Ir para conteúdo

Posts Recomendados

  • Membros

Existe gente que não informa mesmo, mas este não é o meu caso.

 

O que eu quero não é salvaguardar a montanha, mas sim a aventura...

 

Montanhismo é isso, é arriscar-se, enfrentar perrengue e se superar no final, descobrir as coisas...

 

O Ciririca se tornou um mito, apenas porque é distante. A aura de mistério, que existe tem que continuar, pra não perder a graça. Infelizmente essa fama acaba transpondo o montanhismo e chega ao turismo de natureza motivado a fazer a montanha apenas pela fama. Nesse processo várias montanhas se perderam e o maior exemplo é o Everest, Aconcagua.. que grande m... ir pra esses lugares, entede? Ainda bem que o Ciririca tá bem longe disso.

 

Mas veja por outro lado, a internet mudou muito as coisas e no próprio altamontanha.com há dezenas de relatos sobre o Ciririca. Disponibilizamos esses relatos pra todos. Agora se quizerem ir, vá por conta! Como montanhistas e não como turistas... sem trocar os pés pelas mãos, como fizeram Stamm, Gavião, Arame, Vitamina e outros tantos bravos montanhistas de nossa querida Serra.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros de Honra
Existe gente que não informa mesmo, mas este não é o meu caso.

 

O que eu quero não é salvaguardar a montanha, mas sim a aventura...

 

Montanhismo é isso, é arriscar-se, enfrentar perrengue e se superar no final, descobrir as coisas...

 

O Ciririca se tornou um mito, apenas porque é distante. A aura de mistério, que existe tem que continuar, pra não perder a graça. Infelizmente essa fama acaba transpondo o montanhismo e chega ao turismo de natureza motivado a fazer a montanha apenas pela fama. Nesse processo várias montanhas se perderam e o maior exemplo é o Everest, Aconcagua. que grande m... ir pra esses lugares, entede? Ainda bem que o Ciririca tá bem longe disso.

 

Mas veja por outro lado, a internet mudou muito as coisas e no próprio altamontanha.com há dezenas de relatos sobre o Ciririca. Disponibilizamos esses relatos pra todos. Agora se quizerem ir, vá por conta! Como montanhistas e não como turistas... sem trocar os pés pelas mãos, como fizeram Stamm, Gavião, Arame, Vitamina e outros tantos bravos montanhistas de nossa querida Serra.

 

é minha intenção ir assim. eu me recuso a pagar guias ou coisa do tipo, muito antes pelo contrário, acho que empresas como "mountain madness" e outras apenas uma variação da stella barros. não entendo qual a graça de fazer um everest pagando carregador, ou tentando encaixar um aconcágua numa janela de 2 semanas pq o pacote tem essa duração (e daí nada de aclimatação decente, daí o "trekking" da via normal vira uma via crucis, daí neguim se perde na volta, tem embolia e o kct a quatro). dá uma lida nesse tópico, se tiver tempo, pra ter uma idéia do que penso sobre o assunto:

ser-mochileiro-a-t35866.html#p389764

 

agora, eu não sou do paraná. minha família inteira tá aí, mas eu não. e assim como eu, outros tb não. e a logística é muito mais dificultosa, pra passar uns 3 ou 4 finais de semana fuçando caminhos por lá. pra mim são pelo menos umas 8 horas de viagem de bumba, mais a caminhada até as fazendas. outros fazem como o cacius, que fez o PP comigo uma vez, e virou a noite do dia 25 de dezembro na estrada dirigindo lá de venâncio aires até a fazenda do dilson.

