Ir para conteúdo

Mensagem adicionada por Mochileiros.com

Tópico arquivo sobre o Deserto de Atacama
Conteúdo disponível apenas para leitura.

 ➡️ Clique aqui para acessar o tópico ativo sobre o Deserto de Atacama
🏷️ Clique na tag Deserto de Atacama para encontrar todo o conteúdo relacionado ao destino.

Posts Recomendados

  • Membros
Eu paguei 115.000 pesos no Uyuni pela World White Travel (dez/14). Na cotação que o real estava na época, deu R$575,00. Aliás, para mim, valeu MUITO mais a pena levar dólar. Levei os reais só por precaução, pois não queria sacar dinheiro, pagando IOF desnecessariamente.

 

Piedras Rojas paguei 45.000 pesos pela Maxim Experience, sem dúvidas uma das mais baratas. Valle del Arcoiris, se não me engano, foi 25.000 pesos pela El Relincho. Aliãs, quanto as agências, fiz uma pesquisa enorme de agências boas, ruins, etc. Tudo perda de tempo. Você contrata uma agência, acaba indo por outra para fechar grupo. Escolha a mais barata que estiver fazendo, naquele dia, o tour que você quer. Eu paguei 75.000 pelo Lascar na Adventure Atacama, fui junto com a galera que pagou 90.000 pela Vulcano Expediciones.

 

Cara, eu gastei mais do que isso, mas a minha viagem não é parâmetro, pois eu "gastei o lucro", não me preocupei muito com economizar. Gastos básicos: 15.000 pesos quarto individual no hostal Tuyasto, com café da manhã; Fazia apenas uma refeição por dia, dá para gastar até 2.500, mas, se quiser comer melhor, com 4.000 - 5.000 almoça-se bem (você pode dividir os pratos no Delicias de Carmem, são enormes). Os passeios você gasta entre 25.000-30.000 para os de meio dia, entre 40.000-50.000 os full day. Vulcões ficam entre 70.000-90.000

 

Quanto a mochila, eu só deixei coisas no hostel pois eu estava com uma de 85l lotada. Se for mesmo com uma de 48l, leva tudo.

 

 

 

Obrigada pelas informações...resumindo..vc procura..procura..procura e e ainda corre o risco de um num passeio ruim, com um guia ruim pagando caro ainda por cima..rss

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores

Sempre falei isso por aqui,só n~~ao sabe disso quem não quer ler.

San Pedro é só agencia e hotel de pessima qualidade,só procurar,quem gosta de ir com tudo reservado se dá muito mal.

Agencia eu exigo tristour,por conhecer,mas as outras são tudo iguais,fazem sempre a mesma coisa.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores
Laguna Cejar da pra fazer de bike, 30km indo e 30km voltando...

Um amigo que fiz lá tava sem dinheiro pra pagar o tour e fez, chegando lá, o posto de fiscalização do parque onde paga a entrada fica meio afastado... ele se fez de joão sem braço e foi sem pagar nada HAHAHA... cada um com seus métodos!

Só complica um pouco se você quiser ir até a laguna tebinquiche e nos Ojos de Salar!

Raoni, nesse caso, acho que ou vou ou não vou por agência. 60km numa altitude de 2500m e ainda com a quintura que faz lá, acho que não vale muito a pena arriscar, mas seria um sonho ir assim. Na verdade, o que eu puder fazer de bike lá, irei fazer. Se tiver mais gente indo de bike, aí talvez iria, mas sozinho, acho meio arriscado. ALém dele, tinha mais gente indo de bike nos passeios?

 

Pedras rojas eu vi por 50.000 pesos.

 

Como já foi dito aqui, pra economizar, vc pode fazer Vale de la Luna, Vale de la Muerte, Pukara Quitor e a cratera do meteorito de bike, dependendo da sua disposição física, da pra fazer mais passeios, o mesmo que fez Laguna Cejar, fez termas "puripobre" e pueblo Toconao...

 

Eu fiz Uyuni em 26/12/14 agora, o passeio de 4 dias que retorna a SPA, paguei 120.000 pesos, o que na cotação que eu peguei (228) da uns 530 reais, fiz pela Atacama Mistica, muito boa por sinal, o dono lá da desconto pra geral, só não me deu pq zuei que o Brasil tinha ganho do Chile na copa do mundo, e que não me importava o 7x1... HAHAHA! Umas amigas que fiz no passeio conseguiram pagar 110.000 o de 4 dias, e as outras 80.000 o de 3 dias.

 

Levei a mochila cargueira cmg, elas ficam no alto do 4x4 o dia todo do passeio, e eles descem elas quando você chega no refúgio, pra mim foi útil, me sujei na laguna colorada entrando nela :P

Então, o Uyuni não tem pra onde fugir. reservar logo R$ 600,00. E irei levar a mochila toda comigo mesmo. Bem melhor.

