Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Posts Recomendados

Não deixe de conhecer as ruinas maias de Chichen Itzá e Tulum.

 

Chichen Itzá é a maior delas e fica no interior, a mais ou menos 2:30 de Cancun de onibus (sempre vá de onibus pela rodoviária, nunca aceite os pacotes, que tem preços exorbitantes). Acho que o mais impressionante é a piramide Kukulkan. Ela esta praticamente intacta e pros matematicos de plantão é uma delicia saber isso: 2 vezes por ano, mais precisamente nos equinócios (quando a Terra está perfeitamente alinhada com o Sol e o dia e a noite tem exatamente 12 horas), que são nos dias 21 de março e 23 de setembro, o jogo de luzes dos raios solares formam o desenho de um dragão na piramide. É sensacional!!!!

 

Já Tulum é um lugar de uma beleza incrivel. Aquele mar azul esverdeado do Caribe com as ruinas ao lado. Tulum fica ao sul de Cancun, depois de Playa del Carmen. O passeio a Tulum é bem rapido, já que as ruinas não são grandes. Recomendo fazer o parque Xel-Ha no mesmo dia, já que são um do lado do outro!!!

 

Qualquer duvida, perguntem, escrevam!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

ASl ruinas fican bastante separadas. Al mais importantes da Península do Yucatán son Chichén Itza, Cobá e Tulum que está na costa, dominando una maravillosa praia de auga transparente e areia branca. Mais afastada, en Chiapas está Palenque considerada por moitos o xacemento arqueolóxico máis importante de toda América.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nao sei, Playa del Carmen está mais preto de Tulum e de Cobá que CanCún. Chichén Itza tira cara o interior, algo lonxe tres ou catro horas en onibus. Están moi dispersas.

Bs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

hola,

 

realmente chichen-tzá e tulum sao fora do sério,

em primeiro lugar, mesmo se vc nao goste muito da historia maya, procure se informar antes de conhecer esses lugares pra depois nao precisar pagar guia...

 

como foi dito acima; se for a tulum vale a pena conhecer o parque xel-há q é lindo tb...

 

em chichen-tzá conheça tudo primeiro e depois pergunte pra algum nativo qual é a trilha pra chegar no cenote sagrado de ik-kil, a trilha deve ser se uns 5 km e passa pelo meio da cidade maya, vc pode tb pagar por um taxi te levar e combinar um horario pra ele te buscar, o cenote sagrado é um tipo cachoeira onde os mayas resavam por seus deuses, é mais linda que eu já vi.... vale a pena.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Endosso a dica de recusar os pacote pra Chichén. Compre passagem pro 1º ônibus e o último horário de volta. Nos pacotes você mal tem tempo de conhecer a cidade, que é bem grande. Não saia de Chichém sem visitar o Observatório. O sol é punk, leve água, boné e protetor solar.

 

Não acho boa idéia ir a Xel-Há e Tulum no mesmo dia. Acaba não aproveitando direito os dois. Tudo bem que Tulum se visita rápido, mas aquele banho mar mirando as ruínas no alto do penhasco não tem preço!

 

Hoje em dia, com Tulum e Chichén com a política de "don't touch", Cobá fica sendo destino obrigatório. Lá vc ainda pode subir na pruincipal pirâmide (e a mais alta da região). Dica às mulheres: não vá de saia, nem vestido. Mesmo esquema de ida e volta de Chichén. As distâncias são grandes lá dentro. Além do calor, mosquitos. Em frente à pirâmide mais alta vendem gatorade. Não é caro, e eles poderiam cobrar qualquer preço, pode ter certeza disso.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Popozi,

 

Em doze dias, dá para você fazer isso tudo e mais!

 

Só para ter uma idéia, eu fiquei 9 dias e, destas coisas que você quer fazer, só não fui a Chichen-Itza e Isla Contoy.

 

Você deve aproveitar quando estiver me Cancún pra ir a Isla Mujeres (de barco) e Chichen Itza (cerca de 3,5h de ônibus de turismo ou de carro). Ambos vão consumir um dia inteiro.

