sim , quanto custa ?

3- hotel popular , alguem pode indicar ( vi que aqui tem hoteis de selva para ricos ....hi hi hi ) ?

 

- nova olinda do norte ( não achei muitas informações ::essa:: sobre esta cidade as margens do rio madeira )

1 - vale apena visitar ?

2 - hoteis , pousadas ?

 

espero que alguem possa ajudar ::sos::

Compartilhar este post


Link para o post

Se eu criar um topico hoje, vai se chamar: Manaus (e região)....fui e amei !!! kkkkkkkk

Voltei ontem a noite de Manaus, e nossa, que feriado delicioso :)

Fui para Manaus, e região ali ao redor, Balnearios, Prainhas do outro lado da ponte, Nova Airão, Anavilhanas, Presidente Figueiredo, etc.

Já vou pesquisar passagens aereas pois pretendo retornar muito em breve, kkkkkk.

 

Sheiter, depois vou passar todas as anotações que fiz aqui, e te mando por e-mail ok, me informa o seu e-mail....

Porem, eu fui para outras cidades, mas te mando caso alguma das infos sejam uteis.

 

Bjks :)

Compartilhar este post


Link para o post

Oi Vivi ,

 

tudo que você puder me enviar de informação da região , eu vou te agradecer .

 

Esta muito dificil de encontrar informações de algumas cidades.

 

você fez algum passeio para conhecer alguma aldeia ?

 

vou te enviar meu e-mail por mp.

 

abs ::otemo::

Compartilhar este post


Link para o post

Oi gentem, voltei de manaus anteontem, e como todo mundo aqui me deu muita dica valiosa, vou aproveitar e postar abaixo algumas coisas que pesquisei antes de ir em blogs e foruns, e tambem incluir algumas coisas minhas, como contatos, minha opinião, anotações ok....Vai que pode ser util pra alguem....rs

Pra quem for conhecer Presidente Figueiredo, não deixem de conhecer a pousada Nossa Casa do Herman Rastaman, poutz, o nome já diz tudo. Abaixo coloquei mais informações ok. E Em Novo Airão, o barqueiro Ceará é uma simpatia de pessoa. :)

Inclui todos os contatos que achei legal ai abaixo. Bjks

 

 

 

AEROPORTO:

Para chegar no aeroporto Cumbica: linha 257 saindo do Metrô Tatuapé. Ônibus urbano comum, mas com algum espaço para malas. R$ 4,20 aproximadamente. A linha 299 tambem faz o trajeto, com mais paradas e mais longo.

 

MANAUS:

-Alugamos carro na Viriato Rent a Car, com Nicholas, av Tarumã 857, Centro. Pagamos 60,00 a diária (rateado por 4 pessoas) + 15,00 de seguro/dia.

-Passagens: Pagamos 250,00 cada trecho aereo. SP x Mao pela Gol.

-Nos hospedamos no Manaus Hostel Trip Tour, WWW.manaushostel.com.br, contato Luana Marinho (92) 3231-2139 [email protected] por 65,00 o quarto privado para 2 pessoas com ar condicionado, incluso café da manhã (suco+lanche simples). Talvez seja interessante conhecer outros hostels, mas ficamos neste devido a localização (na rua do Teatro no Centro)

- Ponta Negra, Tropical hotel, paga estacionamento. Dizem que é melhor local da cidade para ver o pôr do sol. Tem boulders para escalar. Alem de linha de arenito da Ponta Negra ao lado do Hotel Tropical aproximadamente 1,5km de rocha com muitas caverninhas e blocos negativos. Sobre os boulders da Ponta Negra, há dois acessos. Um é pelo Hotel Tropical através do estacionamento. Carros pagam uma pequena taxa, mas motos e bicicletas é livre. O outro acesso é pelo pier da Ponta Negra com uma caminhada mais longa. Aluguel de Bicicleta uma hora a R$ 10,00, no Bike Manaus que fica no Turim Premium na Ponta Negra próximo ao Dulcila. Não deu tempo de conhecer.

- Teatro Amazonas, 10 reais. Estava fechado devido ao feriado.

