Ir para conteúdo

Comissão aprova retorno do despacho gratuito de bagagens


joshilton

Posts Recomendados

  • Membros

 

 

 

COMISSÃO APROVA RETORNO DO DESPACHO GRATUITO DE BAGAGENS

INFORMAÇÕES QUENTINHAS: Crédito - TV SENADO. 
Oxalá passe pelo Senado. O texto segue agora para o plenário da Câmara dos Deputados e depois precisa ser votado no Senado até 22 de maio para entrar em vigor.
Deputados e senadores aprovaram nesta quinta (25), na Comissão Mista da Medida Provisória do setor aéreo, a volta da franquia gratuita de bagagens. O relator Roberto Rocha, do PSDB do Maranhão, incluiu na MP que abre o mercado de aviação para o capital estrangeiro a regra que foi aprovada.

Desde o final de 2016, as companhias aéreas estão autorizadas a cobrar dos passageiros o despacho de bagagens, tendo esses apenas direito a 10kg de bagagem de mão gratuita nos voos. Inclusive, também nesta quinta, fiscalização dessas malas levadas a bordo foi intensificada em alguns aeroportos.

Comissão no Congresso aprova volta do despacho gratuito de bagagens

De acordo com a nova proposta, aviões com mais de 31 assentos teriam de despachar gratuitamente bagagens de até 23kg. Em aeronaves menores, a franquia seria de 18kg (para até 31 assentos) e de 10kg (até 20 assentos).

A franquia gratuita não pode ser usada para transporte de animais vivos. Nos voos domésticos com conexão, o peso será referente ao avião de menor capacidade.

Segundo o senador, o motivo da retomada das franquias gratuitas seria porque era esperada uma queda nos preços das passagens desde a liberação da cobrança, o que não ocorreu.

A mesma Comissão aprovou ainda a abertura do segmento de aviação brasileira para o mercado estrangeiro. O limite de participação das empresas subiu de 20% para 100%.

O texto segue agora para o plenário da Câmara dos Deputados e depois precisa ser votado no Senado até 22 de maio para entrar em vigor.

Abriga vai continuar com as bagagens de mão.

Assista o vídeo

 

comissao-aprova-retorno-da-bagagem-gratuita-dest.jpg

  • Gostei! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores

@joshilton Vi isso a tarde no melhores destinos e pensei na hora o porque de um senador do PSDB,autor do projeto, havia resolvido pensar em quem paga e não no capitalismo, pois tal partido só pensa em multinacionais. 

Cheguei a uma conclusão lógica, vontade de aparecer,afinal quem o conhece fora de seus redutos. Nunca ouvi falar, sabe que uma idéia dessas não prospera com o regime de extrema direita implantado pelos coxinhas, então, sua excelência quer ganhar a opinião pública e alguns minutos de fama.

Oxalá meu pensamento esteja errado e seja implementada a referida lei o que DUVIDO! 

  • Gostei! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

@D FABIANO, sempre é assim, próximo as eleições, aparecem muitos pais da criança.
Só espero que tenham mais pais e votam a favor desse projeto, pois nós iremos sair ganhando.
Era para as passagens ficarem mais em conta, acabou subindo pouco mais de 6%, e ainda super limitaram as bagagens de mão.
Se passar alguns centímetros, muitas empresas estão cobrando.
Esse tal de Magno Malta, para ganhar, se meteu em igrejas protestantes.
Porém o que importa no momento, é a aprovação desse projeto e que venham mais empresas estrangeiras, para ver se ficam mais baratas as passagens.

  • Gostei! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Esperem para ver o preço das passagens depois que voltarem com a bagagem gratuita, ai você irão morrer de saudades do tempo em que as passagens eram baratas, e só quem realmente queira ou precisasse pagava por este extra. 

Ou vocês acham que este custo não será repassado ao preço de das passagens de todos os passageiros? E o preço subir ainda mais para todo mundo?

Ou seja, 80% ou 90% dos passageiros paga pelas mordomias de 10% ou 20% dos passageiros.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

As empresas estrangeiras que estão pensando em vir para o Brasil são as low-cost, que tem por modelo de negócio cobrar por tudo.

E esta volta da bagagem gratuita é um tiro no pé, pois Norwegian, Sky Airlines e Flybondi, que são low-cost que atualmente já estão operando no Brasil já falaram que vão desistir do Brasil caso a cobrança de bagagem seja proibida, pois estas taxas são o que torna as operações delas viáveis.

Ou seja, isto pode ser um tiro no pé, libera o capital de um lado, mas por lado afugenta todas as low-cost que teria interesse em operar no Brasil, e vamos continuar na mesma situação de hoje, 3 ou 4 empresas, passagens caras, só que agora controladas por capital estrangeiro.

