Ir para conteúdo

Visa Travel Money - Perguntas e Respostas


regiscunha

Posts Recomendados

  • Colaboradores
Os mais viável seria o VTM entao? E o interessante, pra quem pretende viajar daqui a um ano pra mais é ir abastecendo aos poucos o cartão em real, dólar ou euro? Como consigo esse VTM e os depósitos são feitos como um cartão normal desses que usamos no Brasil? Se precisar por alguma nessecidade posso utilizá-lo no Brasil com cartão de débito?

::otemo:: Valeu

 

Você contrata o VTM em grandes casas de câmbio (eu fiz os meus na Confidence) ou nos grandes bancos. Só vale a pena ir colocando o dinheiro no VTM aos poucos ao longo do ano se houver expectativa de elevação da moeda, pois não há nenhum tipo de rendimento lá. Se não houver expectativa de elevação da moeda, o melhor é guardar a grana numa poupança ou investir de alguma forma e depois realizar a carga no cartão de uma vez só. A recarga do cartão é feita através da operadora que lhe forneceu o cartão. Você faz um pagamento ou depósito para eles e eles realizam a recarga. Quando estive na Europa fiz um VTM e fiz as recargas que precisei através de transferência on-line da minha conta para a da Confidence. O saldo aparecia no cartão em poucas horas. Você pode usar o cartão no Brasil, porém pagará pela conversão da moeda do cartão para o Real. O mais viável, como já foi discutido mais acima no tópico, é pensar em algum tipo de mescla. Hoje em dia, se for viajar para os EUA pode ser uma boa fazer o VTM de dolar, pois a moeda americana está subindo. Mas se for para a Europa a vantagem praticamente desaparece pois o Euro não está tendo o mesmo comportamento. O mesmo se dá para o VTM em Peso Argentino. Então depende da moeda que você vai usar na viagem. Mas no geral, o melhor mesmo é mesclar dois ou mais meios de carregar o dinheiro.

Link para o comentário
  • Respostas 622
  • Criado
  • Última resposta
  • Membros

[media][/media]

Os mais viável seria o VTM entao? E o interessante, pra quem pretende viajar daqui a um ano pra mais é ir abastecendo aos poucos o cartão em real, dólar ou euro? Como consigo esse VTM e os depósitos são feitos como um cartão normal desses que usamos no Brasil? Se precisar por alguma nessecidade posso utilizá-lo no Brasil com cartão de débito?

::otemo:: Valeu

 

Você contrata o VTM em grandes casas de câmbio (eu fiz os meus na Confidence) ou nos grandes bancos. Só vale a pena ir colocando o dinheiro no VTM aos poucos ao longo do ano se houver expectativa de elevação da moeda, pois não há nenhum tipo de rendimento lá. Se não houver expectativa de elevação da moeda, o melhor é guardar a grana numa poupança ou investir de alguma forma e depois realizar a carga no cartão de uma vez só. A recarga do cartão é feita através da operadora que lhe forneceu o cartão. Você faz um pagamento ou depósito para eles e eles realizam a recarga. Quando estive na Europa fiz um VTM e fiz as recargas que precisei através de transferência on-line da minha conta para a da Confidence. O saldo aparecia no cartão em poucas horas. Você pode usar o cartão no Brasil, porém pagará pela conversão da moeda do cartão para o Real. O mais viável, como já foi discutido mais acima no tópico, é pensar em algum tipo de mescla. Hoje em dia, se for viajar para os EUA pode ser uma boa fazer o VTM de dolar, pois a moeda americana está subindo. Mas se for para a Europa a vantagem praticamente desaparece pois o Euro não está tendo o mesmo comportamento. O mesmo se dá para o VTM em Peso Argentino. Então depende da moeda que você vai usar na viagem. Mas no geral, o melhor mesmo é mesclar dois ou mais meios de carregar o dinheiro.

 

Grato pela explicação.

Semana que vem vou solicitar meu passaporte espanhol e começar a planejar minha trip nas europa rsrsrs

Valeu ::otemo::

Link para o comentário
  • 1 mês depois...
  • 3 meses depois...
  • Membros de Honra

O que é comum é fazerem uma aprovação antes da viagem no cartão. Isto é, é meio que como fazer uma compra ficticia no seu cartão para ver se tem saldo.

 

No caso do booking já aconteceu de eu ter trocado de cartão depois da reserva e daí que quando tentaram fazer a aprovação da reserva numa data próxima não passava pq o meu cartão antigo estava cancelado. Daí pediram para eu atualizar os dados do cartão. Daí eu atualizei com os dados novos.

