Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
egabbi

[URGENTE] Como ir até Buenos Aires?

Posts Recomendados

Bom dia meus amigos, vocês já me ajudaram demais nesse grupo e, indiretamente, são parte da minha decisão/conquista em realizar esta viagem.

Vou para Buenos Aires por 45 dias, mas estou com uma dúvida filha da p*** quanto ao meu deslocamento.

Eu moro em Chapecó, fica em santa catarina divisa com o RS. Eu teria que estar lá dia 27 (mas creio que posso estender a ida até 28 ou 29, no máximo) e estou em dúvida de como fazê-lo.

Meu plano atual consiste em pegar uma carona até Porto Alegre (temos um grupo de caronas no whats que tem praticamente todo dia/semana) e de lá pegar um ônibus pela empresa JBL Turismo (fui informado de que é a ÚNICA que faz esse trajeto até Buenos Aires, 20h de viagem a um preço de 336 reais). Avião está fora de cogitação porque nada baixa de uns 1200 reais ida e volta e eu não tenho (e nem quero) pagar isso, prefiro ficar 20h no ônibus e ter mais dinheiro pra gastar lá.

Vocês teriam alguma dica? Pegar ônibus até alguma cidade pra esquerda do mapa até a fronteira com algum país, e de lá atravessar e comprar passagem de ônibus ou avião, eu não sei, toda ajuda é bem vinda.

  • Vou acompanhar! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Agora, egabbi disse:

Bom dia meus amigos, vocês já me ajudaram demais nesse grupo e, indiretamente, são parte da minha decisão/conquista em realizar esta viagem.

Vou para Buenos Aires por 45 dias, mas estou com uma dúvida filha da p*** quanto ao meu deslocamento.

Eu moro em Chapecó, fica em santa catarina divisa com o RS. Eu teria que estar lá dia 27 (mas creio que posso estender a ida até 28 ou 29, no máximo) e estou em dúvida de como fazê-lo.

Meu plano atual consiste em pegar uma carona até Porto Alegre (temos um grupo de caronas no whats que tem praticamente todo dia/semana) e de lá pegar um ônibus pela empresa JBL Turismo (fui informado de que é a ÚNICA que faz esse trajeto até Buenos Aires, 20h de viagem a um preço de 336 reais). Avião está fora de cogitação porque nada baixa de uns 1200 reais ida e volta e eu não tenho (e nem quero) pagar isso, prefiro ficar 20h no ônibus e ter mais dinheiro pra gastar lá.

Vocês teriam alguma dica? Pegar ônibus até alguma cidade pra esquerda do mapa até a fronteira com algum país, e de lá atravessar e comprar passagem de ônibus ou avião, eu não sei, toda ajuda é bem vinda.

Você falou que pode pegar carona ate porto alegre , correto ?

 

Então, na rodoviaria de poa, pode compra a passagem e ir a Bsas ?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Surgiram promoções aéreas bem recentes de SP para Buenos Aires por um valor menor que ônibus. Essa semana estava R$ 512 (reais ida e volta). Do Sul eu não pesquisei, mas vale a pena dar uma pesquisada. Vai ficar muito mais barato que pagando ônibus e comida todo dia!! Abçs..

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Como disseram, tem ônibus de POA. Se você está em Chapoecó, talvez pudesse estudar alguma opção saindo de Foz do Iguaçu ou de alguma cidade vizinha nas fronteiras do oeste de SC ou do RS, como Uruguaiana ou outra... ficaria mais perto!

Indo além você menciona que nunca consegue nada abaixo de 1200 reais de avião. Tudo bem que varia muito mesmo, depende das datas (as vezes muda completamente de um dia para o outro, na mesma semana), mas já simulei MUITAS vezes com milhas por cerca de 8 ou 9mil milhas SMILES por trecho, mais taxas. Não ficaria tão mais caro.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu sempre uso este site para me ajudar nos roteiros: www.rome2rio.com

Como já falaram, tem a opção que acho mais cômoda de ir para POA que é a mais cômoda, mas o site dá também outra opção (que deve ser confirmada a validade):

Chapecó x Carazinho pela empresa Lopes Sul 3:30h de duração.

