Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Posts Recomendados

Pucón

Me chamo Dominique e queria compartilhar um pouco sobre a cidade de Púcon!

 

Quando falo sobre Pucón para as pessoas, a grande maioria desconhece esse destino! Em um primeiro momento, a cidade pode ser um pouco desvalorizada pelos turistas. Acredito que por não ser tão grande e não ter tanto destaque na internet, ela acaba ficando em segunda opção, mas aqui está a dica de quem já foi duas vezes para lá e pretende voltar em breve: Só vai!

 

Localizada a 780km para baixo de Santiago, Pucón reserva muitos encantos naturais. De um modo, até grosseiro, posso dizer que seria como a Campos de Jordão para São Paulo.

 

Vulcão Villarica
 

A maior referência que posso dar da cidade é que ela fica as margens do Vulcão Villarica. Está situado na cordilheira dos Andes e ainda esta ativo! Sua última erupção foi em 03 de Março de 2015. 

 

Erupção:

 

 

Sempre foi possível realizar um trekking ao topo do vulcão, dependendo das condições climáticas é possível ver a lava!porém desde a última erupção as regras estão mais rígidas e também esta mais caro.

 

Durante o inverno o vulcão se transforma em uma estação de ski, com vários níveis de descida! Tem teleférico e tudo.

 

 Vista do Villarica da cidade - Sim, aquilo lá na pontinha é fumaça de lava, não é nuvem (Foto de Maio de 2016)

a83eb4_0788f20454fc45448493c475edf8d5d2~
 

Skiando no Villarica no inverno. Ao menos tentando né meu povo rs (Foto de Julho de 2014)

a83eb4_be2c1da0380c463994711c8dc9720810~
 
Qual época visitar Púcon?
 

A maioria esmagadora prefere visitar Pucón no verão! Nessa época você poderá curtir as "praias" formadas pelos grandes lagos, cachoeiras, um milhão de opções de trekkings, acampar, rapel, escalada, rafiting e também aproveitar os bares, restaurantes e lojas de sorvete!

 

Ao contrário dessa idéia as duas vezes que fui a Púcon foram em épocas frias. Uma no Outono, outra no inverno e da mesma forma consegui curtir demais! A cidade fica mais tranquila do que no verão, curtimos muitos trekkings (passando um pouco de frio), fizemos ascensão a um dos vulcões, curtimos os lagos da areia mesmo, muito vinho e churrasco. Melhor, parrilla. Nossa próxima ida será no verão para poder fazer as comparações.

 

De qualquer forma, não posso brigar com a maior parte das pessoas e até mesmo os locais que conhecemos, o verão em Pucón é maravilhoso, a temperatura pode chegar na casa dos 35o. C.

 

Top passeios
 

A cidade é lotada de agências de turismo para se fechar os passeios. Não precisa se preocupar em como fazer o passeio x ou y, é muito fácil de se encontrar por lá!

 
1. Vulcão Villarica

 

Esta aqui um passeio a ser feito. Ir até o vulcão! Se não gostar do trekking, que é puxado até o topo, pelo menos 8 horas andando, vá conhecer a região, curtir o teleférico, a paisagem! Se for no inverno, não deixe de skiar no vulcão! É uma delícia.

 

a83eb4_c2b636b2d85746b0bbe7ac9233776bf5~
 
2. Termas geométricas
 

Essa é uma das várias termas em Púcon que vale a pena visitar! De todas ela é a mais "chique" e também a mais cara. O lugar é surreal, o local é todo arquiteturado destacando a natureza ao redor. Existem diversas termas, cada uma com uma temperatura diferente, chegando até muitos graus rs. Você também encontra 2 cachoeiras geladíssiiiiimas, para cortar a vibe do calor. No final, coma algumas empanadas e tome uma cerveja no restaurante local!

 

a83eb4_5ebb079d10b043a2b48af34b35b90aa5~
 
a83eb4_b21bf9a1c87f416792bc5c9df1ebd0b1~
 
a83eb4_e3f0c797a6074e778fea851b5515c803~
 
a83eb4_63e8fdf8eaa646e1af54055bd4e0131c~SMLXL
 
3. Curtir os lagos
 

Como fui em época fria, nem passou pela minha cabeça entrar no lago rs. Os lagos são maravilhosos, vale a pena levar um livro, escutar a natureza, passar um tempo conversando! 