 

O Booking nesse caso me avisou que se em 24 horas, eu não atualizasse o meu cartão de crédito, o hotel teria o direito de cancelar a reserva. Ou seja, eu acho que se eu caso é igual ao meu, vc precisa ter um cartão de crédito válido cadastrado. Mas o pagamento pode (ou deve) ser feito no hotel, se isso estiver expresso na reserva.

Link para o comentário
  • 3 semanas depois...
  • Membros
A instabilidade da cotação deu uma sobrevida aos VTM, pois a grande vantagem do VTM e afins é travar a cotação da moeda estrangeira, nestes tempos de dólar e outras moedas subindo dia após dias, você carrega o valor no VTM e pode explodir o dólar a R$ 5.00 que não afeta mais você. A desvantagem, é que se você passar por vários países diferentes, com moedas diferentes, você paga taxa de conversão para a moeda local, que pode chegar a 3% do valor da compra.

 

A vantagem do cartão de débito não ter taxa de conversão, você sempre saca na moeda local ao custo da cotação da hora do saque. As desvantagens são: que por pagar a cotação da hora do saque, você nunca sabe exatamente quanto vai gastar, pois se viajar daqui a 3 ou 4 meses, a cotação do dólar/peso, etc pode ter subido 20% e o seu orçamento que já estava apertado não será mais suficiente para a viagem. Outro problema é o limite baixo de saques, é o suficiente para as despesas do dia a dia, hotel, etc, mas se for pagar coisas de mais valor, pode não ter limite suficiente mesmo tendo saldo na conta. E finalmente, os cartões de Débito da Visa não costumam funcionar direito no exterior, se você tiver um cartão de débito da Visa tem que achar uma agência do seu banco para funcionar o que pode ser bem complicado fora das capitais, não pode usar qualquer caixa automático para sacar dinheiro como nos cartões Mastercard.

 

Estou viajando no mês que vem para Santiago e Atacama e não estava muito afim de fazer o VTM para não sofrer os efeitos da conversão duas vezes (REAL para DOLAR / DOLAR para PESOS). Pretendia levar um pequeno valor em especie e utilizar os cartões de débito e crédito do meu banco (Banco do Brasil), mas fiquei preocupada com a "dificuldade" mencionada acima para fazer saques com cartão de débito VISA.

Alguém poderia me esclarecer sobre esses problemas para saque? Eu não conseguiria fazer os saques nos caixas da rede Plus da mesma forma que faria com o VTM?

 

Obrigada!!

Link para o comentário
  • Membros de Honra

Não tem problema algum para fazer saques no cartão de débito. O problema é que vc precisa sacar uma quantidade razoável para não ficar no preju. Quando eu fui para a Patagonia Chilena eu saquei 300.000 pesos logo de cara (era equivalente a uns 1000 reais), porque vc paga uma taxa de saque (depende do banco, as vezes é algo como R$ 20), mais a conversão, mais IOF, o que no final dá algo com 11% a mais do que a cotação oficial, dependendo do banco, quantidade sacada. Mas para países que não é a moeda local com certeza é muito mais vantajoso que o VTM, pq o VTM vc paga 6% de IOF, mais uns 4% de conversão para dólar e mais uns 5% de conversão para a moeda local, mais por volta de US$ 1.50 por saque, o que com certeza dá mais.

 

Levar dólar em espécie vale muito a pena no Chile, vc ganha desconto de imposto no pagamento de hotel/hostel. E a perda de conversão é pequena para o dólar, algo como 2%, mais os 4% que vc perde convertendo em espécie no Brasil. Levando real, as casas de câmbio pagam algo como 10% a menos que a cotação oficial.

Link para o comentário
  • 2 meses depois...
  • Membros

Boa tarde a todos!

 

Viajarei para o México em dezembro e estou com muitas dúvidas sobre como levar o dinheiro (em espécie, cartão do banco pra sacar na moeda local lá ou VTM, crédito só usaria em último caso). Ano passado fui ao Peru e levei toda o dinheiro da viagem em dólar, não tive qualquer problema em relação a segurança, porém, o México não me passa a mesma sensação de segurança que o Peru e eu temo muito por isso. Sobre o VTM o IOF de 6,38% é cobrado toda vez que faço saque ou no momento em que carrego ele ou ambas as operações?! O saque em moeda local só compensa se for em grandes quantias?! Uma parte irei levar em dinheiro, só não sei se em US$ ou R$ para não perder dinheiro em meio as conversões. Alguém que foi recentemente pra lá pode me falar um pouco como lidou com dinheiro nessa viagem e passar algumas dicas sobre, serei eternamente grato por isso!

Link para o comentário

Arquivado

Este tópico foi arquivado e está fechado para novas respostas.

Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.

×
×
  • Criar Novo...