 

Xel Ha, Tulum e Cobá, vc deve deixar para ir quando estiver em Playa. São todos relativamente próximos um do outro. Mas fiz Xel-ha num dia, e em outro, fiz Cobá e Tulum, na volta.

 

Cobá é interessante, posi vc pode subir no alto das ruínas, o que estava vetado nas demais quando fui lá em 2007. Chegando lá, uns guias vem se oferecer para fazer o trajeto ao seu lado, explicando sobre a civilização que habitou o lugar. Esta parte é feita a pé. Depois, existe mais o sítio arqueológico, que tanto pode ser feito a pé, quanto em bicicleta alugada para uso próprio. Existe ainda a opção de ir num veículo (bicicleta com um banco para duas pessoas), que é pedalado por um local.

 

O aluguel de carro, deve ser feito, de preferência, em locadoras conhecidas (avis, hertz, alamo..). Existem diversas estórias de estrangeiros que foram enganados lá. Tipo, te mostram o carro com estepe, mas qdo vc volta para assinatr o contrato, eles retiram o pneu. Daí, quando você entrega o carro, eles dizem que vc não devolveu o estepe, e te cobram isso... Meio chato, principalmente pq vc está de férias, num país estranho.

 

Se realmente alugar um carro, cuidado ao abastecer. Os frentistas vem em duplas. Enquanto um puxa papo com você, o outro despeja gasolina não só no tqnaque, mas tambem em um balde... E deopis te cobram o total que aparece na bomba. Então, fique esperto. Quando fui abastecer, só não fui enganado pq desci do carro e fiquei ao lado da bomba... O malandro já estava puxando um balde pra perto....

 

Além disso, cuidado com os limites de velocidade. No mais, é como alugar carro em qualquer país de 3º mundo... Tem sempre um esperto querendo levar vantagem....

 

Quanto aos custos, não tenho como comentar, já que fui há mais de 2 anos... Mas com o aluguel do carro e entrada nas atrações ou passeios, deve gastar cerca de U$ 120 por dia, fora a acomodação.

 

Se você estiver sozinho, talvez seja mais interessante, ao invés de alugar um carro e gastar com a diária + combustível, fazer os passeios através de agências. Dê uma olhada em http://www.entertainment-plus.net/. Utilizei para meu transfer ao hotel, e correu tudo bem.

 

Qualquer dúvida, estanmos a disposição.

 

Um abraço e boa viagem!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

PessoALL

 

Acabei de retornar de Cancun. O que posso te dizer é que comprar pelo site da ADO, é confiável, pois utilizei para ir de Cancun para XCaret. Quanto aos horários, no momento da reserva on line eles mostram todos os horários disponíveis, inclusive informando se existe lugar ou não no ônibus, permitindo até escolher o acento. Assim como acontece em reservas on line realizadas pelo site da nossa querida 1001.

 

Site da ADO

http://www.ado.com.mx/ado/index.jsp

 

Se quiser pegar um Taxi do aeroporto de Cancun até a Riviera Maia, o preço deve ficar em torno de 350 pesos, em dólar deve sair uns US$ 35,00. Eles fazem o cambio US$ 1,00 por 10 pesos. Cambio nada favorável. O ideal neste caso é comprar alguns pesos mexicanos já aqui no Rio. Eu fiquei no Sandos Caracol e foi o preço que paguei pra ir da Riviera Maia até o Aeroporto de Cancun.

 

Um outro serviço de translado que foi muito válido e eu utilizei foi o do site http://www.cancun.com.mx/Traslados/ o nome da empresa é a Best Day Travel (www.bestday.com). Tem que comprar pelo site. Você informa a cia aérea, o número do vôo e o horário, faz a compra com cartão de crédito internacional e os caras estarão lá te esperando. Realmente funcionou muito bem e o preço é razoável.

