Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Posts Recomendados

Eu fui ontem com a Xtreme, peguei uma bike novinha e com dupla suspensao... muito aconselhavel! Paguei 450 bol, sem suspensao traseira era 350. Na verdade eles fazem um catadao entre as agencias, nosso grupo era 9 pessoas de 3 agencias diferentes, as bikes eram equivalentes.

A Gravity realmente eh boa, mas o problema eh q eles nao devolvem a grana se caso vc nao puder ir no dia estabelecido, vai q vc se machuca ou passa mal... e o pior q levam 1654154151418476 pessoas de uma unica vez... grupo grande tudo demora.

Saimos a 09h30 e eles(Gravity) as 07hs, passamos todos os grupos da Gravity durante o passeio... no final havia jà um grupo deles esperando a van, a nossa van demorou uns 30 mim para chegar, fomos embora e eles ainda ficaram lá... importante isso? claro! era ¨Carnaval¨ em La Paz voltamos e nos divertimos muito... foi demais.

 

Obs: Um argentino do nosso grupo perdeu o freio, ele abusava da velocidade, e caiu feio na estrada quase se indo la para baixo, quando levantou ele estava todo mijado do medo,rs claro q todo mundo riu, mereceu!

Nao abusem da velocidade, devagar e sempre é mais seguro e aprecia a paisagem.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fala Ângelo, tranquilo?

 

Cara, a Xtreme fornece alguma jaqueta, do tipo corta vento, incluída nos equipamentos? Ou pelo menos oferece isso à parte? Pergunto porque vou fazer o Downhill agora em julho, não possuo anorak e não pretendo adquirir um por agora. Moro em BH e não costumo viajar a lugares frios o suficiente para justificar a compra de um anorak.

 

Valeu!!!

 

 

Vítor

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vitor, beleza?

 

Cara não forneceu não. Tava frio p cacete lá no La Cumbre onde se começa a descer no asfalto. Mas fui com uma segunda pele, uma camiseta de malha, meu Anorak e o coletinho que eles dão esse da foto abaixo, além de te darem (emprestam) todo o equipamento de segurança e luvas porque suas mãos congelam, e pode ter certeza dependendo do frio, dói e congela mesmo........rsrs:

20100629011946.JPG

 

Mas olha só. Roupas e agasalhos em la paz eh muito mas muito barato mesmo velho, então já que nessa época lah vai estar muito mais frio do que em março qdo eu fui, aconselho a comprar um, mesmo que te ofereçam uma jaqueta.

 

Vc entrou no link deles que deixei acho que aqui??? Entra lá manda um e-mail e tite suas dúvidas com eles velho. mas nao precisa dizer que vai reservar jah não. Só orça tendeu??? Na hora ainda se negocia lah.....

 

Qqer coisa falaê que te dou umas dicas.....

 

Abrs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Muito obrigado pela info Angelo!

Alem da extreme, tambem estou dando uma olhada na Gravity, mas que pelo jeito é mais cara.

Eu queria perguntar, qual o calcado ideal pra faze o downhill? Bota mesmo? Vi umas fotos de pessoas passando por uns trechos com bastante agua e queria saber se tem chance de molhar... Em relacao a roupa é bom ir como se fosse esquiar e levar na mochila shorts e roupa de banho?

Valeu!

Abraco!

 

Grande forespi.

 

A Gravity eh mais cara sim. Mas os passeios são tudo parecidos o que se oferece à nós turistas. Então, a Xtreme é uma indicação minha pois preço bom e tour bem assistido. Na verdade como em quase tudo lá, as agências se coligam e de repente tem gente de outras agências que não conseguiram fechar uma equipe completa vai no seu tour e às vezes com preços muito maiores que a gente pagou. Isso eh normal por lá....

 

Quanto ao calçado, bota mesmo, não tem nada de anormal nao. Eh tranquilo, pode ir com um tenis ou sua Bota mesmo.

 

Quanto a roupa, se vc por esta época, provavelmente estará mais frio do que em Março quando fui neste ano.

