Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Peça ajuda, compartilhe informações, ajude outros viajantes e encontre companheiros de viagem!
    Faça parte da nossa comunidade! 

casal100

Estrada Real a pé - Perguntas e Respostas - 2013 a 2015

Posts Recomendados

Olá Mari,

 

Estou colocando a papelada em dia, e completarei o relato(faltam: Cunha e Paraty na estrada real, mas devo colocar o PN Itatiaia/penedo/visconde de maua)

abs

 

Olha que blog legal, esse rapaz está fazendo o mesmo roteiro nosso, mas o relato dele é muito divertido, com dicas ótimas.....

http://memoriasdeumesquizofrenico.blogspot.com.br/

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vou acompanhar esse tbm. Quero fazer o roteiro entre Julho e Agosto. A idéia é ir sozinha, então, quanto mais detalhes melhor, mais segurança. : )

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Vou acompanhar esse tbm. Quero fazer o roteiro entre Julho e Agosto. A idéia é ir sozinha, então, quanto mais detalhes melhor, mais segurança. : )

 

 

Ola Mariana sou o Ederson do SIMEAR

Sistema Incentivo Mineiro de Esportes e Aventuras Radicais

se você for de minas e a data que você for fazer a travessia nos terremos prazer em acompanhar.

https://www.facebook.com/pages/Simear-E ... 491?ref=hl

https://www.facebook.com/dinmoris.oh

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá Ederson,

 

Obrigado pelo elogio.

Pelo trabalho que vcs estão fazendo ai.

abs

 

Mari,

 

Se por acaso precisar de mais alguma informação complementar, estaremos por aqui!

Em julho o frio deve ser bem maior, portanto leve roupas inverno.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

24º DIA - 20/02/2013 - Quarta-feira

 

Saída de Guaratinguetá-SP chegada ao Marco número 1.314(trevo de acesso ao hotel fazenda São Francisco)

caminhamos 27,04 kms em aproximadamente 08:15 horas - depois ônibus do Marco 1314 até Cunha - SP

 

Entre Guará x Cunha são mais de 50 quilometros, com subidas/descidas fortíssimas, na minha opinião, um dos trechos mais

dificies da estrada real.

Então, planejamos assim: íamos até onde o preparo físico desse, ai decidiríamos se voltaríamos para guará ou para cunha

de busão, ou mesmo, verificaríamos se o hotel

São Francisco, teria acomodação mais barata(pelo site, constatamos que a diária era caríssima para nós).

 

O trecho:

Saimos as 07 horas, ainda frio, pegamos neblina por um bom trecho. O primeiro marco ficava defronte ao nosso hostel, que

ficava na praça da prefeitura...no início

asfalto, com algumas subidas/descidas leves, pegamos a seguir um pequeno trecho em terra, como tinha chovido muito nos dias

anteriores, muito barro e lama, o que

dificultou muito pra nós. Chegamos novamente no asfalto, trecho curto, logo começamos o trecho mais complicada, com estrada

de terra, subidas fortíssimas, uns 3 a 4 kms

de subidas fortes....no topo uma visão maravilhosa da região..... assim que chegamos ao topo, tinha uma pequena cachoeira

na beira da estrada, como o sol tava forte,

paramos e molhamos nossas roupas...... e começamos a descer até a estrada asfaltada novamente.....sol forte, subidas/

descidas.... nosso preparo físico começou a cobrar

o preço....mas andamos mais um bom pedaço, até uma lanchonete do lado esquerdo da estrada, ali tomamos um refri e comemos a

lguma coisa, e descansamos.... depois de molhar o corpo, e

alimentar bem, seguimos, apesar do fortíssimo sol e subidas, conseguimos chegar até o trevo do hotel São Francisco,

sentamos ali para descansar e pensar sobre os próximos

passos. Nisso passou uma senhora de carro, nos informando que o Hotel S.Francisco não funcionava nos dias de semana, ai nós

tínhamos duas opções, voltar para guará ou

seguir para Cunha..... Prevaleceu o bom-senso, pegamos o busão as 14:30horas para cunha, fizemos o certo, pois dois dias

depois, tínhamos que pegar o trecho complicado,

entre cunha x paraty(são mais de 57 kms e não dá para fazer em um dia), e tínhamos uma tarde para planejar o último trecho,

que não tem cidade entre elas.

