Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Posts Recomendados

20 minutos atrás, @mateusmaps disse:

Juliana, estamos falando de Bariloche, saio dia 13 e chego dia 15.

Esse do Atacama deve ser show o road trip tbm, manda aí seu relato pós viagem, quem sabe próximo ano faço esse tbm, abraços.

podexá. se tiverem insta, vou tentar por algo lá se tiver internet, rs

@juliana.champi

passem o de vcs tb se não se importarem! :)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

4 minutos atrás, Juliana Champi disse:

podexá. se tiverem insta, vou tentar por algo lá se tiver internet, rs

@juliana.champi

passem o de vcs tb se não se importarem! :)

Estou te seguindo lá, @mateusmaps

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Salve galera, estou saindo de Maringá destino a Bariloche, alguém tem alguma dica extra? Vou de Etios 2018 encosto de cabeça para todos, extintor carta verde e dois triângulos...algo mais? Estou com medo dessa polícia...alguém tem ideia dos preços da gasolina na argentina e dos pedágios que irei gastar? Grande abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ótimo post, já estava tendo arrepios aqui até pq tive a mesma (má) experiência ao entrar em contato com consulados e com a Denfensoria del Turista. Informações incompletas ou conflitantes, a tal defensoria incluiu ainda os adesivos de revisão técnica mesmo eu explicando que entraria com carro brasileiro. Depois enviei outro email reforçando as condições de minha viagem e simplesmente não respondem mais. Um desrespeito.

Agora 25/12 sairemos de SP à Puerto Iguazu, com parada em Ponta Grossa/PR para visitar o Parque Vila Velha. A intenção é passar um dia em P. Iguazu e descer para Posadas para visitar as Ruínas das Missões Jesuíticas de San Ignacio. Depois partiremos ao Paraguay para visitar as ruínas por lá, ida e volta no mesmo dia. Dia 31 seguimos de volta ao Brasil, passando a fronteira em San Javier/Porto Xavier, com destino às nossas ruínas em S. Miguel das Missões/RS.

 

Após a viagem farei um relato aqui das experiências nas vias hermanas.

 

Um Feliz Natal e Próspero 2020 a todos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