- Municipio de Iranduba a 35km de Mao - Paricatuba boulders nas margens do Rio Negro. E também praia de Açutuba (muvucada, com barulho, e cauxi na água devido a seca – coceira no corpo)

-Mercadão Tradicional de Manaus comer peixe nos botecos Pirarucu, Tambaqui e o Tucunaré

-Porto Flutuante de Manaus

- Mirante das Lajes, único ponto por terra que é possível avistar o encontro das águas. Mais infos: http://descobrindooamazonas.webs.com/encontrodasguas.htm Seguindo pela Alameda Cosme Ferreira, após viaduto do Coroado, continue sempre em linha reta. Você vai chegar até o Shopping São José e a rotatória de mesmo nome. Passe por eles e continue em linha reta, ultrapassando o Terminal Rodoviário 5 logo a frente. Você irá chegar a uma área com grandes castanheiras dos dois lados da rua (no local, funciona o IFAM). Note algumas placas da Petrobras indicando a direção do Porto Encontro das Águas. Siga essas placas, sempre em linha reta (você ainda atravessa por mais uma rotatória e um viaduto). Veja a sua direita a fábrica da Sodécia, e em seguida um outro prédio de fábrica com vidros esverdeados. Dobre à direita depois do prédio. Após essa curva, você deve continuar em linha reta, passando pela frente de uma placa que diz "Estação de Tratamento de Aguá das Lajes". Logo mais à frente, haverá uma bifurcação onde, ao invés de seguir à direita (conforme indica a placa "Porto Encontro dás Águas"), você dobra à esquerda, seguindo a placa que diz "Porto Bertollini". Você já está quase lá, mas tem que tomar cuidado a partir daqui, pois esse trecho da estrada tem vários buracos. Você irá passar por uma estação da Embratel e, após dois minutos, verá um portão à sua direita, do tal Porto Bertollini. Continue em linha reta reto e verá logo a seguir outro portão. Pronto. Ao atravessar, basta estacionar e ir até o mirante. Dali, você tem uma visão completa do Encontro das Águas e da floresta amazônica além dele. O Mirante das Lajes pode ser visitado tanto através da Alameda Cosme Ferreira, saindo do Viaduto do Coroado, como também pela Av. Buriti, partindo do Centro Cultural dos Povos da Amazônia e passando pela fábrica da Samsung.

-Encontro das águas de barco de excursão: A Amazon Explorers oferece o passeio por R$120,00 por pessoa, saída 9h e retorno às 15h do Porto de Manaus. Uma hora até Encontro das Águas. Apesar de mais cara, essa opção é a mais confortável. No pacote inclui visita ao Parque Ecológico Janauari, passeio de canoa pelos igapós (floresta inundada) e ida a lagoa cheia de vitórias-régias, e almoço no restaurante flutuante, com diversos peixes amazônicos à disposição. Bom contato com natureza e gastronomia amazônica.

-Encontro das águas sem excursão: Porto do Ceasa. Localizado bem mais próximo ao fenômeno, no Distrito Industrial da cidade, no porto tem barqueiros menores com passeios + flexíveis. O passeio é até Encontro das Águas e pode leva-lo para visitar uma pequena vila ribeirinha (onde se e/ou até mesmo seguir viagem até o Parque Ecológico Janauri, repetindo parcialmente o roteiro proposto pelas agências de turismo mencionado acima. Os preços são variados e dependem do roteiro que o visitante escolher. Se quiser ir apenas até o Encontro das Águas, o preço é de R$20,00 por pessoa; se incluir uma visita a uma vila ribeirinha (onde os locais levam jacarés, cobras, bichos-preguiças e macacos para os visitantes acariciarem) o passeio fica por R$200,00 para um grupo de até 10 pessoas; e se quiser ir até o Parque Ecológico Janauari o preço para o grupo de 10 pessoas fica em R$250,00. Preços podem variar muito de um barqueiro para outro.

- Bosque da Ciência no INPA

- Parque Ecológico Janauari está incluso nos pacotes de encontro das águas...negociar com barqueiro

