Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

CE- JERICOACOARA E CANOA QUEBRADA


becah

Posts Recomendados

  • Membros

Olá pessoal, eu sempre utilizei muito as dicas desse site para me auxiliar em minhas viagens e resolvi contribuir um pouco.

Eu sou apaixonada por Jericoacoara, já fui inumeras vezes, mas vou relatar minha última ida que foi em dezembro2012/janeiro2013.

Eu moro em Manaus, e sempre pego o mesmo voo pra Fortaleza que parte 00:30 e chega em fortaleza às 05:00, nessa viagem fomos eu , minha mãe e meu primo de 11 anos que é como se fosse irmão. Mas terão algumas fotos com a minha irmã de 14 anos que nos acompanhou na penúltima viagem no carnaval de 2012 e talvez das minhas idas anteriores.

 

Vamos ao relato.

 

Dia 1

 

Chegamos em Fortaleza às 5 e pouco, fizemos o de sempre, tomamos café e fomos ao meet point, um espaço dentro do aeroporto destinado àqueles que aguardam seus transfers ou sua carona, aguardar pelo ônibus da fret car, ressalto que eu sempre vou com essa empresa, primeiro por que é a viagem mais confortável x barata, e eu sempre compro as passagens antecipadamente por email.

O ônibus chegou por volta das 08:30 e depois de 04:30 chegamos em jijoca para fazer a transferência para a jardineira que nos leva até Jericoacoara ( essa é a parte predileta da minha mãe, ela simplesmente ama essas jardineiras). Chegamos em Jeri por voltas das 16:00 e fizemos como sempre: deixamos as malas na pousada e fomos almoçar no restaurante Sabor da Terra que fica bem em frente ao ponto de descida da jardineira, lá a comida é divina, abundante e barata!! Sempre pedimos prato para 2 pessoas e comemos 3 e ainda sobra.

Retornamos para a pousada, ah, eu sempre fico na pousada do mauricio que é a mesma que a casa alice, fica a menos de 100m da praia e não é cara, cerca de R$80.00 quarto duplo e R$120.00 triplo com café da manhã delicioso.

Trocamos de roupa e fomos assistir ao pôr do sol na duna, e como sempre foi maravilhoso. Retornamos à pousada, descansamos um pouco e de noite saímos para comer pizza na pizzaria banana que fica bem ao lado da praçinha ( Jeri é bem pequena e só há uma praça) depois pousada e cama.

598db619007a5_P1050247-Cpia.JPG.06dbb30250b78457a83ed038f5bfe853.JPG

598db6192b57f_ferias2013080.JPG.f54361e885c53861c9d2346a163e9d17.JPG

Link para o post
  • Membros

Dia 2

 

 

Dia de Lagoa Azul e Lagoa do Paraíso.

Eu faço os passeios com o mesmo bugueiro que eu fiz na primeira vez que fui a Jeri com amigos, o Geraldo, é só perguntar por ele na associação que todos o conhecem, eu sempre entro em contato com ele antes de viajar e fecho com antecedência os passeios, e dessa vez não foi diferente.

O Geraldo chegou na pousada às 8h e logo estávamos à caminho da lagoa azul. O passeio para as lagoas fica por R$110.00 o buggy fechado, cabem 4 pessoas, mas se vc está sozinho ou em menos de 4 é só pedir pra ele q ele acha outros turistas para completar o buggy e vcs dividirem o custo do passeio.

O caminho é bem gostos, travessias em balsas, passagem pela arvore da preguiça e finalmente a lagoa Azul, sempre geladinha e refrescante... Nós quem escolhemos quanto tempo queremos passar em cada lagoa.

Ficamos umas 2 horas e logo seguimos para a Lagoa do Paraíso. Que estava simplesmente linda!!

Sempre que retorno a Jeri eu levo alguém novo e minha mãe que não abre mão de uma escapadinha até lá, e o convidado de honra de cada viagem sempre se encanta com as maravilhas naturas e a paz que esse vilarejo emana.

Ficamos por aqui até umas 16h, pois temos horário para retornar por que a maré sobe e o buggy não passa depois de certo horário.

Chegamos de volta e já pedimos para que ficássemos na praia de Jeri mesmo e lá pegamos umas cadeiras de praia e ficamos curtindo o resto de tarde e admirando mais um pôr do sol encantador. Eu lembro que paguei por volta de R$15.00 por 3 cadeiras, pois já era final da tarde e só utilizaríamos por pouco tempo.