Tem que se dar tempo para que os preços baixem, no mundo inteiro onde isto foi desregulamentado, e a cobrança de taxas foi liberada levou de 5 a 10 anos para os preços começarem a cair de verdade.

 

Isto não é uma coisa que acontece do dia para a noite em menos de um ano, ainda mais com o dólar e combustível subindo em parar, o que poderia ter baixado no preço das passagens com o fim da bagagem gratuita foi completamente anulado pelo custo muito mais alto do dólar e combustível.

Mas como o brasileiro pensa só no próprio umbigo e no hoje, se o resultado não aparecer na hora, sabotam todas as boas iniciativas que tem potencial de ter bons resultados no longo prazo, e continuamos sempre na mesma m... de sempre, por que ninguém pensa nos efeitos que as coisas terão no longo prazo.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

@poiuy, pouco tempo atrás, as empresas prometeram que as passagens baixariam, a partir do momento que fosse cobrado os objetos despachados, você lembra disso ?

O que aconteceu na verdade ? Foi o aumento dos preços, pelo menos eu, senti os valores subirem

Quem sabe, se com a entrada de outras empresas no Brasil, com a concorrência, não vá melhorar ?

Alás, eu torço para isso acontecer.

quanto as passagens, nem faço questão das despachadas, sempre levo somente as de mãos, porém muitas pessoas levam.

Tem outro detalhe, vai ter a quantidade de peso, para valer, ou seja, se aquelas pessoas que levavam toneladas de peso, irão ter que pagar a parte. Foi isso que entendi no vídeo.

  • Gostei! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros
2 minutos atrás, henriquefarage disse:

Tá pra existir o dia que o Senado aprovar alguma medida em beneficio do consumidor sem pensar no seu benefício próprio ou de seus patrocinadores. 

Esse é um caso de benefício próprio, ou você acha que já não estão de olho nas próximas eleições? Claro que estão, por isso irá passar no senado.
Agora, o que as empresas vão pedir em troca dessas percas do capital, são outros 500, é outra história.

Que vão exigir algo, isso vão mesmo.

  • Gostei! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Silnei changed the title to Comissão aprova retorno do despacho gratuito de bagagens

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

  • Conteúdo Similar

    • Por Diego_Alternative_Rio
      Eu estou com viagem marcada para Macaé (RJ) para o dia 14/01/2020. Na ida eu devo: Pegar um ônibus urbano (ônibus esse com uma boa altura em relação ao solo + uma escada (felizmente larga porque é embutida com o elevador de PNE)) de quase em frente à minha casa até o Centro do Rio de Janeiro + Caminhar uns 300 metros do ponto de ônibus até a estação Carioca do VLT + Pegar um VLT até a Estação Rodoviária (que não fica bem em frente à rodoviária Novo Rio como muitos devem pensar) + Caminhar uns 200 metros até dentro da rodoviária Novo Rio (inclui-se nessa caminhada uma travessia de 1 via de trilhos do VLT + uma travessia de uma avenida meio larga porém de um sentido só) + Pegar um ônibus DD (mas para eu ir da entrada da rodoviária até a plataforma de embarque desse ônibus (ao menos que eu queira subir para o mezanino para ir ao banheiro, fotografar ônibus através de um "mirante" de busólogos, comprar um lanche, comprar uma bolsa de viagem extra, entre outras coisas) eu não precisarei subir escadas rolantes nem pegar elevador) + CAMINHAR CERCA DE 750 METROS À PÉ DA RODOVIÁRIA DE MACAÉ ATÉ O HOTEL ONDE EU DEVO FICAR HOSPEDADO (COM VÁRIAS TRAVESSIAS DE RUAS PELO CAMINHO).
      Eu devo levar uma mochila de notebook + uma frasqueira semi-flexível com câmeras e acessórios + uma bolsa de viagem pequena (os três volumes como bagagem de mão no ônibus) + uma mala Polo King Ipanema G que gira 360° (despachada) mas que não é de primeira linha e vai estar meio pesada.
      A frasqueira dá pra ir de boa à tiracolo. A bolsa pode ir em cima da mala (eu passando uma das alças por trás do puxador, puxando essa alça no meio do puxador e prendendo essa alça na outra alça com um velcro). A mala obviamente vai ter que ser conduzida ao meu lado (apoiada nas 4 rodas) ou carregada com uma mão por mim (eu segurando a mala pela alça lateral como se fosse uma mala de viagem antiga).
      Aí, bate aquelas dúvidas: Será que a mala vai andar de boa comigo andando a passos largos (principalmente em Macaé)? É melhor eu gastar 170 reais e comprar uma sacola com rodas grande? É melhor eu pegar um Uber em Macaé (apesar do Centro da cidade aparentemente ser engarrafado, o carro ter que andar quase 2 km para ir da rodoviária até o hotel e a diferença entre o tempo de caminhada e o tempo de chamar o Uber + fazer a viagem ser insignificante (ou até eu demorar mais tempo indo de Uber do que à pé))?
      Lembrando que QUANTO MENOS TEMPO EU PERDER NO DESLOCAMENTO RODOVIÁRIA X HOTEL, MELHOR FICA, POIS EU AINDA PRECISAREI RECARREGAR A MINHA GOPRO (ENQUANTO PEÇO UM ALMOÇO POR APP OU POR TELEFONE E DEPOIS ALMOÇO NO QUARTO) E SAIR PARA FILMAR EM ALGUNS PONTOS TURÍSTICOS DA CIDADE À TARDE.
    • Por Carlos Gonçalves
      Pessoal, vou fazer uma viagem agora na quinta de Portugal para o Brasil e vou só de bagagem de mão, para um mês, a questão é, eles estão muito rigorosos com o tamanho? E se eu usar uma fora das medidas mas não lotada e pesada? Quem teve essa experiência há pouco? Eles estão travando bagagem só um pouco fora? Alguma dica de mochila baixo custo que posso usar sem problemas? Por exemplo, da Decatlon?

