Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

  • 0

Passagens aéreas (Corona vírus)


Pergunta

  • Membros

Estou em duvida em relação a oque a Covid-19 (Corona vírus) pode afetar no setor das compras de passagens aéreas..  Sera que por conta da baixa procura, a tendencia é diminuir os preços dos valores ou as empresas pode se desligar por um determinado período, assim diminuir a frota e aumentar o preço. Estava planejando uma viajem para Japão no final do ano e estou a procura de uma passagem. não sei se devo esperar um pouco pra ver se o preço vai diminuir ou não.  

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Posts Recomendados

  • 0
  • Membros

Devido a baixa demanda, as companhias aéreas estão reduzindo a oferta de voos, aqui na Alemanha por exemplo, a Lufthansa cancelou por tempo indeterminado uns 30% dos voos intra-europeus e metade dos voos para a Ásia.

Muitas outras companhias europeias, do oriente médio e asiáticas também estão fazendo a mesma coisa, cancelando milhares de voos, pois para as companhias está sendo mais lucro deixar os aviões parados do que colocar eles para voar quase vazios gastando combustível caro...

Aeroportos estão dando férias antecipadas para os funcionários, por que não tem voos ou passageiros para eles atenderem, etc...

Se a situação perdurar mais alguns meses, vamos começar sim a ver companhias aéreas reduzindo frota, devolvendo aviões, e as companhias que já estavam meio mal das pernas, vão começar a falir, e isto vai equilibrar a oferta com a demanda naturalmente, e impedir que os preços caiam muito.

Quanto tempo estes cancelamentos irão perdurar, se é algo momentâneo ou não, e se quando os voos voltarem ao normal, se eles vão voltar na mesma quantidade e no preço de antes, são perguntas que ninguém consegue responder agora, tem que esperar um pouco para ver que direção a coisa toma.

Mas como ainda falta bastante tempo até o final do ano, pessoalmente eu esperaria um pouco para comprar as passagens, e ficaria monitorando os preços das passagens por mais uns 2 a 4 meses para ver como se comportam.

Ou seja, fique monitorando os preços toda semana, todos os dias se possível, e com dinheiro na mão para comprar de bate-pronto a passagem caso apareça aquela promoção imperdível, pela metade do preço, momentos como o atual são ideias para você achar aquela barganha excelente, quando num determinado dia a passagem está pela metade do preço do que normalmente estaria...

 

 

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • 0
  • Membros
Em 01/03/2020 em 11:53, nemerski disse:

Estou em duvida em relação a oque a Covid-19 (Corona vírus) pode afetar no setor das compras de passagens aéreas..  Sera que por conta da baixa procura, a tendencia é diminuir os preços dos valores ou as empresas pode se desligar por um determinado período, assim diminuir a frota e aumentar o preço. Estava planejando uma viajem para Japão no final do ano e estou a procura de uma passagem. não sei se devo esperar um pouco pra ver se o preço vai diminuir ou não.  

tambem estou com duvidas, principalmente sobre os valores adicionais dependendo de cada caso, a latam fala em troca de data sem custos desde que mantenha a mesma categoria de cabine. Mas acho que no meu caso depende da data e horario de voo.... Como comprei no megapromo com milhas entao creio que as milhas terao que ser iguais..Hoje consultei voos para salvador e tava 5300pontos, acho que paguei mais ou menos isso.. entao ovalor esta mais ou menos igual... Sobre baixar preco creio quenao porque a latam avisou qe vai reduzir as operacoes em 70%.....  Acho que vou manter minha viagem com a graça de Deus vai dar tudo certo.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 0
  • Membros

Eu tenho diversas passagens compradas pela azul para junho. Não vou cancelar nada, mesmo sem saber se vou poder viajar. Está cedo ainda para isso. Acredito (e espero) que até o final do ano a coisa possa se normalizar, ainda mais para o lado do oriente, que foi onde tudo começou. Mas eu não compraria passagens agora. Existe a chance, se esta crise demorar muito, como disse o amigo @poiuy, de empresas quebrarem. E, se vc tiver comprado passagem justamente desta empresa, já era. Porém, se tiver uma promoção irresistível, aí já é o caso de pensar em tentar a sorte.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 0
  • Membros
2 horas atrás, schitini disse:

Eu tenho diversas passagens compradas pela azul para junho. Não vou cancelar nada, mesmo sem saber se vou poder viajar. Está cedo ainda para isso. Acredito (e espero) que até o final do ano a coisa possa se normalizar, ainda mais para o lado do oriente, que foi onde tudo começou. Mas eu não compraria passagens agora. Existe a chance, se esta crise demorar muito, como disse o amigo @poiuy, de empresas quebrarem. E, se vc tiver comprado passagem justamente desta empresa, já era. Porém, se tiver uma promoção irresistível, aí já é o caso de pensar em tentar a sorte.

pensando por este lado das empresas quebrarem, melhor viajar logo, poisvai que a empresa quebra.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 0
  • Membros
20 horas atrás, kenji disse:

pensando por este lado das empresas quebrarem, melhor viajar logo, poisvai que a empresa quebra.

As empresas com maior risco de quebrar são aquelas aquelas que estão com caixa curto, e que precisam do dinheiro das vendas de passagem do dia de hoje para pagar a gasolina de amanhã, e se eles quebrarem vai ser lá nos primeiros meses após a crise

Mas mesmo empresas que estavam com dinheiro em caixa antes da crise, vão sofrer nos próximos meses com vendas baixas, e alguma hora, provavelmente daqui a 6 ou 9 meses, este dinheiro ou limite de endividamento acaba e eles podem acabar entrando em dificuldades e quebrar, se não conseguirem cortar custos ou empréstimos...

Ou seja, "se correr o bicho pega, se parar o bicho come!" 

Então neste momento, todo cuidado é pouco, antes de comprar passagens, é recomendável pesquisar um pouco para ver se a empresa não está em graves dificuldades finaceiras e sem previsão de conseguir ajuda ou reverter a situação.

 

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 0
  • Membros
1 hora atrás, poiuy disse:

As empresas com maior risco de quebrar são aquelas aquelas que estão com caixa curto, e que precisam do dinheiro das vendas de passagem do dia de hoje para pagar a gasolina de amanhã, e se eles quebrarem vai ser lá nos primeiros meses após a crise

Mas mesmo empresas que estavam com dinheiro em caixa antes da crise, vão sofrer nos próximos meses com vendas baixas, e alguma hora, provavelmente daqui a 6 ou 9 meses, este dinheiro ou limite de endividamento acaba e eles podem acabar entrando em dificuldades e quebrar, se não conseguirem cortar custos ou empréstimos...

Ou seja, "se correr o bicho pega, se parar o bicho come!" 

Então neste momento, todo cuidado é pouco, antes de comprar passagens, é recomendável pesquisar um pouco para ver se a empresa não está em graves dificuldades finaceiras e sem previsão de conseguir ajuda ou reverter a situação.

 

Empresa nessa situação que costuma ser bastante usada por nós mochileiros devido ao preços é a Norwegian Airlines

Fóruns estrangeiros dão como certa a quebra da mesma nas próximas semanas diante da situação atual

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 0
  • Membros
3 horas atrás, FCRO disse:

Empresa nessa situação que costuma ser bastante usada por nós mochileiros devido ao preços é a Norwegian Airlines

Fóruns estrangeiros dão como certa a quebra da mesma nas próximas semanas diante da situação atual

Uma outra empresa bastante usada pelo mochileiros pelos seus preços baixos de passagens para a Europa, e que era cotada a quebrar ainda esta mês, era a Alitalia.

Mas diante da quebra certa e eminente, parece que o governo italiano resolveu nacionalizar e estatizar a empresa, o que deve salvar ela ao menos por enquanto, até a próxima crise...

Pode ser que os governos acabem injetando dinheiro em algumas companhias aéreas para evitar algumas quebras, mas algumas delas inevitavelmente vão acabar quebrando e deixar muita gente na mão...

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 0
  • Membros

pessoal to com duvidas, depois que cancelar a passagem tenho 12 meses para viajar de novo, mas a duvida é 12 meses para pegar o aviao ou 12 meses para remarcar outra data posterior? Estou preocupado porque março 2021 ja ta logo ai.... e  a vacina ainda nao chegou.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 0
  • Membros
18 horas atrás, kenji disse:

pessoal to com duvidas, depois que cancelar a passagem tenho 12 meses para viajar de novo, mas a duvida é 12 meses para pegar o aviao ou 12 meses para remarcar outra data posterior? Estou preocupado porque março 2021 ja ta logo ai.... e  a vacina ainda nao chegou.

Geralmente 12 meses para marcar um voo, que pode ser para o outro ano ainda.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...