Chegamos na rodoviária um tempo depois, fomos direto a pousada que ficamos um ano antes, quando fizemos o caminho da fé.

Comemos açaí/sorvete e açaí, pipoca com queijo...muito bom.....

Fomos até o centro de apoio ao turista de Cunha(fica na esquina do mercado municipal, próximo a praça principal), verificar

a disponibilidade de hotéis entre cunha x paraty,

ligamos em 2 ou 3, já deixamos reservado com um, que fica quase no meio do último trecho.

Fomos dormir cedo, pois no outro dia, teríamos que pegar um busão e retornar até o marco 1.314(trevo h. são francisco), e

terminar o trecho entre guará x cunha!

O primeiro ônibus de cunha x guará, sai da rodoviária as 07:00 horas, portanto tínhamos que acordar bem cedo!

 

HOSPEDAGEM: Hotel Bela Vista, perto praça principal, quartos bons, camas idem, limpo, tv a cabo, mas não tinha acesso a

internet, preço R$100,00 com café da manhã simples.

 

CUNHA: cidade pequena, mas com ótima estrutura turística, tem tudo.......

 

Algumas fotos:

Vai encarar

DSC04515_zpse1ea7c2a.jpg

Comendo fruta no pé

DSC04522_zps4baf1f62.jpg

Visual no topo, ao longe, guaratinguetá

DSC04525_zpsda7696d9.jpg

Uma pequena subidinha

DSC04526_zps7c54dd8f.jpg

Paramos nessa lanchonete para repor as energias perdidas no dia, bacana ai

DSC04529_zpsc33b75da.jpg

Chegada a Cunha

DSC04531_zps60a4ac87.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

25º DIA - 21/02/2013 - Quinta-feira

 

Saída de Cunha de busão(R$3,15 pp) até o marco 1314... depois caminhamos 23,6 quilometros em 05:15 horas.

 

O dono da pousada acordou mais cedo para fazer o café da manhã, mas o café foi muito fraco....tivemos que

passar rapidamente numa padaria para reforçar o estômago.

Pegamos o primeiro ônibus as 07:00, descemos no marco 1314, onde terminamos ontem.....

O início, no asfalto, pegamos subidas/descidas fortes, no final, antes de entrar na estrada de terra, vc

pega um subida fortíssima.....

Na estrada de terra não é diferente, subidas/descidas fortes, mas a vantagem que em alguns trechos tem muita

sombra, o que facilita um pouco, o trecho é muito bonito, paramos várias vezes para curtir o visual e tirar

várias fotos.

Antes de Cunha outra subida fortíssima, tivemos que parar no topo para descansar muito, embaixo de uma sombra

maravilhosas, acho que não vou esquecer essa sombra nunca.

Pouco antes da cidade, tem uma descida medonha, não sei qual foi pior, a subida ou a descida....credo!

Entramos na cidade, mas pra nossa surpresa, o sofrimento não tinha acabado, depois de um sol de rachar mamona,

pegamos uma subida de matar qualquer um, mas chegamos vivos na praça principal.....

Dessa vez, resolvemos mudar de pousada, pois o senhor nos ofereceu um péssimo café da manhã, apesar do preço

cobrado por ele!

