Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
grazi.disa@gmail.com

Pucón vale a pena?

Posts Recomendados


Quando eu for pro Chile, eu vou incluir...

PUERTO VARAS, também.

Se hospede em PUERTO VARAS e faça volta ao redor da LAGOA, onde tem algumas cidadezinhas bem lindas, tipo FRUTILLAR.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@[email protected] Se for 1 vez,Pucon vale 2 dias,conhecer o vulcão e ir as termas, que são muitas ou tomar banho nas praias nos lagos gelados.

Mas tem que ser no verão, outra época chove demais.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Wanderlei-SC Puerto Varas é demais,mas no verão, quando a quantidade de chuva é nenhuma,porque depois de março só chove. 

Frutillar não tem nada,como Puerto Octay.São vilas pequeninas ao redor do imenso lago Llanquique.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vale a pena sim, Pucón é a segunda cidade com mais atrativos turísticos do Chile, depois de San Pedro de Atacama.  Puerto Varas tem menos coisa pra conhecer e os passeios são mais distantes do centro da cidade.  

Em ambas cidades, é recomendado alugar um carro econômico e conhecer por conta própria, já que sairá infinitamente mais barato que contratar serviço de agencias locais.  

Pucón pra conhecer razoavelmente bem são 04 dias, até porque de Pucón se pode sair em passeio de dia completo a Valdivia e também Huilo Huilo que é bem interessante.  Em Pucón há o trekking do Parque Nacional Huerquehue, Reserva Cañi, vulcão Villarrica, várias termas (a melhor é a termas Geométricas), trekking do Lagos Andinos (o mais bonito e na fronteira com a Argentina), vulcão Lanín, rafting, canopy, várias cachoeiras e lagos e outras diversas atividades.

Puerto Varas em dois dias se pode conhecer quase tudo, pois os passeios mais interessantes são o vulcão Osorno, Saltos de Petrohué, lago Todos los Santos e Frutillar, que é outra cidade nas proximidades.

Ambas cidades podem ser visitadas em qualquer época do ano, sendo elas muito procuradas no inverno para esportes em neve e esportes náuticos no verão.   Em ambas chove mais nos meses de maio e junho, depois disso o tempo fica mais estável.  

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@LeoRJ Penso que  para conhecer Valdivia,o Rio Calle Calle e suas histórias, como o terremoto mais forte da história, os fortes,navegar pelo Rio,os museus que há, além de Huilo Huilo são necessários mais que 1 dia.Sou zilhoes de vezes Valdivia a Pucon,que é uma cidade muito menor.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

não conheci Valdivia, mas Pucón é uma cidadezinha muito pitoresca!! Além das várias opções já citadas, só de ficar naquela praia com a vista do vulcão foi surreaaal

pô Leo, até passei pelo frontera mas não te vi... abraços!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@D FABIANO, é que você teve uma má experiencia em Pucón e ficou pouco tempo na cidade pra saber o real potencial.  Eu lembro as primeiras postagens suas falando da cidade.  

Valdívia dá pra conhecer em um dia sem problema, se chegar cedo a cidade, a não ser que alguém queira excursionar na selva valdiviana.  Tirando isso, lá não tem quase nada pra fazer em quesito aventura.  Eu já fui a Valdívia várias vezes, pois compro alguns produtos na feira de lá e também já levei alguns amigos pra conhecer e também em campeonatos com amigos que vivem lá.  

Pucón é uma cidade pequena, o centro tem um pouco mais de 40 quadras, mas o potencial não é o centro e sim os passeios na região.  Esses passeios vão de 19km até 70km, que seria o Vulcão Lanín na fronteira que vai para San Martín de los Andes e Bariloche.

Pra você ter uma ideia, pouquíssimos turistas que passam por aqui querem conhecer Valdívia (o que não concordo, pois é interessante conhecer), e quem vai, estará só de passagem ou no máximo dorme uma noite.  

Cara, se um dia estiver passando perto daqui, vem que te mostro a verdadeira Pucón que não estará na maioria dos guias de viagem. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
11 horas atrás, Pedrada disse:

não conheci Valdivia, mas Pucón é uma cidadezinha muito pitoresca!! Além das várias opções já citadas, só de ficar naquela praia com a vista do vulcão foi surreaaal

pô Leo, até passei pelo frontera mas não te vi... abraços!