  • Conteúdo Similar

    • Por Ana Caroline Cunha
      Olá gente!
      Nem acredito que chegou a minha hora de deixar um relato de viagem haha eu pesquisei muito aqui nesse fórum e uma das grandes razões da viagem ter saído do papel e eu ter feito o meu primeiro mochilão sozinha foi as informações que encontrei por aqui. 
      Primeiramente, a base da minha viagem foi o relato da @appriim que está completinho nesse link aqui. Encontrei ela aqui no Mochileiros e no fim somos da mesma cidade e temos vários amigos em comum (e em breve espero que saia o encontro pessoalmente né Ana? haha)
      Fiz algumas alterações porque eu tinha alguns dias a mais que ela, então segue abaixo uma visão geral do meu roteiro e depois nos comentários vou escrevendo dia a dia.
      17/12/2019 - Florianópolis > Ushuaia
      18/12/2019 - Ushuaia - Carimbei o passaporte, comprei o ônibus para Punta Arenas e fiquei andando na cidade sem rumo
      19/12/2019 - Ushuaia - Passeio na Pinguinera + Canal Beagle e trilha no Glaciar Martial 
      20/12/2019 - Ushuaia - Laguna Esmeralda
      21/12/2019 - Ushuaia - descanso e andei pela cidade sem rumo de novo
      22/12/2019 - Ushuaia deslocamento > Punta Arenas - 12h de ônibus durante o dia
      23/12/2019 - Punta Arenas - fiz o câmbio e andei pela cidade, pela orla, fui ao mirante e cemitério as 17h peguei o ônibus para > Puerto Natales - 3h
      24/12/2019 - Puerto Natales - Aluguei um carro com o pessoal do hostel e fomos até o Parque Torres del Paine, fazendo o "Full Day" que vende em agências de forma privada
      25/12/2019 - Puerto Natales - Descanso
      26/12/2019 - Puerto Natales - Trilha Base de Torres del Paine 
      27/12/2019 - Puerto Natales deslocamento > El Calafate - 7h de ônibus durante o dia 
      28/12/2019 - El Calafate - Laguna Niemez, Lago Argentino e andei pela cidade
      29/12/2019 - El Calafate - Mini Trekking no Glaciar Perito Moreno
      30/12/2019 - El Calafate deslocamento > El Chalten - 3h de ônibus saindo as 8h
      31/12/2019 - El Chalten - Laguna de los Três / Fitz Roy 
      01/01/2020 - El Chalten - Descanso 
      02/01/2020 - El Chalten - Chorrillo Del Salto 
      03/01/2020 - El Chalten - Mirador de Los Condores e Las Aguilas 
      04/01/2020 - El Chalten - Laguna Torres / Cerro Torre
      05/01/2020 - El Chalten - Madre e Hija
      06/01/2020 - El Chalten - Descanso
      07/01/2020 - El Chalten deslocamento > El Calafate - 3h de ônibus, saindo as 8h, andei sem rumo pela cidade
      08/01/2020 - El Calafate - Lago Argentino, andei pela cidade e meu voo saiu as 19:30h para Buenos Aires > Florianópolis
      09/01/2020 - Chegada em Florianópolis 
      Gastos aproximados: 
      DESLOCAMENTO: R$ 3.000,00
      R$ 2.139,00 passagem aérea Aerolíneas Argentinas | Ida: Floripa > Buenos Aires > Ushuaia | Volta: El Calafate > Buenos Aires > Floripa R$ 180,00 entre taxi, uber, transfer aos lugares R$ 530,00 deslocamentos de ônibus R$ 135,00 aluguel de carro por 1 dia em Puerto Natales (o carro foi dividido em 4 pessoas) HOSPEDAGEM: R$ 1.280,00
      Ushuaia: ANTARCTICA HOSTEL Punta Arenas: HOSTEL ENTRE VIENTOS Puerto Natales: WE ARE PATAGONIA BACKPACKERS (pagamento em dólar estamos isentos de 19% do imposto) El Calafate: FOLK HOSTEL El Chalten: LO DE TRIVI El Calafate: FOLK SUITS Reservas feitas pelo Booking e HostelWorld
      PASSEIOS: R$ 1.650,00
      Mini Trekking Perito Moreno - R$ 700,00 - comprado no Brasil valor com cartão de crédito e IOF Pinguinera + Canal Beagle - R$ 742,00 - pago no Brasil valor com cartão de crédito e IOF | observação importante: se fazer a caminhada com os Pinguins em Punta Arenas é metade do preço e rola reservar lá mesmo no próprio hostel pro dia seguinte. Entrada Parque Torres del Paine - R$ 185,00 (paguei o preço de 2019 ainda) ALIMENTAÇÃO: R$ 1.200,00 (tem mercado, cerveja, vinho e alfajor nessa conta haha)
      BAR: R$ 200,00 (isso são os extras dos dias que fui pro bar e só consumi álcool)
      SEGURO VIAGEM: R$ 215,00
      TOTAL GASTO R$ 8.000,00 (contando souvenir, extras que eu possa ter esquecido de anotar e etc)
      Conversões realizadas: 
      1 real > 13,60 pesos argentinos (Aeroporto Ezeiza de Buenos Aires)
      1 real > 185 pesos chilenos (Casa de Câmbio em Punta Arenas)
      1 real > 16 pesos argentinos (Restaurante Casimiro em El Calafate)
      Fiz umas outras conversões zoadas porque tive perrengue de dinheiro que conto depois hahah mas essas três foram as principais que acho que vale citar. 
      TOTAL QUE GASTEI EFETIVAMENTE: R$ 8.900,00 (perdi R$ 900,00 por um golpe na conversão do câmbio no Banco do Aeroporto Ezeiza, eu dei R$ 3.200,00 e eles me converteram como se eu tivesse trocando R$ 2.300,00, fui perceber só agora que já estava no Brasil, foi falta de atenção minha como recém mochileira que achava que tinha pensado em todos os detalhes, só que não... 💔💔)
       
      Aos poucos vou contando aqui sobre a viagem dia-a-dia, ah eu também fui postando tudo no meu Instagram (@anavoando), os stories estão salvos no destaques e fui escrevendo no feed também.
      Ah, leiam o post da Ana que citei lá no começo, eu li e reli um milhão de vezes e ela dá várias dias ótimas!! 
       