 

 

LeoFreitas, vou me basear nos preços da Grado10, são os mais altos, aí o que conseguir melhor de preço lá, vai ser lucro pra fazer mais outros passeios. Estou pensando em levar R$ 1.500,00 em dólar e R$ 2.500,00 em peso chileno. Sendo que o dólar vou deixar mais para as hospedagens para não pagar IVA e o resto, pra gastos eventuais. O que estou achando é que para 24 dias no Chile, R$ 4.000,00 é meio que na crista ou não dará. Está muito caro mesmo o Atacama. Acham que em março esteja tão caro assim? Ou é porque janeiro é alta temporada? AInda mais que chegarei no Atacama dia 19/03.

 

 

E outra, uma dica para alguém que não saiba ainda. Tem esse site aqui http://likechile.com/blog/

Para quem for em Santiago, principalmente, acho que vale a pena ler as dicas. Eu, que preciso das roupas de frio, vou comprar tudo lá no dia que chegar em Santiago. Vou tentar ir direto pra lá comprar, fleece (camisa e calça), segunda pele (camisa), luva e gorro. São essas peças as essenciais para o Uyuni e Del Tatio, correto?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Bom, cada um tem um estilo de viagem. Mas se meu roteiro é fechado, eu sempre vou com tudo já reservado. Acho uma perda de tempo sem fim ficar rodando com mochila pesada nas costas atrás de hospedagem... ainda mais debaixo daquele sol escaldante de San Pedro. E, pelo menos, no lugar onde fiquei e também onde meus amigos ficaram, o preço do balcão era exatamente o mesmo que fechei pela internet.

Eu prefiro fazer a busca em casa, com calma, olhando fotos e comentários de outros que já se hospedaram nos locais. Mas enfm..

 

Emmanuel,

Não acho que os preços mudem muito de janeiro pra março não, viu? Outra coisa, você disse que vai levar pesos. Mas não vai comprá-los aqui no Brasil não, né? Porque a cotação aqui é péssima e vc ainda pagará uma taxa de câmbio. Deixa pra trocar tudo lá.. seja levando real ou dólar (aproveita que o dólar tá baixando). E outra, também nào sei se é assim tão vantajoso deixar pra comprar todas as roupas lá não. Na 1a vez que fui ao Chile (em maio de 2013), uma amiga deixou pra comprar bota e corta vento lá e se arrependeu, os preços (no tal Parque Arauco) estavam iguais aos daqui. Dessa vez, uma outra amiga queria comprar um fleece e não achou nada em conta... mas olhamos só no Costanera Center e só por alto também, talvez em outros lugares seja melhor. Só não sei se a diferença será gritante não.

No site da Decathlon você encontra muita coisa com preço bom!! De repente, vale a pena dar uma olhada pra conferir!! ::cool:::'>

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores

Com certeza vai sobrar uma grana então, pois os preços da Grado10 são caríssimos (pelo que me lembro de ver no site).

 

Cara, esse negócio aí do IVA é lenda..rsrs. Paguei em pesos a minha hospedagem e não foi cobrado. Sei disso porque pelo Booking meu hostel custava 17.500 (especificado que incluia o IVA) e acabei pagando 15.000 na hora. A grande maioria dos locais no Atacama não aceitaram pagamento em dólares (a não ser onde também fazem câmbio).

 

Quanto a grana, me parece o suficiente. Qualquer coisa você saca em algum caixa ou usa seu cartão de crédito, mas é melhor evitar. Dizem que o câmbio em Santiago é melhor do que no Atacama (não no aeroporto!). Acho que é melhor não levar pesos daqui, leve os reais e dólares em dinheiro para trocar lá.

 

Acho que o Atacama é sempre meio caro mesmo, o preços que eu paguei lá não foram muito diferentes do que eu tinha pesquisado, considerando relatos de diversos períodos do ano.

 

 

Faz muito bem em comprar tudo lá, mesmo no Atacama comprei um fleece da TNF mais barato do que aqui no RJ. A amiga acima citou a Decathlon, mas a diferença é que lá, pelo preço de um fleece Quechua aqui no Brasil, você compra algo muito superior. Dizem que essa loja do link abaixo é uma das melhores, sempre bem recomendada aqui no fórum.

https://tatoo.ws/cl/stores

 

Acho mais importante um corta vento do que a segunda pele. O vento lá e [email protected]$*, sem um corta vento, nem 10 casacos vão adiantar. Mesmo no Lascar, fiquei tranquilo com um conjunto corta vento e um conjunto fleece.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Po Emmanuel, tenho asma, fiz vale de lá Luna de bike com esse cara de boa, ele foi sim com cia, e assim como eu, ele foi sozinho, la vc conhece rápido alguém pra da um rolé de bike, seja na oficina de rent ou no hostel. Os 2500m vc nem sente, pelo menos eu não senti...

Sobre Uyuni, reserva la, tem mta agência... E lá da pra chorar bastante descontos !

Sobre IVA, como disseram, é lenda! Hahaha, brincadeira, mas fiquei 21 dias no Chile e nenhum hostel me cobrou isso!