 

HOSPEDAGEM: Pousada Sossego, fica umas três quadras da praça principal, no fundo de uma casa de família(que

administra), lugar tranquilo e confortável, e acima de tudo,um atendimento de primeira. Camas/colchões ótimos

e limpos, banheiro limpo, Tv a cabo...era um apto. grande, com dois quartos, sala, cozinha......perguntamos a

proprietária se poderia acordar cedo para fazer o café para nós....ela disse,que horas...eu 04 da matina....

ela tudo bem....mas pedi para acordar as 04:30, para começarmos bem cedo, pois o calor estava muito forte

nessa região.... preço: R$80,00 com ótimo e variado café...RECOMENDADÍSSIMO

 

CUNHA: ver post anterior.

 

Algumas fotos:

Subindooooo

DSC04532_zpsb5deba29.jpg

Ainda bem que tinha alguns lugares com ótimas sombras

DSC04534_zpsf909ff7e.jpg

Subindoooo

DSC04535_zpsd9bc5752.jpg

Pequeno trecho em asfalto,antes de chegar em cunha....vejam o céu...sol a pino....muito calor

DSC04537_zps6db087c8.jpg

Chegando a Cunha...descendooooo

DSC04539_zps7ae16d79.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

26º DIA - 22/02/2013 - Sexta-feira

 

Saída de Cunha x chegada a pousada Terra Viva - foram 22,78 ksm em aproximadamente 05:30 horas.

 

Fizemos a reserva dessa pousada, pois era a última depois de cunha, na estrada para paraty, eram poucos

kms, cerca de 23 kms...então no último trecho teríamos mais de 36 kms.

 

Acordamos cedo, as 04:30horas, para nossa surpresa, nesse horário o café da manhã já estava preparado,

o bolo foi feito na madrugada, que pessoal acolhedor, diferente do senhor do dia anterior, que nem pão

tinha no café....comemos muito.....tudo muito bem preparado....

RECOMENDO ESSA POUSADA!

 

Saimos da pousada as 05 da manhã, com o dia ainda escuro, mas pegamos um bom trecho dentro da cidade....

Esse trecho não é paralelo a estrada de asfalto, a saída da cidade fica em lado aposto a estrada....no

início subidas/descidas fortes..... passamos ao lado de várias cachoeiras, a mais bonita, na minha opinião

é PIMENTA, várias quedas d´água, no topo dela, tem um represa, ao lado tem um pequeno restaurante,

mas estava fechado, pois passamos ali muito cedo.

A estrada continua, mesclando trecho de subidas, descidas, e poucas retas....é lindo...passamos ao lado de

lindas fazendas, chácaras bem cuidadas... algumas criações de vacas leiteiras e cavalos, algumas plantações

de eucalipto.....alguns mirantes para curtir o visual... muitas pousadas e hotéis de bom nível, mas caro...

Chegamos até a rodovia asfaltada, tem um ponto de ônibus, mas não tem linha regular, somente um que atende

os estudantes, e vc pode utilizá-lo, o problema que são dois horários, um as 11 horas da manhã que vem

da divisa com o RJ e outro no final da tarde(como é busão escolar, ele busca os estudantes nas fazendas, e

à tarde leva de volta);

Andamos mais algum tempo no asfalto, esse trecho é complicado pois não tem acostamento e tem várias curvas

fechadas....cuidado aqui, mas tem pouco movimento de veículos.

A pousada fica do lado direito da estrada.

 

HOSPEDAGEM: Pousada Terra Viva, lugar lindo e aconchegante, são uns 5 ou 6 chalés, bem cuidado e limpo, tem

lareira, tv, frigobar, banheiro ótimo.....Vó Nadyr, cuida com carinho e esmero de todos os detalhes,

uma verdadeira casa da vó..... os jardins são um caso a parte, tudo muito lindo e bem cuidado... a pousada

ainda oferece: piscina, sauna, restaurante, linda vistas da região....tem algumas trilhas pequenas para

curtir...... apesar do preço: R$180,00 o casal com café da manhã, acho que valeu a pena.

RECOMENDADÍSSIMO.