Fala Pedrada !!

Sério...  Eu devia estar viajando.  Só de saber que tu passou por aqui já fico feliz.  

Um grande abraço !!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 18/07/2018 em 23:15, LeoRJ disse:

Fala Pedrada !!

Sério...  Eu devia estar viajando.  Só de saber que tu passou por aqui já fico feliz.  

Um grande abraço !!!

LeoRJ, estou animada com a ideia de conhecer Pucón depois dos seus comentários! Sabe dizer se é tranquilo ir de carro alugado até as termas geométricas e até a base do vulcão no final de agosto? Li vários relatos diferentes sobre dirigir no inverno, mas ficou a dúvida se compensa mesmo.

Abs!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

  • Conteúdo Similar

    • Por Júnia Pimenta
      [info]O objetivo deste tópico é trocar informações e reunir depoimentos e dicas sobre a cidade de Pucón. Se você está com alguma dúvida em relação à cidade, coloque-a aqui que sempre um mochileiro de plantão irá ajudar. Se já conhece Pucón, conte para nós como foi sua experiência, seja ela negativa ou positiva, deixando dicas e demais informações para mochileiros perdidos. Para isso basta clicar no Botão Responder![/info]
       
       
      [linkbox]Guia da Região dos Lagos por Mochileiros.com
      Escreva seu Relato sobre Pucón
      Procurando companhia para viajar para Pucón? Crie seu Tópico aqui!
      Região dos Lagos - Tópico de Perguntas e Respostas
      Pucón - Tópico de Perguntas e Respostas
      Puerto Varas - Tópico de Perguntas e Respostas
       
      Relatos sobre Pucón:
      Relato sobre viagem de treze dias ao Chile, incluindo Pucón pelo mochileiro Leo Caetano
      Relato sobre viagem de dezessete dias ao Chile, incluindo Pucón pelo mochileiro apmontenor
      Relato sobre viagem ao Chile, incluindo Pucón pelo mochileiro marcosplf
      Relato sobre viagem de ônibus ao Chile, incluindo Pucón pelo mochileiro Robson Cesar
      Relato sobre viagem de carro ao Chile, incluindo Pucón pelo mochileiro Mário Luc
      Relato sobre viagem de treze dias ao Chile, incluindo Pucón pela mochileira Cascia
      Relato sobre viagem ao Chile, incluindo Pucón pelo mochileiro Sergio Soares
      Relato sobre viagem de dezesseis dias ao Chile, incluindo Pucón pelo mochileiro Furuta
      Relato sobre viagem de dezesseis dias ao Chile, incluindo Pucón pela mochileira Ana Biazzi
      Relato sobre viagem de vinte dias ao Chile, incluindo Pucón pela mochileira Erika Marques[/linkbox]
    • Por AndrewOliveira
      E aí gente, estive em pucón agora em dezembro, a cidade é incrível, muita atividade pra fazer!! A ascensão do Villarrica estava rolando normalmente, o problema é que estava na faixa dos 80 mil pesos, e a maioria das pessoas do hostel que fizeram a ascensão , reclamaram que os guias não estavam indo até o cume, porém outros disseram que foram até o cume sem problemas, se você estiver com a grana curta, sugiro fazer o Mountain bike até o base do vulcão, onde você sobe a pé até certo ponto do vulcão (na neve) e na volta faz um Mountain bike nível 2 de dificuldade com direito a uns 3 km de descida na estrada del vulcan, além de um tour de bike pelos principais pontos do centro de pucón. Tudo isso por 20 mil pesos! A agência é a Trepa Expediciones , e quanto ao hostel, pra quem estiver fazendo um mochilão mais econômico, eu indico o Lacustre Trip Hostel, lugar super aconchegante, com vários ambientes legais, e 8 mil pesos a pernoite.
      Para a alimentação procurem o Vulcan Burguer, os sanduíches são enormes! Abraços!
    • Por emmanuel_oliveira
      Olá, pessoal.
      Eu e minha esposa iremos ao Chile em setembro/2018. Apesar de eu já ter ido, fiz um roteiro diferente do que queremos fazer agora. Sendo assim, gostaríamos de ajuda de vocês para montarmos o itinerário mais adequado.
       