 

Viajar pela Copa, ainda tem uma outra vantagem, poder fazer algumas comprinhas no Free Shop do Panamá se tiver tempo.

 

Para alugar um carro é preferível escolher uma empresa conhecida. Na AVIS incluíndo todos os seguros vai sair em torno de US$ 50,00 (dólares) a diária de um carro básico. Um Chevy, o nosso corsa. Isso se você pegar e entrar o carro no mesmo local. No meu caso, que aluguei na AVIS da Zona Hoteleira e entreguei na AVIS da Playa del Carmem tive que pagar mais US$ 25,00 (dólares), porque muda de munícípio. Outra coisa: Peça desconto SEMPRE.

 

Por ter demonstrado ser um site sério, pois utilizei o serviço de translado, vale a pena pesquisar quanto fica o aluguel do carro atráves link http://www.cancun.com.mx/Autos/

 

Pra quem vai ficar em CANCUN acho que não vale a pena alugar carro, pois dentro de CANCUN é bem simples e seguro andar de ônibus. Uma passagem custa 7,50 pesos. 1 dólar hoje está em torno de 12 pesos. Para os passeios, é legal fechar com o translado. Desta forma você não se preocupa com caminho e ainda fica mais a vontade para beber, se divertir, sem se preocupar em dirigir. Agora na Playa del Carmem, as coisas são mais distantes caso não fique pela rendondeza.

 

Para pesquisar passeios em CANCUN o site abaixo é sério.

http://www.keithprowse.com/bilhetes/search.buy?crypto_block=c_--O-7svoy3izVSkI0VSvo1bZKfoO8DKvtKbsxi4oWnO8EKxP4N3KYT8XML9ly2chyy7rTNQ0X4JduXNyySUQiz6CBi8kQXTulXKpusKB75eMrsEZVDgWq3kCiXMY2aoYeJVH8zjfFjOL8-Z

 

Para Xcaret e Xel-Há se não quiser translado e guia, você comprar direto pelo site do parque, inclusive se vai aos dois, tem uma promoção que vc ganha 27 dólares de desconto, segue o site abaixo:

http://www.xcaret.com/

 

 

Utilizei este site para comprar o passeio para visitar Chichen Itza. Foi EXCELENTE. Os guias foram excelentes. E detalhe, são pontuais.

 

PS: Desculpe a zona ao escrever, é que fui lembrando e escrevendo. Se precisarem de mais informações, estou a disposição. É sempre bom falar dessa viagem. Foi um LUXO... ::otemo::::otemo::::otemo::

 

Abs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Meu caro,

 

Realmente se comparar o preço do aluguel de um carro com 4 pessoas, com certeza sairá mais barato do que contratar um passeio para ir até CHICHEN ITZA. A única questão que vejo é o caminho, pois são mais ou menos uns 200 Km de distância. Uma outra desvantagem que vejo é que por se tratar de um passeio histórico é interessante que se tenha um guia para fazer os devido comentários sobre o local.

 

O meu passeio eu comprei no site abaixo que é muito sério. Os caras são pontuais. Se não quiser comprar com eles veja ao menos as informações contidas no site para ter dar uma idéia.

http://www.keithprowse.com/bilhetes/slink.buy/-/-/pt/p.O06/cancun/gray-line-cancun/chichen-itza-tour-with-light-%26-sound-ticket-from-cancun.html

 

Obs: Somente às 4a feiras que tem o show a noite de Som e Luz. Acaba lá pelas 21:00. Prepara-se: Pois, anda-se muito, levar repelente para se garantir, e vá com uma roupa fresca, porque o lugar é bem húmido e quente. Eu e minha esposa estivemos lá no dia 21 de outubro, demos sorte, pois no meio da tarde deu uma pancada de chuva e acabou refrescando. Um outra coisa, o parque, fecha às 17:00h e reabre as 19:00 pro show a noite. Detalhe, se tiver interessando em comprar os artesanatos, não deixe pra última hora, por causa do horário de fechamento do parque. A noite não tem artesanato. A única coisa que achei ruim ao usar os translado contratado é que eles saem muito tarde de CANCUN, chegando ao parque somente lá para o meio dia. Aí realmente o tempo fica curta para conseguir andar por todo o parque.