A vó Nadyr, oferece um ótimo jantar, feito por ela mesma....ela é super-dinâmica faz tudo..... comemos um

ótimo filet..... apesar do preço(R$30 pp) valeu a pena mesmo!

 

Obs.: Esse trecho tem pouca estrutura para o caminhante, não tem bar, restaurante, portanto, se a grana tiver

curta, procure levar petiscos. As coisas são caras, e vc tem que ficar na mão da pousada....a comida é cara

mesmo....mas é longe de tudo, o que encarece!

 

Algumas fotos:

Antes do sol nascer já estávamos bem adiantados

DSC04541_zps562fde05.jpg

Pequeno trecho em asfalto, com subida forte

DSC04545_zps26f76d63.jpg

Cachoeira Pimenta, do lado debaixo

DSC04547_zps85367e21.jpg

Represa no topo da cachoeira pimenta

DSC04549_zps578279f3.jpg

Subidas e mais subidas, o céu com poucas nuvens e o calor infernal

DSC04553_zps040a4f2c.jpg

O asfalto na parte final do trecho, subida forte, sol forte e curvas fechadas numa estrada sem acostamento....perigoso.

DSC04557_zpsd276a169.jpg

Piscina, cercada de flores e frutas....belo mirante

DSC04560_zpsbe3e184d.jpg

Café gentilmente enviado pela proprietária.

DSC04563_zpsa22f8cd6.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

27º DIA - 23/02/2013 - Sábado

 

 

Último dia da Estrada Real...grande final - esse trecho vc sai a quase 1.500 msnm, e chega ao nível do mar.

 

Da pousada a Paraty são aprox. 37 kms fizemos em umas 10 horas, pois paramos muito, lugar verdadeiramente

lindo...principalmente a descida do PN bocaina.

 

Como sairíamos antes do nascer do sol, pedimos a vó nadyr, alguma coisa pra comer de café da manhã, pois ela

oferece café somente a partir das 08 horas;

Muito gentilmente, mandou para nós um cesta com vários tipo de frutas, bolos e bolacha, ainda umA garrafa

térmica com café.....SENHORA SUPER GENTIL.

 

Acordamos bem cedo, 04:30 horas, tomamos o café da manhã, saímos ainda escuro, no início subidas/descidas

leves..... lugar líndissimo..algumas chácaras/fazendas...

Mais a frente encontramos um lugar com alguns restaurantes e parece que tem um bar.....depois pegamos uma

subida fortíssima, descidas idem........

Antes da divisa com o RJ, pegamos outra subida fortíssima, chegamos até a pousada Uemura(caríssima, liguei lá,

no ínicio da ER, e a diária é R$580)....

Pouco depois do Uemura, chegamos finalmente a divisa, e ali começava a grande descida....O LUGAR MAIS LINDO DE

TODA ESTRADA REAL...IMPRESSIONANTE!

O Asfalto termina na divisa dos estados, a descida é em estrada de terra, logo na primeira curva, tem um

mirante para visualizar, de cima, a cidade de Paraty, lindíssimo.

A descida é forte mesmo, com muita pedra, em alguns lugares, até parece que está descendo escada...kkkkk

Árvores centenárias, flores e mais flores, uma mais linda que outra, samambaias, lindos mirantes, visuais de

tirar o fôlego.... LINDO MESMO, procure curtir esse lugar.

 

Uns 14 kms de Paraty, chegamos numa lanchonete de madeira, o proprietário veio nos atender, ai ele perguntou

de onde estávamos vindo....

eu: estamos fazendo a estrada real....

ele: como estão fazendo a ER, se vieram da estrada.....

eu: a estrada real é essa, tem os marcos...

ele: muito gozador, falou, essa estrada real que vc fez é a comercial, pois a verdadeira não é essa, apontando

para um morro defronte a lanchonete dele.....kkkkkkkkk

eu: boquiaberto, fiquei escutando tudo calado....e, pensando: não é possível que não fiz a ER, depois de 700kms,

vem esse caiçara e fala isso.....kkkkkkkkk

ai ele saiu para atender outros clientes....e eu ali.... cabisbaixo e pensativo....fui enganado pela propaganda

da ER.......

ele: e ai, quer conhecer a verdadeira ER....... vou te levar lá e vc conhecerá a verdadeira....

eu: Cara, não faz isso comigo, vc tá estragando o meu sonho........kkkkkk

ele: todos que descem a serra, acham que estão fazendo a ER...alguns chegam aqui e choram, depois de saber.....

