Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Posts Recomendados


4 horas atrás, eliane silva disse:

Qual a melhor rota para visitar em julho Berlim, Roma e Funchal, saindo de Londres? A ideia é ficar três dias em cada cidade.

São cidades longe de mais uma da outra pra combinar de forma prática em uma só viagem...Vai mais tempo se deslocando do que turistando...porém se quiser faça Londres > Berlim > Roma, tudo de avião...deixa Funchal pra uma outra viagem com foco maior em Portugal.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Peça ajuda, compartilhe informações, ajude outros viajantes e encontre companheiros de viagem!
    Faça parte da nossa comunidade! 

  • Conteúdo Similar

    • Por Valeria Barbosa
      Olá pessoal!
      Mais uma viagem que faço (segunda por enquanto) e chegou a hora de mais um relato aqui pro site.
      A viagem ainda está acontecendo, e Roma foi a primeira parada, então se tiverem dúvidas, é só avisar que respondo o que puder e souber.
      Preços e Links no fim do post  
       
      - Preparativos
      Comecei a planejar e orçar a viagem aproximadamente 9 meses antes de ela acontecer. Comprei a maioria dos voos e passeios na Black Friday de 2018, pra viajar em Abril de 2019.
      De dezembro até abril fiz 4 trocas de dinheiro, respeitando o limite de 10 mil reais por família pedido pela receita federal. Somando as 4 trocas, tirei uma média de 4,50 pelo euro e 5,00 pela libra.
      Como a viagem engloba algumas cidades, comprei as passagens todas separadas, e para as de ida e volta, utilizei o site MaxMilhas.
      Alugamos um AirBnb do lado do Vaticano, super gostoso e limpinho, super recomendo!
      Comprei também passagens avulsas para outros destinos, mas essas informações irão aparecer nos relatos dos próximos destinos (5 no total) 
       
      - Dia 9/4
      Saimos de Florianópolis, com conexão em Guarulhos, paramos para comer no Subway [Sanduiche 15cm - 25 reais, Refrigerante 9 reais] e de lá seguimos viagem até o aeroporto de Fiumicino (apenas 12 horinhas - que sufoco rs). O voo foi tranquilo, o jantar foi servido aprox uma hora depois da decolagem, durante o voo foi servido água, e uma hora antes do pouso, serviram o café da manhã. Razoável, mas né, comida de avião.
       
      - Dia 10/4
      No aeroporto de Fiumicino, seguimos as placas e pegamos um trem até o proximo terminal, e chegou a hora da tão temida imigração. Fomos os 3 para o guichê, entregamos todos os passaportes juntos, já tirei a pastinha com os documentos da bolsa, e ai.. Ele carimbou todos os passaportes sem nem nos olhar. Fiquei super aliviada, mas devo admitir que levemente frustrada.. Tanto medo e estudo pra nada rs.
      Ia comprar passagens para o trem Leonardo da Vinci até Termini e depois um metrô, mas quando fui comprar (no centro de turistas, na área de trens) a atendente recomendou uma van, que deixava na porta de casa e iria sair mais barato. Adquirimos o serviço e foi bem rápido, recomendo. Inclusive voltamos ao aeroporto usando o mesmo serviço.
       
      Primeiro almoço foi no Tommi’s Burger Joint [Combo burguer, fritas e refri, 12 euros]. Pareceu pequeno mas foi bem satisfatório.
      Depois caminhamos até Castelo St Angelo, Lindo, porém cheio de vendedores, então fique esperto com os pertences.