 

CANCUN para eletrônicos, sinceramente não vi muita vantagem. Achei interessante: Perfume e talvez relógios. Agora, comparado a MIAMI, CANCUN os preços são mais salgados. Vá n o shopping Isla em Cancun e vá na loja do Dufry, melhor lugar pra comprar perfume. Roupas não achei muito vantajosos também

 

Qualque coisa é só perguntar....

 

abs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Wendling,

 

já que vocês vão em 4 pessoas, creio que seria melhor alugar um carro e ir por conta, estive com minha namorada no méxico em outubro/09, para Chichen Itza fomos de excursão saindo de cancun e não curtimos, se voltasse fariamos por conta, antes de chegar por lá passamos em um cenote e depois em uma comunidade maia que tentaram nos vender de tudo, resultado chegamos em Chichen lá pelas 15h e tivemos que ver tudo meio correndo, quando acabou a parte guiada só tinha 1 hora livre para fotos e visitar o parque, sem dizer que a parte guiada foi meia-boca comparando com os outros parques que visitamos, nem o observatorio vimos, sorte que esse foi o primeiro passeio e decidimos fazer os outros por conta e não nos arrependemos, em Tulum pagamos USD 25 pelo guia, não conseguimos rachar, em Palenque conseguimos rachar com 2 italianas, ficou 30 dolares, dividido por 4 = USD 7.69, em Coba não me lembro ao certo mas foi mais ou menos nessa faixa de preço e em Teotihuacan não me recordo se foi 35 ou 45 dolares, mas dividimos com um espanhol.

 

não deixe de visitar Isla Mujeres, Playa del Carmen, Isla Cozumel e Tulum

 

dica de hospedagem em cancun:

Hostal Mayapan, fica na zona hoteleira, perto do congo, coco bongo, etc, é um hostal novo, fica em um tipo de shopping que me parece que não deu certo

 

Boulevard Kukulkan Km 8,5 Zona Hotelera Cancun, Quintana Roo, Mexico, CP 77500

Tel. +52-998-8833227 Email: [email protected] Sitio: http://www.hostalmayapan.com/

2 tipos de habitaciones lamixta compartida de 4 a $19 dlls o la compratida de 12 a $16

 

pagamos USD 19 por pessoa em quarto para 4 pessoas com ar e como não tinha muita gente ficamos sós no quarto... suerte :lol:

 

 

abraços ::otemo::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá Gilberto! Fui para Cancun agora em Janeiro, passei duas semanas e levamos 2000 dólares eu e meu namorado. Logo, acho que essa grana que vc está levando para 7 dias dá e sobra.

 

Quanto aos passeios, eu fiz:

Isla Mujeres - 20 min de ferry boat, um ótimo day trip. As praias são maravilhosas, come-se bem e a cidadezinha é típica caribenha. Alugamos um carrinho de golfe por 1hr pra passear pela ilha, que é pequena, mas não o suficiente para conhecer tudo a pé. O ferry boat custou 280 pesos ida e volta (eu e meu namorado), e o aluguel do carrinho foi 180 pesos.

 

Isla Contoy - esse é um passeio que eu considero imperdível se você quiser conhecer a ilha caribenha do seu imaginário. Aquela com águas rasas e mar azul turquesa, coqueiros e etc...O passeio sai de Isla Mujeres, então você tem que pagar o ferry boat para de lá de novo. Isla Contoy é uma reserva ambiental com entrada controlada de 200 visitantes por dia, então o que eu fiz foi no dia anterior quando estava em Isla Mujeres, já reservar o passeio. O passeio inclui almoço, lanches e bebidas. O barqueiro é quem cozinha um peixe maravilhoso na brasa lá na areia da praia mesmo. Custou 1230 pesos (eu e meu namorado) o passeio.