 

a83eb4_5c15729bde974bfd9d1c1736dc69db09~SMLXL
a83eb4_6c5bd6c5b7e947c4b063dee769a063ea~SMLXL
 
a83eb4_2fe7aeb3bf7841e18452540dc02166f6~SMLXL
 
4. Termas Los Pozones
 

As termas pozones tem uma pegada diferente comparando as geométricas. Elas são mais naturais, as estruturas são mais básicas e ela fica em um caminho um pouco mais chato de se acessar. Acho que vale a pena conhecer por conta da diferença entre ambientes.

 

Parece uma vila Hobbit rs

a83eb4_cce0ef58d7864623a1595e4519f09d3e~SMLXL
 
a83eb4_651f0e71df0648619fea7a34459ee3dd~SMLXL
 
a83eb4_90dd3c9485de4ea1967de94f43e7c09b~SMLXL
 
5. Fazer trilhas - Parque Huerquehue
 

Esse parque é maravilhoso! Não pegamos um dia tão bonito, e para economizar pegamos carona para chegar lá rs, inclusive foram 2 suécos que nos ajudaram, qual a chance? rsrs Mas, tem como agendar um transporte pelas agências e existem 2 onibus que saem em horários marcados para o parque! 

 

Lá você pode fazer uma trilha desde 2 horas de duração até 12 horas de sobe e desce! É maravilhoso!

 

a83eb4_d7ef44232a584f5199cae3abaae34c05~SMLXL
 
a83eb4_c420417b34d94381ba1a15c2962eb3c2~SMLXL
 
a83eb4_d78466c67347492b9bcc85c99cd710a7~SMLXL
 
a83eb4_6bc33879d73c46639ea0daf14bf8d583~SMLXL
 
6. Vulcão Quetrupillan
 

Vamos lá!

 

A cidade conta com 3 principais vulcões. Um ativo, que é o Villarica e outros dois, o Lanin (3.747m) e o Quetrupillan (2.360m). Eu adoro montanha, inclusive tenho alguns projetos de ascensões.

 

Ao invés de subir o Vilarica, decidimos subir o Quetrupillan. É uma caminhada intensa, saimos as 4 da manhã e voltamos as 17hrs. Valeu cada segundo.

 

Esse vulcão, há milhares de anos teve uma erupção tão forte que o topo dele partiu no meio. Então ele não tem aquele formato típico. O mais interessante é que de á podemos ver perfeitamente o Vilarica soltando fumaça!

 

a83eb4_45b165dadd1b45c78d3e1f0d55f9c102~SMLXL
 
a83eb4_f9bb2870954b4f71a5a5d57b4ac71371~SMLXL
 Vilarica soltando um fumace
a83eb4_6bbfde2b192349569f731ac7c677f3ba~SMLXL
 Vilarica ao fundo
a83eb4_38b3860aae2d461b90faa62b94666ef2~SMLXL
 Lanin ao fundo
a83eb4_01cb14134656464ab18c2ba9eff32d24~SMLXL
 
a83eb4_2b33718b0df34aeea567c22b036f918f~SMLXL
 
a83eb4_532874f957424b5d96f4da9934534cea~SMLXL
 
7. Visitar os Mapuche
 

Os Mapuche são os índios, os regionais, dessa região da Patagonia! É arrepiante a vibe deles. Todas as histórias por trás da cidade e da Patagonia em si! Fizemos um passeio a cavalo junto aos Mapuche, depois fizemos uma refeição junto a eles, com comidas típicas e caseiras! Foi um dos pontos altos!

 

a83eb4_48b8eeae14984cef93fc2de7d40b0293~SMLXL
 
a83eb4_23e02fda607c4f619940bd6238aeb403~SMLXL
 
8. Passeios de Água
 

Não tivemos a oportunidade. Na realidade no inverno esses passeios também rolam, mas o frio, é insuportável rs. Mas, você poderá econtrar passeios de Rafiting, Rapel e Cachoeiras locais.