Carazinho x Alegrete pela empresa Planalto 8:35h de duração.

Alegrete x Buenos Aires pela empresa JBL Turismo 14:00h de duração.

É cansativo, terá que "casar" os horários e ver se economicamente é melhor.

 

 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@egabbi Conheço Chapecó justamente por voltar da Argentina por terra.

Como se faz?Daí pega onibus para Caxias e de lá até a fronteira de Uruguaiana. Ali no meu tempo havia a Pluma e seus onibus velhos que foi substituída por essa outra empresa,e a Crucero del Norte com saída de Paso de Los Libres,a qual sempre dei preferência, pois é excelente.

Resumo,Chapecó Caxias Fronteira Buenos Aires,pode ser trabalhoso,mas é econômico.Já fiz isso diversas vezes.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Peça ajuda, compartilhe informações, ajude outros viajantes e encontre companheiros de viagem!
    Faça parte da nossa comunidade! 

  • Conteúdo Similar

    • Por Thiago Guido
      _______________________________ D E T A L H A M E N T O _________________________________________
       
      Foram 10 dias de viagem cruzando o Chaco Argentino, a Cordilheira dos Andes, Salinas Grandes de Jujuy e o Deserto do Atacama, o mais árido do mundo.
      CUSTO TOTAL: R$1.800,00 (mil e oitocentos reais)
       
      ________________________________________________________________________________________________
       
      ROTEIRO

       
      ________________________________________________________________________________________________
       
      HOSPEDAGENS
      1º dia: NADA - Barraca no Posto em Foz do Iguaçu
      2º dia: 400 pesos ARG - Hostel Catedral em Corrientes
      3º dia: NADA - Barraca no Posto YPF em Taco Pozo
      4º dia: 350 pesos ARG- Hostel Don Tomáz em Purmamarca
      5º dia: 15.000 pesos CHI - Hostel Mirador em San Pedro de Atacama
      6º dia: 6.500 pesos CHI - Hostel Pampaloja em Antofagasta
      7º dia: 150 pesos ARG - Barraca no Camping La Reliquia em Purmamarca
      8º dia: 400 pesos ARG - Hostel Catedral em Corrientes
      9º dia: 28 reais - Hostel Beija Flor em Foz do Iguaçu
       
      ________________________________________________________________________________________________

      ALIMENTAÇÃO
      Nessa viagem levamos diversas coisas e praticamente não comemos "na rua". Na nossa lista de comida tinha Arroz, Feijão, Atum, Salada Seleta, Salame, Macarrões, etc, etc, etc. Levei o fogareiro e nem terminamos a primeira lata de butano. Em todo Hostel tem uma cozinha.
      Segue uma lista detalhada:
      - Arroz
      - Feijão
      - Atum
      - Salame
      - Salsicha
      - Salada
      - Macarrões variados
      - Barras de Cereais
      - Bolinhos de Chocolate
      - Nescau
      - ClubSocial
       

       
      ____________________________________________________________________________________________
      COMBUSTÍVEL E PEDÁGIO
      Infelizmente não registrei os abastecimentos portanto não sei quanto gastei com isso. Uma única vez consegui fazer a média e estava em 30km/L, porém um valor nada confiável... Lá os frentistas não abastecem até onde você quer. Eles decidem qual é o máximo e ai de você de falar alguma coisa. KKKKK. Alguns colocam até a "redinha", outros até quase vazar. O que posso dizer é que o preço médio na Argentina é de 48,9 pesos argentinos o litro e no Chile paguei 774 pesos Chilenos na 93 octanas e 817 pesos chilenos na 95 octanas. No Chile ainda tem pedágio, 900 pesos pra ir e 900 pra voltar à Antofagasta. No Brasil quase 130 reais apenas de pedágio.
       
      Acho que é isso. Qualquer coisa é só perguntar que eu respondo se souber.
       