 

Chichen-Itza - esse é o sítio arqueológico maia obrigatório, pois é onde tem a famosa pirâmide e é hoje uma das novas 7 maravilhas do mundo. Não tem como perder, é fascinante a cultura maia e todos os conhecimentos que eles tinham. Chichen-Itza é uma cidade enorme com ruas, templos, mercados...demoramos 3hs para ver tudo. Nós fomos de carro alugado (alugamos por 8 dias), mas existem muitos pacotes que você pode fechar lá em Cancun mesmo. A entrada em Chichen-Itza custa 111 pesos por pessoa.

 

Valladolid - essa é uma cidadezinha do séc. XVI que tem no caminho para Chichen-Itza. Nós passamos por lá na volta para Cancun. A cidade é fofa, tem um centrinho histórico todo coloridinho e uma igreja enorme muito bonita. Mas não é um passeio que você vá morrer se perder. Vale a pena mesmo porque está bem no caminho de Chichen.

 

Playa del Carmen - depois de Cancun, ficamos hospedados 1 semana nessa cidade. Fica a uns 40min ao sul de Cancun e uma atmosfera completamente diferente. O clima é de balneário europeu, cheio de gente chique e estilosa, mulheres de top less na praia...Parece muito com Búzios (RJ) se você já foi lá. As coisas são bem mais caras por lá também, principalmente comer. A praia é maravilhosa, se você for ficar apenas em Cancun mesmo, vale a pena ir um dia lá só pra conhecer a praia.

 

Cozumel - Apesar de muito famosa, eu preferi Isla Mujeres, achei muito mais charmosa. Cozumel é infestado de passageiros de navios que estão fazendo cruzeiro pelo Caribe, lá é praticamente uma parada obrigatória dos navios. Por isso, eles metem a mão, tudo em Cozumel é um absurdo de caro. A ilha é gigantesca e você não consegue fazer nada a pé, tive que pegar um taxi para uma praia que pelo que eu já tinha visto de Caribe, nem era lááá grandes coisas. O ferry boat para Cozumel você pega em Playa del Carmen e custou 560 pesos ida e volta o casal.

 

Akumal - Uns 20min ao sul de Playa del Carmen, é uma cidadezinha mínima, cheia de pousadinhas, com uma lagoa maravilhosa. Chama Laguna Yal-Ku, e custou 110 pesos por pessoa para entrar. É um braço de mar que entra no continente, repleto de peixes e com uma visibiladade ótima para mergulhar. Em Akumal também tem uma praia muito tranquila. Lá é bem famoso pra fazer mergulho de cilindro.

 

Tulum - outra cidade maia. Já que você só quer visitar uma ruína, tem que escolher bem o que você quer. Tulum é bem menor que Chichen-Itza, mas fica localizada numa encosta com uma vista maravilhosa do mar do Caribe, já Chichen-Itza fica no interior. Tulum fica a uns 30min ao sul de Playa del Carmen e a entrada custou 51 pesos por pessoa.

 

Cobá - mais uma cidade maia, situada no meio de uma floresta. Como ela foi descoberta mais recentemente, não está tão escavada quanto as outras, dizem que é gigantesca e a grande maioria das construções está perdida no meio da mata. O legal de lá é que tem uma pirâmide maior que a de Chichen-Itza e nela você pode subir. A entrada custou 51 pesos por pessoa.

 

Xel-Ha - escolhemos Xel-Ha porque oferecia all inclusive e porque parecia ter um aspecto mais natural que o Xcaret. Custou US$ 158,00 eu e meu namorado. O parque é muito legal e ficamos o dia inteiro lá. É muito bonito também, e o all-inclusive realmente vale a pena.