       
      Espero que gostem! 
      Continuarei aos poucos,
      Ana Caroline
    • Por RodrigoTilly
      Em Setembro de 2019 fui conhecer a terra sagrada dos Incas, Cusco no Peru. Levei um pé na bunda do meu ex- namorado e decidi fazer essa viagem para encerrar um ciclo e abrir um outro e assim o fiz e aproveitei também para comemorar meu aniversário que foi no dia 21. 
      A melhor época para viajar para lá é entre os meses de Junho à Setembro, pois a partir de Novembro já começa a época das fortes chuvas, no período que fiquei choveu apenas uma única vez durante a noite/madrugada.
      Cheguei em Cusco já era 17h30 do dia 12, a conexão entre Lima/Cusco durou 12h horas, só pela misericórdia divina!
      Fiquei hospedado no Hostel Milhause, cerca de 3 quadras da praça de armas, recomendo muito, super limpo , organizado, café da manha incrível e com pessoas interessantes e lhe dão todo o suporte necessário e segurança também, as festas do bar foram as melhores servem almoço e janta também à parte.
      Fiz o chekin , tomei um banho e fui em um restaurante , a comida de lá são muito gordurosas e não são boas, quem tem problema de estômago deve levar omeprazol ou algo do tipo para não terem um desconforto durante a trip, perdi a conta de quantas vezes fui ao banheiro. Comecei a sentir tontura devido o mal de altitude, decidi voltar para o hostel e descansar, dormi e acordei só no dia seguinte. 
      https://www.brazilian.hostelworld.com/hosteldetails.php/Milhouse-Hostel-Cusco/Cusco/62915
       
      Dia - 1) City Tour + Meio dia livre.
      Tomei um super café da manhã no hostel e sai para procurar uma agência, tem varias por lá e precisamos pechinchar para encontrar uma que dê um desconto legal. Mas os valores são extremamente parecidos, Eu indico a Sakura Tours, falem com a Alice, super gentil e prestativa. Decidi fechar com ela os passeio que ficou em torno de 670/ 700 solos incluindo Machu Pichu. As 13h saímos em uma van para conhecer a cidade e seus arredores passando pela Catedral de Cusco, Qoriconcha/ Templo de Santo Domingo, Sacsayhuaman, Qengo, Puca Pucara e tambomachay. A city tour dura 6 horas e é bom levar agua e lanchinhos. , passe no mercado antecipadamente. Eu dei sorte pois conheci o Daniel um venezuelano lindo na da fila o mercado e ficamos durante toda minha estadia por lá. 
      https://sakuraexpedition.com/en/
      Alice da agência Sakura Expedition.

       
      Catedral de Cusco.

      Plaza de armas.

      Entrada de Tambomachay

       
      Dia 2) Maras – Moray y Salineras
      Este é um passeio que acordamos bem cedo para irmos, porém chegamos no meio da tarde por volta das 15h. É incrivel como é grande Maras - Moray e as Salinas. Nesse passeio conheci uma senhor que veio do Japão 70 anos de idade e disse que só vai parar de viajar quando sua existência findar. Os guias são bem atenciosos e praticamente é uma aula de historia ao ar livre. Em todos os passeios praticamente eles param em lojinhas para fazer compras, minha dica é não comprem nada pois o preço triplica nessas lojas, o certo mesmo é comprar no mercado São Pedro que fica no cento de Cusco  a praça de Armas.  Em Salinas , podemos tirar fotos incríveis e comprar chocolate de sal, é um passeio que faria novamente , mas não foi um dos meu preferidos. Depende muito do grupo que vai com você na van, entretanto toda a explicação do guia vala a pena para entender a historia e cultura do local. 
      Entrada Moras - Morays

       

       
       
      Salinas e toda sua beleza.

       

      3 DIA ) Laguna Humantay
      Esse foi o segundo passeio que mais gostei da lista dos tours que fiz, minha turma era bem animada e tinham  brasileiros incríveis que estavam mochilando também, o caminho até lá é um pouco cansativo, mas o visual da laguna vale a pena o esforço, são exatamente 2 horas de subida até o topo da montanha, fomos ouvindo musicas inspiradoras e compartilhando historias de vida, junto a nós tinham um Irlandês e um argentino, fizemos piada, tiramos foto no meio do percurso e deslumbramos toda aquela paisagem, nesse passeio tem direito a café da manhã e almoço e digo que foi de arrasar, pois o local onde fizemos nossas refeições tinha uma vista incrível dos vales. Água é necessário e não se esqueça de aproveitar o caminho, chegando lá aproveite para tirar fotos e apreciar aquela belezura. é um passeio de um dia inteiro. 
      Laguna Humantay