 

Sobre o frio, eu fui final de dezembro, mto calor, só precisei de um corta vento e meia de lã e gorro comprados lá e calça de taktel normal da adidas, só sofri com frio a noite, de dia era mto calor, mas mto vento, só andava de chinelo...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Só lembrando que a entrada na Laguna Cejar aumentou para 30.000 pesos desde janeiro de 2015, só a entrada. Não fui, achei muito caro. Eles alegam que o turismo está prejudicando esse local.

Outra coisa: o Valle de la Muerte não está acessível no momento. Eles estão preparando o local pra começar a cobrar entrada (como o Valle de la Luna).

Se você fechar vários tours com a mesma agência, vc consegue mais descontos. Fechei tudo no hostel (achei que me arrependeria, mas depois gostei). Paguei 40.000 pelas Piedras Rojas, 7.000 Vale de la Luna e 16.000 El Tatio.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores
Só lembrando que a entrada na Laguna Cejar aumentou para 30.000 pesos desde janeiro de 2015, só a entrada. Não fui, achei muito caro. Eles alegam que o turismo está prejudicando esse local.

Outra coisa: o Valle de la Muerte não está acessível no momento. Eles estão preparando o local pra começar a cobrar entrada (como o Valle de la Luna).

Se você fechar vários tours com a mesma agência, vc consegue mais descontos. Fechei tudo no hostel (achei que me arrependeria, mas depois gostei). Paguei 40.000 pelas Piedras Rojas, 7.000 Vale de la Luna e 16.000 El Tatio.

 

Cara, que comédia, já já até nossa respiração vão cobrar lá, justamente no período que vou.

 

Bom, vou fazer como o pessoal joão sem braço, ir de bike e tentar conhecer tanto a Cejar, já que vai ter mais gente fazendo isso, quanto os Valles E Puquirá de Quitor.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores
Bom, cada um tem um estilo de viagem. Mas se meu roteiro é fechado, eu sempre vou com tudo já reservado. Acho uma perda de tempo sem fim ficar rodando com mochila pesada nas costas atrás de hospedagem... ainda mais debaixo daquele sol escaldante de San Pedro. E, pelo menos, no lugar onde fiquei e também onde meus amigos ficaram, o preço do balcão era exatamente o mesmo que fechei pela internet.

Eu prefiro fazer a busca em casa, com calma, olhando fotos e comentários de outros que já se hospedaram nos locais. Mas enfm..

 

Re, não vou trocar aqui não, somente trocar real por dólar aqui. Vou deixar pra trocar lá. Agora, estou vendo se vale realmente fazer dois câmbios. Trocar dólar aqui e lá, trocar dólar por peso, acho que se perde grana.

 

Quem voltou agora, pode dizer a cotação dólar-peso / real-peso?

 

Quanto ao hostal, irei fechar aqui mesmo também e acho que será o Rural, bem perto da Caracolles e parece ser animado pelos relatos que li no tripadvisor. Para nove diárias, consegui um preço de R$ 460,00, em quarto de 06 camas e banheiro compartilhado. Como estou precisando economizar para poder fazer toda a viagem de 24 dias pelo Chile, vai ter que ser em hostel assim. Cheguei a ver os que o LeoFreitas recomendou, mas um não tinha mais vaga e fica longe e os outros, acima do meu orçamento.

 

Emmanuel,

Não acho que os preços mudem muito de janeiro pra março não, viu? Outra coisa, você disse que vai levar pesos. Mas não vai comprá-los aqui no Brasil não, né? Porque a cotação aqui é péssima e vc ainda pagará uma taxa de câmbio. Deixa pra trocar tudo lá.. seja levando real ou dólar (aproveita que o dólar tá baixando). E outra, também nào sei se é assim tão vantajoso deixar pra comprar todas as roupas lá não. Na 1a vez que fui ao Chile (em maio de 2013), uma amiga deixou pra comprar bota e corta vento lá e se arrependeu, os preços (no tal Parque Arauco) estavam iguais aos daqui. Dessa vez, uma outra amiga queria comprar um fleece e não achou nada em conta... mas olhamos só no Costanera Center e só por alto também, talvez em outros lugares seja melhor. Só não sei se a diferença será gritante não.

No site da Decathlon você encontra muita coisa com preço bom!! De repente, vale a pena dar uma olhada pra conferir!! ::cool:::'>

 

Re, concordo em parte contigo. Estou olhando já o site da Decathlon, até encontrei uma calça da Queshua de R$ 80,00, um fleece corta vento de R$ 130,00 e a camisa segunda pelo, olhei na arco&flecha, da SOLO, de R$ 140,00, se não me engano. Mas andei em vários tópicos do mochileiros.com e o povo continua afirmando que lá é mais barato ou o mesmo preço, mas a qualidade melhor. Aí é aquela coisa, melhor logo comprar algo de qualidade pra durar um bom tempo. A bota já comprei aqui, uma Armet da Vento. Queria ter grana pra comprar lá também, mas não deu. Vou deixar pra próxima.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Silnei changed the title to Deserto de Atacama
  • Silnei locked this tópico
Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.
×
×
  • Criar Novo...