      ______________________________________________________________________________________________
       
      Mais vídeos de Viagens, Passeios, Cursos, Dicas, Acessórios e outras coisas mais:
      https://www.youtube.com/thiagoguido
       
      Outros detalhamentos:
      https://www.facebook.com/guidaodemoto/
    • Por Mochileiros.com
      Como fazer com a grana no exterior? Qual moeda comprar? Quanto levar em cash? Qual a opção de cartão com menor taxa? O que é VTM?
       
      Nunca leve em espécie tudo que irá gastar. Espalhe seu orçamento em outras formas de pagamento.
      O que levar em espécie divida em várias partes. Exemplo: coloque uma parte em um Money Belt, outra em um Leg Money Belt, uma terceira parte em alguma peça de roupa na mochila (que ficará sempre perto de você, não na despachada ou que ficará no hostel) e a quarta parte para fazer pequenos pagamentos, na carteira ou bolso ou faça da maneira que achar melhor mas “nunca deixe todos os ovos na mesma cesta“.
       
      QUAL MOEDA LEVAR?
      As recomendações atuais para levar dinheiro em cash são as seguintes:
      Para Zona do Euro = Compre Euro
      Para Inglaterra = Compre Libra
      Para Argentina = Leve Reais e troque por pesos
      Para os EUA e demais países = Compre dólar.
       
       
      CARTÕES PRÉ-PAGOS
       
      Cartões pré-pagos são cartões que você “carrega” uma quantidade dinheiro e pode fazer saques em outras moedas mundo afora. O VTM ou Visa Travel Money foi um dos primeiros lançados no Brasil e ainda é muito utilizado por viajantes brasileiros, porém hoje há diversos outros cartões do gênero. Basta procurar no Google por “Cartão pré-pago internacional” que você irá encontrar uma infinidade deles. Encontre um que ofereça as melhores vantagens e coloque parte do seu orçamento nele. A cada carga ou recarga são cobrados 6,38% de IOF.
       
      CARTÕES DE CRÉDITO E DÉBITO
       
      Cartões de débito e crédito internacional também são opções. Os da Rede Cirrus são aceitos em 210 países. Neste link você irá encontrar uma busca por ATM’s (Caixas eletrônicos) em todo o mundo. A rede VISA atende 170 países e neste link abaixo você encontrará um sistema de busca por estes ATM’s. A cada saque são cobrados 6,38% de IOF. Se o seu cartão não é internacional peça um ao gerente de seu banco.
      É importante avisar antecipadamente ao seu gerente que haverá saques e ou compras no seu cartão (de crédito e ou débito) em outro(s) país(es), para evitar eventuais bloqueios bem naquela hora que você mais precisa.
    • Por Mochileiros.com
      A alimentação é mais um item que vai levar boa parte do seu orçamento e, caso você venha a dar um pequeno vacilo com qualquer coisa que comer ou beber durante a viagem, a chance de ficar de molho por alguns dias por conta de intoxicação alimentar é grande.
       
      Os casos da chamada Diarreia do Viajante são muito comuns, alguns sites dizem que chegam a afetar até 50% dos viajantes. A causa provavelmente é a mudança temporária de hábitos, temperos, sabores, descuidos alimentares e da bactéria Escherichia Coli.
       
      Para evitar a contaminação, além dos cuidados básicos de higiene e de alimentação, hoje há também uma vacina tomada de forma oral chamada Dukoral que além da Escherichia Coli, também protege contra a Cólera.
       
      Tópicos Relacionados:
      - Diarréia do Viajante - Guia Prático de Tratamento Fundamental.
      - Medicina do viajante - Consulta grátis e pouco divulgada
      - Diarréia do viajante - Perguntas e Respostas
       
      CAFÉ DA MANHÃ INCLUSO + SUPERMERCADO: A DUPLA DE SUCESSO!
       
      Se hospede em lugares que ofereçam café da manhã incluso e cozinha coletiva. Geralmente a maior parte dos hostels oferece as 2 opções, assim você já elimina este custo do café da manhã e pode se virar pra cozinha seu almoço ou jantar. Escolher apenas uma das duas opções pra conhecer a gastronomia local é outra forma de economizar (aí vale a dica abaixo).
       