      Sairemos de Fortaleza no dia 16 de Setembro e chegaremos em Santiago às 18:10 do mesmo dia. Aí começam nossas dúvidas. Chegaremos justamente nas Fiestas Pátrias chilenas. Queremos conhecer essas festas, mas sabemos que muitos locais não abrem. Os lugares turísticos são afetados, como Plaza de Armas, museus, Palácio de La Moneda? Estamos pensando em fazer o seguinte percurso:
      Dia 16) Fortaleza - Santiago
      Dia 19) Santiago - Mendonza, ARG (por a passagem de avião ser mais barata)
      Dia 20) Mendonza - Bariloche (avião)
      Dia 23) Bariloche - Puerto Varas (melhor fazer o Cruce Andino ou viajar de ônibus e deixar pra fazer os passeios de barco em Puerto Varas?)
      Dia 26) Puerto Montt - Valdívia - Pucon
      Dia 29 tarde) Volta pra Santiago (ônibus)
      Dia 30) Santiago - Fortaleza

      Não separamos dias específicos pra cada lugar. Queremos curtir o ambiente e decidir se vale a pena ficar mais ou menos dias. 
      Como iremos em Setembro e vai ser fim de inverno, sabem dizer se dá pra esquiar em Valle Nevado, fazer trilha na Cordilheira dos Andes, ir em Cajón Del Maipo?
      Indicam alguma vinícola mais rústica e/ou tenha viagem de trem? 

      Desde já, agradecemos as respostas!!!
    • Por Gabrieltakahashi
      Meu nome é Gabriel Takahashi e decidi viajar, pois não estava muito feliz com a vida que eu estava levando.

      Depois de um tempo relutando com este sentimento de infelicidade, resolvi que era hora de tomar um novo rumo. Decidi fazer Chile e Peru por serem países próximos do Brasil, então custo mais baixo, e ao mesmo tempo muito diferentes. Então precisei largar minha empresa e deixei minha esposa em SP para começar esta pequena aventura.

      Comprei minha passagem com 3 meses de antecedência e paguei em torno de R$ 1.500,00. Todos os valores que vou descrever no relato são valores aproximados ou bem próximos da realidade.



      Tenho muita vontade de realizar o trekking Torres del Paine no Sul do Chile, porém não consegui realizar este sonho neste momento, pois para realizar este trekking no inverno é necessário um guia, e como eu estava viajando sozinho eu teria que esperar na cidade até juntar um grupo ou fazer o trekking com um guia privativo. Este trekking privativo iria custar em torno de $ 1.000,00, ou seja, deixa para próxima.



      Como não foi possível conseguir começar em Puerto Natales, resolvi começar em Puerto Varas.



      Dia 01

      No momento da compra do ticket, eles informam os "Andes", não me lembro o nome, são as plataformas onde o transporte vai estar. Porém eles não informam o local exato e sim um conjunto deles, porém todos ficam bem próximos, então é só ir perguntando e pronto.



      Ah, antes que eu me esqueça, eu levei dólar e troquei próximo a rodoviária. Não é o melhor lugar mas achei uma cotação boa.

      Neste dia gastei com alimentação em torno de 35 reais, almoço e janta.