*Onde comer: Paramazon Rua Santa Isabel, 1.176 Cachoeirinha Cozinha regional, serve pratos tradicionais como pato no tucupi, caldeirada de peixe, pirarucu recheado com camarão e tambaqui na chapa. Os pratos custam em média 18 reais, sem incluir a bebida, e servem duas pessoas. Uma das receitas mais apreciadas é o afogado de caranguejo, um risoto de caranguejo que leva leite de coco. Panorama As especialidades são tucunaré, tambaqui e pirarucu, servidos na brasa, ao molho ou em caldeirada. Os preços variam de 16 a 20 reais, também sem incluir as bebidas, e os pratos servem bem duas pessoas. Choupana R. Recife, 790 tem cobertura de palha e decoração rústica, porém, de bom gosto. Para iniciar os trabalhos, a casa oferece como cortesia um caldinho de tucupi ou de peixe. Entre os pratos principais, destaque para o tambaqui à choupana - grelhado e acompanhado de bananas fritas; e o risoto aos três peixes: tambaqui, pirarucu e tucunaré. Joelza Av. Torquato Tapajós, s/n farto café da manhã regional oferece tapiocas, bolos, pães, canjica, mingaus, cuscuz e, para encerrar, frango de leite com macaxeira e carne-de-sol com farofa.Skina dos Sucos Av. Eduardo Ribeiro, 629 Sucos de frutas típicas, como acerola, cupuaçu e caju, são encontrados na casa, uma das mais badaladas da capital. Para os fãs do açaí, a iguaria é servida na tigela com guaraná, ovo, farinha de tapioca, castanha e mel. Tacaca da Gisela Largo São Sebastião, s/n A casa da cozinheira, que prepara um dos melhores tacacás da cidade, fica pertinho do Teatro Amazonas. O caldo servido em cuias é feito com tucupi, camarão seco, goma de mandioca, jambu, chicória e sal. De todos estes só conheci o Tacaca da Gisela.

 

PRESIDENTE FIGUEIREDO

106km (saindo de Mao pela BR 110). Cidade com preços justos. Como chegar: Ônibus (2 horas /17 reais) ou carro BR-174. Na entrada da cidade há um CAT (Centro de Atendimento ao Turista) Falar com Juliane (9348-2412). Indicado Alugar carro para fazer os passeios. Alugamos carro na Viriato Rent a Car de Manaus, contato indicado acima. Pagamos 60,00 a diária (rateado por 4 pessoas) + 15,00 de seguro/dia.

Onde se hospedar: Ficamos na pousada Nossa Casa do Herman Rastaman, no Cat tem o fone. A pousada fica na Rua Itauba, Morada do Sol, próximo ao Ginasio coberto. Indico demais !!!! Realmente o nome faz jus a nossa sensação, nos sentimos em casa. Ambiente familiar, e ao mesmo tempo descolado. Super descontraído. Herman, sua esposa Fabi e as crianças são uma simpatia, e vivem no maior astral, impossível não se deixar contagiar por tão boa energia. Só de conhecê-los já valeu a ida para Pres Figueiredo. Tem varias opções de quartos, fiquei no mais simples, com ducha fria e ar cond, R$ 70,00 para 2 pessoas. AM 240 A estrada de Balbina concentra a maior parte das cachoeiras.

Cachoeiras:

- BR 174 km 115 Cachoeira Iracema, não precisa de guia, 10 reais para entrar, tem dois pontos de queda. Não conheci.

- Cachu Neblina, Km 51 da AM-240. Levamos uma hora e meia para ir + uma hora e meia para retorno, mas fomos num passo mais rápido. São de 6 a 8 km de trilha, geralmente leva 2 horas de ida. A trilha é superrrrr suave, linha reta, nada íngreme, nada de subidas nem trechos complicados, poucos obstáculos, algumas arvores caídas, fácil navegação, somente uma reta sem bifurcação alguma. Porem, trilha Somente com guia pois o acesso à Cachoeira ainda não é oficialmente liberado, está dentro de uma propriedade particular, e só é autorizada a entreda com guias. R$ 100,00 a diária dividido pelas pessoas do grupo, acho que 10 pessoas + 5 reais de entrada na cachu para o caseiro. Indicação de Guias: Herman (presidente da assoc dos guias), Fredy (92) 9493-3045 e Edilson Navarro (92) 9112-5336 9110-9131. Permitido acampar lá.

- Sussuara, fica na vila de Balbina, a 80km de Figueiredo, e depois é necessário 5km de trilha, permitido acampar. Não conheci.

- Orquideas, Urubuí, para visitar e são próximas do centro de Pres Figueiredo e de fácil acesso.