      FUJA DOS “RESTAURANTES PARA TURISTAS”
       
      Os restaurantes frequentados por moradores certamente terão os pratos da gastronomia local a preços bem menos salgados. Se você não curtiu a comida local por algum motivo, mais uma vez o mercado entra em cena.
    • Por Mochileiros.com
      ALBERGUES / HOSTELS
       
      Se for viajar sozinho a dica são os quartos coletivos, se viajar em dupla ou casal os albergues também possuem quartos privativos que em geral são mais baratos que os hotéis Econômicos. Os principais sites e aplicativos pra reservar hostels são:
       
      Booking.com
      O Booking.com é um dos principais serviços de reservas do mundo e nele há milhares de hostels mundo afora, além de outros tipos de hospedagem como hotéis econômicos, apartamentos, campings entre outros.
       
      DetectaHotel
      Compara preços de hospedagem em diversos sites e sistemas de reserva do mundo. Uma mão na roda.
       
      HostelWorld
      O HostelWorld já foi o melhor e maior site do gênero, não é mais, mais ainda continua sendo uma boa opção para reservar seu hostel.
       
      HI Hostel
      A Hostelling International que é a mais antiga rede de hostels do mundo ainda continua na ativa com opções em todo mundo.
       
      Se você é novo/a nesse “mundo mochileiro” talvez tenha algumas dúvidas sobre o que é, como é um albergue/hostel. Aqui tem um post pra você.
       
      APARTAMENTOS, QUARTOS E OUTROS TIPOS DE HOSPEDAGEM
       
      Airbnb
      No Airbnb você pode se hospedar na casa de locais, alugando um quarto inteiro, um sofá ou até mesmo uma casa ou apartamento em diversos destinos mundo afora. Clique nesse link, faça o cadastro e ganhe R$ 85,00 de crédito para sua próxima estadia.
       
      Tripping.com
      O Tripping.com é uma espécie de comparador de sites de reserva de diversos tipos de hospedagens. Nele você irá encontrar de tudo, desde hostels, apartamentos, quartos e muito mais. Faça uma busca por preço e descubra opções a partir de US$ 10 a noite em diversos destinos mundo afora.
       
      CAMPING
       
      Free Camping
       
      Há Free Campings em diversos destinos do mundo, principalmente nos EUA, Canadá e Europa. Procure no Google por “free campsites”, “free camping sites” ou “free campgrounds” + o nome do destino e veja se nele há esta opção. Em destinos com frio extremo é necessário barraca, saco de dormir e roupas especiais.
       
      Camping em áreas privadas
       
      Se você topa acampar em um jardim, o site Camp in My Garden, traz algumas opções mundo afora. Já o site Gamping traz várias opções de áreas privadas que vão muito além de jardins e quintais. Há opções de sítios, fazendas e até mesmo reservas naturais privadas em diversas partes do mundo e o melhor, tarifas a partir de 5 doletas.
       
      Vale lembrar que acampar em ambientes selvagens, hostis e/ou com temperaturas extremas, além de não ser recomendado para viajantes inexperientes, muitas vezes podem também ser locais onde a prática de camping é proibida, podendo ocasionar problemas sérios com as autoridades locais, portanto, pesquise muito bem antes de montar a barraca.
       
      COUCHSURFING
       
      Você já deve ter ouvido falar em Couchsurfing, uma rede social de hospitalidade. Nela os participantes oferecem seus “sofás” aos viajantes da rede. Aqui a viajante Bia_mojotrotters publicou 4 dicas para aumentar as suas chances de conseguir hospedagem no Couchsurfing. Vale conferir!
       
      WARMSHOWERS
       
      Na mesma “vibe” couchsurfing, ao invés do sofá, o Warmshowers oferece uma “ducha quente” pra você. Detalhe: a comunidade é destinada a cicloturistas. Portanto, se você estiver mochilando de bike, vale conferir.
      Tem app para Android e iOS.
       
      LONGAS VIAGENS NOTURNAS E LOCAIS PÚBLICOS ABERTOS 24H
       
      Em uma viagem longa, dormir sem pagar nada em algumas oportunidades poderá fazer você economizar bastante. Escolher viajar a noite em ônibus e trens e em alguns locais públicos são algumas das opções. O site The Budget Traveller Guide to Sleeping in Airports, traz uma lista dos melhores aeroportos do mundo para dormir.
       