    • Por valderes
      Olá Mochileiros,
      Depois de meses de planejamento consegui realizar o sonho de conhecer a Patagônia e de quebra uma boa parte do Chile. Fomos eu e minha esposa numa aventura de 33 dias e com muito trekking e cultura. Fizemos a viagem em boa parte no estilo mochilão, mas mesmo economizando e preparando as refeições nos hosteis não deixa de ser um destino caro, principalmente se compararmos com nosso ultimo mochilão: Bolívia e Peru (bem mais em conta).
      Vou postar aos poucos sobre a viagem porque é muita informação e 8 cartões microsd de fotografias para trabalhar.
      Roteiro
      Dia 1:  21/12 Voo Rio de Janeiro x Montevideo, Montevideo x Santiago
      Dia 2: 22/12 Voo Santiago x Punta Arenas. Conhecer o centro histórico, visitar a Zona Franca para fazer câmbio e viajar a tarde para Puerto Natales
      Dia 3: 23/12 ônibus Puerto Natales x El Calafate, cambio e supermercado em El Calafate. ônibus El Calafate x El Chalten
      Dia 4: 24/12 El Chalten: Sendero Fitz Roy e acampamento no Camping Poincenot
      Dia 5: 25/12 El Chalten: Mirador Piedras Blancas e Laguna Capri, camping Poincenot
      Dia 6: 26/12 El Chalten: Sendero Laguna Madre y Hija e Sendero Laguna Torre, acampamento no Camping Dagostini
      dia 7: 27/12El Chalten: Laguna Torre, Mirador Cerro Torre e Sendero Laguna Torre a El Chalten
      dia 8: 28/12 El Chalten: Mirador dos Condores e Mirador Aguillas
      dia 9:  29/12 Ônibus El Chalten x El Calafate. E passeio nas passarelas do Perito Moreno
      dia 10: 30/12 El Calafate: Passeio pelo centro e Laguna Nimez
      dia 11: 31/12 Ônibus El Calafate x Puerto Natales. Preparar mochila para o circuito W e ceia de ano novo no Hostel.
      dia 12: 01/01 W 1º dia: Ônibus para o Parque Torres del Paine e acampamento no Camping Torres Central
      dia 13: 02/01 W 2º dia: Sendero Mirador Las Torres e Camping Torres Central
      dia 14: 03/01 W 3º dia: Sendero Torres Central x Los Cuerno x Camping Francês com pernoite nele.
      dia 15: 04/01 W 4º dia: Caping Italiano, Vale do Francês, Mirador Vale do Francês e Mirador Britânico. Acampamento no Camping Paine Grande
      dia 16: 05/01 W 5º dia: Catamaran até o Pehoé e volta para Puerto Natales
      dia 17: 06/01 Puerto Natales: passeio de bike pela cidade e Museu Municipal
      dia 18: 07/01: ônibus Puerto Natales x Punta Arenas. Zona Franca para compras
      dia 19: 08/01 Vôo Punta Arenas x Puerto Montt. Ônibus Puerto Montt x Puerto Varas
      dia 20: 09/01 Puerto Varas: Laguna Verde, Saltos de Petrohué, Lago de Todos os Santos e Sendero Desolación
      dia 21: 10/01 Quenoir Bajo: passeio para observação de passáros em uma praia deserta.
      dia 22: 11/01 Frutillar Bajo e Casa de Té de lavanda. ônibus Puerto Varas x Pucon.
      dia 23: 12/01 Pucon: Centro Mapuche, Ojos de Caburga e Playa Blanca de Bike (40 km)
      dia 24: 13/01 Pucon: dia de descanso
      dia 25: 14/01 Pucon: Centro de Pucon, Plaza de Armas e voo de Parapente
      dia 26: 15/01 Pucon: Passeio de bike pelos arredores de Pucon e visita ao centro Mapuche. ônibus noturno para Santiago
      dia 27: 16/01 Santiago: Cambio, Supermercado e Plaza de Armas
      dia 28: 17/01 Santiago: Plaza Quinta Normal, Museu de História Natural, MAC e Museu de Ciências e Tecnologia
      dia 29: 18/01 Santiago: Shopping Costanera Center
      dia 30: 19/01 Santiago: citytour a pé e por conta: Museu Histórico Nacional, Plaza de Armas, Cerro Santa Isabel e Cerro San Cristóbal e teleférico
      dia 31: 20/01 Vina del Mar e Valparaíso: Palácio Riojas, Museu Fonck, Moai, Costanera, Castillo Wolf, relógio de Flores, Museu História Natural de Valparaíso, plazas e Funicular
      dia 32: 21/01 Vinicola Concha y Toro e Plaza Mirador
      dia 33: 22/01 Arrumar as malas e voo de volta para o Rio de Janeiro.
       
       

       

      IMG_6942.tif


×