- Cachoeira do Santuário Km 12 da AM-240 (Estrada de Balbina), entrada da reserva ecológica é bastante visível e sinalizada a partir da rodovia. De carro ou moto-táxi, chega-se. Das 8h às 16h é o horário de visitação, 10R$ por pessoa. Tem chalés e rest e piscina que atende hosp e não hosp. 10 min de trilha. O complexo é composto por três quedas d’água, com a maior atingindo cerca de 15 metros de altura. A forte correnteza, ao chocar-se contra as pedras, produz respingos de água que parecem reproduzir uma fina névoa, proporciando uma bela visão. Tem piscinas naturais.

- Caverna Refúgio do Maroaga e Gruta da Judéia Km 06 da rodovia AM-240. Com cachoeiras. O ponto inicial da trilha está marcado com um grande outdoor onde está escrito Caverna Refúgio do Maroaga, facilmente avistado na beira da rodovia. Chega-se facilmente de carro ou mototáxi. R$100,00 o guia para grupo 10 pessoas. A caverna está localizada dentro de uma área de proteção ambiental e só pode ser visitada com a presença de um guia turístico, o qual pode ser facilmente contratado no CAT. Não conheci, estava seca e fechada para visitação devido a época de reprodução do galo da serra.

-Cachoeira da Pedra Furada. Km 57 da AM-240 5 minutos de trilha Após passar pela placa que indica o Km 57, prestar atenção ao lado esquerdo da pista. Em poucos minutos surgirá um pequeno portal de madeira aonde está escrito, bem discretamente, "Pedra Furada". Essa é a entrada. Das 8 as 16hrs é a visitação.

- Vila e Lago de Balbina (dizem ser o desastre ambiental, lago inundado). Infelizmente não conhecemos por falta de tempo.

- Lagoa Azul km 120 da BR 174 dentro de uma propriedade particular. Dizem que era uma linda lagoa azul, mas o dono tentando reformar a transformou em um fosso barrento. Não conhecemos por falta de tempo.

-Cachoeira Natal, Lages, Onça, Não conhecemos.

-Cachoeira Salto do Ipy, devido estar em área particular, só é permitido o acesso com guia. Trilha suave, de uns 4 km aproximadamente, sem subidas íngremes. Muito linda a cachu. Não forma poço para banho.

- Cachoeira da porteira para escalar ou acampar– Fazenda da Porteira -> Uma boa área com psicoblocs, boulders e blocos com vias esportivas é a área da Cachoeira da Porteira que fica na fazenda de mesmo nome, no km 12 da rodovia que liga a BR 174 a Balbina em Presidente Figueiredo – AM. No local há estrutura para camping e para alimentação, havendo um restaurante. O acesso é bem simples, sendo o ponto alto a boa quantidade de blocos à beira da água.5,00 a entrada por pessoa.

-Asframa, cachoeira no caminho, antes de chegar em Figueiredo

 

NOVO AIRÃO

180km (saindo pela ponto do Rio Negro na AM-070 e depois de mais ou menos uns 90km pega a AM-352) Local de botos. Chega de carro ou de ônibus, atravessando a Ponte Rio Negro. Já do outro lado do Rio Negro, siga pela rodovia AM-070 (Estrada Manoel Urbano) e, no Km 80, vire à direita e siga pela rodovia AM-352 que leva até Novo Airão. Pousada Paraíso logo na entrada da cidade R$ 40,00 quarto para 2 pessoas sem café da manhã.

-10,00 para ver os botos (não fomos, mas vimos muitos botos)

-Café da manhã no Ponto do Café, próximo a praça do Dinossauro: Suco de Araça, tapioca, Cará, Pão com tucumã

-cidade fantasma de Velho Airão

-Fundação Almerinda Malaquias, artesanatos locais, ao lado da pousada

-Praias a 5 min de voadeira

-Balneário Mato Grosso prox da cidade

-Grutas de Madadá

Tem 2 parques:

-Anavilhanas, conglemerando de 400 ilhas, a 1º logo no porto da cidade. Praias do Meio, Bararuara, Camaleão e Pirapiema. A forma mais econômica de conhecer é contratar um barqueiro que fica na margem da cidade de N Airão. Passeio de voadeira para conhecer as ilhas submersas e praias, o preço da hora custa 70 reais para um grupo de até 5 pessoas normalmente, 15 por pessoa. Indico o barqueiro CEARA (9121-4580/9121-4614/3365-1270). Pode combinar acampar e barqueiro busca depois. Este passeio permite conhecer de perto os labirínticos corredores verdes do Parque. Uma outra opção de travessia do Rio Negro é através de voadeiras que saem do Porto de Manaus (centro). O preço é de R$5 por pessoa e a travessia dura cerca de 15 minutos. Após atravessar o Rio Negro, caso você não esteja de carro, a maneira mais fácil de chegar em Novo Airão é contratando um táxi lotação. O preço é de R$140 para um grupo de até 4 pessoas. É recomendável ligar no dia anterior para combinar os detalhes da viagem. É possível também chegar à Novo Airão de ônibus a partir de Manaus, mas os horários de saída são restritos. O preço da passagem (apenas um trecho) é de 35 reais e o trajeto dura cerca de cinco horas, pois o ônibus vai primeiro até a cidade de Manacapuru. Como chegar de Manaus a Anavilhanas: Depois de atravessar a ponte sobre o rio Negro, siga pela AM-070 em direção a Manacapuru (86 km aprox.), e depois, em um entroncamento à direita, pela AM-352 em direção a Novo Airão (mais 98 km).As estradas são asfaltadas e as condições são razoavelmente boas o ano todo. Em média, completa-se o trajeto em no máximo 2h30min.

-PqN Jaú, maior reserva florestal do Brasil, há um conjunto de atrações, com desenhos rupestres, cachoeiras, trilha, e também estão suscetíveis ao período de chuva e seca. A reserva vive em sintonia com as comunidade ribeirinhas locais, lá você ficará acampando e não é possível adquirir comercialmente nada, portanto deves levar tudo que precisas. Para chegar na localidade demora de 3 a 6 horas de voadeira os preços variam de 600 a 800 reais a diária para um grupo de até 5 pessoas, e como são necessários no mínimo dois dias vai sair pelo menos 1200 a 1600 reais. ::sos:: Você também precisará de uma autorização do Ibama, é simples de ser tirada, é necessário pagar uma taxa, informações aqui http://www.icmbio.gov.br/portal/o-que-fazemos/visitacao/ucs-abertas-a-visitacao/189-parque-nacional-do-jau.html

 

BARCELOS: Barcelos antiga capital, hoje vive da pesca tucunaré-açu , e tem a mais bonita praia, Praia Grande. 400km de Manaus, não vai rolar de ir devido a distancia.

IRANDUBA:

27 km de mao, local de hoteis luxuosos. Chegar de carro, atravessando a Ponte Rio Negro. Já do outro lado do Rio Negro, siga pela rodovia AM-070 (Estrada Manoel Urbano) e vá se guiando pelas placas indicativas. Todas as principais atrações do município estão localizadas em ramais que partem diretamente da rodovia. Praia do Açutuba (não ir, muvuca e som alto, e estava com CAUXI, coceira) Paraná do Ariaú Cachoeira do Castanho Ruínas de Paricatuba

 

 

Fontes:

http://descobrindooamazonas.webs.com/novoairo.htm

http://eco_tours_port.webs.com/parquenacionaljau.htm

http://aventurasamazonia.blogspot.com.br/

http://aventurasamazonia.blogspot.com.br/2012/02/em-construcao.html

http://aventurasamazonia.blogspot.com.br/2011/06/dois-dias-em-presidente-figueiredo-0406.html

http://www.pousada-belavista.com/Como%20chegar/Como%20chegar.html

www.mochileiros.com/dois-dias-em-presid ... 56683.html

manaus-fui-e-nao-gostei-com-fotos-t54087.html

manaus-e-cidades-proximas-dezembro-2010-com-fotos-t50161.html

manaus-3-dias-inteiros-com-fotos-t59183.html

presidente-figueiredo-lajes-passaros-porteira-natal-e-nevoeiro-amazonas-dez-2011-t63750.html

http://www.d24am.com/plus/turismo/conheca-um-roteiro-de-cachoeiras-para-aproveitar-presidente-figueiredo/56734

http://phmontanha.wordpress.com/ para escalada

http://phmontanha.wordpress.com/2012/11/03/boulders-da-ponta-negra-em-manaus-am-e-outros-locais-para-a-pratica-da-escalada/

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Rodoviária Manaus / Bus station Manaus

(92) 3632-3568

Rodoviária Figueiredo / Bus station Figueiredo

(92) 3324-1231

CAT - Figueiredo (Atendimento ao Turista) / Tourist service

(92) 3324-1308

Passeios Turísticos / Tours

(92) /92670806/

 