 

Dentro de Cancun, nós visitamos as ruínas de El Rey, ficam na Zona Hoteleira do lado do Hilton. É bem sem graça, não recomendo se você realmente só quiser ir em uma ruína só. Também fomos na Playa Langosta, e passeamos pelo Passeo Kukulkan, um calçadão que acompanha a laguna na Zona Hoteleira. Como ficamos hospedados no centro da cidade, e não na Zona Hoteleira, andamos bastante a pé por lá também, o que é uma coisa bem legal de se ver, ver as crianças saindo das escolas, as pessoas indo trabalhar de manhã etc...ver o dia-a-dia dos mexicanos mesmo.

 

Bom, espero que pela breve descrição dos passeios você veja o que é imperdível ou não para você, e qualquer dúvida é só perguntar.

 

Abraço,

 

Poliana

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


  • Conteúdo Similar

    • Por [email protected]
      Estamos programando uma viagem de 10 dias, sendo dividido da seguinte forma;
      Do dia 30/10 ao dia 03/11 Cidade do México
      do dia 03/11 a 06/11 Playa del Carmen
      de 06/11 a 09/11 Cancún
      Gostaríamos de indicação de Hotel ou Apto para alugar, para curtimos o dia dos mortos pois, sabemos que e´ grande a aglomeração na Av. La reforma, por isso, gostaríamos de um lugar que fique o mais próximo possível no sistema Bom, Bonito e Barato.
      Do mesmo modo gostaríamos de sugestões para ficarmos em Playa del Carmo.
      estaremos viajando em três pessoas do dia 30/10 a 03/11 e depois encontraremos outra turma em Playa del Carmen, totalizando 8 pessoas.
      Desde já agradeço que puder nos ajudar quanto a hospedagem e experiencias na Cidade do México no dia dos mortos.
    • Por Bogotá
      Estamos (amigos) com dúvidas sobre a logística das cidades que escolhemos nesta região, qual a melhor sequência logisticamente e financeiramente, desde a chegada em Cancún até a ida para Caye Caulker.
       
       Além disso, qual a melhor programação das atrações por cidade e quais dão para fazer no mesmo dia..
      Obs: não alugaremos carro nesta região 
       Sobre os destinos, Cancún não é um lugar que faz nosso tipo de turismo, queremos usar apenas como base para fazer um bate e volta em Isla Mujeres e como aeroporto para a chegada e partida.
      Pretendemos usar como base as cidades de Tulum, Playa Del Carmen e Valladolid. Estas seriam as localidades para a maioria dos destinos que queremos conhecer..
      Se der de usar um dia inteiro (só se encaixar no roteiro, caso contrário pode ser só uma visita rápida) para os bate e volta em Isla Mujeres e Cozumel, optaremos por fazer isso.
       
      Em Cozumel não dormiríamos, apenas faríamos a visita. Em Isla, só se for mais barato que Cancún (sua base para visita).
       Sabemos que dá para fazer mais de uma atração por dia, mas não temos ideia de como montar o roteiro ideal.
      Aqui estão as atrações que queremos conhecer:
      - Cancún 
      Base para conhecer Isla Mujeres
       
      - Playa Del Carmen 
      Cenote Chaak Tun Natural Park 
      Base para conhecer Cozumel
       
      - Tulum 
      Base para conhecer as Ruínas de Tulum (2km) e Cobá (47km)
      Cenote Sac Actun 
      Cenote dos Ojos
      Grand Cenote 
       
      - Valladolid 
      Base para conhecer Chichén Itzá (45km) e Ek Balam (27km)
      Cenote Ik Kil (pertinho de Chichén Itzá)
      Cenote Zaci 
      Centro histórico
       
      Teremos 10 dias inteiros para fazer todos estes destinos. 
       