 

ibitiraquire é quintal de quem tá em ctba, mas não é pra quem tá vindo de fora. mas não é a divulgaçãod e infos sobre as trilhas que vai gerar problemas por lá, é esse tipo de livro aqui que gera mais problemas:

http://www.omeueverest.com/livro/

o cara comprou um pacote e acha que isso é aventura. e um monte de cvc´s irão na cola dele. pq esse tipo de leitura não permite que o cidadão entenda uma coisa: na vida a gente faz escolhas. ou se dedica a fazer carreira no banco ou vai fazer trilha. ou casa e paga a escola dos filhos ou gasta o equivalente em peças de bike (eu tenho 5 e tô montando minha sexta), e tem que pagar o preço ds escolahs. na montanha por acaso é diferente? dá pra entregar tudo nas mãos do guia-babá? se der tudo errado vai fazer o quê, escrever "no ar rarefeito 2"?

 

essa zona que explora o mundo "outdoor" é que gera essa devastação por aí. no caso do PP tem o acréscimo da distorcida visão religiosa de alguns. e tb gera as reações talvez bem motivadas mas errôneas, como o arrancamento dos degraus do PP, que não estancou muito o fluxo de gente, mas gerou fluxo de gente nas laterais de onde o povo passava antes (pq degrau é bom pra direcinar fluxo e restringir a devastação). e claro, menso gente no A2 e um monte no A1.

 

bom, vou levantar as infos. em todo caso, vou ver as datas que um cidadão aí vai fazer um pacotão para "os cumes do paraná - serra do ibitiraquire" e dar uma atrapalhada. mas parece que já tem umas 3 datas agora no primeiro trimestres pra grupos de até 10 pessoas, camapuna, tucum, cerro verde e itapiroca, por módicas 3 parcelas de pouco mais de 260 reais..(depois por MP mando olink pra empresinha do cidadão) e tem idiota que paga por isso, se diz aventureiro e nem sabe o que é declinação numa bússola.

 

em tempo, fecham as trilhas do paraná, mas será que a indústria de produtos do paraná (desde as finadas mont blanc e caratuva, passando por alto estilo, conqusita e acampar) sobreviveriam apenas do mercado paranaense?

 

um dia taco aqui a foto da minha rede nas placas do ciririca....

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 3 meses depois...
  • Membros de Honra

Se entendi direito o que li em alguns e-mails trocados numa lista que participo, foram retirados mais alguns degraus... ::grr::

Segundo li, foram retirados 6 degarus após a bica dágua. Após o Abrigo 1, no trecho da corrente foram retirados mais 12 degraus e após o abrigo 2 até o cume mais 5 degraus.

Se alguém esteve por lá recentemente poderia confirmar a informação.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros de Honra

CARACA!!!!! Sério Otávio?

Bom, impossível de ir não deve estar, mas não recomendo NINGUÉM a subir com mochila com peso. Já era difícil com todos os degraus, quando tiraram a primeira leva já estava complicado, agora então... acho que só com uma via de escalada! ::lol4:: ::lol4:: ::lol4::

 

Estou muito afim de ir para serra! Devo arrumar minhas coisas em breve já que a temporada está pra começar. ::otemo:: ::otemo:: ::otemo::

 

Alguem tem emprego pra mim em Curitiba? ::lol3:: ::lol3:: ::lol3::

 

 

Abraços

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores

Eu estou planejando de conhecer a região em julho, lá pela metade do mês talvez. E quem sabe esticar até o Marumbi. ::hahaha::::Cold::

 

Com degrau ou sem degrau estarei lá visto a oportunidade da data (férias!). E como eu moro longe...

 

Alguém aqui interessado em organizar uma pernada por lá???

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

O engraçado é q eu entrei no site da Fazenda do Pico do Paraná e eles não falaram nada... só estão exigindo lanterna.... acho q mesmo com a retirada das escadas deve dar pra subir...

estou indo pra lá em julho, espero q não acabem de tirar todos os grampos, vou levar uma corda pra poder içar a mochila....

 

até.....

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros de Honra

Capis, o Pp foi conquistado sem escada... então, dá, tranquilamente. Eu não sei seu EU conseguiria por condicionamento físico. Mas dá, de boa, com paciência e atenção. Cordinha de 10 metros dá e chega, e olha, 6mm já resolve.. cordim mesmo.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Silnei changed the title to Pico Paraná

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

×
×
  • Criar Novo...