Retornamos à pousada e descansamos, depois saímos para jantar, hoje optamos por algo diferente, fomos na casa de pedra, uma sorveteria e creparia deliciosa, indico o crepe de castanha e leite condensado e se quiser um sorvetinho de sobremesa, o crepe custa em torno de R$8.00 e é enorme!! Do tamanho do prato e vem bem farto.

Estávamos cansados e nos recolhemos depois do jantar, no dia seguinte iremos caminhar até a pedra furada, e como eu já havia feito essa caminhada algumas vezes, sabia que seria longa.

598db61958777_ferias2013235.JPG.40152a805a5bc6ef95b476654b9cdc43.JPG

P1050091.JPG.b803ae7efbb88e100fabf35120228904.JPG

Link para o post
  • Membros

Dia 3

 

 

Acordamos bem descansados, sem compromissos de passeios e afins com horário marcado, apenas sentimos o corpo descansado e levantamos para curtir o dia maravilhoso de sol que estava fazendo. Tomamos café, passamos muito protetor solar, principalmente no meu priminho, abastecemos as garrafinhas de água e seguimos para a praia.

Para chegar a pé na pedra furada há dois caminhos, um é ir andando contornando a praia, esse é mais fácil, porém beeeem mais longo, sem contar que se deve observar o horário da maré, pois se estiver cheia na metade do caminho vc não conseguirá passar e terá que retornar. O outro é subir o cerrote e seguir as trilhas que já existem marcadas no chão pelos turistas de tanto que por ali passam.

A pedra é linda e pelo segundo caminho indo num ritmo bem de boa (estávamos com uma criança) leva em torno de 40min para chegar. Chegamos, tiramos fotos, compramos uma água de cocô e pagamos pelo retorno de charrete (R$10.00), pois o meu priminho estava bem cansadinho.

Ao retornarmos para a vila fomos a um mercadinho, que fica na rua da pousada que também é a rua da pracinha e que é a rua da associação, ou seja, na rua principal e esse é o nome mesmo da rua, compramos bobagens e água, deixamos tudo na pousada e partimos para a praia.

Da vez anterior a essa que estive em Jeri, eu fiz o passeio de quadricículo com a minha irmã, pois ela viu as fotos de quando eu havia ido com meus amigos e me fez prometer que ela também andaria no tal do quadricículo, esse passeio custa em torno de R$220.00 o dia inteiro ou R$100.00 só nos arredores da vila, esse é um meio alternativo ao buggy para chegar as Lagoas, porém as duas pessoas que iram dividir o quadricículo têm que saber dirigir pois é absurdamente cansativo, sem contar que bem mais caro que o buggy. Mas vale a experiência.

Passamos essa tarde na praia, curtindo o mar e jogando frescobol... Logo tivemos mais um espetaculoso pôr do sol e nos recolhemos para repousarmos. Por volta das 20h saímos para jantar, retornamos naquele restaurante do primeiro dia pois estávamos bem famintos e a comida lá é muito boa. Comemos um filé a parmegiana com arroz e fritas e estava tudo muito bom, como sempre muita comida e sobrou.

Demos algumas voltas pelas ruas da vila, pois é muito seguro, eu vou anualmente para jeri há 5 anos e nunca me aconteceu nada, nem aos meus conhecidos que também foram, é tudo muito calmo e tranquilo, acredito que os infortúnios, que são poucos, que acontecem por lá decorrem daquele velho ditado: a oportunidade faz o ladrão. Então fica a dica, não andem com grandes quantias, mantenham seus pertences sempre à vista e como em todo lugar, evitem dar oportunidade ao acaso. Enfim, depois de passearmos pelas ruelas e apreciarmos os artesanatos dos hippies minha mãe e meu primo foram para a pousada e eu fui para o Mama Africa, um lual que acontece 2 vezes por semana na alta temporada, eu já estava familiarizada e encontrei alguns conhecidos por lá de outros carnavais, enfim, curti um pouco e fiquei por lá até umas 3h e retornei ao hotel, querendo ter ficado mais e degustado aquelas caipifrutas deliciosas.

Eu, infelizmente não posso consumir álcool, tive a tal da dengue hemorrágica em 2007 junto de uma hepatite e catapora e esse combo acabou com o meu fígado, até hoje eu preciso ser cautelosa com comidas gordurosas em excesso e afins, então fico só na vontade.