      Na volta, passamos na sorveteria Old Bridge [Copo ou cone 3 sabores, 3 euros] Delicia!! Recomendo os sabores Bacio, Zabaione e Pistache.
      Já a janta do primeiro dia foi no Restaurante Spaghetti, não poderia recomendar mais! Parecia pequeno, mas encheu muito! Nao vou mentir, depois de um tempo o sal começou a pegar, mas estava tão, mas tão gostoso, que nem nos importamos. Isso sem falar no atendimento maravilhoso! [Refri 3 euros, Coqueteis 7 euros, Spaghetti 10 euros, Tiramisu 5 euros]
      Passamos no mercado - Carrefour e Simply Market, pegamos algumas coisas pros próximos dias [Pão 1,19 ; Cerveja 1,80 ; Agua 0,55 ; Iogurte 0,69 ; Pratos Prontos 2,50]
       
      - Dia 11/4
       
      Pegamos um metro até a estação Manzoni e de lá andamos até o Coliseu. Maravilhoso, como podem imaginar.
      Esse dia foi bem cheio, de lá fomos a Piazza Venezia, entramos no museu que tem lá dentro, foi ótimo. A fome bateu e almoçamos em um pub proximo, chamado Scholars Lounge.
      Exagerei na hora de pedir a comida e sobrou, mas estava bem gostoso [Loaded Fries 4, Pizza 7, Combo burger 14, guiness 5]
      Seguimos viagem e na mesma tarde fomos ao Panteão, Piazza Navona, Templo de Adriano, Fontana di Trevi, Piazza di Spagna e Piazza del Popolo. Todos bem pertos um do outro, levamos em média 3 horas para passear nessa parte depois do almoço.
      Voltamos pra casa de metrô, parando para um gelato antes de ir descansar. Fomos em Fatamorgana Prati, e foi bom, mas não ótimo. [Copo ou Cone 3 sabores, 3,50]



       
       - Dia 12/04
      Finalmente dia de explorar o Vaticano e seus arredores. Compramos o ingresso para o museu com antecedência, pelo site Get your Guide, com direito a pular a fila, que estava insana.
      O passeio pelo museu foi lindo, amamos! Passamos pela Capela Sistina e de lá fomos almoçar no Trattoria Massa, na rua do lado. Comida gostosa, atendimento bem legal, preço super camarada. [Pizza Prosciutto 9, Spaghetti Carbonara 9, Batatas Assadas 7]

      Esse não tinha Televisão em casa  
       



      Como me senti dentro do museu! 
       

       
      Hora de ir pra Basilica de São Pedro. Exploramos a praça antes de decidir encarar a fila para entrar na Basilica. Muitos vendedores tentando nos empurrar tours, colocando medo e avisando que a fila era de 3 horas. 40 minutos depois, estavamos lá dentro. Lindo, lindo, lindo!

       
      Não podiamos deixar de comprar mais um gelato, e de lá fomos pra casa. Assim fechamos o dia, descansando e arrumando as malas pro próximo voo no dia seguinte.

       
      Até mais, nos vemos em Santorini!!
       
      - Links
      http://www.airportshuttlexpress.com
      https://www.airbnb.com.br/rooms/24530095
       
      - Preços para 3 dias, 3 pessoas
      Ida - 3300 reais
      AirBnb - 1058 reais
      Almoço Aeroporto - 70 reais
      Van de Transfer - 40 euros
      Almoço Tommi - 36 euros
      Sorvete Old Bridge - 9 euros
      Carrefour - 50 euros
      Jantar Spaghetti - 60 euros com gorjeta
      6 passagens de metrô - 9 euros
      Almoço Scholars Lounge - 50 euros
      Sorvete Fatamorgana - 8 euros
      Trattoria Massa - 48 euros
      Sorvete Old Bridge - 9 euros
      Passeio Vaticano - 63 euros
      Transfer Aeroporto - 40 euros
       