.kkkkkkk

 

Depois de muito papo e várias brincadeiras, comemos uns pastéis maravilhosos, feitos por ele..... que cara gente

boa......encontramos com vários jovens que estavam descendo para Paraty.........Essa lanchonete é o ponto

de apoio para quem tá descendo ou subindo a serra. Ótima opção para um cafezinho, uma ceva......e um ótimo papo

do greg.

Tire umas 2 horas para aproveitar a experiência desse cara....e rir bastante, com as história que ele conta....

genial esse cara!

Perdoei ele por ter me avisado que não fiz,no trecho da descida da serra, o caminho Real....kkkkkkkkk

Despedimos dele, enchemos nossas garrafas com água numa bica próxima a lanchonete.....

 

Uns 2 kms á frente, pegamos o asfalto, sem acostamento, alguns carros enferrujando, pois não conseguiram subir a

serra, e os proprietários abandonaram por ali mesmo.

Várias curvas fechada, estrada sem acostamento, tínhamos que ficar fazendo zig-zag, com medo de ser atropelados..

Vários mirantes na estrada, cada um mais bonito que outro.

Fomos conhecer as cachoeiras, perto da igreja, logo a seguir a chuva/raios nos pegou, tivemos que ficar num abrigo

de ônibus(Em frente a fazenda da família Marinho)....ai ficamos naquela, vamos desistir de chegar

à pé, e pegar um busão, ou esperar a chuva passar.....vamos esperar a chuva parar....ficamos ali umas 2 horas e

nada....na primeira oportunidade, fomos...no caminho a chuva começou a cair, como já estávamos

todos molhados, não paramos.....chegamos a Paraty, com tudo molhado, mas as roupas dentro das mochilas estavam secas....

 

A chegada a Paraty foi tranquila, mas estávamos cansadíssimos, o último marco ficava na praça do chafariz, então

seguimos até lá para concretizar o sonho de completar a ER à pé...e conseguimos........

Esse foi o presente de 30 anos de casados que demos para nós mesmos!

 

HOSPEDAGEM: Pousada Talismã, fica em uma rua paralela a principal, quarto pequeno mas confortável, camos boas e limpas, banheiro bom, tv a cabo, wi-fi,

café da manhã ótimo,frigobar, ar condicionado, sala de TV...preço R$120,00 o casal.

 

Paraty: Linda, acolhedora, muitas opções de hospedagem, refeições e passeios.....ficamos 9 dias ali curtindo tudo..... maravilhosa cidade e o povo carioca com

a alegria em receber os turistas, passamos momentos felizes ali.......depois posto as fotos de lá.

 

Me desculpem, mas esse trecho merece mais fotos - PRIMEIRA PARTE:

Saindo cedo

DSC04565_zps8df3ac76.jpg

Descidas e muitas curvas...

DSC04571_zps7053e0f8.jpg

Trecho lindo, tem a uns 2 ou três restaurantes e parece que tem um bar...confirmar

DSC04574_zpsdab83cf2.jpg

Cachoeira bem próxima a estrada, ótimo lugar para tomar um banho, mas água fria

DSC04579_zps754ff8e4.jpg

Hotel Uemura, divisa estados SP com RJ

DSC04580_zps0eca77f9.jpg

Primeiro mirante na primeira curva depois da divisa...lindo... abaixo Paraty

DSC04588_zps97558b45.jpg

Esse aqui não conseguiu chegar ao Mar.....muitas pedras e desnível incrível...