598db619dd189_feriasfev.12030.JPG.b4bdd199e26de721cdad2a12d028c53d.JPG

598db61a14b4b_feriasfev.12290.JPG.8de08aee696e3e0d922fe3865c4635cf.JPG

Link para o post
  • Membros

Dia 4

 

 

Hoje acordamos, tomamos café e seguimos para o lado direito da praia e caminhamos até acharmos, em meio às pedras, uma piscina natural, eu tinha certeza que meu priminho adoraria ficar mergulhado ali. E foi o que aconteceu, essa piscina é muito charmosinha.

Depois retornamos para a pousada, arrumamos a mala e deixamos tudo pronto para a partida, seria o dia de irmos para fortaleza, mas apenas de passagem.

Fomos almoçar já passava das 15h, pois ficamos comendo petiscos durante a manhã, e passamos o resto da tarde na praia, apostei uma corridinha com meu priminho até o extremo da praia à esquerda depois da duna, é tudo muito lindo e preservado, isso me encanta, a magia natural daquela vila que atrai e encanta. Corremos por mais ou menos por 1h, retornamos à pousada, fizemos hora e saímos para jantar, redamos mais um pouco pela vila para fazer a digestão e para dar adeus para aquele lugar maravilhoso.

Ao retornarmos à pousada demos o check out e fomos pro quarto descansar, o nosso ônibus para fortaleza sairia às 23h, e foi o que aconteceu #soquenao.

A jardineira atrasou e chegou à 00h30min, depois tudo novamente porem no sentido inverso, parada em Jijoca 1 e pouco da manhã para trocar da jardineira para o ônibus, dramim devidamente tomado para ajudar a dormir na viagem e evitar enjoos no meio da noite e vamos nessa.

Eu prefiro fazer assim, ida de dia e volta de noite, pois curto as duas paisagens da viagem, de dia a jardineira vai praticamente dentro do mar e a sensação e muito gostosa, aquele mar lindo num horizonte sem fim, e de noite eu posso desfrutar de um céu sempre muito estrelado, o que pouco se vê hoje em dia nas cidades.

598db61a41a91_ferias2013422.JPG.b19e052210a1026a28ef840c9103e6f8.JPG

598db61a71366_ferias2013573.JPG.acdf1a7ed2d64ec9b4602c64370022b9.JPG

Link para o post
  • Membros

Dia 5

 

Canoa quebrada

 

Depois de uma noite de sono chacoalhado dentro do ônibus, chegamos a rodoviária de fortaleza às 06:00 da manhã por conta do atraso da jardineira. Havia fechado um transfer do meu hotel de canoa quebrada para nos buscar na rodoviária de fortaleza, o cara atrasou um pouco mas chegou, e seguimos direto para canoa quebrada, aproximadamente 1h40min de viagem.

Esse transfer custou R$200.00 e é feito em um doblô, todas as outras vezes que eu fui para canoa peguei o ônibus de linha partindo da rodoviária que custa R$ 13.00 e leva 3h30min. Porém, como estávamos com criança, optamos pelo menos cansativo, já que estávamos vindo de uma madrugada viajando.

Chegamos em canoa, demos check in e partimos para a praia, e que desapontamento, eu não gosto de canoa, mas minha mãe queria vir, da ultima vez que vim tinham muitos baiacus mortos inchados por toda a areia da praia e pra quem não sabe esse peixe é venenoso, uns mais outros menos, mas são. O fato de canoa encontrar-se na ponta do litoral cearense e ser considerada praia de “mar aberto” nunca me agradou, e depois desse episódio eu fiquei bem desgostosa com a praia de lá. Mas como quem manda é a mãe, chegamos na praia e mais desapontamento, muitas manchas de óleo na areia, muitas mesmo, havia vazado óleo de uma plataforma no litoral americano e o troço foi bater lá. Era impossível entrar no mar, muita gente melada de óleo, tipo um breu de asfaltar a rua, horrível. Resolvemos almoçar num restaurante lá pela praia e durante isso ouvimos muita gritaria e pick-ups da marinha passando, mas não demos bola, depois aglomerou muita gente e resolvi ver o que era, simplesmente uma menina que estava tomando banho foi ferrada por arraia no tornozelo e estava estirada na areia com o ferrão atravessado na perna, muito triste, ela gritava muito. Logo a marinha colocou ela no carro e correu pro hospital. Depois soubemos que a menina não resistiu e havia falecido, muito triste mesmo!! Ela estava de férias, assim como nós. E desde esse dia eu desisti do mar de canoa, a cidade é bem legalzinha, mas não vejo mais razão para retornar, já conheci de lá o suficiente.

