Ir para conteúdo

Planejar seu safári no Kruger é mais fácil do que parece! Veja como fazer.


untamed

Posts Recomendados

  • Membros

Visitar o Kruger não é complicado. Na verdade é bem simples! E uma excelente idéia também. Você só precisa seguir alguns passos importantes.

 

Primeiro, entre no site oficial do parque (http://www.sanparks.org/parks/kruger/) para conhecer melhor o local e reservar a acomodação com antecedência - no site há várias opções de campos (locais onde as pessoas se hospedam) e também de acomodações, com fotos, descrição, etc.. Além disso, é possível fazer a reserva online, pagar com cartão de crédito, num processo bem simples.

 

Eu, quando estive na África do Sul, fiquei no parque por cinco noites, sendo três delas no campo de Lower Sabie, uma em Satara e outra em Skukuza. Cada campo tem as suas características próprias, tanto de fauna quanto de flora. Esses três campos têm uma estrutura muito boa, com várias opções de hospedagem, restaurantes, mercados, postos de gasolina, etc.

 

Entre no site e veja o mapa do Kruger. No mapa é possível ver por onde entrar, qual estrada pegar, etc. No site, inclusive, tem um passo-a-passo de como chegar ao parque vindo de Johanesburgo. Não se preocupe, é bem fácil e é uma rota que milhares de turistas percorrem todos os dias! No mapa, você também vai poder ter a idéia do roteiro que fiz, da localização dos campos em que me hospedei, etc.

 

Primeiro, defina os campos em que você vai se hospedar. Depois, escolha o tipo de acomodação em cada campo. As acomodações variam de barracas de camping a luxuosos quartos. Eu fiquei em “huts” duplos, com ar condicionado. Foram muito bons e baratos. No site do parque você pode ver as opções de cada campo e fazer as reservas.

 

Mas é importante você sempre lembrar que o parque é muito popular e com muitos turistas. A estrutura é excelente, não é nada “selvagem” ou “radical”. O parque é uma atração internacional, principalmente para turistas europeus. E o serviço é de primeiro mundo. Inclusive nos restaurantes, lojas, internet, etc. Alguns campos têm piscina, lan house, caixas automáticos, etc. É tudo bem estruturado e organizado. E, por isso mesmo, é necessário efetuar sua reserva com muita antecedência. Dependendo da época do ano, é preciso confirmar com mais de seis meses de antecipação!

 

Depois de reservar a hospedagem, você deve reservar também o aluguel do carro – pode ser qualquer um, mesmo popular. Não há necessidade de ser um carro de rali ou de safári. As estradas no parque são muito boas – algumas asfaltadas e outras de terra – mas todas muito bem cuidadas. Eu só acho que é uma boa um carro com ar condicionado, já que pode fazer calor no meio do dia. Com isso, é só dirigir até o parque. As estradas entre Johanesburgo e o Kruger são boas e simples. Eu fui sem nenhum mapa especial – só o mapa do guia Lonely Planet e foi bem fácil. Depois que você entra no parque, tudo é muito organizado e fácil. Na entrada você ganha um mapa do parque e uns guias de animais e outras informações.

 

Para o aluguel do carro, eu utilizei uma empresa sul-africana chamada Tempest Car Hire (http://www.tempestcarhire.co.za). Eu fiquei com o carro durante quinze dias, buscando o veículo em Durban e devolvendo em Johanesburgo. Foi tudo muito tranquilo, sem nenhum problema. E o custo do aluguel foi bem menor do que o cobrado pelas empresas internacionais, como a Hertz, Avis, e outras. Acho que vale a pena dar uma olhada no site dessa empresa. Pode ser um bom negócio!

 

Você pode voar até Johanesburgo, pegar o carro no aeroporto e ir dirigindo até o parque. Outra opção seria voar diretamente para um aeroporto que fica nas proximidades do parque, chamado Mpumalanga. É uma opção mais rápida e prática, mas também mais cara, já que poucas empresas voam até esse aeroporto (a principal delas é a Airlink, ligada à South African Airlines). Para Johanesburgo, porém, você pode utilizar alguma das várias empresas low cost que existem na África do Sul (1time, Kulula Air, etc)

 

Viram como não é tão complicado assim? Se você fizer o seu trabalho de cada com cuidado e antecedência, tenho certeza que terá uma das melhores e mais marcantes experiências da sua vida! Ah, e se você tiver qualquer outra dúvida, não se preocupe: é só perguntar.

  • Gostei! 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Magaiver,

 

Bom dia! Certamente alugar um carro e dirigir por conta própria dentro do parque é a opção mais barata para quem deseja fazer um safári no Kruger (principalmente se você dividir o custo do aluguel do veículo com mais alguém).

 

Em relação ao custo de entrada, cada visitante deve pagar uma tarifa de 180 rands por dia que permanecer no parque (chamada conservation fee). Esse valor equivale aproximadamente à 22 dólares por pessoa, por dia.

 

Abraços,

 

Luiz

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 1 mês depois...
  • Membros

Luiz,

 

Vou para a África do Sul com 3 amigos em janeiro.

 

Chegamos em Johannesburg e vamos de carro para o Kruger (5 dias). Depois vamos para Cape Town, e de carro, vamos fazer a Garden Route até Porth Elizabeth (10 dias).

 

Já temos as passagens e deixamos para ver hotel agora. Na verdade, a idéia é reservar apenas no Kruger e Cape Town, nos dias que estivermos na entre Cape Town e Port Elizabeth, vamos ficando onde chegarmos.

 

Estou tentando fechar onde ficar no Kruger, já está difícil encontrar vagas dentro do parque. Você sabe se ficar fora do parque é muito ruim? E como o parque é grande, minha dúvida é onde ficar, se o melhor seria fazer como você e ficar cada dia em um lugar, ou se é viável ficar no mesmo lugar e se deslocar todo dia.