Hotéis e Pousadas na Zona Urbana de Presidente Figueiredo

Hotel Maruaga Telefone: (92) 3324 1110 / 3324 1176

Email: [email protected]

Site: www.hotelmaruaga.com.br

 

Pousada da Jibóia

Telefone: (92) 3324 1228

Email: [email protected]

 

Pousada da Wal

Telefone: (92) 3324 1267 / (92) 8119 1922

Site: www.pousadadawal.com

 

Hotel Cachoeira do Urubuí

Telefone: (92) 3324 1819 / 3324 1186 / 9197 6954 / 8151 8602 / 9277 2191

Email: [email protected]

Site: www.hotelcachoeiradourubui.com.br

 

Cuca Legal Hotel

Telefone: (92) 3324 1138 / 3324 1140 / 3234 2699 / 9150 4804 / 9148 8586

Emails: [email protected] / [email protected] / [email protected] / [email protected]

Site: www.cucalegalhotel.com

 

Pousada das Pedras

Telefone: (92) 3324 1296 / 3324 1907

Site: http://ecoviagem.uol.com.br/brasil/amazonas/presidente-figueiredo/pousada/pousada-das-pedras/

 

Pousada da Vilma

Telefone: (92) 3324 1130 / 9145 0041

Email: [email protected]

 

Pousada Isabella

Telefone: (92) 3324 1507

 

Pousada Tucanos

Telefone: (92) 3324 1404

 

Pousada Menina Bonita

Telefone: (92) 3324 1102

 

Pousada Luzilândia

Telefone: (92) 3324 1128

 

Hotel dos Viajantes

Telefone: (92) 3324 1204

 

Pousada Brasil

Telefone: (92) 3324 1126

 

Hotel Magalhães

Telefone: (92) 9155 0324

 

Galo da Serra Plaza Hotel

Telefone: (92) 3324 1813

Hotéis e Pousadas na Zona Rural

Reserva Ecológica Cachoeira Santuário

Telefone: (92) 3238 6752 / 9173 9488

Email: [email protected] / [email protected]

Site: www.cachoeirasantuario.com.br

 

Complexo Fazenda Marupiara

Telefone: (92) 3324 1445 / 9997 2650 / 9994 0650

 

Iracema Falls Ecoresort

Telefone: (92) 3324 1109 / 9114 9311

 

Vivenda Fênix

Telefone: (92) 9132 9955

 

Berro D'Água Restaurante e Camping

Telefone: (92) 9122 5185

 

Pousada Corredeira da Pantera

Telefone: (92) 9174 8276

 

Amazon Acqua Park

Telefone: (92) 3324 1109 / 3324 1403

 

Complexo Berro D'Água

Telefone: (92) 3324 7001 / 9152 6505

 

Paraíso Pesca Esportiva

Telefone: (92) 3233 7040 / 9987 6107

 

Jet Pesca Esportiva

Telefone: (92) 3635 3828 / 9146 0355

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post

Como muitos já postaram as sugestões, para mim a principal coisa que aprendi é que as viagens são mais marcantes quando decidimos descobrir os encantos dos lugares, por conta própria... essa história de guias e roteiros pré-elaborados, realmente artificializam e não nos deixam conhecer como são realmente as cidades, a cultura, a forma de viver do povo, etc. Esse passeio do encontro das águas que você descreveu, eu o fiz em 1982, ou seja, há 32 anos e não mudou absolutamente NADA! Trinta e dois anos é muito tempo, muita coisa aconteceu e o passeio é o MESMO??? A única diferença entre o seu e o meu passeio foi a embarcação: eu fui no barco grande, onde havia muita gente, é claro, o almoço foi servido no barco mesmo e o astral estava legal; o resto é exatamente o que você descreveu. Manaus, passou da hora de diversificar as excursões, mostrar coisas e lugares maravilhosos que existem tanto na cidade como no estado! Mais um detalhe: conhecer a vida na Amazônia estando em Manaus é querer a vida gaúcha ficando só em Porto Alegre. O ideal é visitar as cidades do interior e conviver com o caboclo amazonense. Tenho certeza que recebem bem melhor os turistas e dá para sentir a beleza da natureza amazônica. Dê uma nova chance para a cidade: o pior que pode acontecer é você confirmar o que já sabe! Boa sorte na próxima vez!

Compartilhar este post


Link para o post

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.



×
×
  • Criar Novo...