Ficamos caminhando pela cidade, que é bem pequena, e decidindo onde iriamos jantar. Voltamos a pousada, trocamos de roupa e partimos para a badalada rua broadway, que ficava bem perto da nossa pousada. Jantamos em um restaurante italiano que fica bem ao lado de um albergue bem badalado na broadway, não me recordo o nome, mas estava tudo gostoso, porém a cidade é cara.

 

Dia 6

 

No dia seguinte fomos tirar umas fotos numa passarela de onde é possível apreciar a vista do mar, e eis que nos deparamos com uma situação muito inusitada. Era bem cedo e estava tudo um pouco deserto ainda, havia um rapaz só de bermuda sentado na passarela com as pernas penduradas pra baixo (a passarela é muito alta) e de cabeça baixa, ao passarmos perto dele minha mãe viu que ele estava com uma corda amarrada em seu pescoço e a outra ponta amarrada nos ferros da passarela, ela fez sinal pra mim e eu afastei meu priminho dali e pedi ajuda, ela abaixou ao lado dele e conversou com ele sobre a vida, tentou ganhar tempo até que alguém chegasse para ajudar, e eu achei um grupo de amigos, todos homens, que correram para lá e estrategicamente puxaram o cara de volta para a passarela, ele chorava muito e aquilo mexeu com todos nós, já estávamos tristes pela menina que havia falecido e agora essa. Era claro que essa parte da viagem já havia se encerrado para a gente. Retornamos a pousada, demos check out, organizamos nossas coisas, saímos para almoçar mais cedo e por volta de 12h chegou o nosso transfer de volta à fortaleza. Mais R$220.00.

Chegamos direto no aeroporto, nosso voo voltando para casa sairia às 20h, fizemos hora por lá, comemos, vimos as fotos da viagem e retornamos para casa.

canoa-quebrada.jpg.370ac3f261379ceb2d99a23f5c86e5dd.jpg

598db61aa1cb3_ferias2013675.JPG.477f5f91db4b41c6b57fd92915659b94.JPG

Link para o post
  • 1 mês depois...
  • Membros

É realmente um lugar maravilhosoooooo Fortaleza,apesar de ser mega perigoso as praias de lá são únicas e exclusivas como a do Cumbuco,Fontes e a incrível Canoa Quebrada!!!!Fiz o roteiro leste e oeste todinho em Fortaleza e depois segui de Fretcar até Jeri e posso dizer que é lindaaaaaaaaaa sem dúvida uma das 5 melhores praias do Brasil,um baita calor e dunas e mais dunas para todos os lados,fui sozinho mas fiz a amizade com mochileiras que estavam sozinhas e acabamos ficando juntos em todos os passeios por lá!!!! Jeri é magnifico e é muitoooo procurada durante o ano todo o Turismo em Jeri é alto em todas as estações,clima agradável e estilo bem caribenho do local com os restaurantes e as músicas de ola rsrsrs.

 

Pena que só tinha apenas 15 dias para conhecer o Nordeste:

Fiz Fortaleza,Jericoacoara,João Pessoa,Pipa e Natal ficando 3 dias em cada local que era tempo suficiente para conhecer os lugares e praias.se me sobrasse tempo ia fazer o Nordeste todo,mas estava mesmo sem tempo!!!!!Mas de todo esse roteiro com certeza Jeri foi a mais fodástica e linda de todas,sabe foi uma experiência única e incrível!!!!

Link para o post

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
  • Conteúdo Similar

    • Por ms.priscila
      Roteiro Jericoacoara (04 dias)
      Jericoacoara está situada a 317km de Fortaleza. Para chegar até lá, pode-se optar por alugar um carro, o que não é recomendável, já que você deverá deixar o veículo em Jijoca de Jericoacoara para, então, atravessar as dunas e chegar até a vila. O transporte mais utilizado, portanto, são os ônibus ou transfer.
      Em 2017, pagamos cerca de R$220,00 em um veículo 4×4 para 06 pessoas, ida e volta, a partir do aeroporto de Fortaleza. Esse foi o contato do nosso transfer: (88) 9979-0127.
      Em Jeri, 04 dias são suficientes para conhecer todas as belezas que a região oferece. Existem basicamente dois passeios de bugre. Um para o lado leste e outro para o lado oeste.
      O passeio do lado leste inclui a Pedra Furada, Árvore da Preguiça, Praia do Preá, Lagoa Azul e a famosa Lagoa do Paraíso. Este passeio se encerra no restaurante Nova Esperança, onde se pode almoçar e aproveitar o restante da tarde.
       