      Desde já agradeço!
    • Por jadecdoc
      Eii mochileiros,
      Vi que tinham muitas dúvidas sobre quem mochila seria ideal para quem não quer pagar para despachar a bagagem (dúvidas que eu mesma tinha antes de viajar) e resolvi esclarecer elas.
      Eu comprei para viajar essa Quechua Forclaz 50L mas com bastante medo de chegar na hora e não deixarem eu entrar mas foi absolutamente tudo tranquilo, especialmente porque a maioria das companhias aéreas permitem o despache de bagagem de mão grátis em alguns voos (tirar o peso das costas um pouco hahah). 
      Ela coube todas as minhas roupas e sapatos, porém os produtos de higiene e maquiagens eu mandei no mochilão da minha irmã que foi despachado por ser BEM maior que isso. Mas apesar disso, tenho certeza que qualquer pessoa conseguiria colocar tudo o que precisa dentro dela, eu que fui bastante exagerada e levei roupas demais (metade nem toquei), mas isso serviu de lição para o próximo diminuir nas peças.

      Mesmo conseguindo realizar a viagem toda sem problemas com despache segue algumas dicas:
      - Eu viajei 1 mês no auge do verão europeu então se você estiver indo para o frio não sei se essa mochila seria ideal, já que roupas de frio são mais volumosas
      - Sempre que ia passar pela segurança ou ao entrar no avião retirava alguma peça mais volumosa (normalmente um moletom) para garantir que ela "'parecesse" mais vazia do que estava, desse jeito reduzia as chances de implicarem com ela.
      - Mesmo com ela, ainda é necessário uma mochila de ataque para outros momentos e para documentos dinheiro... Não dependa somente dela, especialmente se você for tentar despacha-la gratuitamente
      - Tive sorte e arrisquei bastante despachando ela pois poderia ter sido extraviada, então sempre pense bastante se precisa mesmo se livrar dela ou se você aguenta mais umas horinhas com ela nas costas
      - Ela foi SUPERRR custo-benefício (menos de 400 reais) mas fiquei sabendo que ela parou de vender mas acho que essa ideia serve para todas as mochilas dessas dimensões e com essa capacidade
      -Ela é ótima e por isso MUITOSS viajantes tem essa mochila igual então para evitar confusões personalize a sua
      É isso por hoje
      Obrigada xx
      Jade 
    • Por Onika Winchester
      Olá, viajo para o Peru na data de 28 de janeiro até 11 de fevereiro e estou com dúvida em relação ao clima. Sei que é um período chuvoso na região, mas minha dúvida é em relação às roupas de frio, pois será verão e não sei se só preciso colocar uma jaqueta corta-vento e uma segunda pele na mala para emergências, ou se posso precisar de roupas mais pesadas. Em relação ao calor... roupas típicas de "praia" são as ideais para viajar nessa época? Obrigado
    • Por Breno Maia
      Olá, gente! Pretendo ir à Cuba (depois de tanto me mandarem ir pra lá) em Dezembro. Não irei despachar mala e pretendo trazer uns charutos, porém não sei se é permitido trazer na bagagem de mão...
      Alguém sabe se é permitido? OBS: ainda irei depois para o México.
×
×
  • Criar Novo...