DSC04593_zps18c10d0a.jpg

Que flores lindas....

DSC04595_zpsf98e63f8.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mais algumas fotos do último trecho, entre cunha x Paraty - SEGUNDA PARTE:

 

Quaresmeira e suas flores de várias tonalidades..

DSC04600_zpsc3841f20.jpg

Um fusquinha descendo...

DSC04601_zpsa2343565.jpg

Lugar lindo esse ai...

DSC04604_zps59f7eef9.jpg

Essa é a lanchonete do greg, parada obrigatória

DSC04605_zps220724dd.jpg

Mais um lindo mirante, ao fundo a cidade de Paraty

DSC04608_zps22299bca.jpg

Estrada perigosa

DSC04609_zps78cf25f6.jpg

Outro mirante

DSC04611_zps35e0202f.jpg

Esse carro ai não conseguiu subir....

DSC04613_zps9269ca94.jpg

Cachoeira do tarzan...

DSC04614_zpsfabdca8b.jpg

Pegamos toda essa chuva ai....

DSC04616_zpsb4f81993.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


  • Conteúdo Similar

    • Por casal100
      Resolvemos, dessa vez, fazer alguns roteiros distintos: beira-Mar, trilhas em montanhas e travessia.
      Começamos por Ubatuba, foram 10 dias de caminhada, por algumas das principais praias; depois pegamos nosso veículo e fomos fazer alguns roteiros em Extrema-MG e, por último,  a grata surpresa: TRAVESSIA DA SERRA DA CANASTRA-MG, que lugar maravilhoso: belas cachoeiras, trilhas fortes, flora e fauna exuberante, povo amigável, queijos deliciosos(alguns entre os melhores do mundo na sua categoria) sem contar a culinária mineira. Tudo de bom.
    • Por casal100
      Fizemos a maioria dos caminhos que passam pela Serra da Mantiqueira(Estrada Real, Caminho da Fé, Crer....), alguns mais de 1 vez.
      É quase unanimidade entre os caminhantes que, indiscutivelmente, a Serra da Mantiqueira têm as mais bonitas paisagens e, nós concordamos integralmente. São caminhos que proporcionam lindas fotos,  clima agradabilíssimo, povo acolhedor e simpático, ingredientes que definiram esse roteiro.
      Foram quase 50 dias e mais de 1.100 quilômetros de muitas alegrias, felicidade e paz,  poucas tristezas e decepções.
      Começamos e terminamos na MAGNÍFICA cidade de Campos do Jordão-SP, depois de rever vários lugares (passei alguns invernos nesta bela cidade, quando eu era "bacana"). A cidade se transformou,  criaram vários roteiros turísticos, belas e caras casas dos novos e velhos "bacanas", ótimos restaurantes, atrações mil,  pousadas e hotéis de todo tipo e preço, tem até o refúgio do peregrino, comércio bom, povo hospitaleiro, clima perfeito e, ainda por cima fomos no verão,  baixa temporada,  onde com facilidade encontramos boa hospedagem com preços menores que muitas hospedagem em cidades pequenas.

      Outra coisa que pesou em escolher fazer essa travessia é que a região se assemelha muito com um projeto que temos em mente, que é a travessia entre Punta Arenas x Arica no Chile,  então serviu como treinamento.
    • Por casal100
      ROTEIRO À PÉ:
       