Olha só, vc chega no LA CUMBRE onde se inicia o tour num altitude de 4.700 m.s.n.m., ou seja, vai tá frio por ser alto e como o clima nessa época do ano lá eh muito frio, pode ir com uma segunda pele e um bom agasalho. Os dedos da mão qse congelam na descida do asfalto apesar da luva oferecida pela agencia, deu uma dor dakelas de frio nos dedos....rs, mas eh por pouco tempo...rs .... Leve uma mochila de ataque com suas coisas, elas ficam dentro da Van que eh o carro de apoio também. Acho que não é necessário levar roupas do tipo esqui, somente mesmo a 2ª pele e um agasalho que de preferencia tenha corta vento. Depois a medida que se vai descendo, vai ficando mais tranquilo o clima. Leva um short ou bermuda para dar uma nadada no hotel em Coroico quando chegar o final do tour. Se tiver sol, vc vai ver que valerá muito a pena dar um mergulho para relaxar e o lugar eh muito maneiro..... a comida tb foi muito boa.....rs ::otemo::

 

No mais é isso.....

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

OI!

Então, quando um amigo meu foi fazer o downhill de bike tinha um cara lá de vespa...ehhehe

ele vinha da argentina! E ele fez o downhill com aquilo lah ehhehehe

Bom eu recomendo a agência Three Bikes, fica na calle Illampu e custa 50 dólares... pode até ser um pouquinho mais caro mas a bike é boa e de quebra vc leva camiseta e CD com fotos!

Você consegue alugar moto se não me engano na mesma agência! Mas na calle Illampu tem outras tb!

Abraços!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Galera, esta descida é fenomenal. Eu fiz esse passeio dia 02/08/2010. Foi realmente irado. A agência que usei foi a Coca Travel, na rua do lado da Igreja São Pedro (não lembro do nome). Paguei B$ 280,00 na bike mais básica. A empresa que coordenou o passeio foi a El Solario (mais tradicional, com um preço mais caro que a outra agencia... vá entender rs). Quem não tiver onde ficar, ela inclusive é uma hospedagem. Eles fornecem acessórios de segurança e é bem completa, além de blusa e fotos em CD. Foi o melhor passeio de aventura que já fiz! Pra quem gosta de correr, os guias realmente aceleram. Tem um monte de cruz no meio do caminho, mas não tive muito tempo de observar... Tava voado! rsrsrs

Valeu muito a pena!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal,

 

O donwhill é o passeio mais legal de La Paz, imperdível para quem passa pela cidade.

 

Fiz em julho/10 com a El Solario e recomendo muito. Paguei BOB 420,00 (~ USD 60,00) pela melhor bicicleta, com suspensão dianteira e traseira e freios a disco com acionamento hidráulico. Além da bicicleta, estavam incluídos:

 

- Capacete de motociclista, óculos de proteção, joelheiras e cotoveleiras.

- Anorak e calça impermeáveis.

- Blusa estampada "I survived on death road" (ou qualquer outra coisa do tipo).

- CD com fotos e vídeos do passeio.

- Café da manhã em La Paz e almoço em Coroico. Lanches, água e refrigerante durante o passeio.

 

Agora, algumas dicas:

 

- Acho que não é fundamental pagar pela melhor bicicleta. Entretanto, suspensão dianteira e freios a disco com acionamento hidráulico são essenciais.

- Se USD 10,00 a mais não forem impactar sua viagem, pegue a melhor bicicleta.

- Pegue e use todos os equipamentos de proteção, inclusive o capacete de motociclista. Pague a mais por esse capacete se for necessário, caso sua agência forneça como padrão o capacete de ciclista.

- A El Solario não é a agência mais barata, porém das que senti confiança (Madness, Xtreme e El Solario) era a que tinha o melhor preço.

- Há duas agências Xtreme, ambas na Calle Sagarnaga. Se você ver as duas, vai facilmente reconhecer a original. Portanto, se decidir fechar o passeio com essa agência, certifique-se que você está na correta.