 

Estamos com duas opções de hotel para ficar fora do parque: Hamilton, que fica mais a oeste do parque, perto da Panorame Route (50km do Skukuza), e o Trees to Guest, que fica mais no sul, perto da fronteira com Moçambique e Suazilândia (me parece a melhor opção, fica a 35km de Lower Sabie).

 

Você sabe qual dessas regiões é melhor, em qual conseguimos ver mais animais?

 

Suas dicas já foram bem úteis, principalmente sobre a empresa para alugar o carro.

 

abs

Gustavo

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 3 semanas depois...
  • Membros

Olá,

 

Gostaria de saber se a distancia do Skukuza ao Satara foi tranquila de ser percorrida ? Estou reservando o Skukuza, porém o Satara está meio caro, pois não há mais acomodações mais simples, então estou pensando em percorrer uma distancia maior e ficar em outro local.

 

 

Obrigado

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...
  • Membros

Nossa que máximo! Sempre quis fazer um Safari, mas nunca soube por onde começar a procurar um interessante e seguro. Engraçado como as pessoas têm a mania de pensar estarão correndo perigo de ser atacadas durante um Safari. Se as regras forem respeitadas acredito que há perigo algum. Graças ao seu tópico, comecei a pesquisar mais sobre o Safari no Kruger Park e achei informações completas aqui: http://www.viaje.com.br/africa-do-sul/quenia/a-vida-e-a-morte-em-um-safari-quenia

 

Já está na minha lista de possíveis viagens para 2012! Abs e um ótimo Natal para todos.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros
Olá,

 

Gostaria de saber se a distancia do Skukuza ao Satara foi tranquila de ser percorrida ? Estou reservando o Skukuza, porém o Satara está meio caro, pois não há mais acomodações mais simples, então estou pensando em percorrer uma distancia maior e ficar em outro local.

 

 

Obrigado

 

Gian,

 

Boa noite! Desculpe pela demora em responder, mas com a minha próxima viagem se aproximando, tenho estado super ocupado, e falta tempo para acessar o mochileiros.com... (infelizmente!). Mas, em relação à distância e o tempo que leva para se dirigir do campo de Skukuza ao Satara, vale a pena você acessar o site oficial do Kruger. Lá, você pode baixar dois arquivos que mostram as distâncias entre os campos e o tempo médio de travessia entre eles. Foi bastante útil no planejamento da minha viagem... Com essas tabelas, você vai poder avaliar em quais outros campos se hospedar, sem correr o risco de atrasar ou ter que acelerar demais em um só dia. E qq outra duvida, é só perguntar!

 

Abraços,

 

Luiz

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 1 mês depois...
  • Membros

Olá Gian,

Por favor, gostaria de saber se 3 dias são suficientes para conhecer o Kruger Park.

Tenho somente 12 dias para viajar e gostaria de fazer 3 ou 4 dias em Cape Town, 3 dias para ir até Port Elizabeth onde no terceiro dia pegaria vôo para Johannesburg. Então ficaríamos 3 dias no Kruger Park e 1 dia pensei em conhecermos Sun City. Você acha que este roteiro seria tranquilo?

 

Obrigada!

 

Caroline

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros
Olá Gian,

Por favor, gostaria de saber se 3 dias são suficientes para conhecer o Kruger Park.

Tenho somente 12 dias para viajar e gostaria de fazer 3 ou 4 dias em Cape Town, 3 dias para ir até Port Elizabeth onde no terceiro dia pegaria vôo para Johannesburg. Então ficaríamos 3 dias no Kruger Park e 1 dia pensei em conhecermos Sun City. Você acha que este roteiro seria tranquilo?

 

Obrigada!

 

Caroline

 

Olá Caroline! Tudo bem?

 

Eu acho que 3 dias (se forem três dias inteiros) é um tempo suficiente para se conhecer um pouco do Kruger. É claro que o parque é um local imenso, e são necessários muitos e muitos dias para se experimentar toda a variedade de climas, fauna e flora da região. Mas com três dias você pode aproveitar bem o sul do parque, por exemplo, onde a vida selvagem é mais concentrada (apesar de ser também a região do parque com maior número de turistas). Só não se esqueça de reservar o alojamento com muita antecedência, assim como o aluguel do carro. Com pouco tempo, vale a pena também contratar pelo menos um passeio guiado, onde é possível avistar os animais com mais facilidade.

 

Em relação ao restante do seu roteiro, acho que está bem equilibrado. Apenas, se eu tivesse só um dia em Joanesburgo, substituiria o passeio em Sun City por um dia conhecendo o Museu do Apartheid, a casa do Mandela e Soweto. É um experiência bem marcante e emocionante.

 

Espero ter ajudado um pouco e, qualquer outra dúvida, é só perguntar!

 

Abraços,

 

Luiz

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Bom dia Luiz.

 

Vou para a África do Sul em abril. estou pesquisando há um tempo, li bastante mas fiquei com algumas dúvidas em relação ao Kruger Park.

Tu ficaste no Kruger por 5dias. Como passava o dia? é possível observar os animais simplesmente andando com o teu carro alugado ou já havia feito reserva de passeios?

 

Chegou a fazer algum daqueles "wilderness trails"? valem à pena?

 

encontrei alguns tours saindo de johanesburg por R4400 (com transporte de Johanesburg, vários "kruger game drivers" e blyde cannyon).

mas tenho a opção de dirigir até o kruger e fazer estes "wilderness trails" por R3250.

 

o que tu achas?

 

obrigado,

 

Ivan

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

×
×
  • Criar Novo...