      RIO GRANDE DO SUL:
      Portão
      Bom Princípio
      Carlos Barbosa
      Garibaldi
      Bento Gonçalves - Vale dos vinhedos
      Bento Gonçalves - Pinto Bandeira
      Bento Gonçalves - pela cidade
      Bento Gonçalves - caminho de Pedras
      Caxias do Sul - flores da Cunha
      Caxias do Sul - estrada dos imigrantes
      Nova Petropolis
      Gramado - Natal de Luz
      Canela - Cachoeira do Caracol
      Gramado - pela cidade (parques, centro)
      Santa Maria Herval
      Picada Café
      Ivoti
      Sapiranga
      Três Coroas
      São Francisco de Paula
      São Francisco de Paula  (parques, lagos e pela cidade)
      Tainhas
      Cambará do Sul
      Cambará do Sul - Canyon Itambezinho
      Cambará do sul - canyon Fortaleza
      Torres - praia
       
      SANTA CATARINA:
      Praia Grande - descida Serra do faxinal
      Balneário Gaivota - Praia
      Balneário arroio do Silva - Praia
      Balneário Rincão - Praia
      Balneário corrente - Praia
      Farol de Santa Marta - Praia
      Laguna - cidade histórica + Praia
      Orleans
      Guatá  (distrito de Lauro Muller) pé da serra do Rio do Rastro
      Bom Jardim da Serra
      ROTEIRO DE ÔNIBUS :
      São Joaquim
      Urubici
      Bom Retiro
      Lages
      Fraiburgo
      CONTINUAÇÃO À PÉ SANTA CATARINA:
      Videira
      Treze Tílias
      Água Doce
      Jaborá
      Concórdia
      Seara
      Chapecó
       
      PARANÁ (ÔNIBUS):
      Curitiba
      Paranagua
      Morretes
       
      QUILÔMETROS /DIAS: +- 1.300 kms em 53 dias
       
      PESSOAS:
      No planejamento da viagem nossa preocupação era de como seríamos recebidos nas pequenas cidades, visto que algumas delas não tinham vocação turística, e "mochileiros"poderiam ser "novidade". Mas, essa preocupação foi rapidamente deixada de lado.
      Fomos recebidos muito bem em todos os lugares (exceto dois episódios, que não afetou em nada nossa caminhada).
      Ficamos impressionados com a educação e o acolhimento da população do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, sempre solícitos às nossas demandas.
      Poxa, que saudade de tudo aquilo, em breve voltaremos.
       
      CIDADES:
      Praticamente todas as cidades desse roteiro tinham pousada ou hotel, somente o distrito de tainhas-SC não tem, somente restaurante (mas esse trecho tem serviço de ônibus intermunicipal).
       
      ESTRADAS:
      Optamos em fazer pelas estradas asfaltadas(alguns trechos fizemos em estrada de terra), pois não conseguimos informações sobre estradas secundárias nesta região.
       
      COBRAS:
      Nunca vimos tantas cobras como na serra Gaúcha, teve dia que vimos umas 5, quase minha esposa pisou numa em uma rodovia asfaltada.
      Elas ficam enroladas na pista de rolamento, é normal vê-las todas esmagadas por veículos, ficam parecendo um desenho no chão (pois vários veículos passam por cima).
       
      ANIMAIS SELVAGENS:
      Outra coisa que nos chamou atenção, vimos muitas espécies(raposa, cobras, tatu, macacos, roedores, porco espinho etc) passando lentamente perto de nós.
       
      PRECONCEITO:
      Tivemos um fato lamentável num hotel fazenda.
      O gerente nos recebeu num descaso tremendo, nem respondia nossas perguntas, foi preciso a intervenção de uma funcionária para resolver a situação (quase mandei o cara a pqp), o infeliz está no lugar errado.
      O outro caso foi mais leve, mas fiquei puto.
      Tirando isso, foi muito tranquilo ser mochileiro naquela região, muito tranquilo mesmo.
       
      PREÇOS HOTÉIS:
      Variou de $25 a 95 por pessoa (mas a crise pegou todo mundo ), em alguns lugares priorizamos ficar em lugares melhores,
      Sempre pechinchamos os preços, na maioria dos casos conseguimos descontos, principalmente à vista.
      Não fizemos nenhuma reserva, foi muito tranquilo.
       