 

9. Bares e restaurantes
 

Como toda boa cidade, não faltam restaurantes e bares! No verão acontecem muitas festas pela rua principal. Uma infinadade de restaurantes estão sempre à disposição para uma boa refeição. Mas, cuidado, não espere gastar pouco. A maioria esmagadora de bares e restaurantes tem seu luxo e um precinho não tão camarada. 

 
a83eb4_737aef8284074c0ab04658d583fff898~SMLXL
 
  • Gostei! 4

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Dominique, excelente texto. Estou indo pra Pucón no alto inverno (meados de julho) justamente com o intuito de conhecer a estação de ski e aproveitar os passeios na neve (descobri um passeio bem legal de trenó puxado por cães). Porém fiquei um tanto preocupado porque o Villarrica era o meu passeio prioritário. Mas só depois eu descobri que a subida não é recomendada no inverno! Você subiu em que mês? Como estava o clima? Planejei minha estadia para 5 dias, na esperança de conseguir um clima favorável em pelo menos um deles!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Em julho, na cidade é realmente muito frio, necessitando usar as 3 camadas? ( segunda pele, fleece, jaqueta impermeável) ou da pra levar de boa, com coisas mais leves? 

e na questão de calçados, bota impermeável sempre?

Minha ideia é ir com coisas mais leves do Brasil, e alugar as roupas la pra esquiar e subir o vulcão.

Obrigado, abraço.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Que post!! Estou indo no final do mês pra Pucón e a grana está bem apertada. Se alguém tiver indicações de restaurantes mais em conta, agradeço!

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tem comida muito boa no supermercado, vá lá e coma por mim,que adorava fazer isso.

  • Gostei! 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Helosouzaa Ola!! Voce pegou um hotel com cozinha?? Seria uma boa alternativa para comprar as coisas no mercado e fazer em "casa". Lá a maior parte dos restaurantes sao meio carinhos, mas se voce andar e olhar com carinho na rua principal, tem algumas lanchonetes e vendinhas com lanches! Voce vai adorar Pucon!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Jhonatan Vargas Olaaa! Entao, quando fui pela primeira vez, cheguei em junho e estava bem frio... Na cidade não é necessário 3 camadas, mas para fazer as trilhas e passeios pelos vulcoes eu recomendo que use sim! Quanto a calçado, uma bota ou aqueles tenis de trekking ja sao o suficientes!! =)

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

  • Conteúdo Similar

    • Por [email protected]
      oi estou planejando uma viagem para o chile e gostaria de saber se pucon vale a pena ?
    • Por Júnia Pimenta
      [info]O objetivo deste tópico é trocar informações e reunir depoimentos e dicas sobre a cidade de Pucón. Se você está com alguma dúvida em relação à cidade, coloque-a aqui que sempre um mochileiro de plantão irá ajudar. Se já conhece Pucón, conte para nós como foi sua experiência, seja ela negativa ou positiva, deixando dicas e demais informações para mochileiros perdidos. Para isso basta clicar no Botão Responder![/info]
       
       
      [linkbox]Guia da Região dos Lagos por Mochileiros.com
      Escreva seu Relato sobre Pucón
      Procurando companhia para viajar para Pucón? Crie seu Tópico aqui!
      Região dos Lagos - Tópico de Perguntas e Respostas
      Pucón - Tópico de Perguntas e Respostas
      Puerto Varas - Tópico de Perguntas e Respostas
       
      Relatos sobre Pucón:
      Relato sobre viagem de treze dias ao Chile, incluindo Pucón pelo mochileiro Leo Caetano
      Relato sobre viagem de dezessete dias ao Chile, incluindo Pucón pelo mochileiro apmontenor
      Relato sobre viagem ao Chile, incluindo Pucón pelo mochileiro marcosplf
      Relato sobre viagem de ônibus ao Chile, incluindo Pucón pelo mochileiro Robson Cesar
      Relato sobre viagem de carro ao Chile, incluindo Pucón pelo mochileiro Mário Luc
      Relato sobre viagem de treze dias ao Chile, incluindo Pucón pela mochileira Cascia
      Relato sobre viagem ao Chile, incluindo Pucón pelo mochileiro Sergio Soares
      Relato sobre viagem de dezesseis dias ao Chile, incluindo Pucón pelo mochileiro Furuta
      Relato sobre viagem de dezesseis dias ao Chile, incluindo Pucón pela mochileira Ana Biazzi
      Relato sobre viagem de vinte dias ao Chile, incluindo Pucón pela mochileira Erika Marques[/linkbox]
    • Por AndrewOliveira
      E aí gente, estive em pucón agora em dezembro, a cidade é incrível, muita atividade pra fazer!! A ascensão do Villarrica estava rolando normalmente, o problema é que estava na faixa dos 80 mil pesos, e a maioria das pessoas do hostel que fizeram a ascensão , reclamaram que os guias não estavam indo até o cume, porém outros disseram que foram até o cume sem problemas, se você estiver com a grana curta, sugiro fazer o Mountain bike até o base do vulcão, onde você sobe a pé até certo ponto do vulcão (na neve) e na volta faz um Mountain bike nível 2 de dificuldade com direito a uns 3 km de descida na estrada del vulcan, além de um tour de bike pelos principais pontos do centro de pucón. Tudo isso por 20 mil pesos! A agência é a Trepa Expediciones , e quanto ao hostel, pra quem estiver fazendo um mochilão mais econômico, eu indico o Lacustre Trip Hostel, lugar super aconchegante, com vários ambientes legais, e 8 mil pesos a pernoite.
      Para a alimentação procurem o Vulcan Burguer, os sanduíches são enormes! Abraços!
    • Por emmanuel_oliveira
      Olá, pessoal.
      Eu e minha esposa iremos ao Chile em setembro/2018. Apesar de eu já ter ido, fiz um roteiro diferente do que queremos fazer agora. Sendo assim, gostaríamos de ajuda de vocês para montarmos o itinerário mais adequado.
       