      TROCAR DE CASA TEMPORARIAMENTE COM VIAJANTES DO MUNDO TODO
       
      Essa seria uma opção para aqueles que estão interessados em passar uma temporada em apenas um destino, o que é uma boa opção para férias em família, por exemplo. Nos sites que promovem este serviço você paga uma taxa e cadastra sua casa e pode pesquisar se alguém em algum lugar do mundo estaria interessado na troca temporária.
      Os principais sites do assunto são: http://www.homeexchange.com, http://www.homeforexchange.com, http://www.homelink.org/ e http://www.intervacus.com
    • Por Mochileiros.com
      O gasto com transporte inclui a locomoção de partida e chegada; o gasto entre um destino e outro (do roteiro) e também pelo próprio destino (dentro da cidade, por exemplo).
       
      1- PASSAGEM AÉREA
      Passagens aéreas podem consumir boa parte de seu orçamento e os preços da mesma passagem, nos sites de agências, operadoras e companhias aéreas podem ter grande variação, custando até 10 vezes mais, dependendo da data em que for comprada. Confira algumas dicas para garantir o melhor preço:
       
      Pesquise muito antes de comprar, nos sites das companhias aéreas, nos portais de comparação de preços e nos sites de agências especializadas em venda de passagens.
      - Compre a passagem com pelo menos 2 meses de antecedência.
      - Evite a alta temporada – Janeiro, julho e dezembro são meses de alta temporada, além dos feriados. Nos Estados Unidos e na Europa, agosto também é alta estação, por causa das férias de verão.
      - O dia da semana do embarque também pode fazer o preço ficar mais alto. Terças, quartas e quintas-feiras são campeãs de preços baixos para voos dentro do Brasil.
      - Evite comprar passagens só de ida (one way) pois elas custam quase o mesmo preço das Round Trip (ida e volta).
      - Fique de olho nas promoções em blogs especializados e nos sites especializados em venda de passagens aéreas.
      Se seu roteiro for flexível tente pesquisar por passagens em rotas alternativas. Países ou estados vizinhos às vezes podem ter passagens muito mais baratas que o destinos onde você está, sendo assim uma viagem de ônibus até lá pode valer muito a pena. (ou não, dependendo da região, na Europa por exemplo é muito mais barato viajar pelas companhias de low cost / low fare).
       
      - Lista com mais de 100 companhias aéreas low cost (baixo custo) mundo afora.
       
      – SITES DE PASSAGENS PROMOCIONAIS, COMPARAÇÃO DE PREÇOS E OPERADORAS ESPECIALIZADAS EM VENDA DE PASSAGENS AÉREAS.
       
      Decolar.com
      No resultado da pesquisa de passagens aéreas do site da Decolar.com há uma aba de navegação com o nome de “Evolução dos Preços”. Clicando nessa aba você poderá ver a diferença de preço da passagem em várias datas diferentes. É uma ótima ferramenta para quem pode viajar em datas flexíveis.
       
      Skyscanner
      O site Skyscanner é um comparador que pesquisa o preço das passagens nos sites das companhias aéreas e também em diversas agências e operadoras.
       
      Momondo
      O site Momondo também é um comparador de preços e quando efetuada a busca, um gráfico de preços estimados é mostrado acima do resultado da busca com as datas em que a passagem tem um preço menor.
       
      Melhores Destinos
      O Melhores Destinos é um site especializado em divulgar promoções de passagens aéreas. Assine sua newsletter e acompanhe os perfis do site nas redes sociais.
       
      2 – DESLOCAMENTO ENTRE DESTINOS
       
      CARONA
       
      A boa e velha carona ainda é uma opção viável para economizar no transporte. Em alguns países ela é parte da cultura local e até mesmo no Brasil é possível viajar desta forma. Nesse link há algumas dicas pra vc que tem disposição e tempo pra enfrentar a estrada no dedo e abaixo seguem alguns links dos melhores sites e apps disponíveis sobre o assunto:
       
      Hitchwiki
      O site Hitchwiki é uma enciclopédia wiki para caroneiros e você irá encontrar uma lista de sites e apps e muitas dicas para encontrar carona mundo afora.
       