      Árvore da Preguiça

      O passeio do lado oeste inclui o Mangue Seco, onde se pode fazer um passeio de canoa para visualização de cavalos-marinhos (em 2017 pagava-se algo torno de R$20,00 por pessoa), travessia do bugre em um Catamarã em direção à velha Tatajuba, antiga vila soterrada pelas dunas, nova Tatajuba, Duna do Funil (onde se pode praticar esqui bunda) e, por fim, restaurante no Lago da Torta. Pagamos R$90,00 por esse passeio, por pessoa.
       
      Observação de Cavalos-Marinhos
       
      Lago da Torta
       

      Entretanto, para quem não quer pagar pelos dois passeios, pode-se optar por Tatajuba, que é um passeio de dia inteiro e, em outro dia, optar por um transporte público, ao custo de R$50 por pessoa, que te leva até o Alchymist Beach Club, um super restaurante, à beira da Lagoa do Paraíso. Esse passeio te permite aproveitar melhor a lagoa, em uma estrutura com espreguiçadeiras, redes e muito conforto.
       
      Alchymist Beach Club

      No mais, você pode acompanhar a procissão que sai todos os dias, às 16h, em direção à Pedra Furada, e o pôr do sol, na Duna do Pôr do Sol.
       
      Duna do Por-do-sol
       

      No meio do ano, o sol se põe dentro da Pedra Furada. Algo que se guarda para sempre na memória.
       
      Pedra Furada

      Então vamos ao roteiro:
      Dia 01: chegada e pôr do sol na duna
      Dia 02: passeio até Tatajuba
      Dia 03: tarde no Alchymist para aproveitar lagoa e pôr do sol na pedra furada
      Dia 04: praia e retorno à Fortaleza
      Hospedagem: prefira hospedar-se na Rua Principal ou na Rua do Forró, que são as ruas mais importantes e dão acesso ao centrinho de Jeri. Recomendo a Pousada Jeribeka e a Pousada Jericó, onde me hospedei nas duas oportunidades em que estive na vila.
    • Por Eloá Simões
      Alguém indo para O Maranhão e/ou Jeri em Novembro 2020? Preciso de algumas dicas tbem ☺️
    • Por Ricardo Bueno
      Oi pessoal, tudo bem? Somos um casal que ama viajar pelo Brasil e pelo mundo e compartilhamos tudo em nossas redes sociais.
      Estivemos em Jeri este ano e ficamos encantados com esse lugar. Vamos deixar aqui 2 vídeos que mostram como foi nosso rolê por lá. Demos dicas de onde ficar hospedado, onde comer e o que fazer na vila e nos arredores. Usamos o drone para fazer algumas imagens... Esperamos que gostem!
      Caso queriam tirar alguma dúvida sobre Jeri só escrever um comentário nos vídeos do Youtube (aproveitem e se inscrevam) ou nos escrever pelo Instagram: https://www.instagram.com/ossaboresdomundo/
      Obs: não exploramos muito o lado oeste, tem passeios de 4x4 ou buggy pra lá, se vocês tiverem tempo super recomendamos fazer. Não tivemos!
      Vídeo 1:
       
      Vídeo 2:
       