      Sairemos de Fortaleza no dia 16 de Setembro e chegaremos em Santiago às 18:10 do mesmo dia. Aí começam nossas dúvidas. Chegaremos justamente nas Fiestas Pátrias chilenas. Queremos conhecer essas festas, mas sabemos que muitos locais não abrem. Os lugares turísticos são afetados, como Plaza de Armas, museus, Palácio de La Moneda? Estamos pensando em fazer o seguinte percurso:
      Dia 16) Fortaleza - Santiago
      Dia 19) Santiago - Mendonza, ARG (por a passagem de avião ser mais barata)
      Dia 20) Mendonza - Bariloche (avião)
      Dia 23) Bariloche - Puerto Varas (melhor fazer o Cruce Andino ou viajar de ônibus e deixar pra fazer os passeios de barco em Puerto Varas?)
      Dia 26) Puerto Montt - Valdívia - Pucon
      Dia 29 tarde) Volta pra Santiago (ônibus)
      Dia 30) Santiago - Fortaleza

      Não separamos dias específicos pra cada lugar. Queremos curtir o ambiente e decidir se vale a pena ficar mais ou menos dias. 
      Como iremos em Setembro e vai ser fim de inverno, sabem dizer se dá pra esquiar em Valle Nevado, fazer trilha na Cordilheira dos Andes, ir em Cajón Del Maipo?
      Indicam alguma vinícola mais rústica e/ou tenha viagem de trem? 

      Desde já, agradecemos as respostas!!!
    • Por Gabrieltakahashi
      Meu nome é Gabriel Takahashi e decidi viajar, pois não estava muito feliz com a vida que eu estava levando.

      Depois de um tempo relutando com este sentimento de infelicidade, resolvi que era hora de tomar um novo rumo. Decidi fazer Chile e Peru por serem países próximos do Brasil, então custo mais baixo, e ao mesmo tempo muito diferentes. Então precisei largar minha empresa e deixei minha esposa em SP para começar esta pequena aventura.

      Comprei minha passagem com 3 meses de antecedência e paguei em torno de R$ 1.500,00. Todos os valores que vou descrever no relato são valores aproximados ou bem próximos da realidade.



      Tenho muita vontade de realizar o trekking Torres del Paine no Sul do Chile, porém não consegui realizar este sonho neste momento, pois para realizar este trekking no inverno é necessário um guia, e como eu estava viajando sozinho eu teria que esperar na cidade até juntar um grupo ou fazer o trekking com um guia privativo. Este trekking privativo iria custar em torno de $ 1.000,00, ou seja, deixa para próxima.



      Como não foi possível conseguir começar em Puerto Natales, resolvi começar em Puerto Varas.



      Dia 01

      No momento da compra do ticket, eles informam os "Andes", não me lembro o nome, são as plataformas onde o transporte vai estar. Porém eles não informam o local exato e sim um conjunto deles, porém todos ficam bem próximos, então é só ir perguntando e pronto.



      Ah, antes que eu me esqueça, eu levei dólar e troquei próximo a rodoviária. Não é o melhor lugar mas achei uma cotação boa.

      Neste dia gastei com alimentação em torno de 35 reais, almoço e janta.


  • Seja [email protected] ao Mochileiros.com

    Faça parte da maior comunidade de mochileiros e viajantes independentes do Brasil! O cadastro é fácil e rápido! 😉 

×