      Central de Caronas – Mochileiros.com
      No sub-fórum Central de Caronas do Mochileiros.com vc pode abrir um tópico pedindo ou oferecendo uma carona. Abra o tópico com antecedência com a data da viagem e boa sorte.
       
      COMPARTILHAMENTO DE GASTOS DE VIAGEM DE CARRO
       
      Além de tentar a sorte na beira da estrada pra viajar de graça, hoje há também algumas opções de aplicativos pra quem quer dividir os custos da viagem com alguém que está indo na mesma data para o mesmo destino que você.
       
      Blablacar
      O Blablacar é um aplicativo de compartilhamento de viagens disponível em vários países, incluindo o Brasil. O app é uma espécie de AirBnB das viagens de carro, onde o dono do veículo cadastra a viagem que irá fazer e coloca preço para compartilhar os custos. Na data de criação deste post fizemos uma pesquisa do trajeto Rio De Janeiro x São Paulo e o valor da carona sai no mínimo pela metade do preço que a mesma viagem feita em ônibus.
       
      ÔNIBUS, TREM OU AVIÃO?
       
      GoEuro
      Se o seu destino é a Europa, a plataforma (site +app) GoEuro possui um comparador de preços entre as passagens de ônibus, trem ou avião para destinos do velho continente e, surpreendentemente em alguns destes destinos as passagens aéreas se mostraram muito mais baratas que as outras opções. Definitivamente viajar para a Europa com essa ferramenta é garantia certa de poupar seu suado dinheiro.
       
      3 – DESLOCAMENTO NO DESTINO
      Uma vez na cidade ou destino escolhido há várias formas de salvar seu orçamento e a melhor pedida é se deslocar utilizando os mesmos serviços de transporte que a população local utiliza. Obviamente estes serviços não estarão disponíveis em regiões remotas e destinos selvagens.
       
      TRANSPORTE PÚBLICO
       
      Use e abuse das cidades que possuem uma boa rede de transporte público. Segue abaixo alguns sites e aplicativos que podem lhe ajudar nessa missão.
       
      aMetro
      Com o aplicativo aMetro você pode baixar os mapas de linhas de metrô de diversas cidades do mundo. Não é uma maravilha, mas quebra o galho. Disponível apenas para Android.
       
      Transit
      O Transit te mostra qual a melhor opção de transporte para se locomover em mais de 125 cidades do mundo. Disponível para Android e IOS.
       
      Moovit
      O Moovit também te mostra qual a melhor forma de chegar ao seu destino, porém com a vantagem de estar em mais 1.000 cidades mundo afora. Disponível em Android, IOS e Windows Phone.
       
      TÁXI, UBER E OUTROS SERVIÇOS
       
      Para aquela noite depois de tomar alguns goles a mais, daquela festa que terminou de madrugada, o táxi e serviços como o Uber podem te ajudar a chegar seguro no hostel. O Uber, que você já deve conhecer, opera em 77 países e pode ser uma opção econômica para voltar da farra. Neste link é possível ver as cidades onde o Uber está presente.
       
      Taxi
      A melhor opção para pegar o táxi via app é descobrir no local qual o melhor aplicativo a ser usado ou usar a velha forma de conseguir um.
       
      BICICLETA
       
      Em muitos destinos você irá economizar muito se alugar uma bicicleta para circular pelas atrações. Você pode fazê-lo através de uma empresa ou até de particulares, utilizando sites como o Spinlister, que além de bicicletas, aluga pranchas de surf e snowboard. A plataforma conta com app disponível para Android e iOS.
      Em algumas cidades do mundo há inclusive, empréstimo de bicicletas, como no caso de Buenos Aires, Argentina.
      E o de sempre: Google. Procure no Google por rent a bicycle + nome do destino.
       
      OUTROS SERVIÇOS DE TRANSPORTE
       
      - Rio2Rome
      Descubra como chegar em qualquer lugar de avião, trem, ônibus, barca e automóvel


×
×
  • Criar Novo...