      Arco - Iris - se

      4 Dia ) Valle Sagrado - Pisac e Ollantaytambo e Chinchero 
      Esse passeio também é de um dia inteiro , saímos bem de cedo com a Van e o guia , prepare a bateria da câmera para não ficar sem, pois passamos por muitos locais e conhecemos a cidadezinha de Ollantaytambo. Prepare-se para subir e descer escadas gigantescas e subir colinas, Nesse passeio também é servido almoço e café da manha. Como sempre o guia nos proporciona uma aula de historia e teologia a respeito das crenças dos antigos Incas. O que mais me impressionou foi ver que os andinos realmente sabem aproveitar as áreas montanhosas para cultivar e fazer de moradia. Você ficará deslumbrado a cada passo que der e como sempre fuja dos vendedores locais, levem agua e lanche para fazer durante todo o percurso. No final do tour te levaram para um Chinchero onde as mulheres de trajes típicos ensinam e nos mostram como tingir pelos de Ilhamas/Alpacas , vale a apresentação mas no final eles sempre iram te empurrar alguma coisa pra você comprar, não é necessário comprar nada e nem dar gorgetas (obs: Podem te levar mais de uma vez , pois existem varios por lá). Quem entende sobre Xamanismo vai se identificar muito no Vale sagrado, pois mostra muito da crença antiga dos Incas e toda a forma de conexão com o mundo espiritual. 
      Vista da cidade de Pisac

       

      Evangelina , peruana com traje típico no Chinchero 

      Vista do alto de Ollantaytambo

       
      5 Dia) Aguas Calientes e Machu Pichu. 
      Para mim, Machu Pichu é o mais legal, pois o caminho até lá é incrível de se fazer. Pegamos a van na frente da agência e fomos até a hidroeléctrica numa viagem que durou 7 horas com uma parada de + ou - 40 minutos para o almoço. Chegando na hidroeléctrica fomos caminhando até a cidade de aguas calientes , conheci um grupo de franceses e pude praticar o meu francês, essa caminhada durou em exatamente 3 horas, para mim o melhor é essa trilha, não compensa ir de trem pois pagamos um valor absurdo em dólares, o bom é que você vê paisagens incríveis e vai beirando o Rio junto com os trilhos do trem, muita gente faz esse percurso e aproveitamos para conhecer pessoas e fazer paradas em lanchonetes bem huts no meio do caminho. Chegando em Aguas Calientes nos encontramos com o nosso guia as 18h da tarde , ele nos indica o hostel e posteriormente vamos todos jantar juntos, o pacote para Machu Pichu inclui almoço, jantar,  café da manha + hospedagem em hostel. Eu indico que fique pelo menos um dia em aguas calientes para sentir a energia e a vib boa do lugar.  O hostel que fiquei era maravilhoso e pude assistir as novelas do Peru, depois da janta o guia nos dá as instruções para o dia seguinte subirmos para a tão esperada montanha Machu Pichu. Aconselho vocês a comprarem a tichet de ónibus para subir e descerem a pé pois economizamos mais alguns dólares. E quem vai para lá procurem ir pela manha pois o visual é magnifico e fugimos do sol quente. Não subam a pé, pois a duração é de 1 hora de caminhada e chegando lá dentro caminhamos um bocado por todo o local. Se fecharem os tours na agência Sakura peça pra Alice reservar o guia Percy, pois ele foi incrível em todo o tour dentro das ruínas, aproveito para tirar fotos a vontade e peça pra ele também tirar as fotos tipicas de turista, deixando uma gorgeta generosa, pois ele foi/é muito atencioso e mais uma vez aquele aulão de historia. Feito todo o passeio seguimos novamente para a trilha de 3 horas de volta a hidroeléctrica para pegar a van de vonta para Cusco, aconselho a ficar 1 dia a mais em aguas calientes para aproveitar a cidade que é super bohemia e tem uma vibe super xamanica.  Não esqueçam do repelente e protetor solar, pois o sol queima com força e os mosquitos tem dentes por lá.  

       

       

      Não se pode tirar fotos com nenhum tipo de bandeira em Machu Pichu, Como essa bandeira é a bandeira de Cusco eu pude tirar tranquilamente sorte a minha que é a mesma bandeira GLBT.
      Não se esqueça de carimbar seu passaporte na saída . 
       
      6 Dia )  Montanha de Colores. 
      Para mim foi o passeio mais chato, porém com uma paisagem de tirar o fôlego literalmente, meu grupo não estava a fim de conversas ou fazer amizades e cada um ficou na sua, é uma caminha de 3 horas e uma subidinha filha da puta, para cada três passos que damos descansamos um pouco porque esse local já é bem alto e o ar é quase rarefeito, vale o passeio pela foto , mas eu não o faria novamente. Chegando no topo você pode carimbar seu passaporte e digo que terá muitos turistas num espaço pequeno, dividindo com vendedores e guias. Verifique também o tempo, pois quando comecei a descer começou a nevar e tive amigos que quando chegou lá a montanha estava coberta pela neve. Também leva um dia inteiro com direito a café da manha e almoço. E lá conseguimos ter contato com os povos andinos que são descendentes dos Incas. Outra cultura, outra Vibe.  
       