- A descida não é muito perigosa, desde que se siga as orientações dadas pelos guias. A estrada não é mais tanto "da morte" quanto era antes, mas nem por isso ela deixa de ser emocionante.

- É necessário pagar uma taxa para descer a estrada. Acho que a taxa é de BOB 25,00 (~ USD 3,50), mas não tenho certeza.

- Não gostei muito de Coroico. Porém confesso que não conheci a região, mas a primeira impressão que tive foi suficiente para não despertar desejo de permanecer lá e conhecê-la.

- Faça um alongamento antes do downhill, principalmente nos braços e nos punhos. Não fiz e fiquei todo dolorido no dias seguinte (sedentarismo é triste, hehehehehehe...).

 

É isso aí, galera!

 

Abraços,

 

 

Vítor

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Angelo, vi sua mensagem lá na Extreme... rs

 

Eu fiz pela Chalcataya Tours e recomendo mto.

Tive desconto pq fechei todos os passeios com eles...

Procurem a Ivonne lá no Chacaltaya Tours (ela me deu uma camiseta extra quando falei que ia recomendar a agência). Ela é super simpática. A agência fica na Sagárnaga, um pouco abaixo da Extreme...

 

Peguei a bicicleta top (dupla suspensão etc etc etc) por 400 bolivianos e todo o resto que todo mundo oferece...

 

Não peguei mto frio em La Cumbre (pelo menos eu não achei)... fiquei em pânico metade do caminho mas foi um dos melhores tours da minha vida!

 

Vale muito a pena!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

B$ 400??? Aff.. Paguei B$ 225 em outubro do ano passado e ja ache carissimo!.. o Gravity, que tinha uma representacao dentro do LOKI tava vendendo o passeio por B$ 600 e tava LOTADO de gringo mane pagando e dando risada ( afinal U$ 90 eh o dinheiro do cafe pra eles ). Fui pela xtreme, nao sei se pela original ou clone ( afinal qual eh a original??? ).. mas fui muito bem monitorado pelos guias, a bike nao era top ( mas considero que tambem nem precisa, o basico eh amortecedor dianteiro e freio a disco, o resto eh luxo!) , mas cumpriram tudo que prometeram, inclusive as camisetas e o CD com as fotos, almoco em coroico com direito a piscina e Van que nao cabe a perna dentro!! ( alias, quem com mais de 1,70m falar que andou confortavel em alguma van na bolivia eu pago o valor da passagem - 1 Boliviano).kkkkkk

De mais, o melhor passeio na bolivia! Vale muito a aventura... ( a Erika que o diga..kkk.. Caiu e quase um caminhao passa em cima dela.. mas de resto foi tudo tranquilo! )...

 

Abs

 

Leo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Prá galera empolgar segue umas fotinhas da minha passagem em La Paz e por Coroico....DOWNHILL....... CAVÊRA GALERA!!!! Muito bommmmm!!!

 

20101025225111.jpg

Chegando na montanha LA CUMBRE.... 4 mil e alguns metros de altitude....frio p cacete....

 

 

20101025231317.jpg

Aí depois do cafezin bacana, começamos a descer no asfalto, velocidade na veia....show....

 

 

20101025231615.jpg

Depois do asfalto paramos e embarcamos na van novamente pois tem uma subida e aí sim

pegamos o cascalho, a verdadeira Estrada da Morte.... Aí eh pura adrenalina.....

 

 

20101025231958.jpg

La famosa fotita.....

 

 

20101025232319.JPG

Enfim em Coroico, vista da varanda do restaurante do hotel onde almoçamos e claro, nadamos nessa

piscina e foi bom d maissss, pois precisávamos.....

 

Já respondendo, DÁ VONTADE DE IR DE NOVOOOOOOOO!!!!!!!

