Ir para conteúdo
Robinson Venturin

Travessia Serra Canastra e Babilônia a Pé

Posts Recomendados

Sou novato no site.

Porém sou apaixonado por caminhadas longas, já fiz várias travessias e vários caminhos a pé.

 

Conheço muito o vale da Babilônia e a Serra da Canastra, sempre fui de carro ou de moto, porém agora estou

querendo atravessá-los a pé, eu e minha esposa com mochila nas costas.

Quem interessar segue a jornada, já aviso que são muitos Km andados por dia, e o nível de subidas é médio alto, porém

a estrada é ótima para caminhar e a paisagem e principalmente a hospitalidade do lugar vale a pena!!!!

 

1º dia. Saída de São João Batista do Glória dormindo em cima do Morro das Cruzes ( lugar magnífico de díficil acesso) 23 Km

2º dia. Morro das Cruzes até o alto da Serra Branca neste ponto atravessamos a Babilônia ( pense num lugar deserto, pensou?? é muito mais.......) 18 km.

3º dia. Serra Branca fazer uma visita na parte Baixa da Cachoeira Casca Danta, a maior cahoeira de MG e uma das maiores do Brasil, e chegar até

São José do Barreiro, uma pequenina cidade de aproximadamente 3 mil hab. onde tem um artesão mui talentoso em animais de madeira, comida ótima!! 22 Km

4º dia. São José do Barreiro passando por Vargem Bonita e chegar até São Roque de Minas, uma longa caminhada 39 Km

5º dia. São Roque de Minas, entrando no parque nacional indo até a nascente do Rio São Francisco, visitando currais de Pedra e iniciando a travessia inteira do parque Da Serra da Canastra na parte alta onde iremos dormir em um distrito chamado São João. 50 a 55 Km, porém é muito plano, sem dificuldades.

6º dia. São João até a saída da portaria de Sacramento, onde cocluiremos a travessia da parte alta do parque. 35 a 40 Km. de lá para frente é de carro né!!!

 

A data é em novembro, ainda não definimos os dias, não vale a pena ir em feriados o movimento de motos e trilheiros é intenso o que dificulta a caminhada devido a poeira.

Quem interessar, é bom tirar uns dias a mais para a empreitada, como todo caminheiro sabe....haver imprevistos ( chuvas, bolhas,etc..) e demorar mais que os 6/ 7 dias.

 

Abraços.

Robinson

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá Pessoal!

 

Robison, fiquei curioso para ver o relato da travessia que divulgaste. Também conheço relativamente bem aquela região, mas quase que apenas de jipe, pouca caminhada... Pretendo em breve empreender algumas pernadas mais longas por lá, especialmente neste sentido que você sugeriu, cruzando a Serra Branca, a Babilônia e a prória Canastra ou, como já fez o Jorge Soto e o André Dib (vide aqui), cruzando pela Serra Preta e emendando com as outras, enfim, ainda estou "bolando" um roteiro por aquelas bandas. O que gostaria é de estudar melhor as opções que os colegas já traçaram e realizaram para canalisar meus esforços e avaliar melhor as possibilidades.

 

Abraço,

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


×