       
      Considerações finais....
      Ao todo fiquei 14 dias em Cusco, aproveitei para ir aos restaurantes e barzinhos e fazer caminhadas nos bairros de lá , é incrivel esse lugar e quero voltar para fazer voluntariado, indico para todos os meus amigos. Me senti dentro de uma Telenovela e muito acolhido por todos, principalmente pelo hostel que fiquei e a agência de tours. Comemorei meu aniversario junto a pessoas que nunca vi na vida , fizeram uma festa surpresa pra mim, com dinheiro a bolo na cara e conheci um namoradinho maravilhoso o Daniel, sempre os levarei para a vida toda. Aproveite para ir ao Mercado São Pedro (Não comam lá , a higiene do local e 0), Conhecer as igrejas, os mirantes da cidade, as baladinhas e comer as comidas diferentes de lá sem exagero é claro. Gostei muito de um restaurante que serve uma comida deliciosa tipo o churrasco grego só que Top das galáxias, se chama A casa de Kebab, fica ali do lado da praça de armas e super em conta.
      Voluntários do hostel Milhause Cris brasileiro e Macarena da Argentina, meus irmãos de coração.

       
      Daniel, vivi quase uma lua de mel com ele. Gratidão. 

       
       
      Ao todo gastei 5 mil reais nessa viagem de praticamente 14 dias. Poderia ter gastado menos , mas quis fazer alguns outros passeios e comprei umas coisinhas e outras é claro,  o que saiu mais caro mesmo foi o aéreo como sempre. Porém não deixem de viajar e conhecer esse lugar incrível que para mim sempre terá um lugar especial nas minhas recordações. 
      Dúvidas estou a disposição. Segue meu Instagram @RodrigoTilly
      Namastê e boa viajem meus irmãos. 
       
    • Por Luana Knorst
      Gente, vamos fazer um tópico de listas do que levar, do que é imprescindível levar, do que faltou nas viagens anteriores, etc?
      É muito bom pra gente poder se preparar e aprender com os erros...
      Qual a próxima viagem?
      China, Vietna, Cambodja, Tailandia e Filipinas.
      O que levar? O Básico:
      Roupa de verao pra no máximo 7 dias, levando em consideracao que a gente repete muita roupa e lava.
      Um conjunto de manga comprida pra uma visita de 1 dia em Pequim (vai estar frio pra caramba lá, o mesmo frio que aqui na Alemanha, mas nao quero levar jaqueta pra nao carregar ela depois no calor...).
      Ipad, fone de ouvido, carregadores;
      Documentos e cópias, fotos para vistos, certificados de vacinacao, cartoes e dinheiro, etc. 
      Produtos de higiene, protetor solar, maquiagem e cuidado pessoal.
      Um tênis no pé, havaianas e sapatilha na mochila.
      Uma mochila extra pra ir passear e deixar a grande em "casa".
      Anticoncepcional e remédios importantes. Aspirina acho que se compra em qualquer lugar.
       
      Ítens imprescindíveis:
      Se for praia, máscara de mergulho.
      Para mulheres -> Por mais engracado, nojento e estranho que possa parecer, um pote de plástico pra fazer xixi. Sim, nós mulheres passamos por muito aperto (literalmente falando kkk) e somos mais sucetíveis a ter uma infeccao, infelizmente. Isso me salvou a vida várias vezes.
      Se for lugar com montanha, trecking, etc, é legal levar aqueles bastoes do nordic walk ou para subida mesmo, me ajudou bastante na Noruega e em Madeira.
       
      O que faltou em viagens anteriores?
      Um boné ou chapéu, tive que acabar comprando. Faltou também uma máscara de mergulho pra Snorkel, que também compramos na Grécia.
       
      Pra onde foi a sua última viagem, qtos dias e quantos kg (ou tamanho) tinha a sua mochila?

      Foi pra Grécia, Chalkidiki, ficamos lá por 10 dias. Eu tinha uma mochila de 32 litros e levei ela cheia de itens desnecessários. Dessa vez vou levar só o necessário.
       
       e vocês, o que vcs tem de experiência pra contar?
    • Por Jv21Games
      Olá, quero passar pela fronteira uruguaia, de carro alugado, porem vou apenas de visita, vou entrar pelo chui e pretendo sair pela barra del chuy, dando uma parada no parque aquático. Sabe se vou precisar do seguro carta verde? De que documentos eu preciso? Alguém sabe responder? Grato, João.


×
×
  • Criar Novo...