::otemo::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


  • Conteúdo Similar

    • Por Dérik Martins
      O downhill na estrada da morte na Bolívia não pode faltar para aqueles mochileiros que amam uma aventura, como eu! Para quem ainda não conhece, é a descida de bike em uma das mais perigosas estradas do mundo, com precipícios que beiram os 900 metros de altura e trechos com apenas 3 metros de largura.
      Nós pagamos cerca de 150 bolivianos (R$70,00) mas o valor pode variar de acordo com o tipo de bike e tração. É bom reservar um tempinho para andar na rua Sagàrnaga e pechinchar entre as agências para conseguir o melhor preço.
      Este passeio dura o dia todo, mas em nosso caso, tivemos uma situação um tanto conturbada que dobrou o tempo de duração, portanto irei dividi-lo em três partes: Início, meio e experiência de quase morte. hahahhaaha. Calma que eu vou explicar.
      Início: O tour inicia-se às 7h00 e inclui transporte até o topo da estrada, na cidade de El Alto, vestimenta (jaqueta fina, calça e luvas), equipamentos de segurança, fotos, almoço e guias para conduzir o grupo.
      Quando desembarcamos lá em cima, fazia muito frio, portanto recomendo levar mais uma blusa apenas para o início da descida, pois da metade para o final faz muito calor. Dessa forma, é importante ter uma camiseta por baixo de tudo. Também é fundamental levar óculos de sol para evitar que a poeira entre nos olhos.
      A descida começa ainda em estrada asfaltada, a uma altura de mais ou menos 4.000 mil metros. A sensação de liberdade é indescritível e é ainda mais incrível olhar para os lados e perceber que está pedalando na altura dos picos das montanhas!
      Após em média 50 minutos pedalando na estrada asfaltada, começa o temido caminho na estrada de cascalhos, terra e muita poeira. O guia fez algumas recomendações importantes e demos início a largada!
      Não vou negar que no começo fiquei com bastante medo, mas depois de 10 minutinhos, peguei o jeito e me acostumei. Ahhh! Fique tranquilo, caso não tenha experiência com bikes,  é só descer com calma e não há motivos para algo dar errado. O trajeto completo dura em média 4 horas e vai dos 4.000 aos 1.110 metros em 65km de estrada.
      Meio: O percurso passa por pequenas cachoeiras e recomendo que OLHEM PARA OS LADOS, mesmo pedalando, pois a vista é inacreditável! Eu até vi um gavião voando na mesma altura que estava! É incrível! Há paradas para descanso, fotos, lanche e histórias macabras.
      Depois de completarmos a descida, há um almoço delicioso com comida bem típica e depois, começamos a volta à La Paz, já dentro da van.
      Experiência de quase morte:  Depois do almoço, retornamos à van e notei logo de cara que o guia estava bêbado e não conseguia formar uma frase, provavelmente, tinha bebido enquanto almoçava.
      Mesmo com essa situação, ninguém se manifestou de início e seguimos viagem pela estrada, que não é da morte, mas ainda sim, haviam precipícios e neblina. Um pouco antes da metade do caminho, nossa pista estava interditada em um pequeno trecho, sendo necessário desviar por um minuto na contramão, era uma manobra fácil e foi o que nosso motorista fez, o único problema era o caminhão vindo em nossa direção e o motorista da van continuou indo, mas parou bem em cima!
      Depois desse susto, todos ficaram preocupados e alguns até mais exaltados. Assim, exigimos que eles parassem a van, o que eles se recusaram de início, mas cederam quando viram um comércio na beira da estrada. Nós descemos da van e paramos uma outra van de transporte público que estava indo para La Paz e nos levou junto.
      Nós falamos com a agência e a responsável nos reembolsou o dinheiro extra gasto com a van pediu mil desculpas. Acredito que o guia e motorista eram novos e foram advertidos ou até dispensados depois das reclamações que receberam.
      Tenho certeza de que essa situação foi uma exceção e quero que entendam o relato como uma lição para prestarem mais atenção nos guias, pois não depende somente das agências. Por favor, não deixem de fazer esse tour incrível, lindo e sensacional!!!!! As fotos dizem por si só!
       





×
×
  • Criar Novo...