      Alguém conseguiria nos ajudar?
      Obrigado!
    • Por Karina Faria
      Quanto custa viajar para Cancún?? Veja quanto eu gastei nessa viagem

       
      Vocês com certeza leram o post Cancún( senão leia aqui) e ficou sonhando em visitar esse paraíso na terra tão perto da gente. Mas você deve ter ficado se perguntando: Mas quanto custa viajar para Cancun?Será que é muito caro?
      Ao contrário do que muitos pensam viajar, em geral não é algo tão caro assim.Nesse post te darei dicas de como fazer uma viagem econômica e acessível e demonstrarei os meus gastos na minha viagem de Maio de 2015
      .Quanto custa viajar para Cancún
    • Por renan41
      Pessoal vou em novembro para Cancún, alguém está acompanhando a situação das algas?
      Estou acompanhando pelo site abaixo:
      https://viagemcaribe.com/boletim_sargaco/
      Alguém tem alguma dica para fugir do Sargaço?
       
      Obrigado
      Alguém 
    • Por caio.andrade555
      México, Belize e Guatemala
      Relato de Viagem
       
      Olá, Mochileiros. Meu nome é Caio Andrade, sou de Manaus – Amazonas, e junto com minha esposa, Gilci Helena, somos apaixonados por viagens.
      Diferente do que aconteceu com o Mochilão que fiz pelo Peru-Bolívia-Chile, eu não encontrei quase nenhuma informação sobre o mochilão México-Belize-Guatemala. Então, eu fui coletando informações isoladas de outros relatos e também do Instagram da maravilhosa Gabi (@viajandocomgabi). Por este motivo, resolvi fazer este relato o mais rápido possível.
      Gostaria de informar (e pedir desculpas para quem gosta) que este relato não terá fotos, mas apenas o relato detalho junto com valores, pois é isso que realmente importa. Caso você queira ver algumas fotos e alguns vídeos sobre o roteiro, visite o meu perfil no Instagram (@caioandrade.adv).
      Gostaria de ressaltar que 
      Então, vamos ao que interessa!!!
       
      Roteiro, Duração e Transporte
      O meu mochilão começou em 12.06.2019 e terminou em 03.07.2019, e perfiz o seguinte roteiro: Cancún (Mex) > Tulum (Mex) > Caye Caulker (Blz) > Flores (Gua) > Antígua (Gua) > San Cristóbal de Las Casas (Mex) > Cidade do México (Mex).
      Todo o meu trajeto foi feito por ônibus e shutles (minivans). No México, a empresa que domina o transporte é a ADO, que atende todo país. Para montar minha planilha de gastos, eu entrei no site da ADO, simulei os trajetos e obtive os valores. O site não aceita compras com cartões internacionais. Porém, comprando com antecedência no guichê da ADO, assim que você chegar no México, você terá descontos absurdos. Por exemplo: o trajeto San Cristóbal – Cidade do México estava custando cerca de 1.600 pesos, mas como comprei com dois dias de antecedência, ele saiu por 870 pesos.
      Já na Guatemala, os trajetos são feitos por shuttles (minivans), que são extremamente desconfortáveis, sem encosto para sua cabeça e você não consegue descansar. Ainda procuramos em varias agencias uma minivan que tivesse encosto para cabeça, mas TODOS não tinham. Então, prepare o seu corpo e o seu emocional.
       
      Hospedagem
      Todas as minhas hospedagens foram reservadas pelo Airbnb, pois queria pagar tudo antes da viagem e também porque eu queria ter mais comodidade e privacidade. A hospedagem é um dos pequenos luxos que eu e minha esposa nos permitimos durante a nossa viagem. Rsrsrs
      Uma dica muito importante: como eu não sabia os valores de certos passeios e precisava montar minha planilha de gastos, eu entrei em contato com o hotel que havia reservado e perguntei os valores dos passeios, visto que todos os hotéis de cidades turísticas oferecem esse serviço. Também já fiz isso pelo booking e funciona também.
       
      Qual moeda levar
      NÃO LEVE REAIS. Fiz isto apenas uma vez quando fui para o Chile e me arrependi. Muitos “nacionalistas” pregam que temos que devemos levar reais, pois, se levarmos dólares, faremos dois câmbios e pagaremos mais. MENTIRA. Já viajei para Chile, Argentina, Bolívia, Colômbia, Uruguai, Venezuela, Peru e Equador, e em TODOS esses países, eu tive mais vantagem levando dólares do que reais. Sem contar que algumas cidades pequenas, como Antígua, San Cristóbal, Caye Caulker, não têm casa de câmbio que aceitem reais.
       