    • Por Damarens Santos
      Olá galera viajanteeeee. 🤩 Vim fazer falar um pouco sobre minha viagem em 02/2020 em Fortaleza e Jeri   Comprei minhas passagens para Fortaleza pela decolar em uma promoção 657,00 saindo de GRU (uma semana depois baixou para 400,00 kkkkkkkk DIFICIL ). Fizemos as reservas pelo site Airbnb com cupom de desconto  (vou deixar o cupom no final do post) fechamos 4 dias em Jeri na Pousada Casa Flor do Mar e 4 dias em um Flat no hotel Tulip. Como boa viajante, fiz a reserva do flat no meu nome e da pousada no nome do meu namorado, ambos tinham descontos então saiu bem em conta pra nos (400,00 em cada lugar).   06/02 a 12/02 - SP x FOR   1º dia: Nosso voou saiu as 23:30 de SP com chegada as 03:00 em FOR. Decidimos ir pra Jeri primeiro para curtir o fds lá e fortaleza depois, então fechamos com a agência Enseada Turismo  o transfer até Jeri. Do aeroporto até o ponto de partida para Jeri no centro, pegamos um Uber, que deu R$ 19,50 e fomos direto ao ponto de encontro para saída a Jeri, que seria as 04:00. Fechamos o transfer até Jeri com passeios do lado Leste incluso por R$150,00 cada (OBS: existe a empresa Fretcar que faz esse serviço de transfer, porém ele sai em horas fixas... se não me engano o primeiro sai as 07:00 e custa em torno de R$30/40 reais, mas pra otimizar tempo optamos pelo transfer, estava incluso ida e volta + alguns passeios do lado leste). Depois de horas de ônibus (aproximadamente 5:00 com parada pra café da manhã) chegamos até um ponto de apoio onde pegamos as Jardineiras (4x4) pra começar os passeios. O nosso estava incluso o Passeio pela Lagoa do Paraíso, Árvore da Preguiça, entrada free na famosa Alchimist Beach Club e Pedra Furada, como passeio adicional havia a Lagoa do Amâncio por R$30,00 (durante os passeios as malas ficam na própria jardineira). Fechamos na nossa pousada por volta das 17:15 da tarde e saímos pra jantar.   OBS E DICAS: *No café da manhã eles pararam em um local que o café é por peso (pão com frios + copo de leite com café saiu uns R$9,00/11,00) Na hora do almoço estávamos no Alchimist Beach Club, não comemos lá pq achamos as coisas mtt caras (uma cerveja long neck lá custou R$17,00 KKKK). Tomamos um café mais reforçado justamente para não consumir nada neste local por conta dos preços. *A ida até a Pedra furada se resume em caminhada rs. Lá eles falam que o caminho é pesado, 40 minutos de caminhada com uma decida ruim... tudo isso pra vc fechar com os “juber” ou seja charretes, mas a caminhada é tranquila... fizemos em 30 minutos até a pedra. *Na rua SAN FRANCISCO, na vila de Jeri vc encontra refeições a partir de 10,00. ISSO MESMO, nem em Campinas eu encontro estes preços kkkkk (eu não como frutos do mar então os PF’s da vida me fazem mtt feliz, ainda mais quando pago barato. Comi barato e MTT bem, obg). *O que mais me incomodou na vila foi as moscas, puts isso me estressou pq toda vez que vc senta pra comer vem umas 20 em cima da mesa, da comida e tal. Então procure por restaurantes climatizados caso queira paz. A noite tem varias barraquinhas pela rua que vende comida... porém este valor que paguei foi sempre em restaurantezinhos. Aproveitamos que estávamos pelo centrinho anoite para andar e procurar pelo passeio do Lado Oeste, já havíamos cotado com várias empresas antes da viajem (a média de valor era R$350,00 no buggy privativo, R$175,00 buggy compartilhado, R$400,00 quadriciclo e R$75,00 a jardineira), mas optamos por fechar lá em busca de encontrar algo em conta e BINGOOOOO. Encontramos o passeio de quadriciclo por 350,00 e o buggy 300,00.   2º dia: Acordamos e vimos o dia lindo, corremos e ligamos para agência de quadriciclo que iriamos fazer o passeio para fechar para aquele dia. Saímos para o passeio as 9:30, pegamos um guia tão legal que nos deixou super a vontade, passamos pelo mesmo local mais de uma vez para aproveitar quando estava vazio *-* o passeio durou cerca de 5/6 horas. (o guia vai na moro e vc vai pilotando o quadriciclo)   3º dia: tiramos o dia pra descansar. Fomos até a praia de manhã (praia da vila) e a tarde ver o por do sol nas dunas   4º dia: Fomos até a praia da malhada que é mtt linda e aproveitamos pra ir no comercio a tarde, voltamos pra fortaleza as 16:00. Da Vila de Jeri até o ponto de encontro fomos de 4x4 e levou cerca de 1:00. O ponto de encontro é a única parada que se faz até fortaleza, la ficamos 2:00 esperando todas as 4x4 chegarem para lotar o ônibus e irmos embora. Chegamos em nosso flat em fortaleza as 24:00   5º dia: Já havíamos fechado com o Felipe (fechei via whats na volta de jeri para o dia seguinte) o passeio pelas 3 praias (Morro Branco, Praia das Fontes e Canoa Quebrada) de buggy por R$ 110,00 cada (canoa quebrada fica 250 km de Meireles então o passeio foi mtt cansativo rs não achei que compensou mtt, a praia das fonte na minha opinião é uma enganação tremenda kkkkkkk pq são 3 bicas de água escrito que é fonte, fora que se vc não fechar o buggy vc tem que ir caminhando até as falésias e morro branco (que é bem longuinho) então praticamente eles te forçam a fechar o buggy pra conhecer).   6º dia: Compramos o passeio pelo peixe urbano por R$60,00 o casal com a Girafa tur. O passeio saiu as 7:00 com chegada as 19:00. Chegando la eles vão te deixar em um restaurante carinho tbm, porém, na mesma rua do restaurante na frente dos buggeiros tem um restaurante, comida caseira mtt gostosa, prato para 2 pessoas por 35,00. Descendo o restaurante já na praia, tem um quiosque a direita com preços excelentes! (Cerveja por 9,00 600ml). A noite fomos jantar na Barraca da Boa na orla de Meireles, ceva por R$ 9,00 prato de picanha pra 2 por 60,00 (achamos o preço ótimo).   7º dia: Fomos para a Praia do futuro, pois queríamos conhecer o famoso Croco Beach, achei o local mtt cheio e os preços mtt salgados, então fomos pra barraca ao lado esquerdo Barraca Marulhos e fechamos um bangalô na areia com R$100,00 de consumação. Os preços de lá são excelentes e o serviço de primeira. Eles deixam um cooler do seu lado com cerveja já pra vc ficar à vontade. RECOMENDO. A tarde resolvemos andar pelo mercado central e depois ja fomos pro aeroporto.
      CUPOM DE DESCONTO Cadastre-se com meu link e você vai ganhar até R$179 de desconto em sua primeira viagem. https://abnb.me/e/H1L0MFhG83?suuid=9cccd5d0-3bc8-4949-b7ad-25927809bf1e&slevel=0