      - Impressoes e Sentimentos
      Amamos nosso airbnb, bem localizado, limpinho e cheiroso.
      Muitos vendedores tentando nos empurrar ingressos e tours nas ruas.
      Muuitos turistas! Não sei como os locais conseguem viver o dia a dia. Especialmente asiáticos e brasileiros.
      As pessoas fumam muito, em todo lugar.
      O transito é meio doido e perigoso, pessoas atravessam as ruas sem cuidado nenhum.
      O centro é uma maravilha de explorar a pé, tudo perto e a cada esquina um novo monumento que nem estava na lista.
    • Por [email protected]
      Buenas, estou organizando roteiro para mochilão de 25 dias pela Europa com minha adversária. 
      Madrid- 3 dias
      Barcelona- 2 dias
      Paris - 3 dias
      Bruxelas - 3 dias
      Amsterdã - 3 dias
      Frankfurt - 3 dias
      Viena - 2 dias
      Praga - 3 dias
      Berlim - 3 dias
      A idéia é entrar por Madri e voltar por Berlim. 
      Dicas? Alguém que more por alguma dessas cidades pode nos ajudar? Um sofá, um rolê...
    • Por Rafael_Salvador
      https://naviagemdeviajar.com.br/muro-de-berlim/
      Enquanto o mundo dormia, o famoso muro de Berlim, começou a ser erguido na madrugada do fatídico dia 13 de Agosto de 1961. Após este dia, durante quase 30 anos, algumas das mais tristes páginas da estória da humanidade foram escritas na Alemanha.
      A partir daquele momento tornava-se impossível transitar entre as duas “novas cidades”. Como resultado, mais do que o surgimento de uma divisão geográfica impositiva, vidas estariam separadas por um tempo indeterminado.
      Ao contrario do que se pode supor, a construção empreendida pela então República Socialista da Alemanha não dividia a cidade ao meio. Mas sim, circulava toda a fronteira com a Berlim ocidental. Esta que, por sua vez, estava dividida em três setores controlados pela França, Inglaterra e Estados Unidos.

    • Por Rafael_Salvador
      O Coliseu surgiu um pouco depois que “nosso amigo” Nero tocou fogo em Roma (Reza a lenda!). Então, foi a vez de uma tal de Vespasiano tentar arrumar as coisas. Porém, esse sim, tocou fogo de vez e foi quase no mundo inteiro.
      Primeiramente vale destacar, que essa estória começou a rolar a quase 2.000 anos atrás. Como resultado da construção de um dos maiores cenários de atrocidades da humanidade – Entre os anos 72 d.C e 80 d.C.
      A partir daí as coisas começaram a esquentar literalmente, embora o objetivo principal do maior anfiteatro do mundo fosse a promoção de entretenimento. Na realidade o que se via por lá era um verdadeiro de banho de sangue! Como resultado, o povo se distraia e esquecia dos desmandos dos seus governantes.
      De luta corporal entre os famosos gladiadores até batalhas navais (É isso mesmo, n-a-v-a-i-s!), rolava de tudo. Inclusive, os lendários confrontos entre homens e animais selvagens. Em consequência de tando sangue derramado, estima-se que meio milhão de pessoas e um milhão de animais selvagens foram mortos dentro do Coliseu.
      Finalmente, com a queda do Império Romano o cenário horrores foi desativado. Ruíram quase dois terços depois de alguns terremotos. Então, com o passar do tempo, as suas pedras foram sendo usadas para a construção de vários edifícios na cidade de Roma. desta forma, fica pergunta: O Coliseu esta por toda Roma??
      Confira conteúdo completo aqui: https://naviagemdeviajar.com.br/coliseu-de-roma-visita/
       

    • Por LuucaaS
      Eai galera
      Em julho 2019 irei fazer um intercâmbio de 1 mês em Malta,logo após o intercâmbio irei fazer um mochilao de 12 dias para Roma > Viena 
      Escolhi só 2 países pra ter bastante tempo e não ficar muito corrido,é minha primeira viagem internacional tô bem preocupado RS,meu roteiro inicial ficou assim:
      Dia 01. Malta>Roma
      Dia 02  Roma
      Dia 03 Roma
      Dia 04 Roma
      Dia 05 Roma
      Dia 06 Roma>Viena
      Dia 07 Viena
      Dia 08 Viena 
      Dia 09 Viena
      Dia 10 Viena
      Dia 11 Viena>Malta
      Dia 12 Malta>Brasil 
      Estou bem desorientado em relação a quantos euros levar,dei uma pesquisada e durante esses dias vou gastar uns 650 euros incluindo (passagens de avião de malta>Roma>Viena>malta), alimentação,passeios e hospedagens.
      Gostaria de saber se está bom meu roteiro e a quantidade de euro que irei levar...
      Obrigado 😁
       
       
       
       


×
×
  • Criar Novo...