       
      1oDia – 12.06 (Cancún – México)
      Primeiramente, queria destacar o programa fidelidade Km de Vantagens, do Ipiranga. Foi graças a ele que consegui comprar milhas aéreas da Multiplus pela metadade do preço regular, o que me deu uma economia de mais de R$1.600.
      O voo de Manaus para Cancún estava muito caro. Pesquisando, encontrei uma passagem mais barata para a Cidade do México. Como eu queria ganhar tempo, comprei uma passagem pela Interjet, empresa low cost, para Cancún e saiu mais barato.
      Nosso voo chegou em Cidade do México às 07:30h e logo fui fazer o câmbio dos dólares que levei. No terminal 1, há excelentes cotações. Quanto mais distante do portão de desembarque, melhor será a cotação. Consegui um câmbio de USD 1 = 18,07 pesos mexicanos no CI Banco.
      No aeroporto, comprei um chip. O mais barato com internet ilimitada por 10 dias custa 100 pesos. Comprei um chip no primeiro quiosque que vi por 300 pesos e andando mais um pouco descobri esse de 100.
      Fizemos nosso check-in na Interjet e chegamos em Cancún às 15h. Fora da sala de desembarque há um guichê da ADO que oferece translado para a estação do centro por 86 pesos. Na estação da ADO, compramos nossa passagem para Tulum e tivemos desconto. Pegamos um táxi para o nosso apartamento.
      Nosso apartamento ficava localizado bem em frente ao Mercado 28, um mercado de artesanato e restaurantes, e a 15min andando da estação ADO. Não ficamos na zona hoteleira, pois estava muito caro.
      Desfizemos as malas, trocamos de roupa e fomos andar pela cidade. Almoçamos/jantamos no Mr. Habanero; pedimos tacos e burritos. Em quase todos dos restaurantes mexicanos, são oferecidos nachos com molhos picantes como entrada, sem qualquer custo.
      Passamos no supermercado e compramos água, café e sabão.
       
      Gastos:
      Chip: 300 
      Café espresso: 112
      Chip: 100
      ADO (do Aeroporto para o Centro): 172 (86 p/p)
      Passagem para Tulum: 238 (119 p/p)
      Taxi da rodoviário para o hotel: 80
      Mr Habanero: 410
      Supermercado (água, sabão e café): 47,60
      TOTAL: 1459,60 pesos
       
       
      2oDia – 13.06 (Cancún – México)
      Como eu e Gilci estávamos comemorando dois anos de casados, resolvemos fazer uma sessão de fotos. A sessão foi na Praia Delfines, uma praia muito linda e com poucas pessoas. Depois das fotos, fomos para o apto trocar de roupa, pois ele estava de vestido e eu de roupa social. 
      Resolvemos voltar para a praia Delfines. Todos os ônibus com a sigla R2 e a palavra Hotel passam pela zona hoteleira e pela praia Delfines. Muito fácil de chegar. Passamos o dia na praia, comi algumas mangas e piñas coladas. Na praia, há um letreiro de Cancún e sempre tem fila para tirar fotos.
      Voltamos para o apto e comemos sushi no restaurante Akky, o mais barato que encontramos.
       
      Gastos:
      Ônibus: 24 (12 p/p)
      Salgadinhos: 35,50
      Manga: 35
      Pina colada de 1 litro: 150
      Manga: 30
      Ônibus: 24 (12 p/p)
      Tacos: 99
      Helado: 30
      Sushi Akky: 418
      Total: xxxx pesos mexicanos
       
      *Desculpe qualquer erro ortográfico. Estou escrevendo do aeroporto internacional da cidade do México. Na próxima postagem, irei ter mais cuidado. 
       
       


×
×
  • Criar Novo...