      Tel do Pedro (agente de fortaleza): 85 9665-9503 Tel do Quadriciclo de Jeri: Kart Cross Roades 88 9849-4619 Edvaldo
      Tel da agencia  Enseada Turismo: 85 9608-1222





    • Por Bruno GNR
      Fala galera beleza?
      Gostaria de compartilhar com vocês a viagem que fiz ano passado saindo do interior de SP, da cidade de Limeira, com destino final em Jericoacoara no CE, passando pelos Lençóis Maranhenses.
      Como eu li aqui no fórum muita coisa que me ajudou e também muitos usuários solícitos que sempre foram muito prestativos, queria deixar aqui minha contribuição.
      Quem quiser conferir todas as fotos: https://maladaminhamae.blogspot.com/
      Valeu.
      Depois de maravilhosa e inesquecível viagem por parte da América do Sul, resolvemos partir para uma nova road trip, dessa vez a ideia era chegar até o Ceará, mais precisamente em Jericoacoara, porém, antes passando pelos Lençóis Maranhenses.
      O planejamento foi feito novamente pensando numa trip de baixo custo, no entanto, não passando nenhuma "necessidade", não abrindo mão de lugares que tivessem ar-condicionado e estacionamento.
      Nossa viagem foi feita no seguinte roteiro:

      28/06 - Saída de Limeira (SP)
      29/06 - Brasília (DF)
      30/06 - Palmas (TO)
      01/07 - Grajaú (MA)
      02/07 - Santa Rita (MA)
      03/07 - Santo Amaro do Maranhão (MA)
      04/07 - Santo Amaro do Maranhão (MA)
      05/07 - Santo Amaro do Maranhão (MA)
      06/07 - Jijoca de Jericoacoara (CE)
      07/07 - Jericoacoara (CE)
      08/07 - Jericoacoara (CE)
      09/07 - Jericoacoara (CE)
      10/07 - Teresina (PI)
      11/07 - Bom Jesus (PI)
      12/07 - Barreiras (BA)
      13/07 - Brasília (DF)
      14/07 - Limeira (SP)
       
×
×
  • Criar Novo...