      PREÇOS REFEIÇÕES:
      variou de $10 a $35 por pessoa à vontade.
      Peso : de $20 a $44 o quilo.
      Obs.: em média coloque $22 por refeição sem bebidas.
       
      ABUSO CONTRA TURISTA:
      Só tivemos alguns casos de abuso, mas nada gritante:
      Você chega em duas pessoas e pede somente um cafezinho pequeno, o cara trás dois grandes (claro, mais caro) e na maior cara de pau diz que pedimos dois.
      Isso aconteceu nuns 5 lugares na serra gaúcha, lamentável!
      Obs.: para nos proteger disso, fazíamos assim: chegávamos nos caixas do estabelecimento e pagava antecipadamente, acabou o problema.
       
      CARONA: precisamos pegar carona em algumas oportunidades, e foi até tranquilo conseguir.
      .fomos ao canyon Itambezinho e no Fortaleza à pé, e voltamos de carona, foi tranquilo.
      .quando visitamos uma cachoeira em Cambará do sul, fomos à pé e voltamos de carona ( neste dia pegamos três, cada um nos levou num pequeno trecho).
      .dividimos o trecho entre Seara e Chapecó-SC em dois, como o ônibus demoraria muito, resolvemos ir de carona, demorou uns 40 minutos para aparecer.
       
      SEGURANÇA:
      Em momento algum tivemos problema, somente em Porto Alegre (visita ao mercado central que nos orientaram a ter cuidado), mas os moradores de PA estão preocupados.
      .na saída de Caxias do Sul, saída para estrada dos imigrantes tem um lugar que me pareceu inseguro, mas nada complicado.
       
      NEGOCIAÇÃO HOSPEDAGEM:
      Sempre negocie, em alguns casos conseguimos descontos de 10% abaixo dos sites de hospedagem. Principmente nesta crise, em alguns casos somente nós dois estavam hospedados no hotel.
    • Por casal100
      Realizamos no período de 19 a 28 de julho de 2015, o circuito completo do Vale europeu em Santa Catarina. Foram 10 dias contemplando e vivienciando lugares, pessoas maravilhosas.
      Destaco alguns locais incriveis: Pomerode, blumemau, fazenda campo do zinco e sua maravilhosa cachoeira, lindos mirantes, estradas encantadoras, pessoas hospitaleiras e cordiais. Nāo tivemos nenhum incidente.
       
      Começamos antes do circuito, fazendo o caminho entre blumenau e pomerode a pé, e no final fizemos do mesmo modo a rota enxaimel em Pomerode, por isso o roteiro foi concluido em 10 dias.
       
      Brevemente relato completo.
    • Por casal100
      Realizamos no período de 01 a 30 de janeiro de 2016 o CRER, foram mais de 800 quilômetros de caminhada.
       
      O circuito começa no morro da piedade a uns 15 kms de Caeté -MG e termina no santuário de Aparecida no estado de São Paulo.
       
      Esse circuito ainda está em fase de implantação, no escritório da igreja da piedade não disponibilizam nenhuma informação sobre o roteiro.
      Fornecem somente um pequeno mapa de uma parte do roteiro, não consta nele nenhuma informação sobre hospedagem, refeições, quilometragem.......
      Tem que seguir os marcos , que em alguns lugares foram destruídos dificultando sobremaneira o prosseguimento.
      Mais de 80% deste roteiro seguem o mesmo percurso da Estrada Real, no nosso caso ajudou bastante, pois em caso de dúvida seguíamos os da ER.
       
      Esse é uma demonstração de parte do CRER.

      Em algumas cidades tem essas placas informativa sobre o caminho CRER

      Essas placas informam as distâncias entre cidades..

      O morro da piedade é aquele morro no fundo da foto, é ali que oficialmente começa do caminho CRER

      Essa é a portaria que dá acesso a igreja da Piedade início oficial do CRER



×
×
  • Criar Novo...